História Chances de mudar o amor - Capítulo 9


Escrita por:


Notas do Autor


Dsclp a demora já tem cap pronto zkskks

Capítulo 9 - Eu consegui


Chegou sexta eu não conseguir conter a ansiedade para ir jogar verdade ou consequência, fiquei com uma mina hoje no intervalo das aulas com o time de vôlei depois do intervalo voltamos para as salas e hoje decidir não fazer nada no final das aulas, quando acabou o período de aulas fui treinar com o time de vôlei, tomei banho junto com os cara pois queria ir logo pro quarto pra me arrumar, nem tanto assim, cheguei no dormitório e fui pro banheiro para tomar um banho melhor terminei o banho e voltei para o quarto para me trocar coloquei uma blusa regata e uma bermuda tactel, fiquei esperando por Kamily, pois ela me disse que iria vir depois de todos pra me chamar, quando eu menos espero ela bate na porta me chamando e fomos para a porta do lado que era o quarto de Luiz e Matheus, Kamily então bate na porta e Luiz abre a porta, Luiz direciona seus olhos para ela sem falar nada e ela já entende o recado que ele deu.
Kamily— ele está aqui para jogar com a gente, é meu convidado.
Depois que ela disse isso saquei o que ele havia falado com os olhos, então entrando eu pude perceber Luiz revirando os olhos, ele vai em direção ao guarda-roupas e pega uma garrafa que estava lá para o jogo, todos se acomodaram e fizeram um círculo quando Bianca grita.
Bianca— gente prestem atenção, como temos um visitante vou falar a regra para ele.
Ela olha para mim e eu dou um sorriso de lado
Daniel— pode falar
Bianca— como todos nós sabemos qualquer desafio proposto deve ser cumprido, menos os que são nojentos e ridículos, você so tem apenas 3 verdades e depois amigo é so consequência, a brincadeira só vale entre a gente então não pode fazer desafios que pede pra mandar mensagens ir em tal lugar, entendeu?
Assenti com a cabeça e então nós começamos.
A roda de pessoas estava nas seguintes posições: Luiz, ao lado dele estava Kamily, depois Matheus, Larissa, João, Bianca e por último eu ao lado de Kamily e bianca.
Começamos a brincadeira com Bianca rodando a garrafa caindo em Luiz e Matheus
Matheus— verdade ou consequência amiguinho
Luiz— eu vou sair da minha zona de conforto de começar com verdade, quero consequência meu lindo— ele fala ne um tom de brincadeira
Matheus— rapaz mas você é abusado—
Ele fala e nós todos rimos.
Matheus— hum vamos ver, blz lamba a orelha de João, o maravilhoso João— rimos da sua piada então ele vai para cumprir o desafio.
Quando ele lambe a orelha de João cochicho algo que ninguém ouviu
João— nossa e como você me deixou viu— fiquei sem entender nada mas ri
Bianca— tá bom né, Luizinho sua vez de girar a garrafa, vai la.
Luiz— ok
Ele então gira a garrafa e cai nele mesmo e no matheus como foi da primeira vez
Luiz— hora da vingança meu queridinho.
Matehus— a qual foi cara, eu peguei leve com você— ele fala isso e todos nos rimos
Luiz— vai escolhe, verdade ou consequência?
Matehus— aaa não quero usar minha verdade agora pois sei que tem muita gente pior aqui— ele fala e rimos muito concordando com ele— a foda-se consequência
Luiz— ui, se lascou— ele riu muito com seu desafio— da uma pegada no pau de Daniel
Matheus— eu só vou fazer isso porque sei que a prenda e muito pior que isso.
Ele fala isso e fico em choque, ele então veio na minha direção para cumprir seu desafio quando eu recuo.
Bianca— Daniel eu já ditei as regras, se você está preocupado disso aqui vazar para acabar com seu "império de pegar meninas", fique tranquilo que ninguém nunca soube do que houve aqui.
Matehus— Mano se eu fosse você deixava eu pegar por que a prenda e mil vezes pior do que isso, não é mesmo João.
João— mano vai por mim você não vai querer fazer isso
Então só assenti com a cabeça, e deixei Matheus cumprir o desafio, Matheus então da uma apertada no meu pau e volta para seu lugar, confesso que senti algo percorrer pelo meu corpo.
Larissa— Matheus sonseira, sua vez de girar a garrafa.
Matheus— a é verdade
Matehus gira a garrafa e cai em Larissa e Kamily
Larissa— verdade ou consequência mo?— não entendi mas todos olharam pra Larissa quando ela terminou de perguntar então eu ignorei
Kamily— mozinha— rimos do seu tom de deboche— eu quero consequência.
Larissa deu uma risadinha e disse
Larissa— sério mesmo? Ok então, isso será muito pior que minha verdade, da um beijo de língua em Matheus,
Kamily— Larissa!!— rimos muito da cara de espanto que ela fez.
Como ninguém queria pagar a prenda Kamily então foi dar o beijo em matehus
Bianca— Matehus hoje você tá disputado heim— rimos muito
Kamily então beija matehus e volta para seu lugar. Kamily gira a garrafa e cai em mim e João
Daniel— hmm, verdade ou consequência?
João— consequência
Dou um sorriso de lado e disse
Daniel— Ele pode morder o lábio do Matheus?
Todos— Sim— e rimos logo em seguida.
Matehsu e João— NÃO!!!
Rimos de suas expressões
Daniel— então é isso João vai la da uma mordida nele
João resmungo e se levantou, antes de ir morder o Matheus ele disse, torce pra não cair em mim e você ouviu Daniel, torce. Rimos muito com isso, João então começou a morder Mateheus e quando acabou falou
João— olha só matheus vamos ferrar com ele também— rimos muito com isso
Matheus— o se vamos.
Depois disso João rodou a garrafa e cai ne João e Kamily
João— verdade ou consequência?
Kamily— consequência.
João— poe um peito pra fora
Kamily simplesmente levanta a blusa e poe e depois cobre de novo, ela então gira a garrafa e o inevitável acontece, a garrafa cai né João e em mim, não me importo muito com desafio que vai propor so queria me divertir e eu estava.
Rimos bem alto dando um grito do tipo "não acredito"
João— amigo você se lascou muito— rimos muito disso Luiz principalmente foi o que mais riu— verdade ou consequência
Daniel— consequência— falo com tanta simplicidade, pois estava torcendo para que ele fizesse o desafio entre eu Luiz
João— rapaz se tem coragem como você fez aquele desafio, quero que você beije de língua o Luiz— quando ele fala aquilo Luiz arregala seus olhos e para de rir imediatamente todos nós olhamos para Luiz e começamos a rir, ele estava corado, eu iria conseguir beijar Luiz?
Daniel— só isso? Blz!
Vou em direção de Luiz para beijar ele não sabe o que fazer quando tenta fazer eu o beijo antes disso, seus lábios são tão macios, tão quentes, tão deliciosos e sua boca estava com um gosto de chocolate que deixou o beijo mais doce ainda, terminei de beijar e voltei para meu lugar para continuar a brincadeira, depois de bastante tempo quase dando uma hora da madrugada decidimos cessar com a brincadeira.
Larissa— deveríamos fazer isso mais vezes com mais alguns convidados.
Todos nós concordamos e então Kamily fala para mim.
Kamily— Daniel o que houve aqui morre aqui, não pode sair espalhando o que nos fizemos não, pois se você espalhar vai ser pior pra você.
Eu assenti com a cabeça em sinal de confirmação e falei
Daniel— não se preucupe gente nao vou falar com ninguém sobre o que houve aqui.
Todos então se despediram e foram, só ficou Kamily, Matheus, eu e Luiz, Kamily falou que tinha que falar algo com Matheus antes de ir, Luiz então me acompanha ate meu quarto que por sinal era do lado do dele
Luiz— olha por favor não diga nada a ninguém
Daniel— eu já disse que não vou falar, e quero te pedir desculpas por não ter te dado atenção quando você veio falar comigo sobre o que ocorreu ontem
Luiz— sem problemas você deve ter ido resolver algo "importante"— fez sinal de aspas com as mãos.
Daniel— tá mas nós dois sabemos o por quê de você estar aqui Luiz
Ele ficou sem entender nada, com cara de confuso se perguntando o que então eu respondo, beijo sua boca novamente ele retribuiu o beijo e então fui pedindo espaço com a língua e ele foi cedendo cada vez mais, sua boca estava com o mesmo gosto de chocolate que deixou o beijo mais doce ainda novamente, ele beija muito bem e me deixou com gosto de quero mais ele então estava com suas mãos em minha nunca me puxando pra mais perto dele eu estava com minhas mãos em sua bunda apertando ele ficou dando uns gemidinhos baixos que aquilo estava me deixando com bastante tesão e quase o puxei para cima para ficar no meu colo enquanto eu o beijava, nos afastamos para tomar ar e suas mãos foram em meu tanquinho, seus olhos na minha boca e depois para os meus olhos, dei um beijo rápido nele e um selinho e abracei para me despedir dele. Entrei em meu quarto e o cara que fica lá já estava dormindo, esse Luiz tá me deixando louco, ele fez com que eu me arrepiasse sem mesmo o tocar antes de beija-lo, ele ta me deixando louco e não sei o que eu vou fazer em relação a ele, não sei se realmente ele me quer ou se foi só o jogo, mas vou ficar normal amanhã, quero ver se ele vai me procurar. Mas agora terei que dar um jeito no tesão que estou sentindo.


Notas Finais


Obrgd por ler


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...