História Casamento Forçado - Capítulo 29


Escrita por:

Postado
Categorias Francisco Lachowski, Gigi Hadid, Justin Bieber, Kendall Jenner, Zac Efron
Personagens Francisco Lachowski, Gigi Hadid, Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Kendall Jenner, Liam Hemsworth, Marina Ruy Barbosa, Martin Garrix, Meghan Trainor, Personagens Originais, Zac Efron
Tags Ação, Bilionária, Casamento, Colegial, Drama, Herança, Paixão, Romance, Triângulo Amoroso
Visualizações 68
Palavras 775
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Luta, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa Leitura!

Capítulo 29 - Capítulo 29


Acordei com o barulho de loiça quebrando. Me levantei rapidamente assustada, peguei no meu robe e desci rapidamente as escadas ao me deparar com uma cena deplorável. A minha sala estava destruída, o sofá estava rasgado, porta retratos quebrados, fotos rasgadas aos pedacinhos pelo chão, flores esmagadas e espalhadas pelos chão, a tv quebrada, almofadas rasgadas com as suas penas de fora por todo o lado, lágrimas começaram a aparecer nos meus olhos, desci o resto das escadas e fui a procura do responsável por essa invasão. fui até a cozinha e me surpreendi com quem estava lá quebrando tudo o que via a frente. 

Scarlett.

-O que que você pensa que está fazendo? - eu perguntei tirando o prato que ela estava prestes jogando no chão.

-Me deixa em paz, sua vagabunda. Eu tenho nojo de você! - ela gritou

-Nojo de mim? Porquê? Eu nunca te fiz nada. Sempre te tratei bem, e inclusive te deixei morar na minha casa, estando grávida do meu noivo! Você deveria me agradecer, pois se fosse outra pessoa com certeza não deixaria você morar na mesma casa. Eu tentei te ajudar, pois a criança não tem culpa, e é assim que você agradece? Destruindo a minha casa?! - eu disse 

-Você roubou o Damon de mim! Você destruiu o nosso futuro! Porque você não some e deixa ele em paz? Você é apenas uma patricinha multi-milionária que não faz nada e que nunca poderá dar aquilo que o Damon precisa e merece! Ele precisa de mim! Eu sou a mulher dele, e a mãe do filho dele! - ela disse me empurrando.

-Eu não roubei o Damon de você! Ele fugiu de você, porque ele não te queria mais! Eu não destrui nada, pois se ele te quisesse de volta no momento que você apareceu na nossa porta com a suas malas dizendo estar grávida ele teria ido com você, mas não ele ficou e me pediu em casamento a 2 dias atrás! Você ainda acha que ele te quer? Ele apenas tem que te suportar, pois você esta carregando o filho dele no ventre. Tirando isso vocês 2 não tem mais nada em comum. - eu disse, empurrando ela também

-Cala a sua boca, sua destruidora de lares! - ela gritou me empurrando mais forte me fazendo cair e bater com a cabeça na bancada, me fazendo assim perder a consciência.

(...)

Recuperei a minha consciência rapidamente e tentei me levantar mas sem sucesso, me sentia muito tonta e fraca.

-Você deveria morrer! Não faria falta mesmo! - ela disse sorrindo indo até uma das gavetas.

-Porque você está agindo assim? Eu sempre quis o seu bem, Scarlett. - eu disse numa voz fina 

-Pode parar com o teatrinho Skylar, você é uma sonsa dissimulada que quer tudo o que é meu por direito! Mas hoje isso vai acabar e você vai finalmente descobrir onde é verdadeiramente o seu lugar! - ela disse sorrindo tirando algo de dentro da gaveta.

-Do que que você está falando? - eu perguntei, tentando me levantar com a ajuda da bancada.

Consegui me levantar ainda fraca e com uma forte dor na parte de trás da minha cabeça. Olhei pra Scarlett com o meu olhar meio embaçado, e vi ela se aproximando de mim com um sorriso triunfante.

-Acabou Skylar! Eu ganhei! - ela soltou uma gargalhada

-Ganhou o que? - eu olhei pra ela e me assustei quando vi que ela tinha na sua mão uma faca de cozinha grande e afiada.

Medo se apoderou do meu corpo, mil e umas hipóteses do que ela poderia fazer com aquela faca passaram pela minha mente e lágrimas escorreram pela minha face.

-Scarlett, não faças algo que mais tarde poderás acabar te arrependendo...

-Eu?! Me arrepender? - ela riu de novo - Ai Ai, Skylar, você realmente não me conhece. 

Ela se aproximou de mim e pegou o meu cabelo num punho puxando ele. Soltei um grito de dor, e o meu corpo todo começou a tremer e lágrimas caiam sem parar pela minha face.

-Game over pra você patricinha! - ela disse sorrindo, deslizando a faca lentamente pela minha garganta, a cada centimetro ela penetrava com mais força a faca.

-Por favor, não... - eu implorei - Scarlett... - eu disse num suspiro antes de cair no chão sem forças.

Senti o sangue quente descer pelo meu pescoço, o meu corpo começou a gelar e a dor era quase nula, começei a sentir tudo escurecer mais antes ainda consegui ouvir e ver a Scarlett se afastando rindo. 

-Damon...me ajuda... - eu disse num último suspiro antes de tudo ficar preto.

 

 

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...