1. Spirit Fanfics >
  2. Chat 97 >
  3. Capítulo 002

História Chat 97 - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Capítulo 002


{P.O.V Jeon Jeongguk(JungKook)}


— Mais um dia na empresa,o tempo tem passa rápido ultimamente,nos do Bangtan temos que ir no prédio da Pledis para vermos como são as coisas por lá,na real eu nem sei bem qual o motivo de nos termos que ir,sei bem de nosso mérito e importância porém o que tem haver a gente lá?,já somos amigos do pessoal da empresa,e aliás,por que não levam o TXT também?,ele sim deveriam conhecer tudo por lá!,somos de uma empresa a um bom tempo,sabemos como tudo funciona,não é como se nos fossemos mudar algo,bom isso é irrelevante de discutir,afinal de um jeito ou de outro a gente vai.Fui até a sala onde encontro Namjoon muito bem vestido e com um sobretudo por cima —


-Hm,vai a onde assim? — Perguntei o olhando de cima a baixo com um sorriso,o mesmo virou se pra mim —


-Uh?,vamos para a Pledis né,Jeon? — O mesmo respondeu terminando de ajeitar suas vestes e mostrando suas covinhas—


-E dês de quando precisa dessa produção toda?,não vamos em uma premiação — Cruzei meus braços o olhando —


-É sempre bom está bem vestido...sabe? — O mesmo me olho de cima a baixo e volto a olhar se no espelho —


-Ui,já entendi a indireta — Ri baixo logo me afastando e caminhando para meu quarto —


-Trate de se arrumar logo — O mesmo disse um pouco alto enquanto me afastava —


-Ta ta! — Falei de qualquer jeito e em um tom alto —


— Fui caminhando pelo longo e preto corredor da empresa,as paredes erram forradas com um tecido escuro bem fofo,fui o percurso inteiro passando minha mão na superfície da parede até que sem querer abro a porta de um quarto,quando confiro de quem era o quarto na placa,vejo que era o de Yoongi,olhei para dentro e vi o mesmo semi-nu escolhendo roupas,dei uma risada e adentrei um pouco o quarto —


-Que corpinho em hyung — Falo rindo baixo e o mesmo me encarou rapidamente —


-SAI DAQUI JEON JUNGKOOK! — O mesmo berrou se cobrindo enquanto vinha em minha direção —


— Senti uma forte adrenalina e quando o mesmo estava bem próximo,sai do quarto rapidamente e fechei a porta,verifiquei se o caminho estava livre e corri para o meu quarto,sabia que o mesmo não viria atrás de mim,afinal nem estava vestido direito,porém não posso negar que fiquei com medo naquele instante,quando adentrei meu quarto vi alguém mexendo em minhas coisas,os seguranças estavam nos corredores então por que não barraram?,deixei claro que não queria ninguém aqui,a medida que ia me aproximando cautelosamente fui notando melhor quem era,em um ato rápido segurei seus pulsos os prendendo pra trás e o mantive contra o móvel que o mesmo estava mexendo,o mais velho deu um grito de susto —


-O que esta fazendo aqui Mochi? — Falei o pressionando mais —


-Ai Jeon,para! — O mesmo resmungou e o soltei —


-O que faz no meu quarto mexendo nas minhas coisas? — Cruzou meus braços —


-Ah,eu vim pegar um colar emprestado — O mesmo fez um eye smile —


-Você não tem colares não é? — Falei em um tom debochado,o mesmo revirou os olhos — 


-Eu queria esse aqui — O mesmo ergueu um que havia um diamante na ponta,peguei rapidamente de suas mãos —


-Não!,ta louco?,por que não pede ao Tae? — Olho o colar para ver se estava em ordem —


-Você sabe como ele é quando se trata de suas jóias


-Sei,mas o que eu e minhas jóias temos haver com isso?


-Para de ser chato Jeon! — Bate o pé com com um bico —


-Deixa de show que agora não é hora,e sai daqui que eu vou tomar banho — Começo a empurrar lo para fora do quarto —


-Jeon eu sou mais velho! — O mesmo praticamente grita pra mim quando o ponho para fora —


-Nossa que legal,e eu sou mais novo,olha — Fiz um careta e revirei os olhos —


— Fechei a porta na cara do mesmo e a tranquei,o mais velho começou a bater sem parar na porta para que eu abrisse,fingi não estar ouvindo e apenas pus uma música enquanto me aprontava calmamente para sairmos —


{P.O.V Kim Mingyu}


— Estava com os meninos no refeitório,estava um pouco quente pela manhã porém tínhamos que ir para o lado de fora da empresa,o café duro pouco tempo pois tínhamos que recepcionar o novo CEO,saimos todos juntos e em fila,ficamos um pouco envergonhados pois o Nu'est já esta do lado de fora,eles nos olharam com certo olhar de reprovação pois assim que acabamos de nos posicionar os carros haviam chegado,fizemos a básica reverência de sempre e fomos seguindo para dentro da empresa,o mais velho dentro todos nos ia na frente falando sobre tudo da empresa,vi JungKook então acenei para o mesmo que me retribuiu com um sorriso e um aceno,por ser alto eu ficava no fundo e o mesmo na frente como um CEO,ergui meu celular e apontei para o mesmo mostrando pra ele,para que o mesmo entendesse que ia manda mensagem,então assim fizemos —


[Mensagem On]


Mingyu;"Oie,nunca mais te vi pessoalmente :) "


JK;"Eu sou um cara ocupado XD"

"To brincando"

"Saudades de falar pessoalmente ctg :/"


Mingyu;"Bobão ksksksksks"

"Sim sim,quem sabe mais tarde a gente consiga :/"


JK;"Eu dou meu jeito"

"Quero muito falar uma coisa ctg..."


Mingyu;"Amas,okay"

"É sobre o que?"


— Antes que pudesse continuar ou receber alguma resposta meu celular havia sido removido de minhas mãos,olhei indignado na direção da pessoa e pude ver Coups o guardando em seu bolso,o mesmo me olhava com raiva em seu rosto —


-Respeito por favor Kim Mingyu.. — O mesmo disse baixo mas com tom intimidador —


— Olhei brevemente para frente e vi o pessoal falando suas futuras ideia para a empresa,me senti um pouco envergonhado e abaixei meu rosto,não queria acabar olhando nos olhos de Coups novamente então apenas fiquei ouvindo,WonWoo hyung que estava do outro lado viu minha expressão,o mesmo ficou um pouco receoso mas acabou acariciando-me por minhas costas, quando o olhei o mesmo deu um pequeno sorriso,achei a situação meio engraçada então dei um sorriso como que segurava uma risada —


-Ele é muito chato — Sussurrou pra mim enquanto apontava discretamente para Coups —


— Concordei e logo nos dois começamos a segurar a risada,porém logo nossa "graça" para quando sentimos nossas orelhas serem puxadas,seguramos as reclamações e fomos arrastados até o pátio por Jeonghan,fizemos um pequeno bico esfregando nossas orelhas assim que o mesmo as solta —


-Hyung,isso doeu — Reclamei em um tom normal —


-Que bom,essa era a intenção — O mesmo parou com as mãos na cintura nos encarando —


-Aish..pra que isso? — Manifestou-se Jeon —


-Vocês não conseguem se comportar?,o Coups mal dorme tendo que assumir a frente das coisas ultimamente,vocês sabem bem o estado dele e ainda não colaboram?!...achei que seriam mais compreensivos e comportados, principalmente você que apanhou muito dos professores! — Disse o mais velho agora de braços cruzados para Jeon — 


— Sua expressão era de completa frustração,os hyungs estão tendo crise de ansiedade ultimamente,sempre exigiram muito de nos,mas principalmente deles,me sinto culpado por estarem assim,Jeon assim como eu abaixou seu rosto enquanto ouvia-mos o sermão do mais velho,levantei meu rosto e vi Jeonghan tremendo e chorando novamente,fiquei bem triste naquele momento,o mesmo tentava desviar o olhar enquanto limpava seus olhos,o abracei fortemente —


-Hyung não briga com o Jeon!,ele estava apenas tentando me consolar da última bronca,não chore por favor.. — Limpo suas lágrimas —


— Ouço Wonwoo fungar então o puxo para o abraço,dou selares na testa dos dois e acaricio suas madeixas —


-Esta tudo bem,não devia ter pegado tão pesado... — Disse o mais velho após se acalmar um pouco mais —


-Desculpa o nosso comportamento hyung.. — Disse Jeon e o mais velho sorrio concordando —


-Eba,sem briga — Abraço fortemente os dois que acabam rindo —


-Mingyu?.. — Ouvi uma voz conhecida chamar me,quando olhei vi Jungkook —


-Oh,oi! — Sorri e o mesmo se aproxima —


-Posso falar contigo agora? — O mesmo pergunta meio encolhido,olho os dois que logo concordam —


-Sim,vamos ali — Sai andando com o mesmo —


{P.O.V Yeo Hwanwoong}


— Estávamos em mais um dia de treinamento,algumas coisas ultimamente começaram a dar uma desandada mas hoje foi a última gota que faltava para o copo transbordar,uns estavam doentes,outros errando inúmeras vezes a coreografia e tendo que começar de novo,eu já não aguento mais essa situação,no entanto não fui o primeiro a surtar —


-1, 2, 3, 4,vai! — Disse nosso professor para irmos no ritmo —


— Fazia literalmente 7 horas que estávamos ali e não aprendemos quase nada,até que Ravn acaba esbarrando em Xion,o que fez com que o mesmo acabasse pisando no pé de Leedo,eu me distrai com a situação pois Leedo estava reclamando muito da dor,o que fez com que Seoho acabasse esbarrando com tudo em mim e ocasionalmente a gente acabou caindo,Keonhee estava apenas no canto olhando a situação meio estático e um pouco encolhido,o mesmo tirou por alguns segundos sua máscara(já que estava doente)e começou a pedir desculpas ao professor —


-JÁ CHEGA!,olha aqui!,eu não sei o que deu em vocês!,mas é melhor vocês se recuperarem logo!,SE NÃO O HIATUS SERÁ EMINENTE E LOGO SERÁ O DISBAND! — O mesmo joga suas folhas no chão e sai furioso logo batendo a porta —


— Ficamos alguns segundos em silêncio ali parados como estatuas,engoli em seco e quebrei o silêncio com um suspiro,me levanto e ajudo Seoho a levantar —


-Vem cá.. — O ajudo assim que me levantei —


-Ei!,Ou! ou! ou! ou!! — Ouço a reação de Xion e quando olho Leedo estava empurrando Ravn até um canto —


-Ei!,vamos parar! — Me aproximei para afastar los —


-QUAL É A SUA EM?,NÃO É A PRIMEIRA VEZ QUE PISA NO MEU PÉ,EU TE FIZ ALGO??! — Disse Leedo que era segurado por Xion,fiquei entre os dois —


-Parem agora! — Falei os olhando tentando os afastar mais —


-EU JÁ DISSE QUE FOI SEM QUERER!,QUER QUE EU FAÇA O QUE?,FRESCO! — O mesmo começo a tentar avançar então Seoho o segura —


-Gente!,cala a boca! — Falei em um tom um pouco mais alto enquanto os dos gritavam —


-AH EU SOU FRESCO??!,VEM CÁ QUE VOCÊ VAI VER O FRESCO! 


-SÓ VIR PALHAÇO,NÃO TENHO MEDO DE VOCÊ,VOCÊ SABE QUE NUNCA TIVE!


-CALEM A BOCA,CALEM A PORRA DA BOCA,CARALHO VOCÊS NÃO ME OUVEM,A GENTE TEM TRÊS FUNÇÕES QUE É FAZER RAP,CANTAR E DANÇAR E NINGUÉM ESTA AS FAZENDO NADA DIREITO! — Empurro o peito dos dois e bufo —


— Passei a mão por meus fios e olho para os dois ainda bem furioso,eles aparentavam ter aprendido a lição,mas eu ainda estava frustrado —


-Olha,eu achei que o professor tava errado,mas quando eu vi que por qualquer situação vocês vão trocar socos eu percebi que ele é o mais sensato entre nos..sinceramente viu... — Engoli em seco novamente e sai da sala,fiquei passeando pelo corredor para tentar me acalmar —


— Pude escutar alguns chiados vindos da sala pois os mesmo sem dúvidas deviam estar conversando,resmunguei um pouco e fui um pouco para longe para me concentrar em meus pensamentos até que calmamente Keonhee se aproxima —


-Não diga nada por favor! — Continuei dando algumas voltas e o mesmo apenas ficou me olhando —


-Eu não ia dizer nada — O mesmo estava com um sorrisinho e aparentava estar bem calmo como se nada tivesse acontecido —


-..Eu sou uma péssima pessoa né?.. — Uni minha mãos na frente do corpo o olhando,mordi meu lábio inferior —


-Por que pensa isso?,você deu uma lição de morar no próprio líder,apesar do mau uso de palavas — O mesmo se aproxima mais —


-Ah sei lá..foi mal,só to frustrado... — Coço minha nuca olhando para baixo —


-Não fique assim,toda essa situação vai passar,a gente vai ser recuperar — O mesmo segura meu rosto e beija minha testa —


-Obrigado Keon — Sorri meio corado —


-Aceito suas desculpas quando voltar lá e pedir desculpas para os meninos


-Tudo bem,eu vou fazer isso.. — Afirmei com a cabeça e sorri —


— Keon sorriu para mim,um momento simples mas que me fez sentir bem calmo,realmente brigar não ia ajudar em nada então apenas segui o mesmo pensando em como ia me desculpar,estava tão distraido que nem notei que o mesmo segurava minha mão e praticamente estava me levando até lá —


{P.O.V Na Jaemin}


— As promoções com o novo mv já haviam sido feitas,alguns contratempos aconteceram mas tudo estava dentro do planejado,estávamos exaustos mas finalmente tivemos uma época de descanso,a vez de promover agora seria do WayV então tínhamos um período para ficar de bobeira,lá estava eu,Renjun e Jeno passeando pelos corredores das salas de treinamento dos trainees,havia uma garota que havia me chamado a atenção,no entanto não tínhamos permissão de falar como ninguém,me desanimei quando notei que ela se animava mais quando Jeno estava em nossa companhia e fazia questão de acenar pra ele mesmo de longe,suspirei um pouco entristecido mas logo sinto um peso em minhas costas seguido de um susto que havia tomado —


-Adianta cavalinho! — Era Renjun em minhas costa e rindo,acabei rindo também —


-Ah,eu quero andar de cavalinho também! — Disse Jeno que estava pronto para pular nas costas de Renjun —


— Percebendo a situação atual,rapidamente tirei Renjun com pouco esforço de minhas costas e me virei para os dois enquanto apontava para eles —


-Ei,o cavalinho vai tirar uma folga.. — Falei apenas e me virei logo começando a correr — 


— Após tudo ouço os passos dos garotos que obviamente corriam atrás de mim,comecei a correr mais rápido porém Jeno era bem mais veloz que eu,em meio a risadas acabo sendo pego pelo mesmo que começou a fingir que mordia meu pescoço —


-Cavalo teimoso,vai voltar pro cercado,agora! — O mesmo me ergue em seus ombro e eu continuo a rir —


— Fiquei durante a trajetória insistentemente me remexendo para o mesmo me soltar,porém foi algo inútil,quando o mesmo me pós no chão dei língua pra ele,mas sem se importar ele me fez olhar Renjun que estava ouvindo pela porta de alguém,nos aproximando cautelosamente e demos um susto nele —


-Ta fazendo o que?,pervertido! — Disse Jeno rindo comigo — 


— O mesmo fez um gesto para nos calarmos e fez com que a gente ouvisse também,era o corredor de quartos da empresa,por lá estava um silêncio,o único som que começamos a ouvir foi um de molas e madeira vindo do quarto,fiquei com um pouco de medo,Renjun ficou confuso e Jeno fez uma cara de malícia,sem entender nada perguntei por que da reação de Jeno,eis que ele responde: —


-Eu ouvi alguém lá dentro,fazendo..sons — Ele disse baixo e acabamos por corar —


— Renjun acaba falando baixo algo em Chinês,eu e Jeno ficamos confusos pois não havíamos entendido,o mesmo revira os olhos e repete em Coreano —


-Eu ouvi a voz do WinWin hyung.. — Ficamos chocados naquele momento e voltamos a ouvir —


— Era sempre o mesmo som em sequência,molas se comprimindo e voltando,som de madeira arrastando e voltando pro mesmo lugar,algo bem suspeito... Ou seria só nossa mente suja,até que a gente ouve o mesmo som mas com um forte impacto dessa vez,e era o último da sequência —


-Ai Yuta!.. — Tivemos certeza de que era o WinWin,e agora sabíamos que o Japonês estava lá —


-Silêncio,se não seremos pegos.. — O mesmo respondeu —


— Nos olhamos meio corados e segurando risadas,logo bem ansiosos voltamos a ouvir a porta —


-É melhor a gente sair daqui,já terminamos — Disse WinWin e logo a porta se abriu —


— A cena de nos três encolhidos atrás da porta para ouvir los e os dois espantados nos olhando foi algo icônico,bom,não para nos naquele momento,sorrimos sem graça os olhando —


-Ahm,oi hyungs!.. — Disse Renjun bem constrangido —


-A gente tava só passando,mas ja vamos! — Disse Jeno então concordamos —


— Nós afastamos um pouco,mas logo Yuta chama nossa atenção e manda a gente volta,resmungamos um pouco mas fizemos como pedido —


-Sim,hyung? — Perguntei o olhando —


-O que faziam ouvindo atrás da porta? — Perguntou o Japonês de braços cruzado —


— Logo atrás se aproximava WinWin que colocava seus sapatos e mexendo em sua cabeça com uma expressão ruim —


-Como tu deixa eu bater a cabeça na cabeceira?,hm? — O mesmo resmungou e Jeno passou a ter altos Gaypanics —


-Ah,estávamos ouvindo vocês fazendo coisas — Disse Renjun,que fez com que a gente ficasse mais corado ainda —


-Pera,que coisas? — Disseram os dois mais velhos quase que ao mesmo tempo —


-Coisas...coisas de adulto..Aaah!,não me faça falar sobre isso hyung! — Disse o jovem chinês que fez os mais velhos corarem fortemente —


-Pera,vocês acharam que a gente tava??!.. — Perguntou o Japonês pasmo —


-O que era aquele som de mola e madeira então?! — Quebrei o silêncio —


-A gente tava pulando na cama! — Argumentou Yuta —


-E aquele som?,essa dor na cabeça?,você não bateu a cabeça na cabeceira da cama?!,ninguém bate a cabeça na cabeceira da cama pulando! — Disse Renjun diretamente para WinWin —


-O Yuta pensou que seria divertido me empurrar,então embolei meus pés nos lençóis,cai e bati a cabeça na cabeceira da cama! — Ele respondeu nos olhando —


-Mas e esse "Não podemos ser pego?"!! — Disse Jeno cruzando os braços —


-Esse quarto não é nosso,se alguém nos dedurar a gente se ferra — Respondeu o Japonês —


-Aaaaaah.. — Respondemos nos três ao mesmo tempo —


— Se ja estavamos com vergonha antes imagine agora,não tínhamos onde enfiar a cara,nos deixamos nos levar por nossas mentes sujas,ou melhor,pelo mente suja master —


-Vocês estão muito pervertidos,quem está ensinando besteiras pra vocês? — Disse Yuta,WinWin se escondeu atrás do mesmo —


-Ninguém!,vamos fingir que nada aconteceu,por favor! — Disse Renjun e concordamos —


-Okay,deixaremos tudo de lado se fingirem que a gente não fez nada aqui,okay? — Falo Yuta nos olhando —


-Sim sim,não vimos nadinha! — Respondeu Renjun e concordamos com o mesmo —


-Okay,vão para o dormitório de vocês — O mais velho falou e logo fomos correndo —


— Nos livramos de uma,mas que situação em,assim que viramos o corredor realmente foi inevitável,nos três acabamos soltando risadas e fomos conversando sobre isso até o dormitório —


{P.O.V Jeon WonWoo}


— Estava conversando bastante com Jeonghan porém não tanto quanto o Mingyu com o JungKook,fiquei bem curioso e intrigado com aquilo,Jeonghan falou sobre voltar e procurarmos o pessoal no entanto disse que iria mais tarde,o mesmo saiu e assim que tive certeza de que já estava longe fui atrás dos dois,fui bem cauteloso e silencioso,me encostei na porta da sala que eles entraram tentando ouvir melhor —


-Bom,então é isso,você não pode contar pra ninguém se não...já sabe né?.. — Era a voz de JungKook —


-Não se preocupe,irei colaborar com tudo — Ouvi a voz de Mingyu se aproximando —


— Me levantei e comecei a me afastar em silêncio e um pouco rápido,logo voltei a me aproximar como quem não queria nada,vejo os dois saindo da sala,eles param e me olham quando notam minha presença —


-Oh,Mingyu você esta ai,o Jeonghan mandou chamar — Falei com um sorriso —


-Ah,vamos indo? — O mesmo olhou para Jungkook que logo recebeu uma ligação —


-Hm,eu vou depois,pode ir — O mesmo sorriu pequeno e foi atender a ligação —


-Okay,vamos indo então — Disse Mingyu agora andando ao meu lado —


-Como foi a conversa? — Perguntei para quebrar o silêncio e minha curiosidade —


-Foi legal — Ele disse apenas e eu fiz um bico —


-Falaram sobre o que? — Perguntei mantendo minha visão no mesmo —


-Sobre os meninos e que agora vamos trabalhar juntos — Ele continua neutro e olhando pra frente —


-Hm,só isso?


-Sim,só — Tava mais do que escrito na testa dele de que era mentira,mas deixei pra lá para que não criasse suspeitas —




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...