1. Spirit Fanfics >
  2. Cem ( sem) Batidas do Heart - JiKook (ABO) >
  3. Estou morrendo

História Cem ( sem) Batidas do Heart - JiKook (ABO) - Capítulo 3


Escrita por:


Capítulo 3 - Estou morrendo


Eu não pretendia ter saído do lado de taehyung, mas infelizmente não pude evitar de ir até meu armário no segundo andar sozinho.

Olhei ao redor para ver se eu estava realmente sozinho, e quando eu tive certeza voltei a abrir meu armário. Peguei o livro e quando eu estava dando as costas meu livros foram jogados no chão.

— pega! — jungkook ordenou e eu me neguei a fazer aquilo, mas ele me puxou pelo braço, me derrubando de frente para os livros — pega agora!

Com as mãos trêmulas levei elas até o livro, e no momento em que coloquei minha mão sobre o livro ela foi pisada pelo sapato do alfa. Sem que percebesse eu já chorava, e ele colocava mais força com seu peso.

— p-para, você está me machucando... — solucei em meio as lágrimas.

— seu cheiro me excita, sua pele branca me faz querer marca-la, e esse seu corpo me faz querer te comer como um animal — ele rosnou em meu ouvido me fazendo tremer.

— n-não, p-por favor... — neguei com a cabeça enquanto falava, mas a única coisa que ele fez foi rir.

— seria uma delícia, mas não se preocupe, não sou o tipo de cara que come sem pedir a autorização, se eu for te comer você vai deixar — mordeu meu lóbulo antes de me deixar naquele corredor imenso sozinho.

Minhas pernas pareciam fracas, e em meio a todo aquele turbinhão a pontada em meu peito me fez gemer de dor, mais uma vez aquela dor insuportável me fez gritar. Minha vista se tornava embaçada assim que meu corpo foi com tudo contra o chão.

Oh meu Deus, por que tinha que doer tanto ? Por que..

— JIMIN! — Yoongi gritou quando me viu deitado no chão, quase desacordado.

Eu não conseguia me mexer, meu corpo estava paralisado enquanto minha boca estava aberta tentando sugar o ar que me faltava mais que tudo naquele momento.

— ele não tá conseguindo respirar — tae disse preocupado — vai chamar a diretora yoon, eu vou correr pra enfermaria com ele.

O alfa me pegou nos braços rapidamente, e em meio a vários alunos curiosos para saber o que estava acontecendo comigo ele passou sem se importar. Quase arrombou a porta da enfermaria para que me atendessem o mais rápido possível.

Eu estava perdendo a consciência.

— o coração dele está parando de bater — a mulher disse rapidamente, fazendo massagem em meu peito.

— vamos lá Jimin, volta — tae disse com a voz embargada.

E na porta eu pude ver jungkook de forma embaçado, mas eu conheceria aquelas tatuagens em seus braços de qualquer lugar.

Mas depois de muito esforço conseguir respirar o ar em meio a tosse, tae me abraçou chorando enquanto a mulher que havia me ajudado respirava desregulada porque em algum momento de receio da minha situação ela prendeu o ar.

— c-cansado... Eu estou tão cansado tae — falei falho — eu estou morrendo...

— claro que não, você está bem e muito saudável também.

— meu coração está parando aos poucos seu bobo, em breve eu poderei finalmente descansar — sorri ainda com a vista embaçada.

Aplicaram o soro em mim e logo caí no sono. Já do outro lado jungkook estava preocupado, havia escutado tudo que o ômega havia dito, seu coração de pedra se tornou nada além de um coração amolecido pelo ômega que tanto importunou desde que entrou.

— eu sinto muito Jimin — jungkook disse antes de sair de frente da porta.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...