História Change - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Shawn Mendes
Personagens Cameron Dallas, Personagens Originais, Shawn Mendes
Tags Babá, Crianças, Descobertas, Drama, Lembranças, Revelaçoes, Romance, Shawn Mendes
Visualizações 349
Palavras 1.537
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fluffy, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OLÁ PESSOA COMO VÃO?
Eu voltei aqui com mais um capítulo e sinceramente na minha opinião o Pov's da Rose foi bem inútil, mas eu quis colocar mesmo assim Porque? Porque eu posso😎
Brincadeiras a parte espero que vocês gostem e tenham uma boa leitura😘
Ah é esse bebê na capa é a Josie

Capítulo 3 - Letters


Fanfic / Fanfiction Change - Capítulo 3 - Letters

- Agora acredita em mim? - Ele me olhava com uma cara tipo " Eu não te falei?"



- Contra fatos não há argumentos - Fiz pouco caso - Mas porque deixou que eu olhasse esses documentos? - Eu gostaria mesmo de saber o motivo



- Fiquei com medo de que ligasse pra polícia - Disse sem dar muita importância



- Você acha mesmo que eu ligaria pra polícia? - Perguntei com um ar duvidoso 



- Sim eu acho - "Ainda bem sabe" pensei comigo mesma assim que ele disse



- Já que está tudo resolvido eu já estou indo embora



- Até breve - Ele me disse com um sorrisinho de canto



- Até breve - Peguei as minhas coisas e quando ia sair lembrei de algo



- Você não me disse o seu nome



- Ah sim, meu nome é Shawn Mendes 




Sorri para ele e dessa vez eu sairia daquela casa


 

                     •••



Chegando em casa já escutava brigas e mais brigas que coisa boa, meus pais estavam discutindo mais uma vez eu não fiz questão de saber o motivo, todo dia era a mesma coisa, e sempre acabava com um "Nunca vamos vamos brigar assim novamente"  ou "Eu te amo não sei porque ainda brigo com você", e não e nem é preciso dizer o que acontecia no outro dia, a mesma coisa se repetia


Subi ao meu quarto precisava adiantar alguns trabalhos da faculdade, sim eu fazia faculdade mais especificamente faculdade de música, era exatamente por esse motivo que eu precisava de um dinheiro extra, eu tinha minhas economias da faculdade, mas elas já estavam acabando, então resolvi fazer algo pra ganhar dinheiro, foi aí que me veio a idéia de virar babá. Peguei algumas partituras e algumas folhas e comecei a adiantar meu trabalho



                   •••

              


Sinceramente não sei o que está acontecendo com a minha família hoje, meu irmão está ouvindo Rock no quarto dele na maior altura, justo hoje que eu precisava fazer esse trabalhos. Resolvo ir até o quarto dele e resolver esse problema. Bati na porta com força, logo o som parou e ele abre a porta do quarto




- Quando isso vai parar? - Disse um pouco alterada com ele



- Parar o quê? - Ele disse como se não soubesse do que eu estava falando




Logo para completar meu celular toca, ignorei mas ele tocou novamente, mais uma vez ignorei a chamada, e mais uma vez ele tocou, resolvi atender e juntei toda raiva que estava sentindo naquele momento




- O que é?! - Falei gritando no celular



- Rose? - A voz disse um pouco receosa e fraca 



- Sr. Mendes? Me desculpe por isso, não foi minha intenção parecer grossa ou algo do tipo, foi sem querer realmente me desculpe - Falei um pouco desesperada, mas agora o mais engraçado, porque eu estava desesperada? 



- Tudo bem Rose, eu só queria saber se amanhã também estará disponível, eu precisarei sair e alguém precisa cuidar da Josie por mim






- Ah sim tudo bem, a que horas devo ir aí?



- As dez da manhã se possível



- Tudo bem, até amanhã Sr. Mendes




Desliguei o telefone, e meu irmão estava me encarando com um olhar e um sorriso um pouco malicioso também



- O que foi Nathan?



- Oh me desculpe Sr. Mendes por eu ser uma completa idiota e por estar tendo uma quedinha por você - Ele disse imitando minha voz



- Não me obrigue a usar palavras de baixo calão Nathan




Ele levantou os braços como forma de redenção entrou e fechou a porta na minha cara, como sempre meu irmão é muito educado, resovi ir ao meu quarto e dormir, hoje o dia foi longo e cansativo, tirando a parte que fiquei com Josie, ela era uma garotinha adorável e eu realmente havia gostado dela, esses foram os últimos pensamentos que tive antes de dormir



             Pov's Shawn



Aparentemente Rose tinha feito um ótimo trabalho cuidando da Josie, ela ainda estava dormindo, mais especificamente em meu quarto, ela ainda não tinha um quarto aqui, eu não fiz um quarto pra ela por ser uma coisa muito recente, e o tempo também era pouco, e sinceramente não sei se realmente faria um quarto pra ela, pode parecer desumano o que irei falar agora, mas eu ainda não sei se vou ficar com ela, talvez ela vá para um orfanato, isso tudo é muito novo pra mim, até uns dias atrás eu era um cara normal de vinte e quatro anos que vivia sozinho em uma casa em Pickering, e do nada uma criança de três anos de idade aparece em minha casa com uma mulher que diz que ela é supostamente minha filha, não sei se realmente ela é minha filha, eu confiava em Hillary e sei que ela não mentiria pra mim, mas não éramos namorados ou algo do tipo, eu só era um cara fixo que ela tinha e eu o mesmo com ela, éramos livres para ficar com quem quisermos, era basicamente sexo sem compromisso. Lembrar de Hillary me fez bem, lembrei de todos os momentos que passamos juntos, e isso me fez pensar se algum dia ainda terei um relacionamento semelhante com o que tive com ela, mas não seria sexo sem compromisso, seria algo sério, e eu realmente queria ter uma relação tão boa com a pessoa como eu tinha com Hillary, mas sinceramente não sei se isso aconteceria


Fiquei um tempo olhando para o nada pensando naquilo, até ver os famosos "papéis da discórdia" digamos assim na mesa de centro, os olhei e comecei a rir sozinho, aquela garota era tão engraçada daquele modo, mas ao mesmo tempo era tão fofa, suas bochechas ficaram vermelhas quando ela estava brigando comigo, sua voz é tão doce não consegueria assustar ou pôr medo nem em uma mosca se quisesse, ela era bonita eu confesso, talvez fosse uma das mulheres mais bonitas que já vi. Saí de meus devaneios quando ouvi algo cair no chão, eram dois envelopes que ambos pareciam ser uma carta, um deles era maior, deduzi que deveria ter mais papéis dentro, eles deveriam estar dentro desses papéis pois não tinha visto eles antes. Peguei o envelope menor e no verso estava escrito De: Hillary Brown Para: Shawn Mendes, abri a carta e logo comecei a ler




Hey Shawn, sou eu Hillary ou a sua joaninha como você costumava me chamar



Ri de seu comentário mas logo continuei a ler




Sei que pode parecer um pouco estranho tudo isso, mas com o tempo você vai se acostumar, acredite em mim. Eu escrevo esta carta pois estou ciente do que vai acontecer comigo, e estou ciente do que vai acontecer com a Josie também, eu conversei com advogados e diretores de orfanatos, todos eles me disseram a mesma coisa, caso o pior acontecesse (deve ter acontecido se não, não estaria lendo esta carta) Josie seria encaminhada a algum familiar e se não houvesse nenhum seria encaminhada a um orfanato. Pensei bem se realmente deveria te envolver nisso, mas me lembrei de Josie, pensei nela, uma das piores coisas e viver sem pais, e seria ainda mais doloroso pra ela saber que sua mãe está morta e que seu pai não sabe da sua existência, não queria que ela sofresse igual a mim, não queria que ela esperasse uma vida toda por alguém, mas no final ela acabaria sozinha, completando sua maioridade e tendo que sair do orfanato, eu infelizmente sei como é sofrer por isso, e não quero que ela sofra também, então dei o seu nome como sendo pai dela. Me desculpe por não ter te contado, mas você parecia tão feliz com a sua vida nova, com a vida que você tinha planejado, fiquei com medo de estragar a sua vida, então deixei você ir sem nem ao menos saber que eu estava a espera de um filho seu. Eu sei de tudo Shawn, sei que caso você não tome a guarda de Josie ela será levada a um orfanato, sei que você pode recusar e sei que ela pode viver em um orfanato, então durante esses meses peço que veja algumas fotos de Josie e leia algumas cartas que estarão em um outro envelope, isso pode te ajudar a tomar sua decisão mais rápido, cada carta terá seu dia para leitura, ele estará no verso, peço que por favor leia nos dias corretos, e peço também que pense bem na sua decisão. Muito obrigada por tudo Shawn, mas principalmente muito obrigada por me dar o presente mais importante da minha vida



De: Hillary Brown sua joaninha


Para: Shawn Mendes meu leãozinho




Terminei de ler aquela carta com lágrimas nos olhos, sim como sempre Hillary tinha me feito chorar, eu logo tirei a foto que tinha dentro do envelope, dentro dele tinha uma foto de Josie, ela era recém nascida, atrás tinha a seguinte descrição



Nome: Josie Anne Brown 

Data de nascimento: 05/10/2015

Peso: 3.226 kg

Centímetros: 49 cm




Ela era tão linda, suas bochechas rosadas e grandes, ela era um bebê grande, isso me deixou um pouco triste, eu acabei perdendo o nascimento dela, mesmo não sabendo que ela existia semanas atrás, é um pouco triste saber que perdeu o nascimento e o crescer de um filho, de alguma forma isso estava me mudando e espero que seja pra melhor, esses foram meus últimos pensamentos antes de adormecer naquele sofá


Notas Finais


Vou esclarecer mais algumas coisas que acho que estão confusas, essa história não se passa em tempo real, como assim tempo real? Não necessariamente o Shawn nasceu em 1998 e não necessariamente ela se passa em 2017, essa história se passa no ano 2019 mais especificamente em janeiro de 2019, e o Shawn tem 24 anos, considerando o tempo real em 2019 Shawn teria 21 anos, então que fique claro aqui, esse tempo não é real, foi o tempo criado por mim, por motivos de: Não sei, pq Deus quis e que seja feita a vontade de Deus
Mas era só isso mesmo, espero que tenham gostado e qualquer dúvida me perguntem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...