1. Spirit Fanfics >
  2. Causando o caos no multiverso >
  3. Massacre de um planeta

História Causando o caos no multiverso - Capítulo 36


Escrita por:


Capítulo 36 - Massacre de um planeta


"Tenho Pena, pena de vocês tolos que lutam por um senhor falso, isso não é um guerra isto é um massacre" Disse Ren quando começou o massacre, não importava de onde os homens vinham, ele os queimaria, derretia eles com a visão de calor ou os transformava em cinzas com a fogo de Kitsune, os dividia ao meio com as próprias mãos ou os ponha seu corpos com nove buracos os espetando com as caudas de Kitsune dele chegou ao momento que ele estava completamente vermelho a única coisa que não estava vermelho eram seus olhos roxos brilhando olhando para os exercito que foi reduzida a um décimo do que era anteriormente com todos tremendo de medo.

"O que há de errado?" Perguntou Ren com um sorriso distorcido enquanto olhava para os homens que faltavam.

"Monstro" Disse um homem tentando o cortar com uma espada magica mas Ren simplesmente fez nove buracos no corpo dele e disse "Que rude chamar os outros de monstro, mas agora negócios eu posso deixar todos vocês o resto irem com uma condição deixem essa menina para trás".

"Certo" Muito deles decidiram sim menos o cara que estava com a menina no ombro que olhou para os outros como se tivessem traído o coração dele, enquanto ele cerrava os dentes ele puxou o espada e disse "Nunc..." ele nunca terminou de falar pois um homem que estava atrás dele espetou uma espada através do coração dele enquanto o homem dizia "Desculpa".Ele pegou Yui pelo os cabelos e a atirou para Ren que a pegou pelo o pescoço como um boneco.

"Podem sair" Quando Ren disse isso eles abriram o portal e Ren usou visão de calar para os transformar em cinzas em quando dizia com sarcasmo "Seres inferiores".

Olhando para Yui Ren olha para os olhos dela enquanto franze a testa e ajuste seus olhos de calor quando os lança na barriga dela que começa lentamente a queimar enquanto ela grita de dor. Depois de meia hora o corpo dela está em carne viva quando ele pisa no crânio dela e o parte em pedaços enquanto olha para ela com nojo enquanto diz "Ninguém me trai e fica impune, agora o portal"

Ele olha para o portal que ainda está aberto e pergunta "Sistema se eu passar por esse portal podes me trazer de volta depois de terminar o que tinha de fazer?".

[Claro]

Dando um sorriso ele passa pelo o portal e é recebido por um planeta verde cheio de colinas verdes e cenas pacificas enquanto muitos homens voam no céu com asas e cidades flutuantes com um rosto sem expressão ele disse "Hora do acerto de contas".

Depois de meio dia Ren entra num palácio branco no centro do mundo atrás dele estava corpos e destruição, explodindo as portas do castelo ele entra na sala de trono onde está um homem elegante com uma espada na mão olhando para Ren com raiva.

"Maldito monstro, destruíste meu mundo, meu reino porque?" Gritou o homem.

"Obviamente porque tu atacaste o meu e por diversão" Disse Ren um sorriso sádico se formando no seu rosto quando seus olhos brilhavam de alegria.

"Diversão?" Perguntou o homem olhando para Ren confuso.

"Vendo a cara de medo nas pessoas, o sangue espalhado pelo o chão o mundo em ruínas, homens e mulheres implorando por piedade enquanto eu os esmago debaixo de meu pá transformando seus crânios em nada essa é uma emoção deliciosa, faz me tremer de felicidade vendo teu mundo como está" Disse Ren e quando terminou começou a rir que fez o homem cair no chão enquanto largava a espada.

"Monstro tu és um monstro enorme e serás julgado no inferno pelos teus crimes" Disse o homem.

"Que seja, podem vir diabos ou até o próprios deus todos que ficarem no meu caminho conhecerão o significado de Caos" Disse Ren esmagava o peito do homem com o pé com um sorriso cheio de dentes no rosto enquanto seus olhos roxos brilhavam como nunca antes.

Voando para cima do planeta ele olha para as ruínas que deixou e diz "Para o caso de sobreviventes" quando aponta a mão para cima e uma bola de fogo azul enorme pareceu em cima dela quando ele a lança na direção do planeta e voa para o espaço quando ele chega a outro planeta ele olha para o planeta em que tinha lançando a bola de fogo e viu o planeta explodir e disse "Sistema abre o portal".

[OK]

Passando pelo o portal que é aberto Ren volta para casa com os olhos voltando ao normal vendo sua cidade protegida e quando chega ao palácio de Yasaka ve ela e os outros generais olhando para uma transmissão preocupados.

"O que se passa?" Perguntou Ren.

"Querido vem ver isto, o exercito que destruístes não foi o único a chegar ao nosso mundo"Disse Yasaka puxando Ren para o lado dela e Ren viu na transmissão aparecia mais dois exércitos um branco e outro preto juntos lutando contra os Anjos, demónios e anjos caídos. 

Derrepente uma explosão se ouve lá fora e uma coisa choca os Youkais é Ophis no chão enquanto ela sangra e no sangue da posição em que ela veio é uma mulher com olhos frios  e rosto indiferente que diz com uma voz entediada.

"Essa é o dragão do infinito estou desapontada, pensei que seria muito mais forte"

'Ela é muito forte' Pense Ren quando parte para cima dela com um soco na cara dela a fazendo voar par cima e quando ela pare no ar a única coisa que ela tem é um pouco de sangue escorrendo pelo o lábio dela e um sorriso feliz enquanto olha para Ren.

[Yggdrasil: Balance Breaker]

Ren foi coberto por uma armadura negra com orbes cinzentos e nove caudas metálicas atrás dele balançando.

Os dois começaram a voar por ae e quando os golpes deles se encontrava os espaço ao redor se transformava num tornado e destruído pela a força de outro golpe ao lado não muito longe do mesmo tornado. Enquanto os dois estão batalhando e ainda medindo forças para decidir como acabar um com o outro Yasaka e o resto dos generais pegaram Ophis ferida e muitos Youkais e começaram a evacuar Kyoto enquanto recuam para uma das bases segurar que ele tem pelo o planeta.


Notas Finais


Espero que tenham gostado!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...