História Clandestina. - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Chiyo, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hanabi Hyuuga, Hinata Hyuuga, Hyuuga Hiashi, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Izumi Uchiha, Juugo, Kakashi Hatake, Karin, Kiba Inuzuka, Konohamaru, Mito Uzumaki, Naruto Uzumaki, Obito Uchiha (Tobi), Personagens Originais, Sai, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Shion, Temari, TenTen Mitsashi, Yamato, Zabuza Momochi
Tags Amizade, Corrida Clandestina, Família, Gaaino, Hinata, Naruhina, Naruto, Prostituição, Sasusaku, Shikatema, Tokyo
Visualizações 428
Palavras 2.167
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Eu disse que voltava hoje de novo kkkkkk Criatividade a mil :v

Um cap pesado e fofo ao mesmo tempo, espero que gostem.

Boa Leitura.

Capítulo 6 - Capitulo 6


Havia se passado uma semana desde o crime do carro de Temari, mas não parou por ai, Shion chegou a deixar ameaças a Hinata na porta da empresa, do prédio onde ela morava com Temari, e em uma dessas, descobriram que era realmente ela que fazia isso.

As câmeras do prédio conseguiram pegar o rosto dela, mesmo ela estando de boné para esconder o rosto.

Hinata estava começando a se irritar de verdade, na empresa todos os dias uma ameaça diferente, Shion não aparecia mais na mesma, nem nas corridas, e por um lado, era um alivio.

Na última noite de sábado, Temari fez a social no apartamento, todos rindo e se divertindo com os jogos de cartas e de dança no vídeo game. Mas Hina estava séria, queria acabar logo com essa paranoia de Shion, mas a loira simplesmente sumiu.

Quando a polícia avisou que não foi encontrado digitais de outra pessoa no carro, fez com que Temari e Hinata se irritassem mais ainda.

 

Hinata votou para a competição dias depois, se sentiu estranha nessa noite, mas deixou isso de lado e foi ao encontro dos amigos, todos a esperava, Temari havia ido na frente para averiguar se bloqueio ainda estava lá, e estava.

Hinata estacionou o carro e desceu dele indo em direção ao amigos.

- Ela voltou – Kiba gritou a abraçando apertado.

- Pronta pra voltar? – Gaara perguntou.

Todos a encarava esperançosos.

- Vamos correr – disse ela sorrindo fazendo todos ali gritar e vibrar com ela.

 

Enquanto cada um ia pro seu posto, Shion estava escondida em uma das vielas ali perto vendo a movimentação, havia um homem com ela.

- Já fez o que mandei? – ela perguntou.

- Sim, está feito, eu irei para meu posto esperar por ela.

O homem saiu de perto e Shion sorriu vitoriosa.

- Eu te avisei Hinata – disse sorrindo.

 

Na faixa de partida, cada um dentro de seus carros, Hinata colocou o cinto, coisa que nunca fez antes, mas dessa vez sentiu que era necessário, Karin foi à frente dos carros, fez o mesmo gesto de sempre e os carros saíram em alta velocidade.

Dessa vez havia apenas 10 na pista, estava correndo ali os melhores colocados, Hinata a todo tempo mantinha os olhos na rua e no velocímetro e acelerou a 200km/h, estava chegando perto da curva de retorno, quando do nada, um carro sai em alta velocidade de um beco fechando o carro de Hinata.

A mesma pisou no freio tentando parar, mas ele não queria frear, Hinata perde o controle do carro o fazendo bater na barreira mais à frente.

Os carros que estavam atrás dela pararam para socorre-la, logo, o carro de Naruto, Sasuke e Kiba chegaram.

Naruto correu em direção ao carro da morena, mas a porta estava trancada, enrolou a blusa no braço quebrando o vidro, Hinata estava com o rosto deitado no volante inconsciente.

O loiro destravou o carro segurando o corpo de Hinata para não cair.

- Chamem a ambulância, rápido – Sasuke pegou o telefone ligando para a mesma, Kiba pegou o dele avisando a Temari o que aconteceu, Naruto sentia o peito doer, Hinata nem se quer respirava.

- A ambulância está vindo, o airbag não funcionou? – Sasuke perguntava olhando para o interior do carro.

- Estranho – Naruto murmurou.

Alguns minutos depois, a ambulância com os paramédicos chegaram, com cuidado tiraram Hinata do carro todo amassado a colocando na maca e a cobriram com o cobertor térmico, entram na ambulância e um dos socorristas perguntou quem ia com ela.

- Eu vou – Temari se posicionou – Me encontrem no hospital metropolitano.

Assim que a ambulância saiu, toda a equipe foi atrás com seus carros.

20 minutos depois, chegaram com a ambulância no HM, Izumi, noiva de Itachi era a clínica geral naquela noite, ao ver Temari ali junto da maca de Hinata se preocupou.

- Tema – Izumi a chamou – O que houve?

- Ela bateu o carro Izumi, está inconsciente.

- Fique aqui, eu já volto.

Izumi acompanhou os paramédicos que levavam Hinata para a ala de emergência, logo atrás toda a equipe de corrida chegou, preocupada, a sala de espera estava cheia.

- Já liguei pro Obito – Itachi informou – Ele está vindo para cá.

- Ainda estou achando estranho – Sasuke começou a falar – Como o airbag dela não funcionou a 200/h?

Todos olharam para ele confusos.

- Hinata é uma corredora eficiente – Naruto estava preocupado, havia angustia na sua voz – Ela não ia bater o carro assim.

- Eu vi um carro passar na frente do carro dela – Tenten contou – Eu estava com o binóculo, um carro prata saiu de um beco e atravessou na frente do dela.

Um homem fardado entrou no hospital procurando por Itachi.

- Itachi – chamou.

- Obito – Itachi o cumprimentou – Pessoal, esse é Obito Uchiha, ele é investigador e da família, Obito, precisamos da sua ajuda.

- Podem falar.

Um por um contou o que viu, até Naruto e Temari contar sobre os bilhetes de ameaças a Hinata de Shion, Obito ligou para o DP pedindo para irem buscar o carro de Hinata para perícia, pegou depoimento de todos ali e pediu os bilhetes de ameaças, Temari disse que os mesmos estavam com o delegado como provas.

 

Obito saiu dali prometendo informa-los quando qualquer coisa fosse concreta.

O pessoal estava tenso, ocupavam a maior parte da sala, andando para lá e para cá, outros sentados preocupados, Naruto estava sentado no chão com a cabeça encostada na parede olhando para cima e as pernas erguidas.

 

2 hora após o acidente, Izumi voltou a sala.

- Pessoal – ela chamou, todos ali ficaram atentos – Bom, a Hinata está inconsciente ainda, tem um corte na testa pela batida, fizemos um raioX e ela fraturou a costela do lado esquerdo e o pé do mesmo lado, uma pequena fratura na espinha cervical, que por sorte não quebrou.

- Ela está fora de perigo? – Itachi perguntou.

Izumi respirou fundo.

- Ainda não posso dizer, precisamos esperar ela acordar e fazer uma tomografia cranial para saber se tem alguma sequela ali.

- Podemos ver ela? – Ino perguntou preocupada.

- Bom, não posso autorizar a entrada de todos, somente dois podem entrar para vê-la.

- Temari e o Naruto vão – Shikamaru resolveu.

- Por que os dois? – Kiba perguntou.

- Primeiro, Hinata estava sobre a responsabilidade da Temari, e segundo, se o Naruto não a ver com os próprios olhos que ela está bem ele vai pirar – Shikamaru explicou.

Naruto se aproximou de Izumi e Temari e os três seguiram para o quarto que Hinata estava.

No quarto, ela estava com aparelhos a monitorando o tempo todo e com oxigênio no nariz, Izumi os deixou no quarto e saiu, Temari se aproximou da cama da amiga segurando em sua mão livre de agulhas.

- Espero que melhore logo Hina, céus tentaram te matar – Temari começou a chorar ao ver a amiga daquela forma.

- Ela vai ficar bem Tema – Naruto tentou acalma-la – Ela sempre fica.

O loiro tentava manter a calma, ver Hinata deitada naquela cama era desesperador, sentiu seus olhos arderem, mas segurou o choro.

- Eu vou avisar ao pessoal como ela está – Temari se curvou dando um beijo na testa da amiga e saiu do quarto.

Naruto puxou uma cadeira que estava ali e se sentou ao lado da cama dela, segurou em sua mão, estava fria.

- Acorda logo Hina – começou dizendo a ela – Estão todos esperando voce lá fora, e não se preocupe, vamos achar quem fez isso.

Naruto deitou a cabeça nas pernas da mesma, fazendo carinho em sua mão com o dedão, ela estava plena, apenas dormindo, mas só em não o responder, deixava o Uzumaki louco de preocupação.

Vencido pelo cansaço, Naruto acabou dormindo ali mesmo, e ainda segurando na mão dela, Izumi voltou ao quarto e vendo a cena resolveu não atrapalhar, conhecia Naruto a muito tempo por conta dele ser amigo de Sasuke desde criança, e sabia que quando ele se apegava em alguém, não soltava mais.

Foi para a sala de esperava falar com Itachi e se assustou ao ver que ainda estava todos ali.

- Aconteceu algo? – Itachi perguntou a ela, Izumi apenas negou com a cabeça e abraçou Itachi de lado encostando a cabeça no peito do mesmo.

- Naruto ainda está com a Hinata no quarto – disse ela – Acabou pegando no sono ao lado dela – sorriu.

- Eu já imaginava que isso ia acontecer, ele é durão, mas ele fica mole com esse tipo de coisa – Sasuke brincou.

- Deixe ele lá, mesmo tentando arranca-lo de lá, ele vai voltar, aquele idiota está apaixonado pela Hina a tempos, mas ele não entende isso – Shikamaru disse – Já estava estranhando isso, ele negava, mas conheço aquela cara de besta quando ela fala com ele.

 

Ficaram ali a noite e madrugada toda, até Naruto sentir alguém tocando em seu cabelo, abriu as safiras azuis aos poucos vendo Hinata acordada.

Ele ergueu a cabeça depressa e aliviado.

- Hina – disse baixo – Graças a Deus.

- Oi – sussurrou tão baixo que foi quase impossível de ouvi-la.

- Eu vou chamar a Izumi, não se mexa.

Naruto saiu correndo do quarto indo até a recepção e isso fez com que os amigos que estavam acordados se assustassem.

- Pode chamar a Izumi por favor – pediu ele a recepcionista.

- Naruto – Itachi o chamou – E a Hina?

- Ela acordou.

Todos respiraram aliviados, os que estavam cochilando foram acordados para saberem da notícia, Izumi correu até o quarto de Hinata a vendo acordada.

- Ufa – disse ela – Voce deu um susto em todos senhorita Hyuuga, o pessoal está até agora lá fora esperando voce acordar – Izumi se aproximou olhando a mucosa dos olhos dela – Como se sente? Consegue falar?

- Sim – disse baixo – Estou com muita dor de cabeça, e zonza.

- Bom, voce teve uma pancada brusca ontem à noite, por um milagre chegou viva no hospital, voce tem algumas fraturas na costela e pé esquerdo, e uma pequena na espinha cervical, preciso levar voce para fazer uma tomografia e ver como seu crânio esta – Hinata afirmou devagar e suspirou, mas sentiu dor ao fazer isso – Vou pedir para alguém ficar aqui com voce até eu voltar.

Izumi voltou a recepção, e para sua surpresa, apenas Temari, Shikamaru e Naruto estavam ali.

- O pessoal volta amanhã, estavam mortos de sono – Temari explicou – E a Hina?

- Está bem em todo caso, apenas com dores, eu vou ao último andar preparar tudo para a tomografia, como só tem vocês aqui, podem ir vê-la, mas falem baixo, a cabeça dela está muito dolorida.

Ela subiu para o último andar, e o trio foi para o quarto da Hina a ver, uma enfermeira a ajudava a ficar mais confortável.

Temari foi a primeira a entrar.

- Graças a Deus Hina – Temari abraçou a amiga com cuidado.

- Como se sente? – Shikamaru perguntou.

- Com um pouco de dor, mas bem – disse baixo.

- Está com dificuldade de falar ne? – Temari a observou, Hina apenas acenou.

Naruto estava no pé da cama com as mãos no bolso da calça a olhando, ela estava acordada, mas ele ainda estava preocupado com ela, e isso era nítido para todos.

- Não precisa ficar com essa cara – Hinata disse olhando para ele – Eu estou bem, vão ter que fazer melhor se quiserem me matar.

Temari riu, mesmo em um momento delicado, Hinata fazia piada.

- Eu sei, mas mesmo assim estou preocupado, a batida foi feia Hina, fora que o airbag não funcionou.

- Nem os freios – continuou ela, e os três a olhou – Lembro de ter pisado no freio com toda a força que tinha, mas o carro só parou quando bateu, ai senti uma pancada na cabeça, e vi mais nada.

- Isso é sério – Temari esbravejou – Se tentaram matar a Hinata ontem, vão tentar de novo...

- Não vão não – Naruto a interrompeu – Vamos achar quem fez isso e logo, o Obito será avisado que a Hina acordou e virá falar com ela.

- Obviamente eles já tem o resultado da perícia – Shikamaru continuou – Alguém deve ter mexido no carro da Hinata sem alguém ver.

Izumi voltou ao quarto com uma cadeira de rodas personalizada, acima do encosto das costas, tinha um encosto cervical, assim o paciente não precisa ficar com a cabeça pendurada.

- Vamos lá? – disse ela – Vou levar voce para fazer a tomo, e logo em seguida voce vai precisar descansar Hinata, esse exame suga muita energia do seu corpo.

Hinata concordou, Temari puxou o lençol de cima da amiga, Izumi segurou no suporte de soro, e Naruto com cuidado pegou Hinata no colo fazendo ela ficar corada, Naruto notou isso e riu anasalado.

Devagar a colocou na cadeira encostando a cabeça dela no encosto da cadeira.

- Obrigada pessoal, como a Hina vai dormir após o exame, sugiro que vão para a casa descansar, estão mortos de sono.

Izumi e Hinata se despediram do trio, e cada um seguiu para um lado.


Notas Finais


Um susto para testar o core de todos kkkkkk Inclusive o meu '-'

Uma amizade assim em? Uma penca de gente no hospital esperando você acordar, isso que é amizade...

Espero que tenham gostado, agora deu bloqueio geral kkkkk Não volto mais hoje....

Até a próxima pessoas.
Beijos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...