História Cidades de Papel (Taoris) - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias 2NE1, Black Pink, EXO, F(x), Huang Zitao "Z.Tao", Kris Wu
Personagens Amber Liu, Baekhyun, Chanyeol, Chen, Cl, D.O, Huang Zitao "Z.Tao", Jennie, Jisoo, Kai, Kris Wu, Krystal Jung, Lay, Lisa, Lu Han, Luna Parker, Minji, Park Bom, Personagens Originais, Rosé, Sandara Park, Sehun, Suho, Sulli Choi, Tao, Victoria Song, Xiumin
Tags Taoris
Visualizações 32
Palavras 576
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, LGBT, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii meu povo que cheira a pão com ovo, antes que vocês me matem por demorar a atualizar, tenho que pelo menos me explicar.

As minhas aulas voltaram no meio da semana o que já foi uma quebra muito grande no meu tempo de postar. Já que estamos um tanto perto do fim de ano, os professores passaram ainda mais trabalhos e várias outras coisas. Não terei um tempo certo pra postar, mas com certeza continuarei postando. A criatividade me fugiu, por isso esse capítulo é bem chatinho.

Boa leitura~♡

Recadão nas notas finais.

Capítulo 4 - 4


Depois de colocarmos nossa fé inexistente nas últimas provas, eu e Taiwan rumamos ao refeitório; estava até mais tranquilo, acho que é porque Yixing não estava lá.

- Estou morrendo de fome! - Peguei um dos sanduíches na bancada. - Não vai comer Taiwan? - Perguntei dando uma mordida grande.

- Não estou com fome, eu comi em casa. - Sorriu.

Apenas concordei, não ia forçar ela a comer; mesmo que minha vontade fosse essa. Terminei meu lanche e começamos a andar até os armários.

- Tao, você realmente vai? - Perguntou guardando todos os livros.

- Claro! Tenho que ajudar o Yifan! - Guardei os meus também e tranquei o armário.

- Ele nem sabia da sua existência a alguns dias atrás, e agora quer sua ajuda. - Cruzou os braços e me olhou.

- Olha Taiwan, é uma chance de me aproximar dele, nem que seja só um pouco. - Sorri pequeno. - O que o Chanyeol diria?

- Que você é um baita idiota. - Segurou o riso. - E que estaria com você nisso.

- Essa festa vai nos meter em confusões! - Comecei a andar um pouco mais rápido.

- É. - Taiwan me seguiu. - Vai pra' casa? - Perguntou.

- Ainda não sei, Song disse que queria passar um tempo comigo e Soojung na casa dele.

- Não se esqueça maravilhoso anjo Zacarias, que teremos uma "festa" pra' ir. - Ajeitou a mochila nas costas.

- É eu estava pensando nisso. - Dei de ombros. - Vou conversar com o Song para remarcar o dia. - passei por algumas pessoas que estavam se comendo praticamente.

Taiwan mexia no celular e às vezes digitava algo rápido; Ela também está mais magra e isso me preocupa. Passamos pelo portão principal e seguimos pela calçada.

- Você pediu permissão pro' seu pai? - Perguntei um tanto curioso.

- Sim, ele só me disse pra' tomar cuidado. - Respirou fundo.

Para os desinformados que desceram agora da minha escada rolante chamada vida, Taiwan mora com o Han. O pai dela. Como posso explicar, digamos que tio Han casou duas vezes, e nisso teve dois filhos, Baekhyun e Taiwan. 

- Chegamos. - Taiwan disse perto do portão de sua casa.

[¤]

Zitao estava jogado na cama, ao pé da letra; quando se tratava de comida e Yifan ele ficava mais idiota. Era um sentimento que não poderia controlar. A notificação indicando a mensagem de Yixing o deixou um tanto animado. Afinal festas junto com seu milagre não estava em seus planos de férias.

" As 20:00" leu com uma ponta de preocupação; não sabia onde estava com a cabeça, quando topou fazer parte de todo aquele plano. Ou melhor sabia sim.

- Tao, Taiwan está te esperando lá na sala. - Song disse entrando no quarto. - Você nem está pronto cara!

- São 18:00 agora! - Se defendeu jogando uma almofada no mesmo.

- Vai logo Zitao! - Desviou da almofada. - Idiota!

Zitao bufou, Song conseguia ser o irmão mais irritante do mundo, quando queria. Porém na maioria das vezes ele era um cara legal. Tao se lembrava de quando Song era uma menina, seu pai perguntou o que "ela" queria no aniversário, e com toda a inocência do mundo, respondeu: "quero ser um garoto".

Ouviu mais um chamado de Song, e se levantou da cama indo a passos largos e lentos até a sala. Desceu os degraus com uma preguiça não típica e então avistou Taiwan sentada no tapete. Mas ela não estava sozinha.

- Chanyeol? Você não tinha ido viajar?


Notas Finais


CAPITEM AQUI MEUS CONSAGRADOS:

Existe um projeto chamado Pandragon, dedicado unicamente ao nosso Taoris de cada dia! Quero que vocês dêem todo o amor a esse projeto. Vão lá! Sigam e esperem as novidades. Ok! Ok?


https://www.spiritfanfiction.com/perfil/pandragon


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...