História Código Errado - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Suga, V
Tags Bts, Investigação, Jikook, Jimin, Jungkook, Kpop, Mistério, Policial, Taeyoonseok, Trisal
Visualizações 340
Palavras 404
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Ficção, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Essa é minha primeira fic dos meus crush's supremos, e estudei muito antes de começá-la, pois nunca achei que ficaria muito interessante. Espero que gostem, e boa leitura <3

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Código Errado - Capítulo 1 - Prólogo

 

 

A chuva dava uma pequena trégua naquela noite e, mesmo assim, as pessoas ajuntavam-se em uma pequena multidão curiosa para tentar ver o que acontecia. Os policiais tentavam inutilmente tranquilizar as pessoas mandando-as embora, mas os seres humanos curiosos como são, não iam tão facilmente.

 

O silêncio não era uma opção nem mesmo em uma madrugada em meio de semana. Os carros de policia parados em "V" frente à casa também não colaboravam, os homens fardados davam passagem aos poucos para a equipe.

 

Com a típica expressão neutra um homem com luvas de couro cortava caminho em meio ao grupo de pessoas, sem pedir licença, apenas empurrava-os para o lado mostrando o distintivo. Olhou um dos guardas com um sorriso meia-boca e inclinou-se ultrapassando a faixa amarela.

 

Moveu-se entre as pessoas sem dificuldade, parando apenas para avaliar brevemente a situação das coisas ao redor.

 

Um corpo havia sido encontrado num galpão, os vizinhos já não aguentavam o cheiro, e após algumas reclamações, mais do que um animal morto foi achado. Andou indo de encontro ao local em que apenas polícia e perícia passavam.

 

— Ei garoto, demorou hoje — Um senhor acenou indo de encontro ao jovem asiático, o homem trajava um colete com a identificação do departamento de pericia e suas mãos estavam enluvadas.

 

— Meu GPS falhou hoje — Olhou para, o que já havia sido uma pessoa, dentro do casebre — O que temos aqui?

 

— A bolota de gordura ali ainda não foi identificada, mas achamos algumas coisas bem interessantes.

 

Cruzou os braços dando-lhe um aceno de cabeça para que continuasse. Jeon Jung-kook não era o homem mais paciente do mundo, descendente de um pai coreano e uma mãe francesa, havia puxado o temperamento forte da matriarca.

 

Seus olhos analíticos encaravam o senhor seguir até o corpo, a sobrancelha ergueu-se ao lhe ser mostrada as mãos do defunto.

 

— Sem unhas. Mãos e pés? — Indagou juntando-se a ele.

 

— Exatamente, a língua também foi arrancada — Ergueu o tecido que cobria a barriga do cadáver — E, conhece essa letra?

 

Jeon passou os olhos pelas letras talhadas na pele, e um estalo o fez suar frio. Levantou-se, colocou a mão na barba por fazer e pigarreou para si mesmo.

 

— Este maníaco está morto, não tem como ele ainda estar caminhando por aí — Começou a andar de um lado para o outro — Você acha que alguém pode por voltar do inferno?

 

— Só se sentar no pau do inimigo e gemer muito.

 


Notas Finais


Então, o que acharam desse comecinho?

Trailer da fic: https://www.youtube.com/watch?v=q4Tp1JR29YE


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...