História Cicatricure ( Imagine Kim Taehyung ) - Capítulo 1


Escrita por: e butterfly_-

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Kim Taehyung (V), Personagens Originais
Visualizações 116
Palavras 907
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii.
Tenho que dar créditos a Cicatricure Gel que me deu a ideia dessa... Fanfic.
Obrigada.
Erros? Sorry!
Bjs da Lay

Capítulo 1 - Primeiro


Fanfic / Fanfiction Cicatricure ( Imagine Kim Taehyung ) - Capítulo 1 - Primeiro


S/N On

Eu o via quase todas as semanas do mês. Ele sempre dava um jeitinho de passar na farmácia nem que seja pra comprar uma balinha. Se eu ficava feliz? Imagina! Eu pirava naquele garoto, ele era com certeza meu crush supremo. Aqueles olhos orientais, aquela boca, aaah meu Deus! Que perdição aquele garoto! Mas quem disse que ele dava moral pra mim? Sempre quem o atendia era Dahyun, parecia até praga. Eu estava aqui livre e ele sempre ia até ela. Acho que ele tem uma queda por ela, só pode. O que me deixava muito chateada, óbvio.

Bufei frustrada e praticamente me debrucei sobre o balcão. O estabelecimento estava relativamente parado, hoje era domingo e a maioria das pessoas estavam em casa curtindo suas familias e eu aqui sendo obrigada a fazer hora extra. Pra piorar eu era a única atendente hoje. O farmacêutico estava enfiado na cozinha, o gerente tinha ido comprar seu almoço e o outro atendente que estava no caixa se encontrava quase dormindo. Se eu não quisesse ficar igual ele, teria que fazer algo. 

Virei-me de frente pra grande prateira cheia de medicamentos. Olhei de cima a baixo procurando por algum defeito ali, mas acho que alguns defeito tinha mesmo minha calcinha. Mas que droga, por que tinha que ficar se enfiando no meio das nádegas? Logo a tirei dali fazendo um barulho grande. Ardeu!

- Eer.. Moça? - ouvi uma voz grave risonha.

Ah meu Deus! Que vergonha! Será que o cliente viu algo?

Virei novamente e encarei o homem a frente sentindo minha cabeça por completa queimar de vergonha.

- Ah. Meu. Deus! - falei em português pausadamente assim que vi quem era o tal cliente. Tinha que ser Ele? Logo Ele? Logo hoje? Que vergonha! Queria enfiar meu corpo inteiro debaixo da terra.

- 'Tá tudo bem? - ele perguntou meio preocupado. Acho que minha expressão não era a das melhores.

Abaixei-me rapidamente e me escondi atras do balcão. Não acredito que tirei minha calcinha da bunda bem na frente do crush. Não! Por favor, não! 

- Olha, eu só queria um cicatricure gel. - ele disse parecendo cauteloso.

Eu respirei fundo e olhei para o lado direito na segunda prateleira. Logo vi várias caixinhas de cicatricure. Tomei folego e engatinhei até lá. Peguei uma caixinha e voltei pro meu lugar estendendo o medicamente sem o olhar.

- Ok. - ele disse soltando um risinho e pegou a caixinha de minha mão. Eu paralisei! Ele tocou em mim! Oh, ele tocou em mim! - Obrigado, S/N. - ELE SABE MEU NOME! NÃO CREIO. NÃO CREIOOO! ENTÃO ELE NÃO ME ODEIA OU ME REJEITA! Eu acho.

Esse com certeza foi o melhor e pior dia da minha vida.


Taehyung On 

Disseram que esse medicamento cura todos os tipos de cicatrizes e eu esperava verdadeiramente que ele curasse a minha cicatriz.

Encarei a caixinha e lembrei do momento na farmácia. Logo eu ri. Ela parecia ser realmente uma comédia, aquela garota. Dahyun sempre me falava dela quando eu ia lá. Mas eu sinceramente nunca liguei muito pra garota estrangeira. Meus olhos viam apenas Dahyun, meu coração batia apenas por ela, eu ia lá apenas por ela. Mas a garota nunca fez questão de aceitar nem ao menos um convite meu pra sair. E pra piorar toda a situação, a filha de uma mãe se aproximou de mim apenas pra ficar com um de meus melhores amigos. Me fez alimentar falsas esperanças .. Claro que eu estava de coração partido. Foi terrível cchegar na casa de Baekhyun e a encontrar com ele. Eu não o culpo, afinal ele não sabia de meus sentimentos por ela.

Agora, eu só espero que essa cicatriz seja curada o quanto antes. 

Passei o gel gelado sobre meu peito no lado esquerdo e vesti a camiseta. Na bula dizia que eu deveria usar o medicamente duas vezes ao dia durante sete dias. Tomara que dê certo.


S/N On

- Obrigado, volte sempre. - falei e sorri para o cliente ja de idade. Ele me sorriu de volta e saiu do estabelecimento contente.

Hoje eu estava no caixa, infelizmente. Detestava quando me mandavam pra ca. Mas eu tinha que trabalhar, não é?! Se eu não fizesse isso quem bancaria minha faculdade?

Mas mudando de assunto, ja faz uma semana que não vejo o crush supremo, Kim Taehyung. Será que ele se sentiu ofensivo pela cena que viu? Ah,Meu Deus! Será que ele reclamou com o gerente? Será que ele me odeia? Se bem que ele riu né... Se ele não tivesse rido, talvez...

- MOÇA, EU TO FALANDO! ISSO É PROPAGANDO ENGANOSA! - ouvi aquela voz familiar e segui o som com os olhos. Kim Taehyung falava com a outra atendente. Ele parecia bem nervoso e segurava o tal do cicatricure gel em mãos. - Onde está S/N? Ela que me vendeu isso. - o garoto/homem disse e a atendente logo apontou pra mim no caixa. 

Taehyung se virou e me encarou com fogo nos olhos. Meu Deus! O que eu faço? Saio correndo? Não posso perder meu emprego. O que será que aconteceu para o garoto estar tão nervoso assim? Cicatricure era tão ruim, afinal?

- S/N... - ele ficou a minha frente e colocou a caixinha sobre o caixa. Eu estava tão nervosa, com medo e em extasi que não consegui controlar minha única vontade no momento. Coloquei minhas mãos ao redor de seu rosto e o puxei pra mim. A última coisa que senti foi seus lábios macios em contato com os meus.


Notas Finais


Em breve segunda e ultima parte.
PlayStation https://www.spiritfanfiction.com/historia/playstation-imagine-j-hope-13768385
Bjs da Lay


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...