História Changer les corps - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alix Kubdel, Alya, André Bourgeois, Chloé Bourgeois, Gabriel Agreste, Lila Rossi (Volpina), Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Mestre Fu, Mylène Haprèle, Nathalie Sancoeur, Nathanaël, Nino, Personagens Originais, Plagg, Sabine Cheng, Sabrina, Tikki, Tom Dupain
Tags Adrinette, Ladrien, Ladynoir, Marichat, Plakki
Visualizações 379
Palavras 1.782
Terminada Sim
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oieee
Desculpa o atraso, amores aaaa
Mas temos agora o capítulo tão esperado... A praia! Aaaaa

Capítulo 15 - Beach. - Arrival, Part 1


Fanfic / Fanfiction Changer les corps - Capítulo 15 - Beach. - Arrival, Part 1

Capítulo anterior:

Às vezes eu saio na varanda, me sinto um pouco desprotegida, ou até me sentindo vigiada, é uma sensação estranha. Mas nada que eu deva me preocupar, eu acho... Deve ser coisa dá minha cabeça!

Será mesmo?

Marinette

Acordei de madrugada novamente, sim, Adrien vinha todas as madrugadas como de costume, ele é bem atencioso, isso é só uma de suas qualidades.

Meu gatinho estava do meu lado, estávamos sentados na minha cama, eu o encarei e ele estava meio confuso.

- Ué, o que foi? - Eu perguntei.

- Tô te estranhando... - Adrien me respondeu, arqueando uma sombrancelha.

- Que? Por quê?

- Você ainda não falou que vai ser muito legal, que vamos nos divertir muito, nem postou nos status do WhatsApp, também ainda não se levantou pulando de ansiedade...

Aí que eu me toquei... A viagem era hoje.

- PUTA QUE PARIU, ADRIEN! O ÔNIBUS VAI SAIR ÀS 6:00 HORAS! AAAAAAAA - Eu berrei, jogando um travesseiro em Adrien.

- EII! Vai descontar em mim? Pera... Você tinha se esquecido?

- SIM AAAA!

- Que lerda, como pôde ter se esquecido dá " viagem inesquecível "? 

- EII, NÃO ME CHAMA DE LERDA, EU TÔ AFLITA, SÓ TENHO 1 HORA E MEIA PRA ME VESTIR!

- Hey, se quiser eu tomo banho e me arrumo quando trocarmos de corpos já já, my lady... - Adrien falou, encarando Marinette, mordeu ser próprio lábio e deu um sorriso malicioso.

- ISSO NÃO É HORA PRA FLERTAR, GATINHO! EU TENHO QUE CORRER, É TARDE, É TARDE, MUITO TARDE! - Gritei, correndo até o banheiro. 

Não demorei muito para tomar banho, era um banho bem tomado, até por que meu crush tá aqui no meu quarto, mas também apressado, se não eu iria perder o ônibus.

Olhei para o espelho, eu ainda estava nua, quando vi uma... Estria? É OQUE?

Eu segurei um pouco meu seio direito e fiquei olhando pelo espelho. Isso é uma estria? Não pode ser estria aaaaaa, Ah não, não era uma estria! Eu tô ficando louca, paranóica.

No meio do meu tormento de menina Barbie, eu me deparei deitada na minha cama, Ah não! O sol tinha nascido, eu e Adrien tínhamos trocado de corpos, ele vai me ver segurando meu seio.

Eu olhei para a porta do banheiro, Adrien estava saindo de toalha, olhou pra mim, com um olhar malicioso.

- Estava admirando seus seios, princesa? Pensei que só eu fazia isso... - Ele sorriu de canto.

- N-Nada disso, eu tava vendo se...

- Não precisa se explicar, só dizer que roupa devo vestir, não vamos nos atrasar, né? 

- É... É aquela. - Apontei para um moletom, calça jeans, tênis e uma blusa com decote " V ". 

- Okay. - Adrien pegou a roupa e foi vestir no banheiro, por que ele foi pro banheiro? É meu corpo, vejo ele todos os dias.

Logo ele saiu do banheiro, e foi colocar meu gloss que estava na minha penteadeira.

- Ainda bem que você não usa muita maquiagem, My Lady. Nós garotos, valorizamos a beleza natural

- Ah é?

- Sim, uma vez eu tava achando uma garota mó gata, mas só até ela tirar o reboco dá cara... Foi de gata pra dragão. Mesmo assim, ela era legal, fazia ela ser bonita, só não por fora.

- Ah, entendo. - Marinette disse, rindo um pouco.

- Então, vamos? 

- Vamos. 

Eu desci a escada sem fazer barulho, ficando de frente para a porta, e Adrien na minha frente, como se eu tivesse acabado de chegar. Eu ainda iria me despedir dos meus pais... Quer dizer, o Adrien... 

- Adrien? Ó, vocês já vão?

- Vamos sim, mãe. - Adrien disse, sorrindo pra minha mãe.

- Bom dia, ma... Senhora Dupain-Cheng.

- Bom dia, Adrien! 

Adrien abraçou minha mãe, se despendindo, logo meu pai chegou, ele o abraçou também.

Minha mãe veio até mim, também me deu um abraço. Meu pai me deu um aperto de mão e assanhou meus cabelos.

Depois de nós despedirmos, entramos na Limousine de Adrien, eu senti ele colocar " minha mão " sobre a dele, ele se deitou no meu colo.

Vocês acham que isso seria fofo? Não tava sendo, socorro. Como os meninos conseguem? O membro lá tava ficando duro, alguém me socorre.

- O que foi, princesa? - Ele sorriu, desgraçado! Ele sabia que isso ia acontecer.

Ele só continuou rindo​, depois se levantou e eu encostei minha cabeça em seu ombro.

Chegamos na rodoviária, estava Alya, Nino, Tikki e Plagg reunidos. Eu e Adrien nos aproximamos

- VOCÊS QUEREM NOS MATAR DO CORAÇÃO? ÍAMOS PERDENDO O ÔNIBUS! - Alya gritava, brigando conosco.

- Foi culpa da... - Adrien parou, ele se esqueceu que estava no meu corpo.

- Foi culpa da Marinette. - Eu exclamei, tentando ajudar Adrien nessa situação.

- Ah, está explicado! - Tikki disse, colocando uma mão na testa e depois encarando Adrien. - Parabéns hein.

- Tudo bem, gente. Vamos logo, se não realmente vamos perder o ônibus! - Nino disse, e todos concordaram.

Entramos no ônibus, todos estavam em assentos próximos, Alya estava do lado de Nino, Tikki do lado de Plagg, e eu do lado de Adrien.

Eu fiquei do lado dá janela, encarando as ruas, as estradas, o céu, até adormecer no ombro de Adrien.

Autora

- Awwn, olha nosso casal, Alya! - Tikki disse pra Alya, que já tirava fotos.

- Vai, Marinette! Abraça ele também. - Alya disse, pra tirar outra foto.

- pensou - É meu corpo do meu lado, mas quem está nele é minha Mari... Isso ainda é muito estranho, nunca vou me acostumar... - Adrien abraçou Marinette.

- Nem parece que você estava louca meses atrás pra que ele te notasse, o mundo dá voltas. - Alya exclamou e Adrien corou.

- POXA CRUSH, POR QUE NÃO ME NOTA? - Tikki disse, imitando o Rap.

- Mas eu te noto, Tikki. - Plagg disse, sorrindo.

- HAHAHAHA É CADA TIROOOO! - Alya disse, adorando a situação.

- Tá bom, parou. - Tikki disse, emburrada. - Isso não é engraçado quando eu não estou zoando. 

- É sim. - Alya disse, ainda rindo.

Quebra de tempo ~ Casa na praia.

- ATÉ QUE ENFIM, CHEGAMOS! - Tikki disse.

- EU OUVI UM AMÉM, IRMÃOS? - A morena completou.

Marinette (no corpo de Adrien) tinha corrido para a porta dos fundos, onde estava a praia bem a vista.

- Não sabia que você era fã de praias, Adrien. - Plagg disse

- É que, você sabe... Eu nunca fui a praia. - Realmente, Adrien nunca havia ido a praia, e Marinette sabia disso.

- Então essa vai ser sua primeira de muitas, hein! Não tem lugar melhor pra relaxar. - Plagg disse e Nino chegou, completando:

- Realmente! Uau, aqui é bem tranquilo.

Tikki chegou com Adrien(no corpo de Marinette) e Alya.

- A praia é quase deserta, bom pra nós! Ficamos mais a vontade.

Adrien estava admirado, primeira vez vendo a praia, estava encantado em vê-la pessoalmente, ele sentiu a brisa salgada, o frio, mas também calor ao mesmo tempo, escutou o som das ondas esbanjando​ ao redor, ele amou aquela sensação.

- Gente, tô com fome! Vou fazer macarrão ao caldo refinado e tempero italiano.

- Eita, qual o nome? - Nino perguntou.

- Miojo. - Alya respondeu.

- Palhaça! - Todos riram.

- Sim, eu sou Pennywise. - Alya retrucou, logo, saindo, indo até a cozinha.

Os outros foram arrumar suas coisas, colocar as roupas nos lugares e escolherem os quartos. Quando, escutaram um grito.

- AAAAAAAAAAAA! - Alya gritava 

Todos correram, perguntando o que houve.

- UMA BARATAAA! 

- O QUE? UMA BARATA​? ONDE? - Marinette gritou, e viu uma barata, que começou a voar. - AAAAAAA UMA BARATA VOADORA! - Pulou em cima de Adrien.

A mestiça só não reparou que essa cena ela estava fazendo no corpo de Adrien.

- Rindo - Não sabia que você tinha medo de baratas, Adrien. - Disse Plagg, zombando dele.

Adrien olhou para Marinette com olhar de tédio. 

- Eu também não sabia... - Adrien disse, olhando pra Marinette.

- Ah gente, foi só um susto. - Marinette disse. - Aliás, o miojo está pronto? - Olhou pra Alya 

- Eu queimei...

- QUEM DEIXA UM MIOJO QUEIMAR? 

- Olha aqui, tinha uma barata voadora me encarando! Já que o senhor Agreste está com tanta fome, por que não cozinha algo pra gente? 

- Com todo prazer. - Marinette se sentiu vitoriosa, mau sabia Alya que era sua amiga que fazia doces, pães, coockies, que estava no corpo do loiro.

Todos foram para a mesa do lado de fora, que ventava, dava pra ver a praia, e ficaram lá, esperando 

Marinette logo chegou com coockies e suco numa bandeja.

- Quero mesmo ver se tá bom... - A morena mordeu um coockie. - Hum... Você comprou isso não foi?

- Não, eu mesmo que fiz, Alya 

- Uau, parabéns! Isto tá delicioso.

- Obrigado! - Sentou-se com os outros, comeram e conversaram. Quando acabaram, foram na praia.

Adrien estava perdido naquela ótima sensação, ele escutava mais o mar, as ondas, a brisa calma, o ar salgado, ele estava adorando aquilo.

Ele se perdeu nesse sentimento, quando Marinette o tocou, chamando para irem até perto do mar. 

Eles chegaram na beirada, quando uma onda tocou os pés de ambos, e quando voltou para o mar, deixou a abertura nos pés deles.

- Que... Maravilhoso!

- Não é? É ótimo não é? Eu sempre faço isso 

- PELO VISTO VOCÊS GOSTAM DE FICAR NOS BURACOS! - Alya gritou, rindo.

- Venha também, essas ondas são fortes.

- Só nesse horário, de manhã é bem mais tranquilas. - Tikki brotou do nosso lado.

- Então, vamos tomar banho aqui só amanhã né?

- Acho melhor, a água vai estar mais fria e mais calma.

- É... É melhor hoje irmos descansar, ainda são 17:00 horas, amanhã acordamos bem cedo. - Marinette disse

- É... - Adrien respirou fundo.

Eles entraram de novo na casa, tomaram banho e foram descansar.

Adrien e Marinette estavam no mesmo quarto, já com os corpos destrocados.

- Marinette...

- Sim?

- Sabe que eu estou adorando? - Adrien foi até Marinette, a abraçando por trás 

- Também estou...

- É a nossa primeira viagem juntos, é a primeira vez que eu tô conhecendo a praia, e o melhor, ainda é com os nossos amigos.

- Marinette virou-se - Primeira viagem juntos... Eu imaginava isso, mas pensei que nunca se tornaria realidade.

- Adrien pegou o queixo de Marinette, levantando a cabeça dá azulada, para encará-lo. Ele a beijou logo em seguida. - Mas é realidade sim. - Se abraçaram.

Quebra de tempo ~ 2:00 dá manhã.

Marinette acordou às 2:00 dá manhã, assustada. Tinha escutado um barulho

- Adrien! 

- Só mais 5 minutinhos... Eu não tenho aula hoje.

- Adrien!!

O loiro abriu os olhos, sonolento.

- Eu escutei um barulho... - O loiro abriu os olhos. - Que horas são?

- 2:00 DA MANHÃ!

- Calma... - Ele foi abrir a porta com Marinette do seu lado, a mestiça estava morrendo de medo.

Quando ele abriu a porta, foi em direção a porta perto dá cozinha, de onde vinha o barulho.

- AAAAAAAAAAAA! - Ambos gritaram.










Notas Finais


Espero que tenham gostado aaaaa :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...