História Ciumento - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Capitão América, Homem de Ferro (Iron Man), Homem-Formiga, Os Vingadores (The Avengers)
Personagens Anthony "Tony" Stark, James Buchanan "Bucky" Barnes, Scott Lang (Homem-Formiga), Steve Rogers
Tags Abusivo, Bissexualidade, Ciumes, Obsessão, Steggy, Stony, Stucky, Submissão, Tonypassivo, Yaoi
Visualizações 204
Palavras 770
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Volto a colocar nos avisos que é sobre dominação consensual. É sobre um ser dono e o outro aceitar e gostar de ser submisso e ter um dono.
Por favor, não comentem que essa fic é sobre relacionamento abusivo.
Bjuxxxxx
Boa leitura.

Capítulo 4 - Meu Steve


Pov's Tony

Estou há alguns dias sem meu amor, aliás eu precisei resolver algumas coisas da empresa e já fazem tempos que eu quero passar a empresa pro nome de Pepper, mas Steve não concorda e talvez não seja a melhor ideia que eu já tive, aliás eu só tenho vontade de ficar livre de toda essa encheção de saco de reuniões e tudo mais.

Eu já gostei de ser o centro das atenções, mas hoje em dia isso só é mais dor de cabeça pra mim. Gosto de salvar pessoas, de construir minhas armaduras, reunir meus amigos, mas as fotos, os eventos, depois do buraco de minhoca, não são nada além de sufocantes.

Steve esteve ás voltas com Bucky que andou tento alguns problemas de saúde que envolviam sangramento pelo nariz sem justificativa e apesar do meu ciúme, eu entendo que eu não poderia me colocar entre eles porque eles eram amigos e eu não era dono do Steve, era o contrário. Uma ida de Bucky ao médico precisa de escolta depois do cara que armou tudo aquilo invadindo a Shield, é mesmo que eu não goste, é o certo a se fazer.

Steve está com o péssimo hábito de me deixar sem notícias e nem mesmo me liga, já que ele é das antigas, do tipo que prefere ligar a mandar um whatsapp e isso faz com que eu beba. Isso me deixa triste, mas eu não questiono porque meu mestre sabe o que faz.

Eu bebi na convenção e bebi tanto que é preciso a ajuda de Pepper e de Happy para que eu consiga entrar no elevador e siga para o andar que Steve e eu ocupamos. Culpo ter tido que substituir a mão de Steve na minha por copos e taças.

- Pode deixar que eu cuido dele Happy ! - ela diz quando estamos diante do meu quarto.

Happy não questiona, aliás não é a primeira vez que ela me ajuda com as minhas bebedeiras.

- Eu to com saudades do Steve e ele não tá nem aí pra mim ! - falo pela milionéssima vez na noite.

- Você já disse Tony ! - diz ela rolando os olhos me ajudando a sentar em minha cama.

- Eu quero meu Steve ! - eu falo e estou triste quase chorando. Sei que eu vou sentir vergonha de mim mesmo amanhã, mas eu não quero saber. Eu queria Steve do meu lado no evento. Não queria ter respondido para os reporteres que o meu homem estava tendo problemas pessoais e por isso não pode comparecer, assim como eu não queria ter tido que desviar de três pessoas que já chegaram me agarrando e nem mesmo ter desviado dos peitos de uma mulher mais alta que eu que já chegou enfiando seu decote no meu rosto.

- O Steve não está aqui ! - disse ela me ajudando a tirar a gravata e abrindo meu palito. Eu não estranhei porque não era a primeira vez que Pepper fazia isso por mim - Mas eu estou, Tony !

Foi tudo muito rápido. Ouvi uma porta se abrindo, e antes que eu pudesse olhar quem era, Pepper enfiou a língua dela na minha boca e o alcool subiu de uma vez. Eu tentei empurrar ela, mas foi mais rápido do que eu pude. Pepper foi puxada para longe de mim no mesmo instante que eu vomitei acertando o rosto e o vestido preto justo dela.

Tudo girou e enquanto ela gritava enojada eu pude ouvir Steve a chamando de vagabunda e a expulsando do quarto com o corpo molhado. Ele estava tomando banho o tempo todo.

- Vem tomar um banho, Tony ! - ele diz passando seus braços ao meu redor e eu me senti muito protegido e eu quase chorei de emoção por ele estar ali.

Eu não estava falando nada com nada, só pedia desculpas pela bebedeira e pelo beijo, gritava que a culpa do beijo não era minha, mas que ele não podia matar a Pepper porque sem ela eu não sei tocar as empresas. Steve me deu banho frio e eu nem mesmo reclamei.

Ele me envolveu em um roupão preto e me levou pro quarto, me colocou na cama e me esquentou até que eu pudesse dormir. Eu não me importava se seria punido por ter bebido daquele jeito, coisa que ele detesta porque sabe que eu não posso beber por causa dos meus problemas de saúde e pelo beijo. Tudo o que importava para mim é que eu tinha meu Steve de volta e que ele estava cuidando de mim.
 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...