História Coincidências (não) acontecem. - Capítulo 25


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bangtan, Bangtan Boys, Blackpink, Bts, Jeon Jungkook, Jimin, Jisoo, Jungkook, Kim Taehyung, Kpop, Min Yoongi, Park Jimin, Suga, Taehyung, Yoongi
Visualizações 34
Palavras 1.336
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


B
O
A

L
E
I
T
U
R
A
💜

Capítulo 25 - Saudades.


Fanfic / Fanfiction Coincidências (não) acontecem. - Capítulo 25 - Saudades.

Liguei e relatei logo o caso a polícia.

Me aproximei de Chin. Ela chorava muito. 

 - Chin...

Ela estava jogada no chão, acabada, eu e os meninos deveríamos ter ficado com ela.

 - Chin...

 - ...eu quero acabar.

 - Quer acabar com oquê?

 - ...quero...quero acabar com tudo isso.

 - Chin... - ela se levantou.

 - Vou sair da sua casa, Jimin.

 - Oquê? Chin, você tá bem?

 - Sim. - ela disse enquando andava e eu a seguia.

 - M-Mas... Chin... onde você vai ficar?

 - Eu vou dar um jeito, eu sempre dou um jeito.

 - Chin! O carro é por aqui.

 - Eu não vou voltar com você. - ela disse, parada, virada de costas.

 - Oquê? E as suas coisas? Chin, está tarde! 

 - Dane-se! Amanhã passo lá e pego. Eu quero pensar.

 - Chin, e se algo acontecer com você?

 - Nada vai acontecer.

 - Como você sabe?

 - Nunca acontece.

 - Como assim “nunca acontece”?

 - Aigo Jimin, eu tô indo. - ela disse seguindo, até eu segura-lá.

 - Chin..

 - Jimin...

 - Não vai...

 - Me solta.

 - Eu vou ficar preocupado com você.

 - Não precisa.

 - Chin, é a última ve...

 - Eu já disse. - ela me interrompeu.

 - Ok. - eu a soltei. - Venha amanhã.

Entrei no carro. Oque ela tem na cabeça? Eu devo ir? Ou não? Fiquei a observando. Ela estava parada. Liguei o carro e dei a partida.

Era madrugada, quatro horas da manhã. 

Eu estava preocupado.

Eu não parava de pensar nela.

Não demorei cinco minutos até dar meia volta.

( CHIN ON )

Eu desisto... eu, acima de tudo, ainda amo o Taehyung. Sinto alguma coisa pelo Jimin, algo que não consigo explicar. Meus pais morreram? É isso? Acabou? Isso só pode ser tudo um pesadelo, estou tão confusa. Aqueles meninos, aqueles sete meninos, os sete, fazem meu coração pular. Os sete, mas... o Taehyung... o Taehyung é especial. O Jimin então, me ajuda em todo tipo de situação. Eu devia dar mais atenção a ele.

Namjoon... Namjoon é estranho. Ele é um ótimo amigo, divertido, mas ás vezes ignorante! Aish! O Jin... Jin é divertido! Ele é engraçado e bem legal. O Yoongi... gostaria de conhecê-lo mais. Ele e o Jungkook formam uma bela dupla! Aqueles dois não tem jeito! Aah, o Hoseok... o cara do elevador! Ele também é super legal, Jimin demonstra ódio por ele ás vezes, não sei porquê. O Jungkook... oque dizer sobre Jungkook? Viado, Jungkook arrasa. Meu melhor amigo desde pequena, temos várias histórias juntos. Os sete, esses sete menininhos conseguem me animar de um jeito... Óbvio que... eles vacilam ás vezes... não ás vezes... meio que... sempre? Mas só com eles, depois deles, eu diria que minha vida melhorou e piorou ao mesmo tempo. Aaah, depois que eu encontrei o Taehyung tudo virou de ponta cabeça! Mas isso não pode ser um pesadelo. Não com eles.

Eu estava pensativa, triste mas feliz. Mas, viver com o Jimin confundia minha cabeça! Não quero morar mais com ele, com nenhum deles! Ne-nhum! Nenhum Chin!

Eu por um momento, quando vi a cena dos meus pais, pensei em pôr um ponto final em tudo, de uma vez. Ver aquilo, encarar aquilo, me sufocava. Eu pensava, porque eles demoram tanto? Queria os meninos do meu lado naquele momento, mas, infelizmente, não deu. 

Eu pensei em me matar, eu venho pensando nisso. As coisas estão tão difíceis... Seria mais fácil desistir de tudo. Mas, acho que eu não quero desistir. Mas... será que eu faria falta? Não sei. Mas pensando por um lado, ter uma vida perfeita não seria nada legal. É bom chorar e sorrir às vezes. 

Depois de amanhã, ou... como é madrugada... amanhã, é o meu aniversário. O tempo passa tão rápido!

 - Chin.

Eu queria estar com os meninos agora... 

 - Chiin.

Eles me animam.

 - Chin!

Hoje eu tenho aula, mas são cinco horas da manhã e eu não dormi ainda, estou acabada. Será que tem problema eu faltar?

 - CHIN! CACETE! OLHA PRA CÁ!

 - AAAAH! QUE SUSTO! 

Eram os meninos, acho que meu desejo se realizou.

 - No que você tava pensando? - perguntou Namjoon.

 - Nada demais. Oque fazem aqui?

 - Oque a gente faz aqui?!? - disse Jin.

 - Jimin ligou pra gente falando que você não tava beeeem, com um papo de sair da casa deeele... - disse Hoseok.

 - Pode nos explicar? Quem disse que bebê pode ficar na rua de madrugada, sozinha, sem rumo por aí? - disse Jungkook.

 - Assim, sobre você sair da casa do Jimin, gostei da idéia. - disse Taehyung.

 - CALA BOCA TAEH! - berrou Yoongi.

 - “TAEH”??!?!? AMAS QUE INTIMIDADE É ESSA? - berrou Jungkook de volta.

 - ALÁ OS POMBINHOS BRIGANDO DE NOVO! - berrou Jin.

 - “POMBINHOS”? - disse Yoongi.

 - POMBA É TU! VEM PRA CIMA, VEM! - disse Jungkook, alterado encarando Jin.

 - “VEM PRA CIMA, VEM”??!?!!? OQUE É ISSO JUNGKOOK?? - disse Yoongi.

 - ELE ESTÁ VISÍVELMENTE ALTERADO, ENCARANDO JEON JUNGKOOK COM FOGO NOS OLHOS, SERÁ RAIVA OU... - berrava Namjoon com tom narrador até Yoongi o interromper pulando em cima. - TU TAMBÉM?

Aaah que saudades! Observava a briga de todos até notar que Jimin estava quieto, ele me encarava enquanto sorria sozinho. Fiquei meio sem jeito.

 - ACABOU A BRIGA? VAMOS PRA CASA AGORA? AIGO! - berrou Hoseok.

 - Tááá! - disseram os briguentos, bufando.

Entramos no carro, estava meio apertado, mas coube todo mundo.

 - Eu quero mijar. - disse Yoongi.

 - ESPERA ATÉ CHEGAR EM CASA!

 - CARA, TEM MENINA AQUI!

 - Que deselegante!

 - PAREM COM ISSO! AISH, BRIGA O TEMPO TODO, EU TÔ DIRIGINDO! E SE O CARRO BATER E GERAL MORRER A CULPA É DA BEXIGA DO YOONGI! - berrou Jimin.

 - MISERICÓRDIA, MORRER AGORA NÃO, PAI NOSSO QUE ESTÁS NO CÉU SANTIFICADO SE...

 - OLHA SÓ, EU BEBI E TÔ BATENDO PERNA DESDE AS SETE QUANDO A GENTE COMEÇOU A BEBER, DESDE AQUELA HORA EU NÃO CAGUEI, TÁ BOM PRA VOCÊ? - berrou Yoongi.

 - “BATENDO PERNA”, YOONGI?!?!!!? - disse Kook.

 - TU ENTENDEU! 

Foi assim o caminho inteiro, paramos na primeira casa, a do Jin.

 - PERA! - disse Namjoon, todos nós o encaramos. - PRA ONDE A CHIN VAI?

 - Ish. - disse Jimin.

 - PEEEEEERA AÍ, ESSE ERA SEU TRUQUE JIMIN? IR LEVANDO GERAL ATÉ IR TODO MUNDO E VOCÊ FALAR “AAAAH CHIN, VOCÊ NÃO TEM LUGAR PRA DORMIR ENTÃO VEM PRA MINHA CASA, DAI EU TE ENROLO E VOCÊ FICA LÁ PRA SEMPRE”!- disse Taehyung.

 - PERA! EU NÃO TINHA EXATAMENTE ESSAS INTENÇÕES...

 - OQUEEEEEEEEEEEEEEEEEE?????? EU ESPERAVA MAIS DE VOCÊ JIMIN! AGORA QUE EU NÃO SAIO DESSE CARRO! - disse Hoseok.

 - NEM EU! - disseram todos.

 - MAS NÃO É A CHIN QUE ESCOLHE ONDE VAI FICAR? - disse Yoongi.

 - ENTÃO DECIDE CHIN! - disse Taehyung, todos me encararam.

Principalmente Jimin.

 - E-Eu não sei...

 - AH PRONTO, LÁ VEM!

 - MINHA QUERIDA, VOCÊ QUER QUE ESSE CARRO PEGUE FOGO?

 - “MINHA QUERIDA”?!!?!!?

 - “PEGUE FOGO”?!!?!!!?!?

Eles começaram a brigar mais ainda de novo, não vou mentir, eu adoro isso.

 - EI! PORQUE NÃO VAI TODO MUNDO DORMIR NA CASA DO JIMIN? - disse Hoseok.

 - NA MINHA CASA?!?!?!!!?

 - SIM! - disseram todos.

 - VOCÊS TÃO ACHANDO QUE LÁ É OQUÊ?? CHIQUEIRO??!!!?!!? LÁ NÃO TEM TODDYNHO TAMBÉM NÃO! - disse Jimin.

 - Ó SÓ, CÊ ME RESPEITA! - disse Jungkook.

 - VAMO GERAL PRA LÁ E É ISSO!

 - MAS A CASA É MINHA E EU NÃO PERMITO ISSO! - disse Jimin.

 - EU QUERO DORMIR COM TODO MUNDO! - eu berrei.

 - É O QUÊ? - gritaram todos.

 - TU É SAFADA ASSIM? - disse Yoongi.

 - TU QUER SURUBANGT... - disse Namjoon até ser interrompido por todos. - CALA BOCA!

 - VAMOS LOGO! - eu berrei, porque se não, ficávamos ali até amanhã.

Jimin deu a partida e seguimos, com o barulho de sempre, é claro.

Chegamos.


Notas Finais


Espero que tenham gostado!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...