História Cinquenta Tons de Liberdade - Suga (Min Yoongi) - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, K.A.R.D
Personagens Personagens Originais
Tags Amor, Drama, Sexo, Suga
Visualizações 222
Palavras 1.185
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


CHEGUEEEEEEEEYYYYYYYYYYY e espero que gostem do capítulo, que ficou um pouco pequeno, pra mim, mas... ta ai!


Boa Leitura! >3<

Capítulo 5 - Unity Is Strength


Fanfic / Fanfiction Cinquenta Tons de Liberdade - Suga (Min Yoongi) - Capítulo 5 - Unity Is Strength

       <ANTERIORMENTE>

 

   Talvez, fosse verdade, eu o amava realmente, me sentia feliz e segura ao teu lado. Talvez, este fosse o problema

Talvez, tenha sido o maior erro que cometi

 

                <Agora>

“Ninguem pode se envolver com os capangas do Jimin”

“Se você soubesse do quanto é perigoso passar pelos riscos”

“Disseram que foram 150 achibatadas”

“ É por isso que você não pode se envolver!”

“Mulheres devem ser cuidadas, e não machucadas entendeu?”

“Jimin se arrepender?”

“Eu também te amo Lya Wong”

Esses pensamentos martelavam em minha cabeça, não parava de pensar neles. Tudo o que Roberta disse sobre o Jimin, o que ele fez ou o que seria capaz de fazer, me agonizava. O motivo? Amar Min Yoongi

Não devia ter me envolvido, não devia ter amado. Isso só me causou mais problemas. O que podia fazer? Yoongi me deixa louca, me faz pensar e agir diferente. Me fez amar pela primeira vez, me fez  saber o que é amar. Um amor proibido, no qual não posso opinar nem expressar qualquer tipo de sentimento. Não podia beijá-lo, que seriamos vistos e arriscaria nossas vidas

Ai Lya, por que se apaixonou? Pra que?

 

POV’s Yoongi

Lya mexe comigo. Mexe de tal forma, que nem eu consigo me compreender. Assumiria os riscos por ela. Morreria por ela, mataria por ela. De repente, um homem robusto, sério e desumano, se tornou mole e sensível.

“Ah doce Lya!” eu nunca disse isso para outras, porque disse para ela? Ah é, estava apaixonado.

Meu jeito de tratá-la é diferente, meu jeito de beijá-la é diferente, meu jeito de amá-la é diferente

 

Logo depois de nos amarmos, a deixei dormindo e vesti minhas roupas. Até que parei para olhá-la. Lya Wong... Maravilhosa Lya! “Eu te amo Min Yoongi”. Isso não saia da minha cabeça, e nem sairá

Sai de meus devaneios e fui abrindo a porta com cautela. A fechei sem expor qualquer tipo de barulho. Ate que sou surpreendido por ele, maldito ruivo

- Kim Seokjin- minhas palavras saíram com desdém

- Min Yoongi- se pronunciou sarcástico –saindo do quarto, após uma bela tarde de sexo... Jimin vai adorar saber disso- diz e me assustei, cerrando os punhos. O mesmo ia se afastar, porém agarro em seu pulso

- Nem pense em contar para ele ou...- eu ia dizer mais, só que haviam pessoas passando no corredor. O mesmo me encara sínico, soltando-se de minha mão

- Ou o que? Oras Yoongi, você não manda em mim- diz e olha para os lados, com um sorriso sarcástico, atraindo olhares para nós. Tive de deixá-lo ir

Como pude ser covarde? Logo eu, o mais sério? Mas não é isso que importa, o que realmente importa é a segurança de Lya

Abro a porta bruscamente, a mesma se assusta

- Yoongi?- diz rouca, e me sento ao seu lado

- Lya, Jin viu a gente- digo e a mesma arregala os olhos

- O QUE?- indaga completamente perdida em minhas palavras

- Não da tempo de explicar, vista suas roupas e vai para o refeitório! Encontro-te lá- digo e a menor me olha, agonizada

- Desculpe Yoongi-ah- diz e se levanta, porém agarro em sua mão

- Não se desculpe, não é culpa de inguem!- ela sorri fraco, e começa a se vestir. Levantei-me e fui até ela, roubando um selinho- Te amo jagyia!- digo e saio correndo do quarto, sem a mesma se pronunciar. Vou até a sala de reunião, e Taehyung, Jungkook, Namjoon e Hoseok estavam jogando cartas. Eles me olham confusos, e Hoseok se levanta

- Preciso da ajuda de vocês- digo e eles se entreolham. Hoseok me dá um sorriso, revelando seus dentes perfeitamente alinhados

- Pode falar hyung!

 

   POV’s Lya

Depois de Yoongi sair, dou um risinho e também saio em direção ao refeitório. Chego lá, encontro Roberta conversando com uma garota de cabelos azuis

- Ro, preciso da sua ajuda!- digo e ela se levanta, me puxando para um canto

- O que aconteceu?- indaga e logo sinto as lagrimas virem rapidamente. Fico cabisbaixa, e ela me envolve num abraço

- Lya, o que foi?- diz novamente e dou um suspiro

- Eu e Yoongi transamos- digo e ela me encara séria

- Garota, eu te disse...

- Eu sei, eu sei- a interrompo e ela limpa minhas lagrimas- foi incrível, mas um tal de Jin nos viu e acredito que ele conte para o Jimin- digo e ela arregala os olhos, andando de um lado para o outro

- Você é surda né? Deve ser! Eu te disse para não se envolver, mas...

- Mas eu o amo- replico, e ela fica abismada- preciso da sua ajuda, senão Jimin vai me matar!- digo e ela fica compreensiva

- É só desmentirmos ele!- ela diz e eu encalho

- Como?- balbucio e ela revira os olhos

- Se falarmos para ele que você esteve aqui o tempo todo, ele irá acreditar em nós, é só torcer para Yoongi dá uma forcinha- ela diz e suspiro aliviada. Dou um abraço na loira, que corresponde ao mesmo tempo

- Obrigada!- digo e ela acaricia meus cabelos

- Por nada Lyly!- diz e eu sorrio

De repente, a porta do local se abre, revelando um Jimin furioso

- SUA CRETINA!!- grita, vindo em minha direção, porém Jungkook e Hoseok o seguram e Yoongi chega desesperado

- Por quê?- finjo não saber e Yoongi entra na minha frente

- É hyung, por quê?- diz o loiro e o moreno dá um soco na cara do maior, porém o mesmo também revida

- Não sei Yoongi por que me chamas assim? Os dois transaram, e não merece minha amizade!- repreende o mais novo e Yoongi rebate

- Claro que não Jimin! Quem te disse?- questiona e o moreno cruza os braços. Eu suspirei aliviada, porque Yoongi estava ajudando

- Seokjin- cuspiu as palavras e Jungkook o rebate

- Ele estava mentindo, porque Yoongi hyung estava conosco o tempo todo- respiro aliviada novamente, porque Kook estava ajudando também

- Verdade hyung!- repreende Hoseok

- É Jimin- Roberta se pronunciou- Lya também passou o tempo todo conosco- digo e ela dá um olhar de relance

- SEOKJIN!!!- grita o moreno andando pesado, e Yoongi agradece os meninos

- Ro, valeu!- digo e a mesma sorri abertamente

- Tudo por uma irmã!- me abraçou e me apertou. Ela me solta e sai andando, de volta para a garota de cabelos azuis, que me olha de relance e fecha a cara. Senti-me estranha, parece que eu já a vi antes

- Pelo visto todo mundo se ajudou!- pronuncia o loiro, se aproximando

- É...- digo e o maior da um selar em minha bochecha

- Te vejo na roseira- diz e se afasta, dando um tchauzinho

Sento numa cadeira e pouso minha cabeça sobre minhas mãos, no qual meus cotovelos se apoiaram a mesa, me fazendo refletir novamente.

Antes, eu estava me perguntando: porque eu amei? Pra que? Agora eu sei a resposta. Porque ele também me ama, e eu não me arrependo de amá-lo

Será que estou errada? Oh destino, não brinque comigo!

 

CONTINUA??                                                                                                                

 

 

 

 


Notas Finais


E esse foi o capitulo de hoje, espero que tenham gostado.


Bjos da Tia Kim!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...