História Choro Silêncioso - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Choro, Choro Silêncioso, Comedia, Drama, Estou Bem, Hentai, Historia Original, I'm Fine, Romance, Sad, Silent Cry, Sorriso, Triste
Visualizações 30
Palavras 552
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Recomendo ouvir músicas para deixar mais interessante •w•

Capítulo 6 - Me esqueça


Fanfic / Fanfiction Choro Silêncioso - Capítulo 6 - Me esqueça

No capítulo anterior;

Sr. Andrey- iremos jantar hoje na casa da família do seu noivo,  e vocês sairão para jantar a sós, para se conhecer melhor

Ana- eu tenho escolha?

Sr.Andreys- não

Ana-ótimo! (Sai e bate a porta fortemente causando um barulho extremamente alto)

(Ao chegar no quarto, vê que seu celular tem uma mensagem da Lanah, e ao ler lágrimas caem do seu rosto)

Capítulo atual;

Ana- {era uma mensagem da Lanah, e quando eu li, lágrimas caíram do meu rosto}

"Querida Ana,

Desculpe essa formalidade toda, porém não tenho boas notícias, bom... O Ryan ainda esta internado, porém apenas para observações, amanhã ele já recebe alta, mas... Bom, acho que isso é bom afinal não é? Já a Crystal, bom... Nós a encontramos... ela está... ela faleceu Ana.. mas não se culpe! Ao que parece, pode ter sido suicidio... Mas essa não foi a primeira vez, no total foram 5... E ... Nós nem percebemos,.. belas amigas somos não? ... Acho que é isso... Bom... Não me proucure mais... Você está morta para mim.

Adeus, Lanah

Ana- eu, perdi minhas duas amigas em um dia só, como eu permiti isso? ....

???- Senhorita Ana, a Limosine do Sr. Ayato te espera

Ana- já desço, obrigada Yoki

(Ana se arruma, e desce onde encontra o seu noivo)

Ayato- A donzela finalmente está pronta?

Ana- hmpf.

(Ela iria sair, quando ele abre a porta)

Ayato- primeiro as damas

Ana- não precisa ser educado, sei qie está aqui só por obrigação

Ayato- mas não faço obrigação, e sim por gentileza

(Um silêncio paira dentro do carro)

Ayato-então você morava no Brasil?

Ana- Sim... Mas tive que me mudar...

Ayato- e você gostava de morar lá?

Ana- (triste) foi os melhores anos da minha vida...

Ayato- e você tinha amigas?

Ana- (lágrimas escorrem do seu rosto) ... Desculpa não quero falar disso

Ayato- desculpa... Não queria tocar numa ferida

Ana- tá tudo bem! Desculpa eu não queria ser grossa,... Só que tem muitas coisas acontecendo na minha vida

Ayato- ... Entendo.. as vezes eu penso em desistir de tudo também, eu... Só quero parar tudo

Ana-... Obrigado por entender

Ayato-... Não precisa agradecer

???- chegamos Sr. Ayato

Ayato- obrigado Martin

(Ayato abre a porta ds limosine e sai, vai ao lado de Ana e abre a porta gentilmente, ao Ana sair ele dá um abraço nela)

Ayato-(sussura) me desculpe

Ana- tudo bem..


Quebra de Tempo


(Eles terminam o jantar e resolvem andar pelo parque, para conversarem)

Ana- você.. não se sente incomodado de estar se casando com uma estranha?

Ayato- sabe... Eu me sentia assim, mas ao te conhecer, vejo que você é uma garotagentil, que se importa demais com os outros do que com si... 

(Ao Ayato dizer isso, Ana relembra de suas memórias, e para automaticamente de andar. Ayato ao ver que Ana não o acompanhava, se vira e vê a mesma com lágrimas no rosto)

Ayato vai até ela

Ayato- ei, o que foi? 

Ana- nada... Só que memórias ruins me veio a cabeça

Ayato- sinto muito! Eu sou um idiota, mal nos conhecemos e já fiz você chorar duas vezes

Ana- não é culpa sua... É que recentemente minha melhor amiga, desapareceu... E ela foi encontrada morta hoje.. depois disso minha amiga me culpa e  me odeia

Ayato a abraça

Ayato- eu não sei o que aconteceu, mas a culpa não é sua! Você não pode fazer nada

Ana-o-obrigado, mas.. eu sei que eu podia ter evitado, mas eu nunca faço nada! Eu só estrago, tudo o que eu toco

Ayato-nunca mais diga isso! (E a beija)






Notas Finais


Aaahh, eu já não sei mais com quem eu shippo

Obrigado por ler ♥️ ♥️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...