História CHANGES 2 Temporada - IMAGINE JUNGKOOK TRAIÇÃO - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Agressão Física, Babygirl, Bangtan Boys, Confusão, Daddy, Drama, Hoseok Você, Indecisão, Jungkook Voce, Psicopatia, Psycho Love, Reconciliação, Revelaçao, Sadomasoquismo, Sexo, Shawn & Você, Tortura, Violencia
Visualizações 327
Palavras 2.530
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


----------->>>> Capituloooooo

----------->>>> Espero que estejam gostando

----------->>>> Vamos ao capitulo bjs

Capítulo 6 - Boa Viagem


Fanfic / Fanfiction CHANGES 2 Temporada - IMAGINE JUNGKOOK TRAIÇÃO - Capítulo 6 - Boa Viagem

POV'S (S/N)

-------------------2 Semanas depois -----------

••• Hoje será minha viagem para Coréia, Hoseok me passou todas as informações sobre o nosso novo prédio, ele já havia comprado um prédio pronto no centro de Seoul e já havia mandando mobilharem e tudo mais, já estava com metade dos funcionários, sendo que metade deles é da tal empresa que nós fechamos acordo e a outra metade ele mandou chamar, a minha casa eu já comprei a diferença é que está mobilhada, então um trabalho a menos. Meu avião estava a espera da gente, nos dirigimos a ele e entramos, era espaçoso para duas pessoas e bem aconchegante, eu e Hobi nos sentamos um de frente para o outro conversando e falando a nossa vidas pessoal, mas meu celular vibrou e rapidamente vi que era mensagem de Shawn, essas últimas duas semanas eu e ele começamos a tentar algo sério, a quatro dias ele veio me visitar, foi maravilhoso, Hobi conheceu ele, foi incrível a reação dele com Shawn.

------------------FLASHBACK_ON---------------

••• Estou aqui no aeroporto a espera de Shawn, sim ele esta vindo me visitar, estou super animada. Eu poderia te mandado meu motorista pegar ele, mas não mandei por dois motivos, primeiro: Eu gosto dele eu só mando meu motorista  pegar as pessoas que eu não tenho intimidade, o que é algo que eu tenho com Shawn, pois conversamos sobre tudo sua vida pessoal, sua família, tudo. Segundo motivo é que ...é que ... Eu não tenho um segundo motivo, ele decidiu vir me ver, pois já sabe que em quatro dias eu irei me mudar para Coréia, então ele decidiu vir me ver logo, pois assim que eu chegar no país não terei tempo para nada.

••• Depois de uns 10 minutos esperando ele eu vi sua figura, ele estava muito lindo deus que homem . Ele me viu e sorriu, aquele sorriso fofo ahhhhh vou apertar ele ate não aguentar mais, eu sei as vezes eu pareço ser uma mulher brava e arrogante para as pessoas de fora, mas apenas as pessoas próximas de mim sabem como eu realmente sou, eu não sou má, arrogante, brava muito pelo contrário, Hobi fala que eu sou uma mulher de corpo de 31 anos, mas com a mentalidade de uma menina apaixonada e que sonha com contos de fadas, não vou negar isso ainda sonho em encontrar meu Príncipe, o homem que eu posso acorda e ter a certeza que estará ali do meu lado. Saí dos meus pensamentos quando sinto um corpo me abraçar eu acho que estava novamente viajando na maionese.

Sh: Meu anjo que saudades !! - ele disse me envolvendo em seus braços e me apertando mais contra si, o seu cheiro é muito bom. Eu passei meus braços pela sua cintura e o apertei, mas logo ele se soltou de mim e me beijou, ah que saudades desse beijo, não era rápido, mas também não era devagar era no ritmo perfeito, seus lábios massageavam os meus e logo sua língua pediu passagem, eu estava tão entregue que permiti ele adentrar, sua língua na estava afoita, ela explorava cada canto da minha boca e a minha fazia o mesmo, aquilo estava tão bom que so percebi o tempo passar quando so restava eu, ele e mais três pessoas.

Sh: Nao vai falar nada - ele disse me observando, eu estava tão perdida que nos meus sentidos que nem respondi. - Oi ? Terra chamando (s/n) - ele disse rindo e estralando os dedos na frente de meu rosto, essa era uma das minhas manias, eu simplesmente viaja na maionese com facilidade.

Vc: Oi? Desculpa ! Eu ...ahmmm..estava pensando - eu disse um pouco envergonhada e de cabeça baixa.

Sh: Eu vi você sempre faz isso, acho que desde que a gente se conheceu eu tive que fazer umas vinte vezes isso de te chamar de volta para o mundo real- ele disse rindo passando seus braços por meus ombros.

Vc: Ahhh para.- eu disse rindo e e passando minha mão por sua cintura enquanto caminhávamos de volta para o carro.

••• Quando entramos no meu carro, um MERCEDES-BENZ GLA que atualmente aqui no Brasil custa R$ 241.900, sim bem caro, nós fomos para minha casa Shawn vai ficar hospedado lá,  por foi dias, pois ele tem a faculdade de direito então não pode faltar muito. Depois que chegamos nós levamos suas coisas para o quarto de hóspedes e ele foi tomar um banho e eu me arrumar, pois iramos sair para almoçar. Eu fui me vestir, assim que terminei encontrei Shawn todo arrumado ele estava muito lindo ( fotos nas notas finais ) . Durante o percurso fomos conversando, as vezes eu agradeço aos meus pais por termos ido morar nos Estados Unidos, por causa disso falo fluentemente o Inglês e depois que fui para Coréia passei a falar fluentemente o Coreano, três línguas no meu currículo, eu e Shawn estávamos o tempo todo conversando sobre a faculdade dele disse-me que é bem difícil por quem tem muita leia para ele gravar e tem que ler demais, mas era algo que ele amava, seu pai era um grande advogado e sua mãe uma grande corretora de imóveis, então ele teve uma infância boa, mas sabe que a vida não é assim, ele não quer depender do dinheiro dos pais, quer ter a própria fortuna com o esforço dele, a cada dia mais eu me apego a ele demais.
Chegamos em restaurante Italiano e fomos ver uma mesa, pegamos uma do fundo, mais reservada para que a gente posso ficar em paz ou muita falação do nosso lado, nos sentamos e pedimos nosso cardápio, ele pediu Lasanha Bolonhesa e eu espaguete com molho branco e para acompanhar um vinho, trouxeram nosso vinhos e taças começamos a beber e a conversar novamente, o incrível é que nunca perdemos assuntos sempre temos o que conversar, eu adoro conversar com ele me sinto bem. Meu celular começou a tocar encima da mesa, era o Jhope eu ia rejeitar, mas Shawn falou comigo.

Sh: Seu celular está tocando - ele proferiu deve ser importante, eu peguei e atendi.

Vc: Oi Hobi - eu disse - ( S/a) estou ligando para avisar que já vi a respeito da sua casa ela já esta comprada okay? - ele disse do outro lado da linha - ah okay okay e a respeito do prédio na Coréia como está? - eu questionei Hobi e ao mesmo tempo fiz sinal com a mão para Shawn esperar so um pouco - O prédio já esta sendo decorado, a placa com seu sobrenome já está sendo feita, até nós irmos ja estará tudo no lugar e tem o avião que já mandei ficar pronto para daqui a quatro dias para nossa ida. Vc quer mais alguma coisa? - ele dizia e eu ouvia atentamente a cada palavra que ele proferia - Não estar tudo perfeito Hobi, o senhor pode tirar folga amanhã, quero que vá na minha casa pela tarde preciso que conheça alguém - na hora que disse isso Shawn me olhou - o seu ficante? - Jhope questiono-me -É mais  ou menos isso te espero la as 16 na se atrase tchau Hobi - despedi-me e logo ouvi um " tchau e te vejo la ". Voltei minha atenção ao homem em minha frente, ele estava inquieto pelo que vi.

Vc: O que foi?

Shawn: Nada é que você quer que eu conheça quem ? - ele perguntou apoiando os cotovelos na mesa.

Vc: Melhor amigo e irmão. - disse sorrindo - estar nervoso?

Shawn: Um pouco, mas esta tudo bem - ele disse me olhando serenamente

Vc: Ótimo, fica calmo ele é legal so se preocupa muito comigo - eu disse

Sh: Okay! - ele disse - melhores amigos ?

Vc: Sim ele é depois que vim da Coréia eu conheci ele, ele foi uma das pessoas que mais me ajudaram quando voltei , sempre cuidou de mim - eu disse me lembrando de todas as memórias que tive com Hoseok, depois que cheguei conheci ele na faculdade que trabalhava ele fazia mestrado na sua área de contabilidade, nós nos tornamos grandes amigos, eu nunca falei a respeito do meu ex marido para ele ou quem seria ele, isso era uma parte da vida que queria esquecer e comecei não tocando no assunto.

Sh: Ahhhh sim entendi, então não estou concorrendo com ele? - ele riu quando falou a última parte e eu acompanhei.

Vc: Apenas tem vc.


••• Depois que voltamos para casa nós fomos assistir Tv, ele não entendia nada em português era muito fofo ver ele falando Te amo igual ao personagem, eu estava aconchegada em seus braços até que sentir seus braços me puxarem mais para si e seus lábios beijarem meu pescoço, a sua boca fazia um trabalho em exemplar não aguentei e soltei um gemidinho arrastado, ele virou para ele e me colocou com em seu colo, puxou minha boca para a sua e começou a alisar meu corpo com suas mãos, hora ou outra apertava minha bunda e mordia meu pescoço, eu comecei a rebolar em seu colo deixando o mais novo totalmente duro em baixo de mim, ele passou sua mão pelo meus seios e ao mesmo tempo apertando e judiando deles, estava tão gostoso, levei minhas mãos a seu peitoral coberto pela sua camisa  e comecei a arranhar com minhas unha, ele me jogou no sofá e ficou por cima de mim com minhas pernas ao seu redor, levou uma de suas mãos a minha blusa e meu sutiã e os jogou perto da Tv e em seguida abocanhou meu seio esquerdo e minhas mãos foram de encontro ao seu cabelo, sua língua passava pelo meus mamilos e seus dentes mordiam, assim que se cansou foi para o direito onde fez o mesmo processo me deixando cada vez mais molhada, ele parou e começou a descer seus beijos e mordidas pelo meu abdómen ate chegar no meu short, esse que ele tirou e jogou no mesmo lugar que minha blusa e sutiã, ele se levantou ficando de joelhos ainda entre minhas pernas e tirou sua camisa e a jogando atrás sofá, ele se abaixou na altura da minha intimidade e começou a beija-la por baixo do pano da calcinha, aquilo estava me enlouquecendo, com suas mãos ele tirou aquele pano e jogou para longe - Não vamos precisar disso - ele disse dando as primeiras palavras desde de que começamos isso e era se referindo a aquele pano que cobria minha intimidade, ele abocanhou minha vagina, sua língua fazia um trabalho incrível, ela entrava e saia de dentro de mim, seus dedos foram ao encontro dela, eu ja não mantinha meu gemidos guardados, seu indicador me penetrou, era rápido aquilo era maravilhoso, ele passou a colocar dois dedos e em seguida três dedos eu já não aguentava mais sentir meu corpo tremer e em seguida meu vi meu gozo descer pelo seus dedos, ele voltou a me beijar com  euforia, ele me puxou para seu colo e mandou eu cavalgar por cima do short dele, ele estava gemendo arrastado, mas nosso momento foi interrompido pela campainha tocando, eu o olhei e ele revirou olhos olhos e comecei a rir, sai de cima dele e catei minhas roupas, as vestindo rapidamente enquanto ele deu pau duro fazia o mesmo com sua camisa e arrumando seu cabelo, já pronta e depois da campainha tocar quatro vezes eu fui atender. Era Jhope, filho da mãe, não posso culpa -lo eu o chamei, abri a porta e  dei de cara com ele bem impaciente.

Jh: Credo por que essa demora? - ele disse entrando

Vc: Pode entrar Hobi eu deixo - eu disse rindo, assim que terminei de falar vi ele olhar para Shawn e depois olhar para mim

Jh: (s/n) esse é o Shawn ?

Vc: Sim esse é Shawn e Shawn esse é Jhope - Jhope falava em inglês por conta do trabalho na empresa.

Jh.: Prazer, então que dizer que você anda saindo com a ( s/a)! Espero que não trate ela mal ou que nem uma qualquer por que ela não é se eu souber que você a magoou ou fez uma lágrima cair desses olhinhos eu juro que eu vou atrás de você até no inferno - Jhope disse o olhando seriamente, me deu ate medo e não foi diferente com Shawn ele estava assustado, mas então Hobi a florzinha voltou.

Jh: Olha não to brincando, mas pode ficar calmo, (s/n) vc viu a cara que ele fez ? - ele disse se matando de rir, depois nós fomos conversar ele e Shawn se deram bem, pelo menos.

----------------FLASHBACK_ON----------------

••• Jhope é uma figura ta explicado como todo mundo gosta dele. Depois de quase 24 horas dentro do avião finalmente chegamos na grande Coréia aquela antiga amiga, eu jurei que não ia pisar aqui depois daquilo tudo, mas olha onde estou. Cheguei na minha casa nova com Jhope que ia dormir aqui, era 8 horas da manhã, 8 DA MANHÃ EU NECESSITO DORMIR.  Colocamos nossas coisas no quarto e fomos fomos dormir, por incrível que pareça a casa estava tudo arrumado minha cama tinha lençóis ahhh que delícia agora so é dormir e depois me acostumar com tudo e o fuso horário.

••• Acordei era 16 horas eu dormir bastante o suficiente para recuperar ad energias, fui no quarto de Hoseok, ele estava feliz por voltar para seu país os pais dele viram visitar ele e me conhecer, claro que ele ja havia falado sobre nossa grande amizade so para que a mãe dele não confundisse as coisas, bati na porta de seu quarto e ouvi um entre, assim que entrei vi ele deitado na cama coberto da cabeça aos pés.

Jh: Oi, o que foi?  - ele disse sonolento

Vc: Nada eu só vim ver você - eu disse sentando na ponta da cama e o observando.

Jh: Tem certeza? - ele disse se sentando e me olhando.

Vc: É que você sabe que eu já morei aqui tenho lembranças um tanto quanto tristes - eu disse de cabeça baixa estava me sentindo triste parece que voltar para cá fez com que todas as lembranças voltassem de uma lapada.

Jh: Você pode me falar, mas não vou te pressionar sei que é no seu tempo (s/a), mas pode contar comigo para o que der e vier, agora se anima vamos sair okay, vamos praticar o coreano - ele disse me abraçando de lado, e me dando um sorriso so ele para me animar.


••• Nós saímos e fomos andar graças a deus ainda tenho coreano na ponta língua, nós nos divertimos,comemos e andamos. Passamos por uma lugar que chamou minha atenção, era empresa de Jeon, sabe aquele sentimento que eu sentia quando descobrir a traição ele ta voltando não sei o por que e seja o que for não quero nem saber. Voltamos para casa depois de passar na empresa e ver como estava, lindo, essa era a palavra para descrever o prédio, sinto que muitas coisas viram a acontecer aqui, so espero que seja boa.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...