1. Spirit Fanfics >
  2. Casamento forçado - Kim Taehyung >
  3. Desejo em evidência!

História Casamento forçado - Kim Taehyung - Capítulo 37


Escrita por: MerySlytherin

Notas do Autor


○ Boa leitura meninas..❤

○ Caso ocorra algum erro ortográfico me desculpem..🙀🤡

Capítulo 37 - Desejo em evidência!


Fanfic / Fanfiction Casamento forçado - Kim Taehyung - Capítulo 37 - Desejo em evidência!




     Jeon jungkook on

Estou indo para mansão soter, faz uma surpresa para o jimin e a S/n.... Peguei um táxi e fui..


Park jimin on

Quando cheguei em casa, minha irmã ainda não tinha chegado,  me joguei no sofá da sala príncipel, a famosa sala de visitas da mansão,Me coloquei a espera..

Minutos Depois

Quando estava desistindo de espera vejo a porta se abre, minha irmã havia chegado,
Ela coloca a bolsa na mesa de centro e me encara com uma expressão confusa.


-Park jimin: o Taehyung teve um caso com a Rose.. — falei deixando um suspiro pesado sai e de meus lábios, sou objetivo.

-S/n: Ele falou para mim sobre ter ficado com uma mulher.. só não sabia quem.. — disse ela se jogando na poltrona, respirando fundo em forma de descontentamento.

-Park jimin: sinto muito.. — digo passando a mão pelos meus cabelos..

-S/n: Você está claramente afim dela, o que vai fazer? — perguntou ela mexendo os dedos de forma irritante...

-Park jimin: nada, ela parece gosta dele... — digo tentando não mostra o quão humilhado estou por dentro.

-S/n: será que ele gosta dela? — perguntou ela tentando escoder sua aflição.

-Park jimin: não sei, em uma conversa com ele eu deixei escapar o que a família dele fez com você, porém ele tentou me intimida em relação a ela  dizendo que ela é uma boa moça.. — minha irmã me fuzilar com o olhar..

-S/n: Ele acha que eu o abandonei, eu não contei por que não me sentia segura, talvez ele nem acreditasse em mim.. — falou ela suspirando, e levantado para tirado o sobretudo.

-Park jimin: eu quero investir nela, mas estou confuso, você sabe que eu não tenho um relacionamento fixo a um bom tempo. — digo lembrando dos meus relacionamentos amorosos anteriores, que não foram tão amorosos assim.

-S/n: e como você está? Em relação a isso... — ela diz preocupada comigo e com meu podre coração.

-Park jimin: me sentir humilhado, eu fui lá todo feliz comprei até um vinho, eu queria uma noite se não romântica algo parecido.. — respondo em tom de descontentamento e infelicidade.

- S/n : Se gosta dela tenta conversa, só tanta não se magoa, observa ela, tentam enteder o que ela deseja de você,  odeio te ver sofre. — minha irmã pensativa com um olhar triste e decepcionado, assim com eu.

-Park jimin: por que nunca dá certo... — me questiono, vejo minha irmã se exaltar..

-S/n: Tinha que ser ela, tanto mulher na Coreia, justo ela, boa sorte para você.. vou dormi, tô exausta — disse ele em um tom nada amigável e pouco cordial, ela está visivelmente magoada.

Quando minha irmã se virou para subir as escadas campainha tocou, minha irmã parou e me olhou,levantei antes que a empregada apresse e abre a porta...


-Park jimin: Kim Taehyung.... — digo ironizando o nome dele, e volto minha atenção a minha irmã que me fita com um olhar nada amigável.

-Kim Taehyung: podemos conversa S/n — falou ele praticamente passando por cima de mim é entrando.

Park jimin of
.
.
.
S/n Soter  on


   Dei um sorriso de desespero e raiva ao mesmo tempo, Jimin ficou perplexo após Taehyung quaser passar por cima dele, meu irmão suspira de raiva...

-S/n: Qual assunto, Rose.. — digo debochando e deixando o ciúmes me domina... jimin rir.

- Kim Taehyung: eu posso explica — ele diz levantado as mãos até altura do peito em forma de defesa.

-Park jimin: eu vou vaza daqui — falou meu irmão, tentando não se intrometer..

-Kim Taehyung: sério, você tinha indo embora eu segui minha vida, só isso, quero conversa sobre nós.. — disse ele de forma passiva, e tentando se aproxima de mim.

-Jeon jungkook: SURPRESA —  ele grita parecendo do nada feito uma assombração fazendo Kim Taehyung da um pulo e me deixando de boca aberta.


jimin corre  desesperado para abraça o amigo, provavelmente na tentativa de chora em seus ombros suas lamúrias.

Jungkook nem precisou bater na porta pois quando Taehyung havia entrado o mesmo não fechou a porta.. Jeon entrou sorrindo  e gritando "surpresa", Jimin pulou de alegria.. Eu fiquei bem mas bem surpresa, Taehyung apenas me olhou indignado...

-Park jimin: graças a deus uma boa notícia, melhor uma boa visita... — falou jimin direcionado seu olhar para  Taehyung ao dizer as últimas palavras.

-Kim Taehyung: Jeon jungkook — falou de forma impertinente e sarcástica, seus olhos pegavam fogo.

  O mundo realmente gira..


-S/n : que bom te ver jungkook seja bem vindo, Jimin você poderia levá-lo para conhece a mansão e o quarto dele.. — falei de modo amigável, Jimin acentiu com a cabeça e o levou..

-Kim Taehyung: Conhecer a casa, o quarto dele, o quê mas? — perguntou ele de forma arrogante.

-S/n : o que você veio fazer aqui — perguntei com uma voz suave e paciente.

-Kim Taehyung: por que não me contou sobre o que meus pais fizeram? — falou ele se aproximando de mim fazendo meu corpo formiga por inteiro.

-S/n: Você acreditaria em mim? — retruquei fazendo outra pergunta... 

-S/n : TERIA — gritei sentindo minha paciência se escoar pelo meu corpo.


-Kim Taehyung: Teria, eu só estava esperando um motivo para torná-la minha novamente um motivo para beija você, um motivo para te deixa sem fôlego.. — meu corpo se estremeceu, quando ele pousou uma de suas mãos na minha cintura e a outro no meu rosto...

-S/n: Você me deixa confusa, mexe comigo... — digo tentando encontra as palavras certas.

-Kim Taehyung: Então me deixa ter o prazer de desfrutar de seus lábios por mais uma vez.. — antes de eu pudesse dizer algo ele devorou meus lábios, em um beijo quente e caloroso, ele me tirou do chão em questão de segundos, logo ele pediu passagem com língua eu sedi ao calor da emoção...


-Kim Taehyung: Te amo..  — falou ele selando seus lábios nos meus e colando nossas testas,e me colocando contra a parede da sala.

-S/n: Sentir saudades.. — digo esfregando meus lábios nos dele, o que fez ele mordiscar meus lábios e chupar meu lábio inferior, me fazendo arfar com a evidência do seu desejo aparecendo.


   Assim como o desejo dele está evidência o meu também, já sinto minha causinha molhar...

-Kim Taehyung: casa comigo...casa comigo — falou ele modiscando o lóbulo da minha orelha..  sussurrando..

Meu corpo treme de desejo, o único som que saiu da minha boca, foi quaser que um gemido de quero mais, de desejo mais.

-Kim Taehyung: aonde fica seu quarto, temos que matá essa saudade — falou ele se afastando de mim e olhando o volume de sua calça..

-S/n: no segundo andar ... — sem pensa em nada pego em sua mão e o convido a ir ao quarto comigo...

Quando finalmente estávamos sozinhos, ele tira sua camisa, automaticamente eu passo minhas unhas pelo seu abdome..

Ele me beija mais uma vez..

Em questão de segundos estou nua  por completo, ele vem até mim beijando cada espaço do meu corpo até chega na minha intimidade...  ele me coloca na cama, desliza sua mão em meus seios, aperta eles e faz movimentos carinhosos neles..

Logo, ele se levanta e tira a própria roupa e vem até mim, ele me preneta bem devagar me fazendo delirar de desejo... eu só quero abrir as penas mais e mais nunca foi tão bom...

  Uma hora depois..

-Kim Taehyung: casa comigo? — perguntou ele manchando em meus cabelos... estamos deitados na cama..

-S/n : sim, claro que sim.. podemos até renova os votos na igreja.. — digo imaginado com seria... E deixo um sorriso escapa

-Kim Taehyung:  ótima ideia, nos não usamos camisinha... —  falou ele de forma tranquila..

-S/n: Verdade, eu não tomo nenhum tipo de contraceptivo — digo mexendo minha cabeça em seu peitoral..

-Kim Taehyung: Você deseja que eu vá compra  a pílula do dia seguinte? Por mim eu teria um filho com você agora. — Eu pensei e respondi o que meu coração pedia..

-S/n: tanto faz.... seja o que Deus quiser. — falei levantado a cabeça e olhando para ele.

-Kim Taehyung: eu espero que seja como você, doce e carinhoso ou carinhosa.. — falou ele rindo  eu voltei a deita em seu peitoral, ele voltou a fazer carinho e eu adormeci.

Kim Taehyung ON 


Do nada uma onda de tempestade invade o quarto no meio da noite, olho para o outro lado da cama minha esposa está dormindo.

Então me levanto da cama e vou fecha as janelas, em seguida volto para cama, então abraço minha mulher e voltou a dormi.


Continua...




Notas Finais


○ Pena do Jimin...🤩🥺❤

○ Filhos? 🤩✍

○ Caso ocorra algum erro ortográfico me desculpem...🤡🙀


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...