1. Spirit Fanfics >
  2. Casamento por contrato >
  3. Um verdadeiro casal

História Casamento por contrato - Capítulo 13


Escrita por:


Notas do Autor


Aviso que esse capítulo é +18

Me desculpem se não ficar bom
Irei melhorar com o tempo

Se possível deixem suas considerações finais

Boa leitura
&
Se hidrate

Capítulo 13 - Um verdadeiro casal


Fanfic / Fanfiction Casamento por contrato - Capítulo 13 - Um verdadeiro casal

- ArIIIII! ISSO DÓI KOU! 

Kou- Quem mandou você sair corendo pela casa quando sua ferida nem estava fechada. Você que lute 

- Como pode ser tão mal com a sua irmã que foi esfaqueada?

Kou- Sendo... Você tem certeza que quer continuar morando aqui?

- ... Sim, eu sempre tentei resolver tudo sozinha. Mas agora é diferente, eu não estou só e se algo acontecer irei pedir a ajuda do Shuu ou de vocês. Não se preocupe eu vou conseguir sobreviver 

Kou- *suspiro* Você finalmente está crescendo. Vou sair para que possa descansar, mais tarde trago algo para você comer 

- Obrigada -Kou bagunça meus cabelos e sai do meu quarto. Me deito pensando no que aconteceu mais cedo e não podia evitar de sorrir, pensando sobre isso e várias coisas do futuro acabei adormcendo e acordando com a sensação de estar sendo carregada- ... Ruki? 

Shuu- Que feio chamar o nome de outro homem na frente do seu marido

- Ehm? Shuu o que faz aqui? Por que está me carregando? -ele abre a porta de seu quarto me pondo na cama- 

Shuu- Eu decidi que deveremos dividir o mesmo quarto

- Por que isso de repente? 

Shuu- É natural um casal dividir o mesmo quarto. 

- Tem certeza? Não vai ser incômodo pra você? 

Shuu- Inocomo vai ser acordar e não te ver do meu lado. Se algo no quarto não te agrada pode mudar da forma que quiser 

- Não está ótimo assim

Shuu- Então volte a dormir, eu vou estar no meu escritório mais tarde venho te ver tá 

- Certo! -ele dá um selar em minha testa e sai do quarto me deixando sozinha no quarto. Me acomodo e pego a coberta que tinha o cheiro do Shuu e novamente volto a dormir acordando com o som de água caindo- ... Aii, minhas costas -me espreguiço e vejo Shuu sair do banheiro apenas com uma calça e sem blusa- 

Shuu- Desculpa eu te acordei? 

- Não eu já estava dormindo a muito tempo. Vou me preparar para jantarmos 

Shuu- Quer ajuda no banho? 

- Não senhor e seca seu cabelo direito dessa vez 

Shuu- Não quero é um saco 

- *suspiro* Se não secar direito você vai ficar doente de novo! -pego a toalha de suas mãos e começo a secar seu cabelo- 

Shuu- Eu vou ter você para cuidar de mim se isso acontecer

- Eu sou uma mulher ocupada. Não posso me devotar a você sempre 

Shuu- Isso é algo que se diga pro seu marido? -levanto a cabeça admirando o rosto sorridente dela até que nosos olhares se cruzam e me perdo no universo que são seus olhos. A agarro pela cintura fazendo-a sentar na minha perna- 

- O-o que foi isso derepente? ... Por que está me olhando assim? Para com isso! -coloco a mão em seu rosto a qual ele pega e beija estendendo-se para meus pulsos e braço até chegar em meu pescoço e boca. Entrelaço meus braços em seu pescoço e ele me vira sem interferir nosso quente beijo me deitando cuidadosamente na cama passando a mão pelas minhas coxas dando leves apertadas, já com falta de ar nos separamos e seus beijos vão descendo para meus seios onde ele tira rapidamente a blusa e sutiã deixando mordidas, chupões e marcas me fazendo arfar- Shuu... 

Shuu- Não chame meu nome com essa voz ... Me faz perder a capacidade de raciocínio -desvio o olhar para seu rosto inocente e singelo que ao perceber que eu a encarava desvia o olhar- Você, por que tem que ser tão fofa? -dou-lhe um selar na testa antes de tirar minhas peças de roupa jogando em algum lugar do quarto- Posso ir adiante? 

-... Está meio tarde para perguntar isso não acha 

Shuu- Haha... Irei fazer de forma que não doa então tente relaxar -desço até sua intimidade tirando sua calcinha e dando um beijo que a fez ficar arrepiada. Ri de sua reação e ganhei um leve chute- Como você pode ser violenta dessa forma ? 

- Eu já disse muitas vezes para você parar de rir das minhas reações! -tento chuta-lo novamente, mas dessa vez ele pega minha perna dando beijos na mesma- 

Shuu- O que eu posso fazer? Eu amo cada parte de você -me volto a sua intimidade passando a língua por seu clitóris fazendo com que ela soltasse um leve gemido e tapasse sua boca. Sorrio e vou aumentando aos poucos a velocidade até ver que ela estava lubrificada indo até minha cômoda e abrindo a gaveta tirando de dentro uma camisinha e colocando no meu menbro- Me avise se doer, irei entrar 

- -concordo com a cabeça e sinto uma pressão e rasgo sobre minha íntimidade soltando um gritinho- 

Shuu- Está dentro... Dói muito? -me aproximo dela tocando em seu rosto que tinham algumas lágrimas no olhar-

- Estou bem... Pode ir -coloco minha mãos sobre seu pescoço me acostumando com a dor- 

Shuu- -lentamente começo a me mover com estocadas pequenas- Ahh... Como está? Ainda dói? 

- ... Não, estou bem... 

Shuu- Ótimo... Você está mais molhada do que antes, então vou me mecher mais rápido tá -começo a aumentar as estocadas indo bem fundo e rápido. Seu interior quente me dava a sensação de como se fosse minha primeira vez e seu rosto de prazer me fazia ficar cada vez mais duro- Ahhh... Aqui? Você se sente bem? 

- ... S-sim... Ahh... -suas estocadas fortes me excitavam e seus beijos entre meus gemidos deixava tudo mais romântico até que sinto alho estranho vindo do pé da minha barriga- Shuu... Eu-ahh... Tem algo estranho... Ahhh

Shuu- ... Você está perto? Eu também ahh... Vamos chegar lá juntos. Vou ser um pouco mais agressivo ahh, me perdoe se doer -aumento ainda mais as estocadas sentindo-a por inteiro. Sua voz tentando abafar os gemidos e falando meu nome era tão excitante que rápidamente cheguei ao exctaze e alguns segundos depois o dela veio. Saio de cima dela indo para o outro lado da cama ainda meio zonzo por causa do que aconteceu- Você está bem? Não sente dor? 

- ... Não ... E você? Está bem? 

Shuu- Sim... Desculpe eu pretendia fazer isso depois do jantar, mas você é tão linda que não consegui me conter

- Mesmo depois de virarmos um casal de verdade você ainda continua falando esse tipo de coisa

Shuu- Talvez eu sempre fui apaixonado por você desde a primeira vez que te vi, eu apenas não queria admitir

- Eu também estava apaixonada por você desde de o começo. 

Shuu- Mas o meu amor te causou uma cicatriz externa tão grande, enquanto o seu só me causou coisas boas 

- Eu gosto dessa cicatriz, por que assim eu sempre vou me lembrar de você 

Shuu- É incrível como uma simples frase faz eu me apaixonar ainda mais por você ... 

- Ah tá bom chega de melosidade... Eu vou tomar banho para irmos jantar -tento me levantar mas acabo caindo já que minhas pernas doíam um pouco- 

Shuu- Eu também preciso de outro banho -a pego nos braços e a levo até o banheiro- Para poupar tempo vamos tomar banho juntos 

- Só tomar banho, nem pense em fazer isso de novo 

Shuu- Eh, por que não? 

- Porque já estamos atrasados para o jantar! -digo ligando o chuveiro deixando a água cair sobre meu corpo enquanto ele me abraça pelas costas- 


   Tomamos banho e nos vestimos descendo para a mesa de jantar junto de meus irmãos, Yuri não podia ser visto por eles então ele estava confinado no quarto até o dia em que fossem embora 


Azusa- Vocês parecem mais próximos que o normal... 

- Você acha?

Yuma- Ei é bom não terem feito nada de inapropriado, minha irmã está se recuperando ainda 

- Yuma!

Shuu- Eu não sou um animal Yuma 

Ruki- *Que bom que ele não estava aqui mais cedo* De qualquer forma como está o trabalho? Já tem data para a próxima exposição? 

- Mês que vêm, os quadros ainda não estão prontos e não sei quando vão ficar mas eu consigo 

Kou- Como esperado da minha princesa. Seus últimos quadros estavam tão lindos 

Azusa- Por que todos estão evitando a pergunta principal? 

Kou- Azusa!

- O que foi Azusa? 

Azusa- Vocês vão a festa do Carla Tsukinami? 

Shuu- Sim, por que? 

Yuma- Durante o casamento de vocês aquele homem olhava estranho para você e ele é conhecido por ter tudo que quer. É melhor protegê-la dessa vez

Shuu- Não se preocupem. Esse dia é bem especial para nós dois não vou deixá-la sozinha de forma alguma né querida? 

Ruki- Especial? O que tem nesse dia?

- Segredo 

Yuma- Ei, não diga que vai anunciar que está grávida né? 

Kou- Sério? Você está grávida?! 

Ruki- Mas já?! 

Azusa- Por isso que queriam se casar tão rápido

- Não é isso, não estou grávida 

Shuu- Se bem que não é uma má idéia 

- Não vá na onda dos meus irmãos e come 

Shuu- Você é muito fria sabia 


     O resto do jantar se passou bem. O relacionamento de Shuu com meus irmãos que antes era inexistente já era tolerável, após todos estarem em seus quartos fui até Yuri que já estava a minha espera para contar a história 


- E viveram felizes para sempre 

Yuri- Ah, eu realmente gostei dessa história

- Fico feliz, amanhã vou te contar uma melhor mas apenas se você for dormir cedo 

Yuri- Sim! Eu já vou dormir ... -me deito na cama e ela me cobre com o cobertor- Ahm senhora posso perguntar... É verdade o que seus irmãos disseram? Sobre você estar grávida? Eu vou ter um irmão? 

- Ainda não Yuri haha, você gostaria de um irmãozinho? 

Yuri- Sim!

- Mas você teria que me ajudar a cuidar dele

Yuri- Eu ajudo! Dou banho, fico olhando ele, posso até trocar as fraudas!

- Haha, você vai ser um ótimo irmão mais velho. Mas agora devemos dormir -dou-lhe um selar na testa e ele sorri me olhando- Boa noite 

Yuri- Boa noite senhora -me cubro e ela apaga a luz do meu quarto saindo do mesmo- 


      Subo para meu quarto onde Shuu não estava pois estava no escritório resolvendo algo. Visto meu pijama e me deito do meu lado da cama e adormeço pensando no tema mencionado desde o jantar 


Shuu P.O.V 

 

     Voltei para meu quarto e a vejo adormecida, sorrio dando-lhe um selar tirando a blusa e me deitando ao seu lado observando-a. Até que vejo seu pescoço a amostra e dou-lhe leves mordidas e chupões acoedando-a 


- Umm... Shuu? 

Shuu- -sua voz rouca dizendo meu nome despertou meu lado de besta e não me seguro beijando-a e a pegando no coloco- Devemos fazer no chuveiro dessa vez?

- Ehh... Shuu espera! 


 No dia seguinte 


- AIII KOUUU! seja mais gentil!

Kou- Como você quer que eu seja gentil quando sua ferida abriu de novo!? O que você fez para que isso acontecesse novamente?

- Ahhh, você sabe como eu me mecho enquanto durmo haha 

Shuu- E como se meche-Ai! 

- Você cala a boca !

Kou- ... Eu ainda vou matar esse homem! 



Continua...




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...