História Chamadas perdidas - Capítulo 60


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 19
Palavras 1.100
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, LGBT, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Fiz esse capítulo porque acho que vou demorar um pouco pra escrever, começou a semana de provas e trabalhos no meu colégio e eu preciso muito estudar. Agradeço desde já a compreensão de vocês e boa leitura.

Capítulo 60 - Capítulo bônus


2024

Casamento da Gabriela e da Agtha.

Gabriela 

Jesus Gabriela se acalma...

Eu estava quase pronta, minha respiração tinha começado a ficar meio descontrolada por causa da ansiedade.

Eu não queria me olhar no espelho, mesmo estando com o vestido.

A Sabrina entrou na sala.

Sabrina: Jesus... você tá linda 

Gabriela:Para! Eu não quero me ver!

Sabrina:Gabriela mano, vira logo!

Gabriela: Não!

Sabrina:espera aí... LARAAAAAAAA

A Lara entrou na sala.

Lara:Que foi demônio?!

Sabrina:Crise

Lara:Espera aí... -ela veio até mim e me virou pro espelho- Feliz?! Tá linda! Vamos pro carro pelo amor de Deus!

Eu fiquei paralisada por um momento.

Gabriela:Só deixa eu colocar o meu all star branco e... a gente já vai

Sabrina: Tá bom, a gente vai te esperar no carro, o Erick e a Milena já tá lá também

Gabriela: Certo

Elas saíram e eu fui achar meu tênis, olhei em um canto e lá estavam eles.

Eu peguei e do lado tinha uma carta.

Com uma letra que eu conhecia muito bem.

Abra.

Eu abri.

Oi meu amor, eu sei que agora você já deve estar linda e maravilhosa em um vestido que não me deixaram ver. Eu escrevi isso porque sei que você deve estar ansiosa, mas se acalma, finalmente a data que a gente esperou a 7 anos chegou. Finalmente tudo está dando certo pra nós duas, só falta um cantinho grande pros nossos pivetes...porque realmente queremos ter três filhos e isso não vai ser fácil MAAAS a gente vai conseguir.

A gente vai ser feliz.

Tô te esperando.

Eu te amo.

Agtha.

Eu queria reler aquela carta várias vezes mas eu finalmente criei coragem pra ir.

Coloquei meu tênis rápido e fui correndo pro carro.

Erick: Prontas?

Gabriela:Vamos vamos! 

...

Agtha

Eu estava na frente de todo mundo, tremendo, nervosa até de mais.

E é claro, fiquei com paranóia.

Virei pra um dos meus padrinhos e disse.

Agtha:Querverqueelanãoquermaiscasar?! ElavaifugirmeuDeusdocéu

"Agtha se acalma"

A organizadora chegou em mim e disse

"A Gabriela chegou"

Meu coração disparou nesse momento.

...

Gabriela 

O Erick dirigiu até lá, era um lugar grande, com um salão bem decorado, a estrelas caíram sobre a noite e  tudo estava maravilhoso.

O pessoal que estava organizando ajudou a gente a ficar no lugar certo.

Me entregaram um buquê de flores azul com vermelho, nossas cores favoritas.

Arrumaram o véu.

E eu fiquei de cara com a porta.

O Erick ia me levar até a Agtha.

Eu grudei no braço dele.

Gabriela:Só não me deixa cair...

Erick:Nunca

A organizadora disse "solta a música da noiva" 

E um instrumental de "Perfect" do Ed Sheeran começou a tocar.

Eu olhei pra baixo e abriram a porta.

...

Agtha

Quando a música começou a tocar, eu fiquei fria.

A porta se abriu e os meus olhos lacrimejaram.

A Gabriela olhou pra cima e começo a sorrir,assim como eu.

Ela estava... perfeita.

Ela e o Erick caminharam até mim, ela sorrindo maravilhosamente e o Erick chorando de alegria.

Eles estavam andando tão devagar pra mim que eu QUASE gritei "ANDA MAIS RÁPIDO CACETA"

Até que quando eu percebi, eles chegaram até mim.

O Erick soltou a Gabi.

Erick:Cuida da minha irmã...

Agtha:Eu prometo... -ele foi para o canto dos padrinhos e a Gabi ficou do meu lado.

A cerimonialista começou a falar.

"Bem-vindos a todos os convidados. Hoje nós vamos unir um casal que bom...já era unido a muito tempo! -os convidados riram- mas agora é oficialmente!"

Depois de todo discurso, era a hora dos votos.

Gabriela: Meu amor... Eu não saberia dizer o sentimento que eu estou agora, se é felicidade, ansiedade, nervosismo... mas acho que é uma mistura de todos... eu sou muito sortuda de ter achado o amor pra minha vida tão nova, apesar das dificuldades...Eu NUNCA imaginei minha vida com outra pessoa, estar nesse lugar agora com outra pessoa e finalmente eu realizei um dos meus sonhos, que era me casar com você e agora a gente vai seguir em frente e ter o nosso cantinho, os nossos pivetes...TUDO oque a gente sonhou.

Eu me emocionei muito mas me segure pra não chorar.

Eu disse os meus votos e ela chorou...

E a cerimonialista voltou a falar.

"O casal vai assinar os papéis pra oficializar esse casamento -eu e ela assinamos- e pelos poderes investidos em mim eu declaro vocês oficialmente casadas! Se beijem gente- ela riu"

Eu e a Gabi nos beijamos.

Todas as pessoas comemoram.

Eu e ela nos encaramos por uns segundos sorrindo feito bobas.

Nós saímos do meio de todo mundo por um tempo e fomos pra um cantinho pra depois ir pra festa.

Gabriela: A gente casou! A gente casou!- os olhos dela tinham um brilho que me faziam me apaixonar mais por ela... isso ainda é possível?

Agtha:Agora você é oficialmente minha esposa! -eu abracei ela e depois nos beijamos

Gabriela: Eu li a sua carta

Agtha:Eai?

Gabriela:Sabe... me deu mais coragem de me casar -ela sorriu e riu

Agtha:Amor... qual próximo passo?

Gabriela:Nosso cantinho?

Agtha:Também! Maaas?

Gabriela: Nossos pivetes!

Agtha:A gente vai ser muito feliz

Gabriela:A gente já é feliz!

E aquilo,era verdade.

Não importava se tive o pior dia do mundo,porque agora eu sabia que eu tinha a esposa mais perfeita do mundo me esperando em casa.

Agtha:Bom, vamos pra festa?

Gabriela:Vamos! -ela riu e sorriu

Nós fomos pro lugar onde estava acontecendo a festa dançamos, bebemos, comemos.

Até que lá pelas 4 horas da manhã, eu e a Gabriela tinhamos que ir viajar pra nossa lua de mel, que ia ser em Paris, igual foi quando eu pedi ela em casamento.

Ela se trocou em um quarto que tinha pro casal nesse lugar, pegou as malas e colocamos no carro.

Gabriela:Tchau gente! -nós acenamos para geral

Entramos no carro e eu dirigi até o aeroporto.

...

Depois da Lua de mel, de volta ao Brasil.

Agtha

Depois que eu e a Gabi voltamos de Paris, eu comecei a fazer um percurso diferente.

Gabriela:Pra onde a gente tá indo?

Agtha:Você vai ver...

Até que depois de um tempo, a gente chegou

Agtha:Não olha! NÃO OLHA! Fecha o olho

Gabriela:Por que?!

Agtha:Fecha os olhos...

Ela fechou, eu sai do carro e abri a porta pra ela, coloquei as mãos nos olhos dela e começamos a andar.

Até que eu parei.

Tirei a mão.

Gabriela:Posso abrir? 

Agtha:Pode

Ela abriu os olhos devagar.

Era uma casa, o nosso cantinho.

Gabriela: EU NÃO ACREDITO

Agtha:Gostou? -eu sorri

Gabriela:EU AMEI! AA -ela pulou em mim e me abraçou- Nosso cantinho!

Agtha:Nosso cantinho! Haha!

Gabriela:Eu te amo! Eu te amo!

Agtha:Eu também te amo!

Gabriela:Vamos entrar! Vamo vamo!

Agtha:Vamos-eu peguei a chave e abri a porta

Era uma casa espaçosa que acho que dava pra ter três filhos ali.

Ela não parava de correr pela casa olhando por todos os lados.

Gabriela:Já tem os móveis?!

Agtha:Eu já tinha planejado tudo, gostou?

Gabriela:Eu amei! O quarto das crianças tá até vazio! Eu quero pintar aquela parede! Amor vai ficar tão lindo! O nosso quarto é maravilhoso!

Agtha:Vai me ajudar a por as malas pra dentro?

Gabriela:Ah sim! Claro!-ela desceu as escadas

Depois de colocarmos as coisas pra dentro, a gente arrumou as roupas no guarda-roupas e ela deitou na cama.

Agtha:Que foi?

Gabriela:Tô afim de estreiar a cama de um jeito bom...

Eu olhei pra ela.

Ela mordeu o lábio

Agtha:Puta merda,Gabriela!

Eu fui pra cima dela.

E todo mundo sabe oque acontece agora.





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...