1. Spirit Fanfics >
  2. Citrus curtas >
  3. Época de Acasalamento: Deixa eu Sentir seu Calor

História Citrus curtas - Capítulo 55


Escrita por:


Notas do Autor


Outro rascunho que escrevi na wattpad e esse é recente. Eu quase fiz uma outra história sobre lobos (Sério, a maioria das fanfics que tem é lobos ou vampiros)

E essa foi recente, a última vez que atualizei foi no dia 19 de janeiro de 2019
(A capa da história não deu pra recuperar)

Título da fanfic:
Alpha & Omega

Sinopse:
Uma loba alfa desajeitada e excluída pelo bando à procura de uma parceira. Vendo seus outros companheiros caçoar da cara da jovem, ela decide se juntar ao ciclo de acasalamento para mostrar que é digna para o título de alfa. Até que um uivo chamou sua atenção, uma linda ômega de pêlos negros sob a pedra perto da cachoeira observando a alfa hipnotizada com sua beleza.

ATENÇÃO~> Futanari

E esse que vocês vão ver agora é o primeiro capítulo.
FANFIC DE 2019

Capítulo 55 - Época de Acasalamento: Deixa eu Sentir seu Calor


 

A loira é derrubada mais uma vez.

"Muito bem, já chega por hoje" Disse o treinador encerrando o combate.

O lobo de pelo castanho volto para sua forma humana rindo da pobre alfa caída no chão.

"Ei Yuzu, por que não volta para debaixo da mamãe? Você é muito bebê para esse esquadrão, aqui é aceito apenas alfas." Disse Amamiya cuspindo em Yuzu como se ela fosse nada.

O bando de Amamyia riu e foram embora com seu cachorrão orgulhoso.

Yuzu se levantou tirando o resto de poeira que tinha na sua roupa. Ela foi surpreendida com um cascudo na cabeça que chiou de dor.

"Matsuri!" Yuzu gritou vendo sua prima com um prato de carne de javali assada para ela.

"Parabéns, você foi bem... Bem mal." O trocadilho de Matsuri só deixou pior do que já tava.

A baixinha erguei o prato para a loira que aceitou de bom grato. Pegando a carne com a mão e comendo, deixando a boca cheia.

"Além de mal conseguir caçar direito, você é sem ética." Disse Matsuri dando de ombros e puxando Yuzu para outro lugar.

"E-ei, espera!"

Matsuri puxou Yuzu para o lugar delas favorito, onde ela ficam a maior parte do dia quando eram crianças.

"Né, Yuzu-chan..." A rosada chamou atenção da loira "Como seria se a gente tivesse que se separa um dia... Bem, vamos ter nossas companheiras no futuro e elas... Você sabe, são possessivas de mais para nos deixarem em paz e deixar a gente seguir nossas vidas em paz."

Yuzu riu com o comentário da rosada.

"Eu só queria saber qual a louca vai me querer?! Um alfa desajeitado como eu, nem uma lontra vai me querer." Yuzu riu depois de falar, deixando a prima mais aliviada.

"É verdade."

"Gah! Você está concordando com isso?!" Gritou Yuzu se sentindo ofendida.

"Bem, olha só pra você." Matsuri apontando para ela "Tá parecendo uma moradora de rua."

Yuzu rosnou de brincadeira agarrando o pescoço da jovem e esfregando sua cabeça.

"Gah! Yuzu-chan, foi brincadeira!" Gritou Matsuri pedindo por misericórdia.

"Não quando eu bagunçar seu cabelo!" Disse respondendo o comentário da prima.

"Ahem..." Um corvo apareceu ao lado para duas e as mesmas se separaram rapidamente. "Quando é que vocês vão parar de brincar..."

"Relaxe, Qrow. Viva a vida." Disse Matsuri dando de ombros.

"O Alfa deseja a presença da matilha alfa 2. Imediatamente." Disse Qrow voando para chamar os outros.

"Bem, mais outra missão para nós, alfas." Disse Matsuri rindo divertida, levantando-se e dando a mão para ajudar Yuzu se levantar.

"Bem, lá vamos nós." Disse Yuzu nervosamente.

Da última missão de Yuzu, foi um fracasso total. Sua missão era vigiar o estoque de comida do bando, mas ela dormiu em serviço e os lobos inimigos roubaram tudo.

Matsuri percebeu o nervosismo na sua prima e socou seu ombro de brincadeira.

"Ei, não se preocupe, vou proteger minha priminha medrosa à todo custo." Disse Matsuri sorrindo docemente.

"Obrigada, baixinha."

 

As duas abriram a grande porta da cabana do alfa vendo sua matilha já a espera delas.

"Como sempre, Tico e teco sempre os últimos." Disse Amamyia sorrindo de lado, em seguida seu grupo riu.

Matsuri rosnou enquanto Yuzu encolheu os ombros.

"Silêncio por favor!" Gritou o alfa severamente, recebendo uma sala completamente em silêncio. "Bem, no último incidente, a senhorita Okogi deixou que nossos inimigos roubasse todo nosso estoque de comida, deixando nosso bando todo com fome." Disse o alfa seguido de um rosnado.

Yuzu se encolheu atrás de Matsuri que defendeu sua prima.

"Pessoal, estou apresentando o alfa Takashi Aihara, da área norte. Ele tem uma missão para vocês e também como recompensa irá ajudar a restaurar nosso estoque." Disse o alfa dando gesto para o homem velho dar a palavra.

"Bem como o seu alfa disse, sou Takashi Aihara, alfa na área norte. Preciso da ajuda de vocês, à lobos da área sul sequestrando as fêmeas do meu bando para sua matilha, incluindo seu alvo principal é minhas netas, eu preciso que você sejam os guardas costas delas." Disse o homem velho com autoritária.

"Bem, esse será a missão de vocês. Mas irão começar semana que vem, nesse exato momento está começando o ciclo de acasalamento das fêmeas. Então divirtam-se." Disse o alfa com um sorriso malicioso.

A matilha gritou alto e riram, uns correram para procurar parceiras, outro ficaram paradas, e um deles estão Yuzu e Matsuri.

"Bem, essa é sua chance de brilhar. Vai lá campeão." Disse Matsuri batendo nas suas costas e fugindo.

Yuzu ficou lá parado por um momento. Sentindo a aproximação do alfa em direção a ela a deixou imóvel.

"Yuzuko." O alfa a chamou pelo nome, deixando a loba tremendo de medo.

"Alfa, não foi por querer. Eu juro que vou lhe recompensar com algo, mas não me expulse no bando!" Gritou Yuzu de ajoelhando por misericórdia.

"Yuzuko!" Gritou o alfa, fazendo a loira se calar. "É outra coisa que quero falar.

"Eh?"

"Já fez sexo antes?" Perguntou o alfa.

Yuzu ficou vermelho e se afastou rapidamente do alfa.

"O senhor vai me estuprar?!" Yuzu gritou chorando de medo.

"Ouça seu idiota!" Gritou o alfa dando um soco da cabeça de Yuzu para ela acordar. "Estou tentando ajudar você, acho que você precisa de uma parceira. Não aceito um alfa desajeitado no meu bando, mas prometi pro seu pai que cuidaria de você"

Yuzu olhou para o alfa mais uma vez, mas em tristeza. Seus haviam sido mortos por lobos, a única sobrevivente foi Yuzu e o alfa cuidou dela como se ela fosse sua filha.

"Yuzuko, apenas vá e procure uma parceira. Mesmo que você não consiga, apenas tente." Disse o alfa coçando sua cabeça suavemente.

Yuzu fechou os olhos se acalmando e abriu franzindo a testa. Ela se levantou olhando firmemente para o alfa.

"Sim, eu vou conseguir! Vou encontrar uma parceira e trazer ela aqui para o senhor que sou digna de ser alfa!" Disse Yuzu tentando elevar seu orgulho, mas tava difícil.

"Essa é minha garota. " Disse o alfa orgulhoso. "Agora vá."

Yuzu assentiu, transformando-se em lobo, ela correu para floresta.

"Eu consigo, eu consigo, eu consigo! EU NÃO CONSIGO!!"

Yuzu parou e choramingou. O lobo loiro estava parada em frente a cachoeira pensando em o que fazer a partir daqui.

*Será que eu tento numa outra estação? Não, ele não vai me perdoar e me obrigar a fazer abdominais outra vez! NÃO!* Pensou Yuzu, perdida nos seus pensamentos não percebeu que havia uma loba dentro da cachoeira.

"Oh meu deus..." Yuzu sentiu sua mandíbula cair. Uma linda loba de pelo negro e olhos lavanda estava na sua frente, olhando aquele vira lata loiro babando pela beleza daquela ômega.

A loba desceu a grande pedra que estava e caminhou até Yuzu, parecia um anjo que estava prestes a levar Yuzu para o céu. Dando passos curtos e silenciosos, a loba parou na frente dela. Seus olhar genuíno, Yuzu se perdeu naquela piscina de galáxia.

A loba gruinho para Yuzu quando lambeu sua bochecha e pescoço.

*Oh meu deus, o que ela fazendo?!* Pensou Yuzu, aquela ômega estava deixando a loira nervosa. Ela elevou a cabeça tentando afastar seu rosto da língua da loba mas não conseguiu, ela lambeu de pescoço.

A loba se afastou olhando para Yuzu em confusão, a loira esqueceu que lobos conseguem ouvir seus pensamentos, com telepatia.

Yuzu sentiu o cheiro da loba atingindo bem seu instinto de querer acasalar.

Olhos de Yuzu mudaram para roxo, de luxúria. Yuzu gruinho para ela enquanto e aproximava dela e lamber seu rosto e pescoço. A fêmea se afastou, não gostando da atitude do alfa, mas Yuzu não se importou, já não estava mais sã de si. Yuzu rodeou a ômega enquanto rosnava tentando emitir dominação sobre a fêmea.

A loba rosnou de volta quando desafiou Yuzu, as duas começaram a brigar. Mesmo que Yuzu não seja bom de briga em treinamentos, ela conseguiu dominar a loba, mordendo sua nuca e aprendendo no chão. Yuzu pairou em cima dela colocando suas patas dianteiras nós lados dela. A loba choramingou se sentindo submissa ao macho. Yuzu não queria isso, não queria machucar sua primeira parceira, ela soltou a loba gentilmente e lambeu o local da mordida, relaxando a ômega.

*Ei, quero me sentir bem, quero ser sua companheira." Disse a loba em telepatia, a voz doce de sedutora da ômega fez o lobo faminto dentro de Yuzu se enlouquecer.

Yuzu empurrou esse sentimento para o fundo de seus pensamentos, ela quer que seu primeiro parceiro seja satisfeito, sem dor, sem obrigação.

*Tem certeza que quer isso?* Yuzu perguntou através da mente.

A loba assentiu quando levantou seu rabo e abaixou a cabeça para baixo, ficando submissa ao alfa. Yuzu saiu de cima da loba e começou a lamber sua área privada, tentando acalmar a parceira. A loba choramingou sentindo o prazer que Yuzu lhe dava. Novamente Yuzu ficou por cima dela, ela lambeu a nuca da loba para que ela se sinta bem quando lentamente ela entrou dentro da loba.

A loba choramingou, Yuzu para acalma-la começou a lamber sua orelha, cabeça, pescoço... Quer que ela se sinto confortável. Yuzu começou a fazer movimentos lentos para não machucar sua parceira.

*Mas rápido, por favor...* A loba choramingou, implorando por mais.

Yuzu ficou firme sobre ela, mordendo sua nuca fazendo a companheira rosnando quando Yuzu exerceu movimento mais rápido.

*Estou perto...* Yuzu avisou enquanto soltava sua cadela.

*Goze dentro de mim...* Respondeu a loba choramingando.

A loba uivou sentindo a carga de Yuzu entrar dentro dela. Yuzu quase desabou sobre a loba ela ofegou sentindo sua visão embaçada. A loba loira saiu dela vendo a loba caída no chão então recuperava o fôlego.

*Ei.." A loba olhou para trás, lavanda encontrou esmeralda. "Agora você é minha e eu sou sua."

Yuzu congelou.

"Eh?"

A loba levantou-se e virou para Yuzu, pulando sobre ela. Caindo as duas na grama.

"Espero poder te encontrar novamente, meu amor." Disse a loba lambendo o pescoço de Yuzu como afeição.

A loba saiu de cima dela e correu, sumindo na névoa que aos poucos se formava na floresta.

Yuzu ficou paralisada no chão tentando entender o que aconteceu.

"Eh? EEEEHHH?"

 


Notas Finais


Eu era estranho nessa época?!
._.
Não me julguem, eu gosto do gênero Futanari mesmo.
(Não peçam para isso virar uma fanfic, infelizmente/felizmente não vai acontecer.)

SE TIVER ERROS ORTOGRÁFICOS NÃO ME JULGUEM, ISSO É UM RASCUNHO!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...