História Choices • Baekhyun - Capítulo 13


Escrita por:

Postado
Categorias ASTRO, Black Pink, EXO, Seventeen
Personagens Baekhyun, Boo Seungkwan, Chanyeol, Eunwoo, Hansol "Vernon" Chwe, Hong Jisoo "Joshua", Jennie, Jisoo, Lisa, Personagens Originais, Rosé, Sehun, Seungcheol "S.Coups", Suho, Tao, Xiumin
Tags Byun Baekhyun, Você
Visualizações 96
Palavras 988
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura <3

Capítulo 13 - Você é uma ótima companhia



Eu: Está ficando frio ou é impressão minha?- Disse, mudando de assunto.
Baekhyun: Acho que tá sim...
Ele tira seu casaco e coloca nas minhas costas
Eu: Não precisa, você vai ficar com frio.- Tento tirar o casaco mas ele me impede
Baekhyun: Eu não tô com frio, larga de teimosia.
Eu: Posso ficar com a sua blusa?
Baekhyun: A que te emprestei hoje?- Concordo com a cabeça.- Ok...
Eu: Eu gosto de roupas assim, já roubei várias do meu irmão.- Ele ri fraco
Baekhyun: Err... Eu queria pedir um favor pra você.- disse depois de um intervalo. Pode se dizer longo, mas não tão longo
Eu: Pode pedir...
Baekhyun: É que... Meu pai me disse que minha tia vai ser casar, e eu preciso de um terno e essas coisas, só que...
Eu: Você precisa de ajuda?
Baekhyun: Isso. É que a única vez em que tive que usar terno foi naquela festa lá.
Eu: Sério?- Pergunto surpresa
Ele é filho de CEO famoso, como usou terno apenas uma vez? E como não sabe como escolher? 
Baekhyun: Você pode me ajudar? Minha mãe me disse que mulheres têm bom gosto para roupas...
Eu: Eu posso mas, e sua mãe? Ela não vai ao casamento? Ela podia te ajudar.
Baekhyun: Meus pais vão continuar nos Estados Unidos, então vou ter que "representar" minha família. Indo sozinho...
Eu: Ah, sendo assim, eu te ajudo.- sorrio
O jeito que ele pediu o favor foi tão bonitinho. Ele pediu tão envergonhado.
Acredito que seja comum os homens – alguns – precisam de uma ajuda na hora de escolher um terno ou algo do tipo. Não sei por que. Já vi em vários filmes e séries, os homens precisavam da ajuda da mulher para escolher um terno. Eu já tive que ajudar meu irmão a escolher um terno para algumas ocasiões, incluindo casamentos.
Baekhyun: Você não quer sair não?
Eu: Pra fora?
Baekhyun: Não, pra dentro. Imagina a gente sair pra fora?- disse sarcástico
Eu: Nossa, ok, fica aí sozinho então.- ameaço a levantar mas ele me puxa de volta
Baekhyun: Quer ou não?
Eu: Vamos. Mas, lembrando que estamos no segundo andar, se eu pular daqui e quebrar algum osso, você- coloco o indicador em seu peito- vai pagar a conta do hospital. Ou então eu viro um fantasma e venho te assombrar toda madrugada às uma da manhã
Baekhyun: Que imaginação hein.- disse, se levantando e esticando a mão para me ajudar a levantar- Levanta 
Eu: To levantando, calma- seguro sua mão e ele me puxa
Era bom ter a amizade de Baekhyun. Em todo esse tempo — que não é muito — em que estou na faculdade, uma das pessoas que eu mais converso e passo o tempo é Baekhyun. Quem mais me mandaria mensagem à uma hora da manhã, falando "Quer dar uma volta?"
Jisoo com certeza falaria que é uma loucura sair a uma da manhã para dar uma volta na faculdade. Jisoo também acharia uma loucura ficar aqui, tomando refrigerante da máquina de bebidas da faculdade e conversando sobre casamento e essas coisas, ou melhor, coisas aleatórias.
Baekhyun pulou primeiro, e depois disse para mim pular dizendo que ele ia me segurar. Sabe aquelas cenas, de pai e filho na piscina? O pai dizendo "pula! eu te seguro". Então a situação agora é parecida, só que, não numa piscina, e sim no gramado da faculdade, e não é meu pai, e sim um garoto que conheci há um mês e meio. Pulei, não quebrei nada, e não caimos um em cima do outro.
Eu: Como você se sente?
Baekhyun: Em relação a que?- disse ele, enquanto caminhava pelo gramado sem aparentar nenhuma preocupação em ser pego por algum guardinha ou algum universitário olhando pela janela
Eu: Ah, assim, sobre ser filho de um CEO.
Baekhyun: É sufocante. Me sinto preso, sem poder fazer o que eu quero. Tenho que evitar fazer algumas coisas, porque qualquer coisa que eu fizer de errado pode prejudicar a empresa. E se eu fizer, eu me culparia por muito tempo...
Eu: Posso imaginar.- disse, mexendo na borda da minha blusa 
Baekhyun: Por isso escolhi morar sozinho aqui
Eu: Mas e seus pais?
Baekhyun: Eles vão vir me visitar uma vez por mês. Disse que queria ficar um pouco afastado. Sem secretários me seguindo para qualquer lugar que eu vá.
Eu: E agora como você está se sentindo? 
Baekhyun: Melhor...
Eu: E eu? Sou uma boa companhia?
Por que raios eu perguntei isso?
Baekhyun: Você é uma boa companhia, mais do que você imagina.
Ok, eu fui elogiada, ok. E eu acho que eu fiquei um pouquinho, vermelha, só pelo fato de eu estar sentindo minhas bochechas queimarem.
Baekhyun: Você está vermelha- ele solta um riso baixo, o suficiente para ser ouvido e, para mim desviar minha atenção para ele e ver o sorriso em seu rosto abaixado.
********
Acordo com meu despertador vibrando em baixo do travesseiro. Me lembro de ter voltado para o dormitório perto das 03:00 da manhã, por isso dormi só pouco e ainda estava com sono.
As meninas ainda estavam dormindo, elas levantam um pouco depois de nós, só pelo fato de quererem dormir mais alguns minutinhos. Jisoo estava no banheiro,  pelo barulho da água caindo,  ela estava no banho. Enquanto isso , eu fazia todo aquele processo com produtinhos de pele e essas coisas que não sei explicar.
A janela que ficava ao lado da cama de Dahyun estava com parte da cortinha aberta, assim dando espaço para alguns raios de sol entrarem e baterem na mesa que ficava no centro do quarto. Assim que ouço a água do chuveiro parar, vou até onde minhas roupas estavam e pego uma muda de roupa junto com minha toalha. Jisoo sai do banheiro e eu entro logo em seguida, antes dizendo um bom dia animado uma para a outra, apesar de não ter uma explicação óbvia do "animado" bom dia. 
 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...