História Challenges- Camren(G!P) - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Camila Cabello, Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Amor, Camila Cabello, Camren, Fifth Harmony, Lauren Jauregui, Romance
Visualizações 637
Palavras 1.913
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Poesias, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hi! I'm back, não sei por que não consigo ficar um dia sem escrever meu Deus!
Então curtam a leitura 📖♥

Capítulo 14 - You're Mine


Fanfic / Fanfiction Challenges- Camren(G!P) - Capítulo 14 - You're Mine

M. Desconhecido P.O.V

Já eram 01:00 da manhã, Camila deve estar dormindo como uma pedra. Decido dar uma volta pela casa e começo pela parte de cima entrando em um quarto que fica próximo ao de camila que está trancado e então abro a porta revelando um quarto de bebê.

Eu não podia acreditar naquilo, aquela criança não poderia existir! Está criança se me atrapalhar será tirada do caminho e eu não terei pena de ninguém, Camila vai mudar de ideia se quiser todos ao seu redor bem, principalmente Lauren e essa criança. Ando por aquele quarto e vejo fotos de Lauren e da criança e a menina é totalmente parecida com camila, sinceramente toda essa alegria delas me dá ódio, era pra ser eu no lugar da Lauren desde o início. Eu me lembro do tanto que camila mudou por Lauren, ninguém apoiava aquela relação e eu.. Por muitas vezes tentei abrir os olhos de camila e fazê-la enchegar o meu amor por ela, e isso resultou em desperdício de tempo, eu sofri anos mais agora isso vai mudar.

Saio dali indo até o quarto de camila abrindo a porta e vendo que ela dormia serenamente, esse foi o momento que mais esperei pra ver. Ela ali deitada, e eu velando seu sono me fazendo amá-la mais ainda.

Vou até ela tirando alguns fios de cabelo caído em seu rosto e fazendo um carinho em seus lábios, como eu queria sentí-los nos meus. Tiro minha roupa ficando de cueca e volto até a cama deitando ao seu lado e vejo que ela está suada, me levanto e pego o controle do ar ligando e deixando em uma temperatura agradável, volto até a cama e então começo a tirar as roupas de camila lentamente começando por sua blusa, depois seus sapatos e então vou até seu closet vendo seus vestidos mais nada que me interesse tanto pra deixar ela dormindo confortavelmente, volto até a cama e tiro sua calça vendo o corpo mais lindo deste mundo, minha vontade de tocá-la é grande mais não faria isso, não agora.

Quando eu vou fazer carinho em seu rosto novamente ela acorda e começa a se debater

-Me solta! Sai de cima de mim seu nojento! - ela grita

-Não devia me tratar assim amor! - ela me da um tapa no rosto e eu saio de cima dela

-Pare de me chamar assim! - ela se cobriu com o edredón - Você... Oque você fez comigo?

-Nada! E não vou fazer nada! Agora vamos conversar antes que eu perca a paciência e mande acabar com a vida da Lauren - ela abaixa a cabeça

-Eu não tenho nada pra conversar com você... - seu tom de voz era uma mistura de raiva e medo

-Não? Então eu vou começar com bons argumentos pra você conversar comigo! Primeiro, se você quer a Lauren viva. Segundo, se você quer seus amigos bem e terceiro! Se você quer que sua filha continue viva camila! - gritei e ela me olhou com raiva

-Oque você quer? - ela me olhou nos olhos, sorri com aquilo e fui até ela em cima da cama beijando seu pescoço até chegar na sua orelha

-Eu quero que você implore por mim amor, prometo que todos vão ficar bem e livres de qualquer mal... - fico cara a cara com ela que abaixa a cabeça e eu me sento em sua frente

-Eu.... Porque você voltou? - vi lágrimas caindo pelo seu rosto

-Eu voltei porque eu te amo, eu não vou te machucar, eu ainda sou o seu mesmo amigo de anos atrás camila. Eu ainda sou o mesmo apaixonado por você, você não me quiz por bem e agora você só tem a mim pra que todos fiquem bem.. Isso não estaria acontecendo se você tivesse aceitado aquele pedido de namoro dela, era comigo que você devia ficar... Era pra ser o nosso primeiro filho! Eu nunca te esqueci e esse ódio de Lauren nunca irá acabar! Agora implore se quer aquelas pessoas bem! Eu já estou ficando sem paciência e manter Lauren viva agora não é mais uma opção! - levanto e ela me olha com os olhos marejados fazendo que não com a cabeça e então pego meu celular e ligo para o hospital onde Lauren foi levada

-Ligação On -

-Quero que mate a paciênte Lauren Jauregui!

-Agora senhor?

-Não me faça perguntas apenas cumpra minhas ordens

-Ligação off -

Camila me olha assustada eu me visto pra sair daquele quarto, é claro que isso foi apenas uma jogada falsa pra camila receber um estímulo de coragem e pelo visto funcionou

-Não!nao...nao faça isso eu faço oque você quiser e o que mandar mais não faça isso! Eu estou implorando! Implorando pelo seu perdão e seu... Seu.. Amor.. Mais não faça mal a ninguém! Me diga oque fazer e eu faço agora mesmo - ela começa a chorar mais

-Diga que me ama! Se você falar isso Lauren não irá morrer! Todos vão ficar bem! Vamos camila! Diga! - fui até ela segurando em seu rosto fazendo-a olhar pra mim

-Eu... Eu te..! Eu te amo! - ela fala e vira o rosto

-Ótimo! Você tem 20 minutos se vestir amor, vamos embora daqui de Miami Okay? Vou te fazer muito feliz! - faço carinho em seu rosto

Saio dali deixando a porta trancada e vi então vou pra sala me sentando na poltrona com o sorriso orgulhoso

Finalmente camila será minha, agora é só sair desta cidade e ir embora pra casa que eu comprei pra nós em outro país longe daqui! Lauren vai sentir a dor que eu senti quando camila me deixou, mesmo sendo amigos! Camila irá aprender a me amar e eu nunca vou deixar que ela escape de mim novamente, ela foi destinada a mim e a mais ninguém, ela é minha e vou fazê-la minha por completo quando chegar os em Las Vegas.

Quando vejo que já deu tempo suficiente pra camila trocar de roupa e então subo as escadas abrindo a porta vendo camila de calça e blusa branca com uma jaqueta olhando pela janela, ela se vira pra mim vira o rosto prendendo o choro

-Você está linda amor! Vamos. O avião nos espera - dou a mão pra que ela pegasse e ela apenas passa por mim sem falar nada. Decido deixa ela assim pois ela não tem como escapar, e ninguém pode tirá-la de mim agora e nem nunca e então fomos até o carro que deixei ali pra irmos ao aeroporto e ela entra no carro encostando a cabeça no vidro

-Sei que é difícil, mais você vai ser mais feliz pequena.. Acredite em mim. - ela não me olha e continua na mesma posição

Ligo o carro e então sigo até o aeroporto vendo antes o carro que a idiota que mandei atirar na Lauren ali na frente da casa de camila. Não ligo pra isso continuo dirigindo devagar pelas ruas escuras que vão ser esquecidas por camila. Eu vou fazê-la esquecer de tudo que ela já teve aqui e dar tudo que ela precise pra ser feliz, agora comigo ao seu lado. 

Dinah P.O.V

Eu e Vero estamos no quarto onde Lauren está, ela passou por um cirurgia pra retirar a bala e o médico disse que isso que aconteceu certamente não foi na intenção de tirar a vida dela e sim de fazê-la ter um susto. Eu e Vero conversamos e ficamos com a grande pergunta '' quem faria isso ''. Vero me contou que seu carro foi roubado na entrada do shopping e fiquei com aquilo na cabeça por horas, agora são 02:24 e Vero esta olhando pro seu celular faz uns 30 minutos. Lauren dormia tranquila e o médico disse que ela ficaria aqui apenas 3 dias no máximo

-Vero, você tem certeza que seu carro foi roubado? - pergunto e ela olha pra mim

-Sim, eu estava chegando quando uma mulher de preto que estava correndo parou de frente no meu carro e quando sai pra ajudá-la ela entrou no carro e saiu.. Porque esta me perguntando isso de novo? - ela se levanta e vem até meu lado

-Ha algo estranho nisso, como ela era? Como ela estava vistida? E porque ela roubaria seu carro? - pergunto me levantando

-Vamos descobrir agora! - ela se levanta me mostrando a localização do seu carro

-Você tem um rastreador no carro? - pergunto olhando a tela do celular

-Sim, e... Olha! Aqui o endereço de onde o carro está! - a localização se firma em apenas um ponto da tela e eu reconheço o lugar

-Droga! Vero vamos agora pra casa da camila. - ela me olha confusa - Vê o endereço direito sua lerda!

-Merda dinah! Vamos logo! - saímos dali e antes fomos na recepção pedindo que ninguém entrasse no quarto de Lauren a não ser a minha prima que é infermeira, quando chegamos no carro vero entrou e ligou o carro saindo daquele hospital na maior velocidade e cortando caminhos pra chegar na casa de camila, e quando chegamos lá vimos o carro e corremos mais a porta está trancada e então vou até a grama e quando percebi vero se jogou na porta fazendo a mesma se abrir e me lançou um sorriso e logo entramos ali procurando camila. Vero foi pra parte de cima e eu pela de baixo e nada! Ela tinha sumido até que achei um papel jogado no chão da sala perto da poltrona e vi que era uma passagem de avião e estava no nome de ''Colson Baker'' e então gritei por vero que logo apareceu e eu lhe entreguei o papel

-Mais que diabos, quando ele voltou? Vamos pro aeroporto Dinah e liga pra polícia logo! - ela me puxou dali e fomos até o carro onde ela saiu até o aeroporto e eu liguei para meu parceiro. 

 Vero P.O.V 

Eu estava dirigindo na maior velocidade e Dinah estava do meu lado falando com um policial passando todas as informações possíveis e então ela desligou e me olhou

-Em um avião ele não vai embarcar! - ela diz sería

-Ótimo! Estamos chegando... - eu disse a última parte pra mim mesma e então acelerei mais aumenta a velocidade nos fazendo chegar no aeroporto catando pneu e parando quase dentro do aeroporto e então saímos do carro entrando naquele lugar e procurando camila, vimos onde as pessoas compram as passagens e nada, sinal de que eles podem estar por aqui esperando o voo

-Dinah pega a passagem e olha pra onde ela vai! - subimos as escada rolante correndo

-Las Vegas! Vai pra las vegas! - ela me entrega a passagem e realmente ele queria levar camila pra longe

Procuramos até que avistei camila e vi que ela estava de cabeça baixa e vi ele ao seu lado e uma voz se fez presente ali "Senhoras e senhores! Primeira chamada para o voo de Miami até Las Vegas, por favor apresentação de passagens no portão 36" ele se levantou e Camila também, Dinah avistou camila e olhou pra mim e então gritamos

-CAMILA!- ele nos olhou junto com ela que abriu um sorriso e então foi tudo muito rápido! Vários policiais saíram da multidão e apontaram as armas pra ele que puxou camila e sacou uma arma também.

-Não quero atirar! Me deixem ir embora com ela, caso contrário ela morre aqui e agora! - ele gritou e apontou a arma pra cabeça de Camila



Notas Finais


Gente, muito obrigado a cada um que favoritou a história ♥
Sério. Já amo vocês e muito kkkk
(erros corrijo depois 📝💙)
Quem é o Colson Baker? E porque eu colocava M? Bom... Foto do capítulo!
Devo continuar escrevendo gente? 😶


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...