História Chuva de estrelas - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook)
Tags Estrelas, Fim, Jeongguk, Suícidio, Tragedia
Visualizações 16
Palavras 309
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), LGBT
Avisos: Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


História não revisada

Capítulo 1 - A dor passou


Uma vez quando eu tinha uns cinco anos, ouvi que se você mergulhasse numa chuva de estrelas sua dor acabava.

Naquele tempo eu ainda não entendia, mas com o passar dos anos, a dor foi se acumulando e os vários nãos que recebi, me fizeram perceber que eu não era necessário.

E isso começou pela mulher que me gerou.

Foi engraçado. Antes do tempo certo de eu nascer, ela tentou me tirar, porém não deu certo, então aguardou até o sétimo mês. E quando chegou, ela me deixou lá, e eu comecei a esperar.

Eu não sabia o que estava esperando, mas isso durou quinze anos, quando desistir de ficar naquele lugar e fugir.

O hyung foi a primeira pessoa que me ajudou, mas ainda acho que ele só fez isso para manter a pose de bom moço.

E mesmo depois de tanto tempo, eu nunca esqueci da chuva de estrelas.

As vezes eu saia para procurá-la, mas voltava com medo do que encontraria, mas hoje eu não ligo para o que irei ver.

Eu sai, e nem precisei deixar nenhum bilhete, não tinha ninguém em casa esperando que eu voltasse. Mas, para não ser um completo filha da puta, avisei ao Hyung, passando uma carta por debaixo de sua porta e após isso, corri.

O pior, é que eu não sou o pior tipo de pessoa. Minhas notas são excelentes, e ainda participava do atletismo, mas sabe de um coisa?

Guardar tanta dor pra si cansa demais. E eu cheguei no meu limite. Eu não consigo mais aguentar.

A chuva de estrelas está na minha frente agora. Agora sei a sua forma e é assustadora, mas irei enfrentá-la. Eu realmente não consigo mais.

Depois de quinze anos consegui encontrar.

Estou feliz.

Agora posso mergulhar nessa magnífica chuva de estrelas e deitar na cauda de um cometa.

A dor passou.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...