História Ciúme - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Stray Kids
Personagens Bang Chan, Lee Min-ho
Tags Bang Chan, Banginho, Lee Minho, Minchan
Visualizações 106
Palavras 487
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi, espero que gostem, escrevi com carinho sz
Boa leitura, bbs

Capítulo 1 - Ciúme


- Bang Chan, eu juro que quebro seu celular inteiro se não me disser com quem está conversando. – Gritou Minho tentando arrancar o celular da mão do mais velho que apenas se esticou afastando-se.

- Pare com isso. – Pediu impaciente com a manha do garoto de cabelos negros.

- Não vai me dizer? – Perguntou o Lee.

- Com o Jisung, Minho. – Exclamou em alto e bom tom.

- Por que você está falando com o Jisung? – Neste momento o menor já estava gritando.

- Porque ele é meu amigo. – Respondeu agora entre risos, adorava o ciúme de seu pequeno.

- É mesmo, Chan? – Cruzou os braços. – E ele também beija você? Ele dorme com você? – Perguntava irritado olhando para o mais velho que ria. – É engraçado para você, né? – Exclamou dando as costas e indo em direção a porta, odiava quando Chan o tratava como uma criança.

- Minho, não faz assim. – Pediu e então levantou-se indo atrás do mais novo. – Você sabe que eu nunca vou olhar para o Jisung, afinal, eu só tenho olhos para você. – Terminou subindo o ego do menor que o olhava desconfiado.

- Não gosto quando você fala com ele.

- Mas você sabe que ele é só um amigo. – Respondeu aconchegando o outro em um abraço.

- Mesmo assim, existe amizade colorida, sabia? – Exclamou dando ênfase a sua pergunta e então olhando nos olhos castanhos do mais velho.

- Minho, a única coisa colorida aqui é o seu ciúme.

- Você sabe por que tenho ciúme, Chan? – Perguntou distanciando-se do mais alto e indo até sua cama onde sentou-se.

- Porque você me ama? – Sentou-se ao lado do outro e tocou sua mão, mas o pequeno fez questão de tirar sua mão.

- Pare de falar como se achasse isso. – Exclamou. – Eu sei que você acha que faço porquê sou doido.

- Não, Minho. – Agora o mais velho estava chocado com a pronuncia do outro. – Eu não acho você doi...

- Eu sou ciumento, porquê eu demorei muito para conseguir você e eu não quero te perder de jeito nenhum. – Interrompeu o menor olhando para seus dedos sem querer manter contato visual com o Bang.

- Bebê, você não vai me perder, até porque eu não quero perder você. – Respondeu sorrindo de canto e virando o rosto do outro para si com uma de suas mãos.

- Jura? – Perguntou retirando a mão do maior de sua face.

- Juro. – Respondeu puxando o mais novo para um abraço que foi contribuído.

- É bom mesmo, porquê se não eu vou até a casa do Jisung e mato ele. – Exclamou sorrindo bobo e arrancando risadas do maior que acariciava seus cabelos. – E olha que te dou o fígado dele para comer. – Continuou ao ver que tinha feito o Bang rir.

- Eu acredito, não precisa se preocupar. – Respondeu beijando a testa do mais novo que sorriu e se encostou em seu ombro.  


Notas Finais


Espero que tenham gostado!
szzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...