1. Spirit Fanfics >
  2. CHB e Deuses lendo Percy Jackson-Livro 3 >
  3. Um velho amigo morto vem visitar-parte 2

História CHB e Deuses lendo Percy Jackson-Livro 3 - Capítulo 14


Escrita por:


Notas do Autor


gente eu amo vos mas esta plataforma mata me, é taaaaaaao dificil de usar

Capítulo 14 - Um velho amigo morto vem visitar-parte 2


"Legal." Thalia se virou para ajudar algumas crianças de Afrodite, que estavam tendo problemas em vestir suas armaduras sem quebrar as unhas. Nico di Angelo correu até mim com um grande sorriso em seu rosto.
"Percy, isto é incrível!" Seu elmo de bronze com penacho azul estava caindo em seus olhos, e sua placa peitoral era quase seis vezes maior. Imaginei se havia alguma maneira de eu ter aparentado ser ridículo daquele jeito da primeira vez que eu cheguei. Infelizmente, provavelmente havia.
Nico levantou sua espada com esforço. "Nós temos que matar o outro time?"

Clarisse do futuro riu.

- Bem, que rapaz adorável- comentou Héstia

Quiron viu Hades soltar uma lequena gargalhada e franziu o sobrolho.

"Bem... Não."
"Mas as Caçadoras são imortais, certo?"
"Isso é apenas se elas não caírem em batalha. Além do mais —"
"Seria incrível se nós apenas, tipo, ressuscitássemos assim que fôssemos mortos, então poderíamos continuar lutando, e —"
"Nico, isto é sério. Espadas de verdade. Estas podem machucar."
Ele me encarou, um pouco desapontado, e percebi que tinha acabado de soar como a minha mãe. Uou. Não é um bom sinal.
Bati de leve no ombro de Nico. "Ei, está tudo bem. Apenas siga o time. Fique fora do caminho de Zoe. Nós vamos nos divertir muito."

- Imagino- comentou Annabeth do presente ainda apertanto a mão de Percy

O casco de Quíron retumbou no chão do pavilhão.
"Heróis!" ele chamou. "Vocês sabem as regras! O riacho é a fronteira. Time azul — Acampamento Meio-sangue — devem pegar a floresta oeste. Caçadoras de Ártemis — time vermelho — devem pegar a floresta leste. Eu serei o árbitro e médico do campo de batalha. Nada de mutilações intencionais, por favor! Todos os itens mágicos estão permitidos. Para suas posições!"
"Bacana," Nico sussurrou ao meu lado. "Que tipos de itens mágicos? Eu fico com um?" Estava prestes a cortá-lo dizendo que não, quando Thalia falou, "Time azul! Sigam- me!"
Eles se animaram e seguiram. Tive que correr para alcançá-los, e tropecei no escudo de alguém, assim eu não parecia muito como um co-capitão. Mais como um idiota.

- Então...- thalia comecou a dizer

- Nao, nao sou um idiota, nao, nao sirvo so para passar vergonhas- Percy do futuro interrompeu e continuou a ler

Nós posicionamos nossa bandeira no topo do Punho de Zeus. É o aglomerado de pedras no meio da floresta oeste que, se você olhar do ângulo certo, parece um grande punho saindo do chão. Se você olhar de qualquer outro lado, parece uma pilha de excrementos de veado, mas Quíron não nos deixaria chamar o lugar de Pilha de Cocô, especialmente depois de ter sido nomeado para Zeus, que não tem muito senso de humor.
De qualquer maneira, era um bom lugar para colocar a bandeira. A rocha do topo tinha seis metros de altura e era realmente difícil de escalar, então a bandeira estava claramente visível, como as regras falavam que tinha de estar, e não importava que os guardas não estivessem permitidos a permanecer a pelo menos nove metros de distância dela.
Coloquei Nico encarregado da guarda com Beckendorf e os irmãos Stoll, calculando que ele estaria seguramente fora do caminho.

- Não deve ter sido a tua melhor ideia-Beckendlrf comentou rindo

"Nós vamos mandar uma isca pela esquerda," Thalia falou ao time. "Silena, você lidera isso."
"Entendido!"
"Leve Laurel e Jason. Eles são bons corredores. Faça um amplo arco em volta das Caçadoras, atraia o máximo que conseguir. Levarei o grupo de assalto principal pela direita e as pegaremos de surpresa."
Todos confirmaram com a cabeça. Soava bom, e Thalia falou com tanta confiança que você não podia fazer nada a não ser acreditar que iria funcionar.
Thalia olhou para mim. "Algo a acrescentar, Percy?"
"Hum, sim. Fiquem espertos na defesa. Nós temos quatro guardas, dois batedores. Isso não é muito para uma grande floresta. Estarei andando por aí. Gritem se precisarem de ajuda."
"E não deixem seus postos!" Thalia disse.
"A não ser que vejam uma oportunidade de ouro," acrescentei.
Thalia fez uma expressão de desgosto. "Apenas não deixem seus postos."

Zeus riu debochando do sobrinho.

"Certo, a não ser —"
"Percy!" Ela tocou meu braço e me eletrocutou. Quero dizer, todo mundo dá choques estáticos no inverno, mas quando Thalia o faz, dói. Acho que é porque seu pai é o deus do trovão. Ela é conhecida por fritar as sobrancelhas das pessoas.

Poseidon revirou os olhos rindo.

- Já te expliquei que não podes eletrocutar as pessoas de quem nao gostas Thalia- realhou Zeus em tom de brincadeira

A mulher adulta levou as mãos ao ar rendendo se.

"Desculpe," disse Thalia, ainda que não soasse particularmente sentida. "Agora, está claro para todos?"
Todos concordaram. Nós nos dividimos em nossos grupos menores. A corneta soou, e o jogo começou.
O grupo de Silena desapareceu na floresta à esquerda. O grupo de Thalia deu alguns segundos, então se lançaram pela direita.
Esperei algo acontecer. Escalei o Punho de Zeus e obtive uma boa visão de cima da floresta. Lembrei de como as Caçadoras saíram de repente do bosque quando enfrentaram a mantícora, e eu estava preparado para algo assim — uma carga enorme que nos esmagaria. Mas nada aconteceu.
Captei um relance de Silena e seus dois batedores. Eles correram através de uma clareira, perseguidos por cinco das Caçadoras, conduzindo-as mais para dentro da floresta e para longe de Thalia. O plano parecia estar dando certo. Então eu mirei outro amontoado de Caçadoras dirigindo-se para a direita, arcos preparados. Elas deviam ter visto Thalia.
"O que está acontecendo?" perguntou Nico, tentando escalar ao meu lado.

- Às vezes esqueço me mesmo de como ele era- cochicou Clarisse e Grover concordou lembrando se de Nico quando era uma criança

Minha mente estava acelerada. Thalia nunca conseguiria passar, mas as Caçadoras estavam divididas. Com tantas assim em cada flanco, o centro deveria estar aberto. Se eu fosse rápido...
Olhei para Beckendorf. "Vocês conseguem proteger o forte?"
Beckendorf bufou. "É claro."
"Vou entrar."
Os irmãos Stoll e Nico me apoiaram enquanto eu corria em direção às linhas de fronteira.
Estava correndo a toda velocidade e me sentia ótimo. Saltei sobre o riacho para dentro do território inimigo. Eu podia ver sua bandeira prateada acima, apenas uma guarda, que nem estava olhando na minha direção. Escutei lutas à esquerda e à direita, em algum lugar no bosque. Eu tinha conseguido. A guarda virou no último minuto. Era Bianca di Angelo. Os olhos dela se arregalaram enquanto eu lhe dava uma trombada e ela ia se esparramando pela neve.

Hades fungou, estava com um péssimo percentimento.

"Desculpe!" gritei. Arranquei da árvore a bandeira prateada de seda e parti.
Estava a dez metros de distância quando Bianca conseguiu gritar por ajuda. Pensei que estava livre.
ZIP. Um cordão prateado passou pelos meus tornozelos e fincou na árvore próxima a mim. Um fio para tropeçar, disparado de um arco! Antes que eu pudesse ao menos pensar em parar, eu fui pra baixo duramente, estatelado na neve.
"Percy!" bradou Thalia, na minha esquerda. "O que você está fazendo?"

- Nada de jeito.- Thalia respondeu se a si mesma rindo

Antes que ela me alcançasse, uma flecha explodiu aos seus pés e uma nuvem de fumaça amarela ondulou em volta de sua equipe. Eles começaram a tossir e a engasgar. Eu podia sentir o cheiro do gás por toda a floresta — o horrível cheiro de enxofre.
"Não é justo!" Thalia arfou. "Flechas de peido são antidesportivas!"

- Ha mesmo coisas que du nunca esperava ouvir na minha vida é serio.- uma filha de Afrodite comentou

Levantei e comecei a correr de novo. Apenas mais alguns metros até o riacho e eu teria o jogo. Mais flechas zuniram pelo meu ouvido. Uma Caçadora surgiu do nada e me golpeou com sua faca, mas eu desviei e continuei correndo.
Escutei gritos do nosso lado do riacho. Beckendorf e Nico estavam correndo na minha direção. Pensei que eles estavam vindo para me receber de volta, mas aí eu vi que eles

estavam perseguindo alguém — Zoe Nightshade, correndo até mim como um leopardo, esquivando de campistas sem nenhum problema. E ela tinha nossa bandeira em suas mãos.

Artemis conseguiu sorrir.

"Não!" gritei, e aumentei a velocidade.
Estava a meio metro da água quando Zoe passou de volta para seu lado, trombando comigo como medida de segurança. As Caçadoras se animavam enquanto os dois lados convergiam para o riacho. Quíron apareceu do meio das árvores, parecendo ameaçador. Ele tinha os irmãos Stoll em suas costas, e ao que parecia os dois tinham tomado umas desagradáveis pancadas na cabeça. Connor Stoll tinha duas flechas cravadas em seu elmo como antenas.
"As Caçadoras vencem!" Quíron anunciou sem prazer. Então ele murmurou, "Pela quinquagésima sexta vez seguida."
"Perseus Jackson!" gritou Thalia,

Zeus fez uma cara engraçada, como quem preve confusao.

apressando-se até mim. Ela cheirava a ovo podre, e ela estava tão brava que faíscas azuis tremeluziam em sua armadura. Todos titubearam e recuaram por causa de Aegis. Precisei de toda a minha força de vontade para não me acovardar.
"O que em nome dos deuses você estava PENSANDO?" ela rugiu.
Cerrei os punhos. Já havia tido suficientes coisas ruins acontecendo comigo para um dia. Eu não precisava disto. "Eu peguei a bandeira, Thalia!" balancei-a na cara dela. "Vi uma chance e aproveitei!"
"EU ESTAVA NA BASE DELAS!" Thalia gritou. "Mas a bandeira tinha sumido. Se você não tivesse se intrometido, nós teríamos ganhado."
"Havia muitas em cima de você!"
"Ah, então é minha culpa?"
"Eu não falei isso."

- Eu avisei, são muito parecidos, ou eram melhores amigos ou se odiavam- comentou Annabeth do futuro

"Argh!" Thalia me empurrou, um choque percorreu meu corpo e me jogou três metros para trás, dentro da água. Alguns campistas sobressaltaram-se.

Zeus fechou a cara, não zangado, apenas sabendo que o sobrinho não reageria bem, eles tinham realmente um temperamento muito mau os dois.

Um par de Caçadoras abafou risadas.
"Desculpe!" Thalia disse, ficando pálida. "Eu não queria —"
Raiva rugiu nos meus ouvidos. Uma onda emergiu do riacho, chocando-se na cara de Thalia e ensopando-a da cabeça aos pés.
Eu levantei. "É," rosnei. "Eu não queria, também."
Thalia estava respirando pesadamente.
"Basta!" ordenou Quíron.

- Quiron separando as beigas dos nossos filhos, já pensou este dia chegar Poseidon?- perguntou Zeus divertido

- Nunca meu caro, nunca.

Ambos se riram.

Mas Thalia segurou sua lança. "Você quer um pouco, Cabeça de Alga?"
De algum jeito, estava tudo bem quando Annabeth me chamava assim — pelo menos, eu já tinha me acostumado — mas escutar isso de Thalia não era legal.
"Pode vir, Cara de Pinhão!"
Levantei Contracorrente, mas antes que eu pudesse ao menos me defender, Thalia gritou, e uma explosão de raios caiu do céu, atingiu sua lança como um pára-raios, e chocou-se contra o meu peito.
Caí sentado duramente. Havia um cheiro de queimado; tive a sensação de que eram as minhas roupas.
"Thalia!" disse Quíron. "Já basta!"
Coloquei-me de pé e desejei que o riacho inteiro se levantasse. Ele rodopiou, centenas de galões de água numa nuvem maciça e gelada em forma de funil.

"Percy!" Quíron protestou.
Eu estava prestes a arremessar tudo em Thalia quando vi algo entre as árvores. Perdi minha raiva e minha concentração de uma vez. A água se espalhou de volta na base do riacho. Thalia estava tão surpresa que se virou para ver o que eu estava olhando.

Um silencio sepucral se instalou no anfiteatro.

Alguém... algo estava se aproximando. Estava imerso numa tenebrosa névoa verde, mas enquanto se aproximava, campistas e Caçadoras se sobressaltaram.
"Isto é impossível," Quíron disse. Eu nunca o tinha visto soar tão nervoso. "Aquilo... Ela nunca deixou o sótão. Nunca."

- ah não como assim?- Clarisse do presente balbuciou perante as expressoes perdidas dos campistas que ainda nao tinham chegado lá

Ainda assim, a múmia esmirrada que carregava o Oráculo vacilou para frente até que ficou no centro do grupo.

Varios comentarios aleatorios surgiram.

Neblina circundava seus pés, deixando a neve com uma doentia tonalidade verde.
Nenhum de nós se atreveu a se mexer. Então sua voz sibilou na minha cabeça. Aparentemente todos podiam ouvi-la, porque muitos apertaram suas mãos contra os ouvidos.
Eu sou o espírito de Delfos, a voz falou. Orador das profecias de Febo Apolo, matador da poderosa Píton.
O Oráculo me fitou com seus olhos frios, mortos. Então ela se virou sem erro na direção de Zoe Nightshade. Aproxime-se, Buscadora, e pergunte.
Zoe engoliu em seco. "O que eu devo fazer para ajudar minha deusa?"
A boca do Oráculo se abriu, e névoa verde espalhou-se para fora. Eu vi a vaga imagem de uma montanha, e uma mulher em pé no pico árido. Era Ártemis, mas ela estava presa em grilhões, acorrentada às pedras. Ela estava se ajoelhando, suas mãos levantadas como para se defender de um atacante, e parecia que ela estava com dores.

Artemis okhou para Annabeth do futuro, lembrando se do que haviam lido nis capitulos anteriores.

O Oráculo falou:
Cinco devem ir para oeste até a deusa acorrentada Um deve se perder na terra árida
A trilha a desgraça do Olimpo vai lhes mostrar Campistas e Caçadoras combinados vão triunfar A maldição do Titã um suportará
E pelas mãos de um parente um perecerá
Então, enquanto nós olhávamos, a névoa rodopiou e recuou como uma grande serpente verde para dentro da boca da múmia. O Oráculo se sentou numa rocha e ficou parada como se ela estivesse no sótão, como se ela tivesse sentado perto do riacho por cem anos.

- Encorajador- disse Hermes quebrando o longo silencio- se não se importarem, eu lerei o próximo

E anunciou o titulo com os olhos postos, como quase todos os campistas, na janela da casa grande do outro lado do campo, onde pode jurar ver a cortina mexer se, apenas um centimetro, muito rapidamente, mas mexer se.

 


Notas Finais


.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...