História CHANGES 2 Temporada - IMAGINE JUNGKOOK TRAIÇÃO - Capítulo 18


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope)
Tags Agressão Física, Babygirl, Bangtan Boys, Confusão, Daddy, Drama, Hoseok Você, Indecisão, Jungkook Voce, Psicopatia, Psycho Love, Reconciliação, Revelaçao, Sadomasoquismo, Sexo, Shawn & Você, Tortura, Violencia
Visualizações 223
Palavras 1.341
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hello amore

Peguei vcs de supresa?!

Bom Mais um cap !!

Com o Shawn

Hot hot hot ou meio hot

Capítulo 18 - Pub Crowd


Fanfic / Fanfiction CHANGES 2 Temporada - IMAGINE JUNGKOOK TRAIÇÃO - Capítulo 18 - Pub Crowd

POV'S SHAWN

Se ele acha que eu vou desisti da ( s/n) ele ta muito enganado, ninguém, ninguém mesmo vai me impedir de ter o que quero.
Droga ela é minha, minha garota, minha mulher, só minha e demais ninguém.

                                [•••]

Adentrei o apartamento que comprei aqui batendo a porta com força, droga, droga, droga eu tenho que pensar em algo para afastar aquele filho da puta de perto da ( s/n), mas essa garota tem o poder de fazer as pessoas se apaixonarem por ela, agora também tenho aquele outro merda do Jeon, ele tá morto de apaixonado na minha garota.
Fui para o meu quarto e comecei a tirar minha roupa, adentrei o grande box e comecei a tomar um banho, tento relaxar, mas em minha mente só se passa inúmeros planos que eu possa usar para ter ( s/n) para mim, o que aquela mulher fez comigo, merda eu nunca amei tanto uma pessoa assim, aquela mulher tem meu coração, sem ela eu sou capaz de morrer, nao quero ninguém que não seja ela, preciso dela aqui, agora.
Ela não sai da minha cabeça de 10 pensamentos os dez são nela, eu preciso sentir os beijos, o calor, os toques, os gemidos, as mãos dela no meu corpo, eu preciso dessa mulher para mim.
Eu vou trazer ela, nós vamos ficar juntos nem que para isso eu tenha que me livrar de dois seres humanos.

                                 [•••]

Ao terminar meu banho depois de trinta minutos eu fui me arrumar, tinha uma festa para ir, o que você achou que só por que é minha primeira vez aqui eu não conheço pessoas? Por favor você não me conhece mesmo.
Assim que sai fui me arrumar, vesti uma calça preta, uma blusa azul escura, com um sapato social, ja com cabelo e tudo mais pronto eu peguei minha carteira, as chaves do AP e sai.
Estava saindo do prédio, hoje estava um dia frio, não um dia frio de bater o queixo, mas um frio gostoso, sinto meu celular tocar pego o mesmo e atendo.

Eu: Alô, a sim pode ser. Eu preciso de um favor seu, mande o Joseph e a Dafne para cá agora eu tenho um serviço para eles, sim quero muito, tenho que me livrar de uns problemas que estão atrapalhando meus planos. - eu ordenava para meu " companheiro "

- Digo vendo um taxi chegando perto do prédio e logo aceno para o mesmo -

Eu: Aham, so mande eles os mais rápido o possível, quero eles aqui ate o final dessa semana.

- O taxi ja estava estacionando para que eu entrasse -

Eu: Lembre-se total sigilo você entendeu?! - eu falava para a outra pessoa do outro lado da linha - okay tchau vou esperar - digo entrando no carro.

Eu: Please I wanna go to the Pub Crowd
( Por favor eu quero ir para o Pub Crowd )

Tx: Sorry I don't speak english - o taxista disse, legal eu deveria ter pensado nisso, seu burro. - okay wait one minute to me show you the address. ( ok espere um minuto para mim mostrar a você o endereço.) - peguei o celular e mostrei o endereço para o cara que logo soltou um Ahhhhhhh okay - voltei a me encostar no banco e fui mexer no celular.

                               [•••]

10 minutos depois eu estava em frente ao Pub, paguei o motorista e desci, vi um uma fila de milhões de pessoas, ata que eu vou ficar aqui, passei por todos e fui para o segurança que estava na entrada.

Eu: Hi, my name is Shawn - eu disse para o cara na porta! O lado bom é que nessa boate os funcionários falam em inglês já que aqui é a melhor de Seoul.

Sg: I need your ID ( Eu preciso da sua identidade)

Eu: Ah okay only a minute ( Ah ok apenas  um minuto ) - peguei minha carteira e mostrei minha identidade, ele olhou para ela e depois para mim, eu o encarei e então ele devolveu.

Sg: Okay u can go! Next please ( você pode ir! Próximo por favor ) - Passei pelo segurança e entrei, as paredes eram a prova de som, mas nem isso impedia do som sair, tinha muitas pessoas dançando, outras bebendo, ou outras se pegando e outras sentadas, a minha sorte que aqui tem pessoas ocidentais, melhor ainda, nao que eu nao goste de uma gata oriental, gosto, mas tem umas que não falam inglês, então qual a graça? Mas se ela falar inglês eu vou adorar, ai sim te digo que vai rolar.
Fui em direção ao barman.

Eu: I wanna a shot ( eu quero uma bebida pequena) - eu disse para o cara que logo saiu e depois de um minuto ele voltou com um copinho pequeno e dentro uma bebida marrom.

Eu : Thank u

- Comecei a beber, esse era o primeiro de muitos eu so estava começando, eu ia beber ate cai e ia pegar umas gostosas, tantos ocidentais e orientais.

                                [•••]

Depois de um tempo eu já estava bebendo uma Whisky, minha cabeça já girava,  eu dançava com uma garota, ela estava se esfregando em mim, ela é americana que passava as férias aqui, ela se esfregava com a bunda em mim, meu pau já estava duro, eu preciso enfiar ele na buceta dessa garota, desci minha mão pela lateral do corpo dela, parei na bunda dela e apertei.

                                [•••]

Eu imprensava ela contra a parede com força os peitos dela amassando no meu tórax, nossas bocas brigavam por espaço as coxas dela enlaçadas na minha cintura.
Meu pau latejava na calça e eu esfregava nela, droga eu quero foder ela com força.
Levantei o vestido dela, ela abriu meu zíper e meu botão da calça, minha cueca estava marcada pelo pré - gozo, ela começou a baixar minha cueca com os pés, com meu pênis para fora eu afastei a calcinha dela e meti com força, droga, eu metia com muita força, tirava com tudo  e metia de novo, porra que delícia, ela chupava meu pescoço.
Depois de várias estocadas eu senti o liquido dela descer pelo meu pau, depois de algumas estocadas o meu pênis engrossou as veias e logo senti meu gozo sair.

                               [•••]

Estava pegando uma gostosa coreana agora, porra ela é linda mano, belo corpo, imagina foder ela.

                                [•••]

Caralho minha cabeça ta latejando, acordei com a coreana gostosa na minha cama toda nua, eu estava só coberto na parte íntima com um, a garota deitada de bruços sobre a cama, mano que merda, não me lembro de nada, nada depois de ter bebido três copos de whisky.
Levantei da cama e fui para o meu banheiro, tomei um banho e me vesti com um calção e uma regata.

                              [•••]

Depois que a coreana que eu não lembro o nome saiu da minha casa eu fui me deitar, eu não consigo deixar de pensar na minha garota, eu posso ter ficado com essas meninas, mas nenhuma delas se compara a ( s/n) na cama, aquela bucetinha dela me apertando, eu chupando ela. Só de pensar eu fico duro, abaixei meu calção e minha cueca quando fiz isso meu pau pulou para fora, comecei a me masturbar, eu faço movimentos de cima para baixo, droga começo a imaginar ela fazendo isso aqui, aquelas mãos dela, o suor descia pelo meu corpo, meu abdómen se curvava de acordo com a fisgada que meu pênis dava.

- Dro...gaaaa porra, que deli...cia, is..so..aaaa..(s/n) is...so...quero tanto foder essa sua boquinha -


Eu gemia o nome da minha garota como nunca fiz, porra, meu pênis fisga só de pensar nela.

Depois que gozei eu fui me limpar.

                                 [•••]


Então, o que está tentando fazer comigo?

É como se não pudéssemos parar, somos inimigos.

 Mas nos damos bem quando estou dentro de você.

 Você é como uma droga que está me matando .

 Eu tento me desintoxicar completamente.

Mas fico extasiado quando estou dentro de você.


Notas Finais


Então gente o q acharam ?

Bom gente a parti de hoje eu vou postar cap menores para não acabar tão rápido a história, pode ser ?!

Bom mano estamos com 194 favoritos, quase 200 aaaa isso é tão lindo ❤

Vamos chegar a 200 favoritos blz

Gente comentem por favorzinho e compartilhem a historia por favor !!!

Muito obrigada pelos 194 fav vcs são muito lindos ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...