1. Spirit Fanfics >
  2. Cinderella >
  3. Contemplando o céu estrelado

História Cinderella - Capítulo 10


Escrita por:


Notas do Autor


POV Nessie

Capítulo 10 - Contemplando o céu estrelado


— Renesmee!

Mel falou alto entrando na cozinha, revirei meus olhos enquanto terminava de organizar as louças do almoço, eu não tinha a menor duvida que esse seria mais um daqueles dias que ela escolhia para me incomodar.

— Precisa de algo? Perguntei ainda dando as costas para ela, me abaixei guardando algumas louças em um compartimento do armário da cozinha, Mel riu baixinho e eu fiz uma careta me concentrando na provocação que viria a seguir.

— O que achou do meu vestido?

Lentamente eu ergui meu corpo girei ficando de frente para ela, respirei fundo ao vê-la usando o meu vestido – É lindo! Respondi voltando a dar as costas para ela.

— Você tinha muitas roupas! Ela falou puxando uma cadeira para sentar – Deve ser por isso que tia Bella morreu com tantas dividas.

Fechei os olhos e enquanto Mel continuava a falar eu desliguei os meus ouvidos me concentrando em uma única frase, “ concentre-se Renesmee, concentre-se!” então após alguns minutos ela finalmente se calou.

Virei meu corpo novamente em sua direção e ela sorriu – Vou para o meu quarto, me leve um suco de uva.

— Tem na geladeira! Respondi sorrindo enquanto pegava alguns recipientes para colocar as sobras do almoço.

— Você não pode estar falando sério! Ela falou indignada.

— Tia Maeve me dispensou, disse que não me quer na casa mais hoje, não sei se ela vai ficar feliz em saber que você me fez ficar.

Mel me lançou um olhar de fúria e saiu do cozinha desconcertada, eu ri baixinho voltando  atenção para os recipientes sobre a mesa, minha tia e suas filhas pediam sempre muita comida mas não comiam nem a metade de tudo que pediam para ser feito, ao menos Honey e Jake teriam o jantar e o café da manhã garantido.

Terminei de organizar tudo em seguida sai da mansão pelos fundos, não queria que tia Maeve ou minhas primas me flagrassem com a sacola cheia de comida, Jake estava a quatro dias no celeiro e precisava se alimentar para se recuperar do ferimento.

— Cheguei!

Falei ao abrir a porta do celeiro, Jake estava sentado com Honey ao seu lado, assim que a poodle me viu correu como sempre animada em minha direção.

— Também senti saudade Honey! Falei colocando as sacolas na mesa – Cuidou bem do nosso hóspede? Pergunte fazendo carinho em seus pelos em seguida olhei para Jake – Hey!

Jake deu um leve sorriso – Oi!

— Como você está? Perguntei deixando Honey no chão e caminhei até ele.

Jake torceu o lábio inferior – Acordei bem melhor hoje! Obrigado.

— Isso é bom! Respondi me sentando a frente dele e toquei sua testa – A febre baixou e está com uma aparência bem melhor.

— Então acha que vou sobreviver? Ele perguntou olhando em meus olhos.

— Tenho certeza que sim! Sorri de forma gentil para ele e desviei nossos olhares, olhei para sua camisa e ainda estava suja de sangue, levantei e cruzei os braços o olhando fixamente, a barba estava grande, Jake precisava de um banho urgente.

— Algum problema? Ele perguntou me olhando confuso.

— Você precisa de um banho!

Jake franziu as sobrancelhas – Está me chamando de fedorento?

—Estou! Respondi sorrindo e caminhei até um grande baú o abrindo, em seguida tirei de dentro um grande cobertor limpo – Você toma um banho e eu lavo suas roupas, o dia está lindo, tenho absoluta certeza eu elas secam antes da noite.

Jake riu baixinho e fez uma careta de dor- E o que eu vou vestir enquanto você faz isso?

— Pensei em algum vestido, mas acho que não vão caber em você! Respondi.

— Não sendo rosa, tudo bem! Ele respondeu me fazendo rir.

— Rosa cai bem no seu tom de pele! Respondi.

Rimos juntos.

Nossos olhares novamente se cruzaram e ficamos em silêncio, senti que minhas bochechas coraram então novamente desviei meu olhar para o cobertor – Então você toma um banho e se cobre com isso!

— Certo! Ele respondeu tentando levantar, imediatamente deixei o cobertor cair e o ajudei – Obrigado! Ele respondeu enquanto apoiava-se em mim.

Lentamente caminhamos em direção ao banheiro, Jake apoiou-se na pequena pia enquanto eu ligava o chuveiro – Prontinho! Falei me virando novamente para ele e meu rosto queimou ao vê-lo apenas de box.

— Eu...eu já...Gaguejei – Não podia esperar eu sair? Tentei disfarçar pegando as roupas dele do chão.

— Falta a sunga! Ele falou me provocando.

—Você não fez isso? Reclamei ainda de costas para ele e rolei os olhos ao ouvir sua risada baixa.

—Deixa ai depois eu pego! Reclamei saindo do banheiro as pressas com as roupas dele nas mãos e assim que sai respirei fundo, Honey me olhava abanando o rabo.

— Não me olhe assim Honey! Reclamei colocando as roupas em uma bacia e sai do celeiro.

— Nessie! Jake gritou me fazendo largar as roupas debaixo da torneira e corri até  porta do banheiro.

—Você está bem? Perguntei preocupada.

— A água...está muito fria!

Rolei os olhos – Isso é sério? Não sei se percebeu, mas estamos em um celeiro e não em um hotel de luxo.

— Mas esta gelada!

— Vossa majestade quer que eu esquente a água? Perguntei rindo encostada na porta.

— Por favor!

— Você está brincando não está?

—Nessie!

O ignorei e voltei para o tanque.

Lavei as roupas e pendurei em um pequeno varal, em seguida entrei no celeiro, Jake estava sentando sobre um caixote enrolado no cobertor, o olhei fixamente ao perceber que ele havia tirado a barba.

Ele era muito bonito.

— Fez a barba! Murmurei sorrindo.

— Sim, eu encontrei um aparelho cor de rosa!

Baixei a cabeça rindo.

—Não me diga que você? Ele perguntou desconfiado.

— Vamos esquecer isso? Respondi.

— Estava cheiroso! Ele sorriu.

— Vamos almoçar! Mudei de assunto indo até a mesa, peguei uma das marmitas e caminhei novamente até ele o entregando.

Jake pegou das minhas mãos e sorriu – Obrigado anjo, por tudo que está fazendo se não fosse você eu estaria morto.

— Não há de que! Respondi sorrindo, Honey latiu reclamando que queria seu almoço e Jake e eu rimos, após colocar o almoço do poodle eu sentei ao lado de Jake e almoçamos juntos.

Após o almoço fiz um novo curativo em seu ferimento, apesar de ainda estar aberto não estava mais infecionado, durante o restante da tarde ele dormiu devido aos medicamentos que eu o havia obrigado tomar, Jake era um homem mas em alguns momentos parecia um menino de cinco anos.

Estudei o restante da tarde até o sol de despedir.

— Acho que dormi demais! Jake falou sonolento sentando-se sobre o colchonete.

— Você teve febre novamente! Falei lhe entregando uma xicara de chá em seguida peguei suas roupas o entregando – Limpas e cheirosas.

Jake sorriu tomando um gole do chá enquanto eu organizava meus livros – Percebi que gosta de livros! Ele falou voltando a tomar seu chá.

— Sim! Respondi sorrindo – Pretendo fazer faculdade ano que vem!

— Muito bom! Ele respondeu – Além de linda, enfermeira, cuidadora, estudante o que mais você é?

Terminei de arrumar os livros e olhei para ele sorrindo – Está me cantando novamente?

Jake gargalhou e gemeu em seguida – Só estou sendo gentil.

— Acho melhor você se vestir! Respondi caminhando até a mesa pegando algumas maçãs e fui para a porta olhar novamente as estrelas, mordi uma maçã e dei um pedaço a Honey e olhei para o céu.

— Você sempre faz isso?

Olhei para trás e Jake aparecia na porta sentando-se lentamente ao meu lado.

—Gosto de olhar as estrelas! Respondi lhe entregando uma maçã.

Ele pegou a maçã de minha mão e a mordeu olhando para o céu, olhei para ele com o canto dos olhos, ele havia melhorado muito, o que significava que em breve ele partiria.

— Acho que essa é a hora de fazer seu pedido! Ele falou me fazendo olhar para o céu, novamente uma estrela cadente passava de forma rápida, fechei os olhos e sorri e quando abrir meus olhos novamente ele me olhava em silencio.

— Fez o seu pedido? Perguntei tentando disfarçar meu constrangimento.

— Talvez ele já tenha sido realizado! Ele respondeu voltando a olhar para o céu – Coisas boas irão acontecer.

—Sim, irão! Respondi voltando a olhar as estrelas, e juntos ficamos por horas contemplando o céu estrelado.

Meu mundo parecia ter mudado, de alguma forma estava diferente.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...