História Coincidência ou Destino? (Armin) - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Boris, Castiel, Iris, Kentin, Kim, Lysandre, Melody, Nathaniel, Peggy, Priya, Professor Faraize, Professora Delanay, Rosalya, Senhora Shermansky, Violette
Tags Amor Doce, Armin
Visualizações 53
Palavras 2.158
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, LGBT, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄
Oiie gente! Peço desculpa a demora para o capítulo sair... Eu torci o pé nestes dias e foi uma correria, agora que finalmente tive um tempo, fiz o capítulo para vocês! Espero que gostem e boa leitura! ^^
❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄

Capítulo 5 - Ida ao shopping



*10:15h*

- ahhh (bocejo) *olho as horas no celular* para um sábado, não está tão tarde assim *vou me espreguiçando enquanto me levanto da cama* vou indo tomar o café da manhã

Desci até ao andar de baixo, encontrei minha mãe no balcão da cozinha falando sozinha.

Mãe- quem será ela? E porque me parece ser tão familiar mas ao mesmo tempo tão... Distante...

- (de quem a minha mãe está falando?)

Deixei esse pensamento de lado e fui até ela, como se tivesse acabado de chegar

- bom dia mamãe *dou um beijo na sua testa* conseguiu ter uma boa noite de sono?

Mãe- consegui sim, o gesso incumoda um pouco como você deve imaginar... Mas não é algo que me impede de me habituar com o tempo

- ainda bem *coloquei o leite e os cereais numa taça* hoje irei sair com meus amigos no shopping

Mãe- fico feliz por saber que você está conseguindo se adaptar, fez até amigos! Eai? Conheceu algum garoto? *ela me olhou com um sorriso malicioso no rosto*

- ah mãe você só tem isso em mente?

Mãe- claro! Você nunca nem namorou! Tem que desencalhar en filha

- (serio isso?) irei ter com todo o mundo às 14:20, não devo chegar muito tarde

Mãe- mudando de assunto? Mas tudo bem

Terminamos o café da manhã sem que a minha mãe disse se qualquer palavra constrangedora, ainda bem ne. De repente senti meu celular vibrar, era uma ligação da Rosa (atender)

*Ligação on:*

...

Rosa- bom dia miga!

- oi Rosa, porque está me ligando?

Rosa- queria perguntar a você se queria almoçar comigo lá na lanchonete mesmo, assim teríamos uma "conversa de garotas" até os gémeos chegarem

- achei uma ótima ideia! Vou só me arrumar e vou indo ter com você

Rosa- 12:30 lá, combinado?

- sim, até mais Rosa

Rosa- até miga

(encerrar ligação)

...

*Ligação off*

- mãe, afinal vou almoçar com a Rosa, não há problema?

Mãe- não filha, não se preocupa!

- vou indo me arrumar até daqui a pouco

Fui tomar um banho bem demorado, assim que vi meus dedos já enrrugados, saí do banho. Depois de muita dúvida, decidi que ia usar um short branco com uma blusa amarela com o pikachu estampado na frente e um ténis da adidas. No cabelo decidi fazer dois coques

- acho que... Estou pronta! *vejo as horas no celular* 12:00?! Fiquei quanto tempo me arrumando?!

Peguei meu celular e peguei algum dinheiro que andei poupando faz um tempo e desci.

- mãe ja vou indo! Até mais *aceno a ela e mando um beijo*

Mãe- bom passeio! E cuidado com os garotos viu? Se previne antes!

Me engasguei com o ar após escutar essas últimas palavras

Mãe- eita deu até tosse kk

- *sai apenas ignorando ela* (a unica coisa que ela pensa que eu faço é estar com garotos! Logo eu que nunca nem namorei! Apenas pelo facto de nunca ter sentido que amei alguém de verdade...)

Fui o caminho todo pensando em como seria o dia de hoje. Estive a semana inteira esperando pelo dia de hoje! Estou ansiosa demais!

Depois de um tempo, avistei a lanchonete mas sem sinal da Rosa. Fui andando até uma mesa e fiquei esperando.

- (achei estranho demais a Rosa ainda não ter chegado...)

Rosa- oi miga, me desculpe a demora!

- (ela está ofegante, parece até que correu a maratona até aqui kk) sem problemas Rosa!

Ficamos conversando sobre diversas coisas, depois que chegou o que pedimos, quis perguntar algo à Rosa que me intriga desde que a conheci

- Rosa, você é uma garota linda, super divertida, me conta, você já está namorando?

Rosa- eu estava namorando sim... Ele se chamava Viktor, ele era legal e estávamos juntos a uns 2 anos! Mas ele era possessivo demais e depois de uma briga feia entre a gente, eu quis acabar com tudo mas ele não aceitou muito bem e... Ele me bateu (algumas lágrimas rolaram pelo seu rosto) depois disso desejei profundamente que nunca mais tivesse de olhar para a sua cara e fugi... (ela secou as lágrimas e sorriu, acredito que fosse com a intenção de me tranquilizar) mas são águas passadas...

- nossa mas que filho da puta! (senti a raiva subindo pelo meu corpo)

Rosa- felizmente ele é de bem longe

- bom mesmo, se ele aparece se na minha frente certeza que iria parar la no final de um  precipício! 

Rosa- você é doida miga kk

- sou doida mesmo *mostro a língua a ela*

[?] - oii suas lindas! 

Eu e a Rosa nos viramos, eram os gémeos.

- oiie *eu sorrio*

Rosa- estávamos esperando vocês!

Alexy- então vamos indo?

- vamos sim!

A Rosa e o Alexy foram conversado na frente, eu e o Armin ficamos mais atrás em total silêncio, decidi enfim quebrar o gelo.

- está uma tarde muito agradável não acha? (sério isso Charlotte? Tanta coisa para falar e você diz logo isso?)

Armin- oi?

- parece distraido, está pensando em algo?

Armin- *ele me encara com aqueles lindos olhos azuis* não é nada demais, está tudo bem sim! *ele sorri*

- (meu coração ficou acelerado de repente, o que está acontecendo comigo?) achei que você não gostava de vir no shopping, porque aceitou vir?

Armin- tem um motivo...

- e qual seria?

Armin- você

- e-eu?

Senti minhas bochechas esquentarem instantaneamente

Armin- v-você e a Rosa, achei legal vocês (ele diz rapidamente)

(autora- hummm sei 😏)

- a-ata... Também achei vocês legais... (melhor mudar de assunto) a Rosa e o Alexy são fofos demais juntos! Será que rola algo?

Armin- isso é impossível

- porque?

Armin- porque o Alexy é gay

- serio?!

Armin- sério mesmo, porque? Você por acaso tem... Preconceito?

- não! Acho até legal, é a primeira vez que tenho um amigo gay! E você...?

Armin- eu não sou gay se era isso que estava perguntando

- (porque me senti aliviada em saber que ele gosta de garotas?)

Armin- a propósito, você está linda demais hoje! Não que você já não seja desde sempre ne

- (minhas bochechas esquentaram na hora, de novo... Como ele faz isso comigo?)

*Pensamento do Armin*

(meu Deus como ela fica fofa corada... E aquele sorriso...)

(autora: melhor deixar o nosso gamer com os seus pensamentos)

*Voltando para a Charlotte...*

Depois disso ficamos conversando o resto do caminho, o Armin não perdia uma oportunidade para me fazer dar risada. Depois finalmente chegamos no shopping.

- ufa finalmente, onde a gente vai primeiro?

Rosa/Alexy - Lojas!

Armin- loja, de games óbvio

- concordo com o Armin, estou mesmo precisando de um game novo

Rosa- então faremos assim, eu e o Lexy vamos nas lojas e depois a gente se encontra na loja de games

- tabom, vem Armin (saio puxando ele pela mão)

Alexy- até mais vocês dois, não aprontem!

- (o que ele quis dizer com isso?) 

Depois de cada um ir para o seu lado, eu e o Armin fomos andando até a loja de games, chegando lá eu pirei

- saiu! Eu estava espera esse game lançar desde que eu vi o trailer, vou já levar!

Armin- vou levar também, como é online podemos jogar juntos depois!

- sim seria legal!

Eu e o Armin ficamos vagando pela loja, até que o Armin me puxa

- e-ei onde está me levando?

Armin- tem um jogo legal de realidade virtual que podemos jogar antes mesmo de ser lançado

- serio?!

Armin- sim, é logo ali

O Armin me levou até um canto da loja onde nunca tinha estado, tinha uma cartaz de um jogo em realidade virtual que seria lançado e, como o Armin tinha falado antes, era possível jogar a 1 fase como um teste e acho que é uma ótima forma de convencer as pessoas a comprar o game assim que for lançado

Armin- vem!

Uma mulher que estava lá nos guiou até uma sala e nos deu os óculos, logo disse para entrarmos

- nossa que escuridão! (me arrepiei inteira assim que escutei o Armin sussurrando no meu ouvido)

Armin- eu estou aqui com você, não se preocupe

- (senti minhas bochechas esquentarem na hora, as batidas do meu coração estavam descompassadas)

Logo recebemos a indicação de colocar o óculos, logo pude ver na minha frente uma contagem regressiva

3...2...1...iniciar

Logo me vi presente em um ambiente diferente, parecia até outro mundo! avistei o Armin logo à frente

Armin- nossa que legal! Se prepara que logo começa a fase

*BUM*

escutei um barulho enorme atrás de nós, assim que me virei, vi que uma porta enorme tinha sido aberta. Assim que entramos, estávamos dentro de um edifício, tinha imensas pessoas feridas ou até mesmo mortas ao redor, senti um enorme arrepio percorrendo meu corpo. 

- nossa que gráficos realistas! (nossa que atmosfera pesada...) 

Armin- é não é?

- o que temos que fazer? (tenho uma sensação de que algo ruim irá acontecer...) 

Armin- temos que descobrir o que aconteceu por aqui, quase como uma missão sabe?

- sim! E então por onde começamos?

Armin- vamos vasculhar o local, assim que você vir algo suspeita me avisa tá?

- tabom 

Armin- tem uma lanterna no inventário tá? É meio escuro aqui

- é.... Deu para entender (ai meu deus eu morro de medo do escurooo)

Armin- não me diga que você tem medo!

- n-não mesmo!

Armin- hmm vou fingir que acredito! Qualquer coisa grita ahah

- como ass... (ele já tinha sumido)

Comecei a andar pelo local, estava num enorme corredor e tinha várias portas. Fui entrando em cada uma das portas que davam acesso a várias salas com funções diferentes, em meio de tudo isso, depois que entrei num dormitório, escutei a porta se fechando atrás de mim. Logo senti o medo de consumir por completo

- (q-quem fechou essa porta? E... Que local é este?)

Logo escutei um barulho de passos e apontei a lanterna na direção do som. Não vi absolutamente nada

- Armin não brinca comigo desse jeito...

Não obtive resposta nem escutei mais nenhum barulho

- Armin é sério para com isso...

Eu tava muito assustada, apontando a lanterna para todas as direções. De repente a lanterna falhou

- logo agora você para de funcionar? Mas que droga...

Fiquei batendo na lanterna na tentativa de fazer com que volta se a funcionar, após um tempo resultou. Mas assim que apontei na minha frente, vi uma coisa enorme! Parecia até um alienígena, tinha vários tentáculos e envez de ter uma das mãos, tinha uma espécie de lança cheia de espinhos. Ele estava vindo na minha direção, a medida que eu ia recuando, mais aquele mostro se aproximava

- (ai meu deus cadê você Armin?!)

Chegou a um momento que eu não consegui mais recuar pois tinha ficado contra uma parede, o mostro se aproximava mais e mais

- (calma Charlotte é apenas um jogo SUPER realista e você está na frente de um mostro, nada pode acontecer não é mesmo?!)

Assim que o mostro chegou perto, ele fez um barulho enorme que me deu uma enorme dor de cabeça, cai no chão me contorcendo de dor

- Ahhhhhhh

Logo depois senti uma enorme dor na minha perna direita. assim que olhei, persebi que o mostro tinha cravado a sua mão/lança na minha perna

- AHHHHHHH (porra porque este jogo tinha que ser tão bom? Até dá para sentir esta dor insuportável!)

Quanto mais fundo a lança ia, mais eu gritava

- ARMIN POR FAVOR ME AJUDAA!

Nada acontecia, eu era incapaz de fazer alguma coisa.

- (eu... Me sinto inútil! Nem consigo me defender de um simples mostro...)

Estava quase apagando quando a porta finalmente se abriu

Armin- Lotte!

Consegui ver o Armin subindo no mostro, o atacando logo em seguida

- (essa é a minha chance!)

Rastejei para um pouco longe e acessei meu inventário e peguei numa poção de cura que tinha achado enquanto vasculhava os outros locais e tomei. Logo senti minhas forças voltarem

- agora sim...

Respirei fundo e fui para cima do mostro junto com o Armin, depois de muito esforço conseguimos matá-lo. Logo eu abracei o Armin, ele pareceu surpreso mas retribuiu o abraço

- eu... Tive tanto medo...

Armin- não se preocupe, nada te irá acontecer enquanto eu estiver aqui!

Eu o abracei ainda mais forte, ficamos uns minutos assim até que eu o soltei

- (aí que fofo ele está corado) 

Armin-  é... agora vamos achar os outros!

- tem mais?!

Armin- tem sim, temos que achar todos eles. Enquanto estava vasculhando o local, achei umas armas que irão ajudar a gente (ele me entrega uma arma)

- vamos nessa!

Depois disso eu e o Armin fomos eliminando os monstros um por um, depois tudo ficou negro e apareceu na minha frente que a 1 fase tinha sido concluída.

               1 fase concluída!                             Para jogar as próximas fases, compre o  jogo! Disponível brevemente

Logo voltamos aquela sala e fomos saindo da loja dando risada

- nós arrasamos

Armin- somos os melhores, matamos todos eles!

[?] - *tosse*

Nós nos viramos, era a Rosa e o Alexy com cara de poucos amigos... E com umas 10 sacolas de roupa no mínimo

Alexy- vocês sabem à quanto tempo estão dentro dessa loja?!

- ahn... Não!

Rosa- vocês estão aí dentro faz umas 3 horas!

- (3 horas?! Nem vi o tempo passar...)

Armin- nossa foi mal...

Alexy- me pergunto o que vocês andaram fazendo... 

Armin- n-não pensa besteira Alexy... 

Alexy- hmm sei.... 

Rosa- vamos indo

Estávamos caminhando até à saída, esta tarde foi realmente incrível! Nunca esquecerei aquela hora que estava jogando com o Armin, ele foi demais! Na hora que estávamos quase passando pela porta escutei alguém me chamar

[?] - Charlotte, é você!?

- (esta voz... Não pode ser!)

Me virei na hora

- Pedro?!


Continua...


Notas Finais


❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄
Espero que tenham gostado! A cada capítulo que libero, sinto que vocês estão gostando e tou muito feliz e orgulhosa de mim mesma! Não é das melhores fanfics nem a que tem mais pessoas acompanhando... Mas as poucas pessoas que acompanham já basta para eu sorrir apenas vendo os favoritos e lendo os comentários! Amo vocês de verdade!
❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄❄


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...