1. Spirit Fanfics >
  2. Classic l noart. >
  3. Saber é poder.

História Classic l noart. - Capítulo 9


Escrita por:


Notas do Autor


só os q não presta acordado (é meme ok)

ainda bem q eu tô dormindo

2/3🍓

Capítulo 9 - Saber é poder.


Fanfic / Fanfiction Classic l noart. - Capítulo 9 - Saber é poder.


Wang.


— Vamos pela lógica, Sina! — Any exclama, se jogando no sofá da casa da loira.


— É, amiga, larga de ser burra. — Meu irmão diz, bebericando seu refrigerante.


— E qual é a lógica? — A loira pergunta, redendo alguns suspiros. — Aí, gente, suspirar não vai adiantar de nada! — Ela exclama, colocando todas as cartas em cima da mesa de jantar.


— Bom, pelo que sabemos, ele é moreno, tem olhos verdes, e o cabelo cacheado. — Eu digo, e ela assente. — Tem poucos meninos na Constance com essas características. — Eu digo, comendo uma das batatas fritas que estão em um prato em cima da mesa.


— Você está certa. — Sina diz, se aproximando de Bailey. — ACORDA, SOLDADO! — Ela grita, fazendo Bailey dar um pulo da cadeira, e todos nós rimos alto.


Deinert.


— JOSH! TÁ EM CASA? — Noah grita, batendo na porta da sala.


— Eu... Já volto. — Sorrio, e Lisa pisca para mim, me fazendo rir baixinho.


— VAI BAJULAR O NERD, DEINERT! — Diarra grita, me fazendo revirar os olhos.


— Roi. — Eu digo, assim que eu abro a porta da sala, me deparando com aquele moreno.


Com O moreno.


Que consegue ficar bem somente vestindo uma calça jeans, e uma blusa branca lisa.


Que consegue me fazer chorar e eu nem estou falando que é pelos olhos.


Não vou nem imaginar como ele ficaria sem nada.


Eu mordo o lábio inferior, achando meus pensamentos impuros ridículos.


— Oi. — Ele diz, me analisando de baixo para cima.


Não é hora da perna tremer, corpo!


— O Josh não tá em casa. — Eu digo, e ele dá de ombros, bagunçando os cabelos.


Não fica mais atraente, por favor!


— Viagem perdida. — Murmura, virando as costas para ir embora.


— Ei! — Exclamo, fechando a porta atrás de mim. — Tô chateada com você. — Eu digo, cruzando os braços.


Ele arqueia a sobrancelha, se aproximando novamente de mim.


— Pensei que me ligaria ontem. — Faço a minha melhor cara de cachorrinho pidão, e ele ri.


— Pensei que não atenderia um loser. — Da de ombros, colocando as mãos para trás.


— Claro, porque sou a rainha da escola que só sai com babacas. — Ironizo, vendo ele arquear a sobrancelha. — NÃO! — Grito, levando as mãos aos ombros dele. — Por favor, tenha entendido que é uma brincadeira. — Fecho os olhos, e ele ri.


— Eu sei que está brincando, você é diferente. — Ele diz, me fazendo sorrir. — Digo... Não um diferente ruim, um diferente bom! — Ele exclama, me fazendo franzir o cenho.


— Pare de falar. — Eu digo, fazendo ele rir.


— Eu preciso ir. — Ele diz, e eu faço biquinho. — Eu te ligo. — Ele diz, e eu o puxo para um abraço.


— Mas tem que ligar mesmo, ok? — Sussurro no pé do ouvido dele, que se arrepia inteiro.


— Ligo sim. — Ele sorri, se afastando.


— TCHAU, GATINHO! — Grito, e ele ri.


Beauchamp's phone.


— Alô? — Eu digo, assim que atendo meu celular.


É o Noah, né? O cara das cartas.


Puta que pariu.



Notas Finais


gente eu só queria um beijinho de noart nessa fic af

- Gabi🍓


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...