História Celleeza-Um amor entre dois vilões - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Dragon Ball
Personagens Cell, Cooler, Freeza, Personagens Originais, Rei Cold
Tags Cell, Celleeza, Dragon Ball, Freeza, Yaoi
Visualizações 148
Palavras 1.362
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Magia, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 3 - Quero você só pra mim


Fanfic / Fanfiction Celleeza-Um amor entre dois vilões - Capítulo 3 - Quero você só pra mim

Ja se passaram 2 meses que machucaram Freeza e o mesmo nem se quer olhava na cara do pai ou do irmão,suas feridas ja haviam cicatrizado e suas ataduras seriam tiradas definitivamemte hoje,então eu acordei mais cedo fui comer e o esperei acordar também,uns 30 minutos depois ele acordou e foi pra cozinha

Cell-bom dia bela adormecida

Freeza-cala a boca

Cell-haha ta come algo ae que hoje você finalmente vai tirar essas ataduras

Freeza P.O.V

Cell estava feliz por eu finalmente tirar as ataduras,na verdade....feliz demais,eu tinha motivo pra ficar feliz por tirar aquele troço de mim mas o Cell???por que estava tão feliz?

-que felicidade toda é essa?

Cell- Ué me faz feliz te ver bem

Freeza- aham...

Cell- é a mais pura verdade

Freeza-ta né....agora tira essas porcarias de mim logo

Cell-é só puxar deixa de ser preguiçoso

Não pensei duas vezes e arranquei aquele troço de mim e joguei longe,senti finalmente minhas costas livres,mas eu não ia perdoar meu pai tão cedo SE eu fosse perdoar ele

Freeza-não tem cicatriz não né?

Cell-nenhuma

Freeza-que bom,que tal agente dar uma treinadinha de manhã que ainda ta fresquinho

Cell-a pode ser

Eu saí mais o Cell e fomos treinar,eramos tão fortes que se duvidar no outro lado do inferno caiam pedaços de rochas que destruiamos hohoho,ficamos assim umas 7 horas e então fomos pra casa tomamos banho e fomos dormir ja que estavamos muito cançados,nisso era umas 14:00 da tarde então quando era mais ou menos 20:00 eu acordei e Cell também

Freeza-a muito tempo não luto por tanto tempo

Cell-que????

Freeza- eta embaralhei as palavras

Cell- to vendo 

Então veio uma idéia em minha cabeça...sem pensar duas vezes me virei pro Cell que me olhou meio confuso, então mesmo pela diferença de tamanho subi em cima de Cell e dei um sorriso pra ele que soltou uma leve risada da minha atitude

Cell- haha....então quer dizer que o baixinho aí sabe provocar?

Freeza- não ouse pensar que só porque eu tenho uma diferença considerável de tamanho com você, que eu serei "submisso" A você

Cell- veremos então....

Cell então segurou meus dois braços e nos trocou de posição, em seguida prendeu meus pulsos na cama e me olhou com um sorriso vitorioso

Freeza- ora seu....

Cell- Freeza, você sabe muito bem que não leva jeito pra ser o ativo aqui né?

Freeza- oque você quer dizer com isso?

Cell- que você é passivo, ou melhor....vai ser....você não sabe oque um ativo faz, não tente ser o dominante aqui haha

Freeza- e você por acaso sabe?

Cell- sei, e pelo que eu te conheço, você não era uma pessoa de querer saber

Freeza-  rrrwwwwnnn....

Cell então pegou dois dedos seus e os lambeu, eu realmente estava curioso pra saber no que isso ia dar

Cell- e sabe que....eu adoraria ver sua cara...

Freeza- ahn? Que cara?

Cell- quando eu fizesse isso

Então ele foi descendo sua mão, já estava começando a estranhar, mas fiquei quieto, até sentir que ele colocou um dos dedos na minha entrada

Freeza- c-cell....oque você tá pensando em fazer?...

Cell- a Freeza você já deve saber, não se faça de bobo

Então senti seu dedo entrar em mim, oque causou um incômodo muito ruim dentro de mim

Freeza- Cell tira seu dedo de mim....isso incomoda muito, tira

Quando eu pedi senti seu outro dedo entrar, dessa vez não era só um incômodo, estava doendo

Freeza- Cell....seu idiota, ta doendo!

Cell- haha, seu escandaloso! Jaja você se acostuma, pode confiar em mim

Freeza- hunf....

Cell- olha, vou fazer movimentos de tesoura pra você se acostumar mais

Cell então estava fazendo movimentos de abre e fecha com os dedos, confesso que estava doendo um pouco mas eu ja estava me acostumando com isso, em seguida ele tirou os dedos de mim e posicionou seu membro na minha entrada

Cell- mas agora.....se eu estiver te machucando me avise

Freeza- ta bom 

Assim Cell colocou seu membro dentro de mim bem devagar, mesmo assim  soltei um gemido de dor que o fez parar

Freeza- c-continua...

Cell- certeza?

Freeza- aham

Então ele continuou indo mais fundo só que dessa vez mais devagar, até ter o colocado por completo, então ele esperou eu me acostumar com o volume e ne mexer, foi aí que Cell começou a fazer movimentos mais rápidos que logo eu também me familiarizei 

Freeza- C-c-ce-cell...m-mais....

Cell P.O.V

Era tão bom ouvir Freeza gemer meu nome... Me fazia ficar mais excitado do que já estava,imagina ele pedindo mais? Pra um lagarto....ele é bem quente, então comecei a ir mais rápido como ele pediu, também estava gemendo com ele, e isso tudo fez eu me derramar dentro de Freeza e depois de mais três estocadas eu saí de dentro dele, mas continuei em cima dele

Cell- v-viu? Você não consegue ser o ativo....mas eu consigo, e te satisfaço muito bem

Completei dando-o um beijo e pedindo passagem, que o mesmo concedeu, e assim ficamos um explorando a boca do outro até que nos separamos por falta de ar

Freeza P.O.V

Freeza- bom.....disso eu não posso questionar mas..... Mesmo sendo o passivo....eu posso te surpreender

Cell-é mesmo? Hum....mostre-me então oque um passivo pode fazer

Freeza- claro....

Cell me provocou não é mesmo? Agora vamos ver oque ele me diz....inverti nossas posições e o beijei, mas antes mesmo dele animar eu nos separei e desci para o seu pescoço e lá desferi alguns chupões lambidas ou mordidas , e a cada um que eu dava era um gemido que Cell soltava,já percebi que Cell é fácil de agradar, então vou o fazer enlouquecer, não esperei muito tempo e logo fui descendo as carícias em seu abdômen, e quanto mais em baixo eu ia mais alto Cell gemia, logo ele começara a gemer meu nome, ne fazendo ferver de excitação

Cell- F-f-fre-freeza

Freeza- pode gemer meu nome Cell....eu adoro....e sei que assim você também ta adorando

Então acabei descendo até a intimidade de Cell que estava ereta, então logo abocanhei seu membro fazendo Cell gemer alto meu nome, então comecei a sugar seu membro mais e mais forte,cell ja estava chegando em seu limite

Cell- F-Freeza e-eu v-v-vou....

Cell se despejou em minha boca,seu sabor era incrível,fiz questão de engolir, logo também deitei ao lado de Cell já esgotado

Freeza-v-viu? Eu posso te surpreender

Cell- você me impressionou....te amo

Freeza- também, Cell...se agente se ama.....oque acha de ficarmos juntos?....

Disse meio corado pra Cell que me olhou meio surpreso

Cell- você quis dizer, namorar?

Freeza- é....

Cell- claro que sim

Então um tempo dps Cell acabou pegando no sono,e logo eu também....

No outro dia 

Eu acordei, e parece que Cell também

Cell- bom dia bela adormecida

Freeza- vai tomar no cu

Cell- quem toma no cu aqui é você

(Autora- olha a audácia desse filho da puta....)

Quando Cell disse isso senti minha bochecha esquentar então virei minha cabeça pra um outro lado, mas claro, Cell não é burro e tinha visto eu corar, ouvi o mesmo rindo baixinho

Cell- você sabe que não tem motivo de ficar corado né?

Freeza- você é muito indecente....

Cell- olha quem fala! E outra...você ama minha indecência

Senti Cell chegar perto do meu pescoço e desferir um chupão no mesmo, me fazendo soltar um gemido baixo

Cell- não falei ?

Freeza- rrwwwnnnn...

Cell- agora vamos comer algo porque em particular eu estou com fome

Freeza- banho primeiro, agente ta sujo

Cell- como quiser, mas agente vai junto

Freeza- ok

Cell então se levantou da cama e veio pro meu lado enquanto eu terminava de me espreguiçar, quando fui me levantar senti uma dor muito forte no meu quadril que me fez trombar com o Cell que me segurou e me sentou na cama denovo

Freeza- aiiiii.....

Cell- eu te machuquei não é?

Freeza- não! Eu tenho certeza que isso é normal....

Cell- vou acreditar em você, vem, eu te ajudo a caminhar até se acostumar

Cell segurou minha mão e me levantou, me segurando em seguida para não cair, fomos até o banheiro e em meio a algumas carícias tomamos banho e fomos pra cozinha, eu já podia andar sozinho mas estava mancando, então fui logo me sentar no sofá

Cell-eu vou dar uma treinadinha lá fora....quer vir também?

Freeza- de jeito nenhum,eu estou mancando se meu irmão ou meu pai ver, vão saber oque aconteceu, melhor eu sair só depois

Cell- tá.....mas então....

Freeza- oque?

Ele veio se aproximando de mim até me prensar no sofá e chegar seu rosto bem próximo do meu

Cell- depois eu quero brincar com você...

Freeza- hum....acho que não seria um grande sacrifício ficar mancando outro dia....

Terminei a frase juntando nossos lábios e pedindo passagem que foi quase imediatamente concedida, um tempo depois nos separamos por falta de ar e Cell foi treinar





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...