História Casamento Forjado --Jikook-- - Capítulo 46


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Blackpink, EXO, Lee Sunmi, SHINee
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Lee Sunmi, Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Taemin Lee
Tags Bangtan Boys (BTS), Blackpink, Chaelisa, Jensoo, Jikook, Jimin!bottom, Jjk, Jjk+jpm, Jk!top, Jm!bottom, Jpm, Jungkook!top, Kill This Love, Kookmin, Namjin, Shinee, Sunmi, Taegi, Taemin, Taeyoonseok, Vhope, Yoonseok
Visualizações 318
Palavras 1.168
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Famí­lia, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Demorei? Demorei, mas postei :3


~Boa Leitura ( ^∇^)

Capítulo 46 - Capítulo Quarenta e Quatro


Fanfic / Fanfiction Casamento Forjado --Jikook-- - Capítulo 46 - Capítulo Quarenta e Quatro

Casamento Forjado

[•••] »Capítulo Quarenta e Quatro« [•••]


    Alguns dias se passaram após meu aniversário, e eu me sentia cada vez mais solitário naquela enorme casa. Embora eu soubesse que hoje de tarde, uma praga chamada Zhang fosse chegar, eu ainda me sentia sozinho.

– Anime-se Jimin. – falei para mim mesmo e botei o melhor sorriso que eu tinha no rosto. Eu precisava parecer bem para que meu esposo veja que eu estou muito bem sem as atenções que um grávido precisa... Não é difícil! – Aish, que mundo cruel... – fiz careta de choro e esperniei no sofá.

– Bom dia, amor. – escutei a voz do Jungkook vindo do rumo da escada, com uma velocidade incrível, me sentei normalmente no sofá e sorri. – Dormiu bem bebê? – Jungkook perguntou se sentando ao meu lado no sofá.

– Não. – cai para trás deitando no sofá. – Kook! Pensei que você fosse ficar mais dias em casa! – falei fazendo uma careta, eu estava muito bravo.

– Eu também pensei. – ele tinha um tom de voz calmo. – Por que você está com essa carinha? – Jungkook perguntou dando um leve aperto em uma das minhas bochechas.

– Nada. – menti. – Dizem que a gravidez meche com os hormônios, acho que é por isso que estou com essa droga de cara! – falei ficando irritado.

– Tenho quase certeza que não são os hormônios. – cruzou os braços. – Você está assim por causa da falta de atenção? – Jungkook perguntou.

– Oras... – eu também cruzei os braços. – Afinal, você tem cérebro. – fui cínico. – Jungkook, sabe quantas noites eu fiquei acordado até tarde, só para te ver? – ele negou. – Nem eu! – falei virando o rosto para outro lado. 

– Desculpa bebê. – senti as mãos deles na minha cintura. – Eu acabei de assumir a empresa, nem deu tempo de dar atenção ao meu marido lindo. – senti ele dando leve selares no meu pescoço, fazia cosquinhas. – Prometo te dar mais atenção. – Jungkook falou.

– Promete mesmo? – o olhei. – Se você não puder, me deixa ao menos fazer uma faculdade! – falei.

– Jimin, já conversamos sobre a questão da faculdade. – me levantei do sofá e me sentei no outro sofá, de preferência, longe dele. – Aigoo... Bebê, eu não posso fazer nada, seu Appa não quer que você faça faculdade agora. – Jungkook falou.

– Foda-se o que ele quer ou não. – olhei para meu esposo. – Me diz, quem vai fazer a faculdade, eu ou ele? – perguntei irritado. 

Antes que Jungkook pudesse falar alguma coisa, uma empregada entrou ali na sala, fez reverência e disse que meu irmão havía chegado. Em uma curta resposta, eu bufei e me deitei no sofá, já o Jungkook foi buscar a merdinha do Zhang.

– Oi maninho! – escutei a voz do mesmo se aproximando, e sem um pingo de vontade, me sentei no sofá e fingi sorrir. – Estava com saudades? – Zhang perguntou sorrindo de lado, cínico.

– Claro que sim. – ergui uma das sombrancelhas e olhei para as mãos do mesmo. – Você não trouxe nenhuma mala? – perguntei.

– Eu não, eu vou comprar minhas coisas no shopping depois. – se sentou ao meu lado. – Pensei que sua casa fosse ser mais normal. – Zhang falou.

– O que quer dizer com "normal"? – eu quis saber.

– Ah, você sabe, normal seria um pouco mais pequena e mais bagunçada, confesso que aqui está com uma organização incrível, na outra casa, você era um porco. – eu senti minhas bochechas esquentarem, e logo olhei para o meu esposo, ele estava rindo. – Aqui é muito bonito, não combina com você. – Zhang falou.

– Oras, por que não combina comigo? – cruzei os braços. – Eu achei aqui super minha cara! – falei firmemente.

– Não combina com você, aqui é bonito, já você é feio. – Zhang falou.

– Jungkook, eu vou jogar ele pela janela! – falei irritado e logo meu esposo se sentou ao meu lado.

Por que caralhas Zhang veio na minha casa para me humilhar assim? Se eu o jogar pela janela, eu vou ser preso?

– Entao Park Lee Zhang, o que você faz da vida? – Jungkook perguntou iniciando uma conversa.

– Ah, ultimamente eu tô só vivendo na paz mesmo. – Zhang falou de um jeito engraçado e o Jungkook riu... Espera, o Jungkook riu?

– E qual série na escola você faz? – Jungkook perguntou.

– Atualmente eu vou para o sexto ano. – Zhang falou como se fosse a melhor coisa do mundo.

– Como você conheceu aquela menina com nome de índio mesmo? – perguntei, Zhang me olhou com uma cara de tédio.

– Ela não tem nome de índio. – cruzou os braços. – Eu a conheci por acaso, nós nos apaixonamos, e agora vamos nos casar. – Zhang falou como se fosse normal.

– O quê? – me assutei. – Vocês vão... Se casar? – perguntei ainda assustado.

– Sim. – deu de ombros. – Eu pedi a benção ao Appa, e ele concedeu. – Zhang falou.

– Com licença, preciso fazer uma ligação! – pedi e logo saí dali e fui para o jardim, me sentei em uma das cadeiras que tinha ali e peguei meu celular.

Procurei pelo contato do Appa, e sem pensar duas vezes, liguei para ele. Fiquei pacientemente esperando que ele atendesse, e quando finalmente ele deu um sinal de vida, eu começei a disparar as palavras.

– Como assim o Zhang vai se casar? – perguntei tentando não gritar de raiva. Por que ninguém nunca me conta as coisas?

– Ah! Sobre isso, eu ia te contar, mas... – o interrompi.

– Não creio nisso, vai mesmo deixar essa criança casar? – perguntei tentando assimilar as coisas que ouvi.

– Bem... Já é tarde para mudar de idéia, inclusive, foi por isso que mandei Zhang ficar aí. – Appa explicou.

– Eu não quero saber Appa, desmarque esse casamento imediatamente! – ordenei. – Zhang é só uma criança, nem doze anos ele tem ainda. Ele não pode e nem deve se casar. – falei.

– Olha querido, eu gosto de como se preocupa com seu irmão, mas não posso cancelar o casamento. – suspirou. – Esse casamento também será com o seu, porém nesse, Zhang realmente gosta de Tainá. – Appa falou.

– Appa! – gruni. – Eles são duas crianças, não podem se casar! – repeti.

– Jimin, você sabe quem é o Appa da Tainá? – eu neguei, mesmo sabendo que ele não iria ver. – O presidente. – Appa falou.

– Espera... O quê? – me surpreendi. – O presidente? – não aguentei e começei a rir. – Aish! Vocês são hilários! – falei rindo.

– Não é brincadeira filho, eu estou falando sério. – Appa falou.

– Tá bom, tá bom, um dia quero conhecer esssa Tainá. – parei de rir. – Appa, o Jungkook me deixou fazer faculdade, o quê acha disso? – perguntei.

– Nossa, ele deixou mesmo? – respondi "sim". – Fico feliz que ele tenha deixado, desde o começo, era ele quem não queria que você fizesse faculdade. – o quê? – Você vai fazer faculdade de quê? – Appa perguntou.

Revoltado com o que ouvi, desliguei a chamada e guardei o celular. Andei até a sala pisando fundo, e para minha surpresa, Jungkook estava sozinho na sala, vendo TV.

– Idiota! – dei um tapa no braço do mesmo, e ele me olhou confuso. – Como pôde mentir para mim? – perguntei furioso.

– Eu nunca menti para você. – mentiroso do caralho! – Por que está bravo? – Jungkook perguntou.

 – Foi você quem não me deixou fazer faculdade, não foi? – perguntei me segurando para não bater nele.


Notas Finais


Iiiiihhh :3
Será que foi Jungkook quem não deixou o Jimin fazer faculdade? Comentem o que acham!!
~Se for ele, Jimin tem realmente motivos para ficar bravo? :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...