1. Spirit Fanfics >
  2. Coadjuvante - ABO - (jikook - yoonmin - taekook) >
  3. Deixe para trás seu coração e o jogue fora

História Coadjuvante - ABO - (jikook - yoonmin - taekook) - Capítulo 20


Escrita por:


Capítulo 20 - Deixe para trás seu coração e o jogue fora


As tão aguardadas férias tinha chegado e a maior parte dos alunos já se encontravam de malas prontas e se preparando para finalmente fazer o que tanto tinham comentado e planejado durante as ultimas semanas. O clima de felicidade e empolgação, até de despedida estava no ar deixando o local que na maior parte do tempo era sufocante leve; aqueles jovens só queriam curtir aqueles dias em que ainda era permitido agirem com imaturidade curtindo a vida com intensidade. 

Quando a noite chego o campus estava vazio apenas alguns guardas permaneciam ali e eles nem imaginavam o que acontecia na floresta que se encontrava não muito distante, naquele local escuro e assustador um grupo se reunia para a iniciação de um novo membro na alcateia deles. Todos usavam um manto preto com capuz, algo até dramático e clichê. 

— Bem-vindo a iniciação, se deseja mudar de ideia a hora  é agora — disse Lee Taemin para Kim Taehyung que disfarçava seu surto interno.

— Nunca tive tanta certeza de algo em minha vida. — falo firme, confiante em sua escolha.

— Sabe que uma vez dentro só existe um jeito de sair, sabe, não somos como seus amigos americano. 

— Sim, eu sei depois de tudo pelo que passei percebi que o correto é tá junto aos meus.

— Bom garoto. — Taemin deu um sorriu para Taehyung que queria dizer parabéns por sua decisão.  — Tzuyu pode trazer nossa caça — o Lee sorriu sádico olhando para garota que mantinha o olha  frio e foi até a uma arvore onde uma garota beta estava, seu olhar era assustado e ela tinha as mãos amarradas por uma corda a qual Tzuyu puxo a ponta. 

— Você tem dez minuto de vantagem, cruze a ponte livre, fracasse e vire jantar de lobo. — disse Jeongyeon com o tom de voz neutro de quem era acostumada fazer aquilo. 

A beta loira foi liberada e ela nem preciso de alguém a mandando correr, Taehyung tiro seu sobretudo assim como o restante dos membros da que seria sua futura alcateia. Em poucos segundos depois ali já não existiam humanos e sim lobos gigantes e um deles corria em direção a floresta com a adrenalina elevada sentindo medo do que estava por vim e no que estava preste a si tornar.

...

As férias de Jimin e Jungkook estava servindo para aproximar a família Jeon e Park. Claro que no começo teve algumas situações constrangedora já que explicar que agora o alfa namorava o melhor amigo de seu ex - que alias parecia seu par perfeito - sempre os colocavam em um momento constrangedor, porém tanto os Park como os Jeon preferiam não interferir na vida amorosa dos jovens, sabiam que um dia era juras de amor para um e no outro dia era para outro. Isso de namoro de colégio seguir para vida adulta só dava certo na ficção na vida real existia um número infinito para amores verdadeiros e toda uma vida. 

Quando não estava com o namorado Jungkook procurava se manter ocupado com alguma coisa não queria ficar pensando na volta de seu ex e seu melhor amigo que agora também era um ex de alguma maneira, essa questão ainda não estava clara em sua mente e quanto mais pensava no assunto mais confuso e perdido se encontrava, não acreditava que Yoongi agiria daquela maneira infantil o ignorando por algo que ele mesmo tinha dito que não se importava, se Jungkook ao menos desconfiasse que perderia seu melhor amigo e que o Kim manteria sua promessa e retornaria talvez não tivesse investido em Jimin em um momento de fraqueza. 

Não deveria perder meu tempo pensado nisso 

Jungkook suspiro e passo a mão pelo o cabelo tentando manter o foco unicamente na tela a sua frente, ele queria começar a pintar um novo quadro, porém se frustava sem saber ao menos por onde começar, desde que o ômega retorno por mais que evitasse seus pensamentos acabava parando nele, até mesmo quando queria escolher a cor que usaria em seu quadro a imagem do Kim surgia em sua mente, ele pensava em amarelo e logo um sorriso quadrado que pertencia a pessoa alegre e espontânea surgia em sua mente, se pensava em azul lembrava da dualidade do Kim que conseguia ser a calmaria e a tempestade ao mesmo tempo, se queria o vermelho... bem ele preferia não se prender no que essa cor o fazia pensar. 

Olhando para o pincel limpo em sua mão o alfa fez sua escolha, começaria com o rosa, essa cor o lembrava dias de primavera, estabilidade, carinho, cuidado, algodão doce e lábios cheios rosado com gosto de morango. Se para sua vida continuar como estava Jungkook abria mão de todas as cores e iria colorir sua vida apenas em tons variados de rosa. 

....

— Que merda Min será que você pode ao menos responder uma das minhas mensagens? Vá mandei varias durante todo o verão. Não acredito que você vai ficar com raiva de mim para sempre. 

Jimin não era do tipo que ficava ouvindo a conversa de pessoas aleatórias pelo corredor do campus. Porem a menção da palavra Min chamo sua atenção, ele e o namorado evitavam o assunto Kim e Min, principalmente durante as férias perfeita dos dois, só que isso não queria dizer que o Park não se sentia curioso com o que estava acontecendo com aqueles dois. Ficar afastado de tudo o fez perceber que existia algo estranho na volta e comportamento daqueles dois. 

— Estou preocupada, por favor me liga. — disse a garota se encostando na parede ela estava no corredor do dormitório dos beta, apesar de ser uma ômega. 

— Tudo bem? Posso ajudar em algo — Jimin pergunto ao notar que a garota chorava apertando o celular.

— Se você tiver visto uma beta loira, magra e linda desfilando por aí como se fosse dona do mundo, sim você me ajudar. 

— Fala da Minju? 

— Sim, você a viu? — a ômega pergunto esperançosa. 

— Não, quer dizer me esbarrei com ela antes das férias, ela estava conversando com o MJ. 

— Claro, ele tinha que ta envolvido no desaparecimento dela. — a garota deu um longo suspiro — Espero que ela esteja bem. 

— O MJ é um cara legal, eles só devem ta curtindo juntos — todos no campus sabia que a beta tinha um namoro complicado com o alfa. 

— Ficaria mais tranquila se ele não fosse irmão do Taemin e se ele não tivesse trocado a Dahyun por a minha amiga. 

Pelo jeito que a garota tinha falado até parecia que Dahyun poderia ser capaz de fazer algo além de deixa Minju insolada socialmente como se a garota e o Lee mais velho fossem capaz de sumir com a beta. 

— Sua amiga vai aparecer, e se eu a encontrar primeiro digo que você ta atras dela. Como é seu nome mesmo? 

— Sakura Miyawaki e obrigado pela ajuda...

— Park Jimin, não precisa agradecer afinal não fui de tão grande ajuda assim. 

Jimin se despediu da garota e retorno a seguir seu caminho não chego a caminhar muito quando uma voz desconhecida chamo seu nome, o beta viro e viu um homem alto magro um rosto bonito e cabelo preto bem arrumado, o desconhecido parecia ser mais velho e com certeza era um beta e mesmo com as roupas simples parecia elegante. 

— Park Jimin!? 

— Sim sou eu mesmo, já nos conhecemos? 

— Ainda não, mas podemos mudar isso. Você pode vim comigo um instante? 

Uma parte de Jimin disse que não que ele não deveria ir e outra dizia que sim e ele não sabia qual sair. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...