1. Spirit Fanfics >
  2. Coisas do Acaso - (Namjin, Jikook) >
  3. Primeiro compromisso como assistentes.

História Coisas do Acaso - (Namjin, Jikook) - Capítulo 8


Escrita por: e Choi_Sookie


Notas do Autor


Olá meus amores choi aqui com mais cap maravilhoso para vocês.

Obs¹: a partir da parte "ele caminha rápido" é a escrita da Anenha, tenham uma boa leitura.

Obs²: lembrando que tudo aqui escrito é somente uma história rodeada de ficção, as personalidades aqui descritas não condizem com a dos meninos.

Capítulo 8 - Primeiro compromisso como assistentes.


Fanfic / Fanfiction Coisas do Acaso - (Namjin, Jikook) - Capítulo 8 - Primeiro compromisso como assistentes.


Depois de ter sido arrastado para bem longe dos príncipes, Jungkook tinha um semblante sério e os braços cruzados enquanto olhava na direção de Seokjin, ele não conseguia entender o que levou o mais velho a lhe tirar de perto de seu tão precioso Jimin.. 

Por mais que estivesse claro que o mesmo não gostou nenhum pouco de conhecê-los pessoalmente, ele não achava que isso fosse motivo para ele agir daquele jeito.

– por que você fez aquilo?? Estava tão legal conhecer o Jimin..– disse o mais novo um tanto entristecido ao que olhava para o mais alto.

– sério que você gostou de conhecer aquele tarado?.– perguntou um tanto incrédulo ao que levava seu olhar para o seu dongSaeng, como podia alguém gostar de conhecer um príncipe tão cara de pau e tarado como aquele??

Ouvir Jin chamando o príncipe mais novo daquele jeito deixou Jeon um tanto irritado, já estava cansado dos outros falando besteiras sobre o príncipe, e mesmo que no fundo fosse verdade, Jungkook não conseguia se conformar com aquilo, talvez pelo o seu jeitinho bobo não tenha percebido as mesmas coisas que seu Hyung quando estava falando com os príncipes, pois na visão do garotinho eles não passavam de dois alfas bastante bonitos e levemente educados que possuíam um lado um tanto difícil e rebelde. 

– Vou nem discutir com você, não vale a pena.– respondeu o garoto Jeon ainda com os braços cruzados enquanto olhava para a frente com um beisinho nos lábios em uma "tentativa" de ignorar o mais velho, esse que ao ouvir a fala do ômega apenas balançou a cabeça de um lado ao outro enquanto suspirava levemente, ele até falaria algo, porém achava que não tinha motivos para convencer o menor do contrário, e além disso conforme ele fosse convivendo com Jimin talvez percebesse a péssima pessoa que admirava..

Enquanto andava na direção do palácio Jungkook teve a visão de Dahyun seguindo em passos um tanto rápidos até ambos, seu semblante era sério e suas bochechas estavam um pouco rosadas pelos passos rápidas da garota. Ao parar de frente para os dois ômegas, a baixinha respirou fundo antes de enfim começar a falar o que precisava. 

– a rainha pediu para eu informar a vocês sobre a reunião que haverá hoje a tarde, ela será voltada para os assuntos do reino e me adiantou da possível criação de novas leis, e com isso a presença dos príncipes é de extrema importância, eles têm que entrar na sala de reuniões exatamente as 17 horas, vocês tem três horas para convencê-los a estar lá.– disse a garota sem pausas enquanto intercalava seu olhar entre Jin e Jungkook, esses que por alguns segundos pareciam processar o estava acontecendo, e logo um sorrisinho brotou nos lábios do Jeon enquanto o Kim continha uma cara de tédio ao perceber o que teria que fazer. 

– obah, já estou indo.– Jungkook foi o primeiro a se pronunciar um tanto animado com a probabilidade de rever Jimin, não fazia nem duas horas que haviam se falado e o garoto já estava bobo para ver o príncipe novamente. 

– okay vai você, e aproveite para falar com aquele outro príncipe metido também.– falou Jin falou enquanto bufava em descontentamento, depois da breve conversa que teve com os príncipes, e do tapa que havia dado em Namjoon ele já suspeitava que se fosse falar com o mesmo agora não daria nada certo, e possivelmente acabaria acertando outro tapa na cara do tarado 

– eu sou assistente do Jimin-ssi, e não do Namjoon vá você e vê se desta vez acerta outra parte do corpo dele, afinal já imaginou se ficar marcado o rosto dele para a reunião??.– comentou o mais novo soltando uma risadinha lembrando do que havia acontecido a pouco tempo atrás, mesmo que fosse algo que Jin não deveria ter feito para um príncipe, chegava a ser engraçado ver a maneira como ele desafiava o alfa daquele jeito. 

– Você bateu no príncipe?? .– perguntou Dahyun incrédula enquanto olhava na direção do ômega mais velho, como trabalhava no palácio a um tempo a garota sabia bem como príncipe Namjoon era, e sabia também que ninguém tinha coragem de encostar os dedos nele. 

– Sim, e bato de novo se for necessário.– a resposta do Omega pareceu deixar a garota ainda mais surpresa do que já estava, a mesma nunca pensou que ouviria algo assim, ainda mais vindo de um omega que havia entrado hoje no palácio. 


 (...) 


Depois de ter dado um jeito para que seu Hyung fosse atrás de Namjoon, Jungkook fez o mesmo e saiu a procura do príncipe mais novo pelo o palácio, e mesmo depois de uma hora não havia conseguido nenhum sinal do baixinho, a única coisa que conseguiu foi a informação de um guarda real dizendo que o príncipe estaria no campo de treinamento, e mesmo cansado o garoto havia seguido até o local. 

O campo de treinamento não era tão longe de onde estava e por isso foi seguindo até lá sem problemas, e a medida que ia se aproximando mais do lugar podia perceber o movimento de vários alfas por ali, o que incomodava um pouco o ômega por conta das essências fortes e dos olhares curiosos que iam para cima de si. Porém mesmo assim esse continuou a andar para dentro do local, tendo a visão de Jimin no centro do campo sem camisa e com as pontas dos cabelos completamente molhadas enquanto lutava com um alfa bem mais velho que si.

Tal visão do alfa fez com que as bochechas do ômega coraram fortemente e seu coração batesse mais rápido, ao que seus olhos tentavam focar em qualquer ponto para não olhar o corpo exposto do príncipe, tentativa essa que acabou não dando muito certa, já que era impossível desgrudar os olhos do alfa treinando. 

Jimin que até então permanecia concentrado na luta que mantinha com o seu treinador, ao perceber a presença do ômega e o jeito como ele lhe olhava acabou sorrindo ladino, não pensou que teria plateia para observar seu treino, mas como adorava se exibir havia gostado da ideia de ter o seu novo assistente gostosinho para o observar naquele momento, porém se por um lado pensar aquilo o alegrou, por outro acabou fazendo o homem de meia idade que lutava contra si pedir um tempo para que o jovem alfa pudesse descansar, e possivelmente ir ver o que o garoto de dentinhos avantajados queria. 

E foi exatamente o que o príncipe fez, com a respiração um pouco descontrolada e com a franja colada em sua testa, o centímetros mais baixo andou na direção de Jungkook, percebendo a maneira como este o olhava envergonhado, o que o levou a sorrir de canto. 

– Olha se não é o omega mais fofinho deste palácio.– disse Jimin com um humor um tanto animado ao parar bem a frente de Jungkook.– O que traz você aqui Ggukie? Veio ver o seu adorado príncipe treinar? .– Jimin não perdia uma oportunidade para flertar com o garoto, mesmo que tenham se conhecido ainda hoje, não era como se ele fosse se conter..

– Bem...eu precisava falar com você algo importante.– respondeu o ômegaômega um pouco perdido enquanto mantinha seu olhar sobre o rosto de Jimin, na tentativa de não olhar da direção de seu abdômen desnudo. 

– Então diga bebê..– outro sorriso se fez presente nos lábios do Kim mais novo ao que observando o garotinho 

– eu vim dizer que hoje as 17 horas haverá uma reunião muito importante, e você deve comparecer a ela.– com a pouca coragem que havia conseguido acabou por jogar tudo que Dahyun havia lhe informado para cima de Jimin, este que revirou os olhos com o que tinha ouvido, justamente no dia que conseguiu escapar dos outros afazeres do reino para que pudesse treinar haveria uma reunião? 

– ah mas eu não vou mesmo, pode avisar a minha mãe, ela sabe muito bem que eu odeio essas coisas aish.– o semblante que antes era animado, agora continua uma aparente levemente irritada, Jimin odiava participar das reuniões, principalmente por que sabia que não teria nada de interessante além do conselho e de sua mãe falando coisas que ele não se dava ao trabalho de entender. 

– mas você precisa ir desta vez é mesmo muito importante príncipe.– Jungkook não havia imaginado que logo de primeira Jimin recusaria, porém se conseguiu convencer o Jin a ir atrás do irmão mais velho do mesmo, ele daria um jeito para conseguir o príncipe também.– Por favor Senhor Kim, você não irá de se arrepender de ir, eu tenho certeza. 

Ver o ômega falando daquele jeito até parecia de fato ser algo importante, mas Jimin não era burro, sabia como eram as reuniões que ocorriam no palácio e todas elas em sua visão se resumiam a mesma coisa.– primeiro não precisa me chamar de senhor Kim, me faz parecer velho, me chame apenas de Jimin, ou se preferir pode ser oppa também.– Respondeu lançando uma piscadinha para o outro, esse que sentiu suas bochechas corarem novamente, ao que ouvia um risinho dos lábios de Jimin. – E segundo eu não vou, essas reuniões são tediosas demais e estressantes demais. – Ouvir o lúpus fez Jungkook respirar fundo tentando pensar em algo para que o convencesse.. 

– Se... Jimin-ssi por favor– pediu o ômega cruzando os braços e formando um biquinho nos lábios exatamente como havia feito mais cedo na tentativa de ignorar Seokjin. E se aquele truque tivesse funcionado alguma vez com Jin poderia funcionar com o alfa também, porém por mais derretido que tenha ficado por dentro ao ouvir seu nome ser pronunciado de tal forma, Jimin tentou se manter firme imitando o mais novo cruzando os braços e fazendo um beicinho. 

– Mas eu não quero..e você não irá me obrigar a ir. – mas havia falado e começou a andar em direção a saída do campo de treinamento tentando ignorar a presença de Jungkook, que de imediato foi atrás de Jimin tentando o convencer do contrário.

O mais baixo andava pestanejando a insistência do ômega, tá que era o que deveria fazer mas sua cabeça estava cheia demais para se preocupar com um monte de velhos em seu ouvido o pedindo opiniões e exigindo responsabilidade – essa que ele deveria ter por sinal –. Entretanto viu que não se livraria tão cedo daquilo então precisava pensar e agir rápido, se sentou em um banco e obviamente Jungkook sentou ao seu lado um pouco ofegante.

Ele caminha rápido...

Bem, vendo aquela cena do garotinho com a respiração descompensada e um leve suor vários pensamentos passaram sobre sua mente, alguns errados outros nem tanto, dentre eles a ideia genial pra se livrar do que tanto detestaria.

– Você não vai mesmo Jimin, sério isso? – Personalidade forte mesmo, só imaginava o quanto trabalho teria com o menino visto o tamanho que já está sendo consigo agora, poxa, ele parecia tão legal.

Só parecia mesmo…

Pigarreou os lábios e sorriu travesso, o que assustou o de dentinhos fofos, o que viria a seguir meu Deus. 

– Eu só vou se você me der um beijo em troca.. Então, o que acha Jungkook? – Arregalou os olhos, ele está sugerindo aquilo mesmo? Céus, agora além de suas bochechas todo o seu rosto ficou vermelho por tamanha vergonha. Agora sim ele achava que tinha entendido o posicionamento do Jin, estava certo sobre tudo, ou quase tudo.

Parte de si ficou surpreso e a outra triste, não imaginava que o mais velho fosse realmente assim, porém respirou fundo pensando, ele tinha que fazer o príncipe comparecer a reunião de todo o jeito! Era recem seu primeiro dia não poderia decepcionar e também já percebeu que Park não é fácil de lidar e se cedesse talvez levasse uma bronca da rainha hoje.

– Tá bom eu aceito mas só depois de você ir a reunião. – Decretou firme, não era tão bobo e burro quanto parecia o que deixou Jimin desolado, merda! Não era exatamente isso que imaginava, não que ele não quisesse beijar o ômega pois seus lábios pareciam muito convidativos desde a primeira vez que os viu. Só não queria comparecer à reunião mesmo.

– Okay fechado ômegazinho, cobrarei viu? E nem pense em tentar fugir de mim pois eu vou te achar de qualquer forma… – Sussurrou aos ouvidos de Jungkook terminando com mais um de seus flertes do dia antes de se afastar completamente e deixar um todo nervoso e arrepiado pra trás.

E com a ficha caída, meu Deus o que ele fez??! A rainha havia deixado bem claro desde o início que relações com seus filhos não era permitido, ahh estava nervoso e com raiva de si mesmo por ter se deixado chantagear tão facilmente.

E o pior.

Agora se quer poderia voltar atrás…


(...)


Enquanto isso, depois de tanta insistência do mais novo e também com a consciência de que realmente tinha que fazer aquilo, afinal mesmo não querendo ele ganhou e agora tem que arcar com as consequência, ou melhor, com as consequências dos atos impulsivos de seus pais.

Mas agora, aonde aquele chato metido poderia estar? Tantos lugares no palácio e ele claro ainda não decorou todos, porém bem, ainda sim podia se divertir né? Lembrou dos olhos do alfa guarda que permaneciam grudados nele e em como aquilo instigou Jin e o fez ter vontade de falar.

Já devem imaginar no fim o que ele acabou aprontando, caminhou pelos corredores luxuosos a fim de encontrar ou se trombar com aqueles olhos e sorriso diferente, o que não demorou muito para sua alegria.

– Olá, bom dia, poderia me dizer onde o príncipe Namjoon se encontra agora? – Mal sabia se ele tinha aquela informação ou o que, mais pra realidade foi uma quebra e começo de assunto para ver se conseguiria arrancar pelo menos o nome do rapaz.

Este que relaxou um pouco sua postura e olhou o ômega de cima a baixo podendo reparar agora um pouco mais dos detalhes dele, estaria mentindo se dissesse que ele era feio, pois não era. Muito pelo contrário, dono de uma beleza exuberante que aliás fica ainda melhor de perto.

Seok apenas sorriu, percebendo o quanto secado foi.

– Creio que neste horário ele deve estar na biblioteca real folhando mais um de seus livros de filosofia. – Tentou se manter firme para não acabar soltando uma cantada logo de cara para si.

Jin revirou os olhos, era lento? Se bem que ele podia fazer se acelerar bem rapidinho.

– Obrigado guarda, bom, na realidade gostaria de saber seu nome pois pensa que não percebi você me encarando mais cedo? Nossos olhares se cruzaram e eu fiquei curioso. – Chegou mais próximo agora podendo sentir um pouco do aroma natural do qual era forte e predominante, hipnotizante diria, bem diferente dos cheiros dos príncipes que na sua visão eram enjoativos demais.

– Você é bem espertinho pelo visto… Meu nome é Kim Taehyung, prazer, Seokjin né? Acabei por ouvir a rainha falando, é sim eu estava te encarando pois de verdade te achei muito bonito e intrigante a forma como trata a realeza. – Para alguém que não queria dizer muito acabou dizendo demais e se condenou por isso, também teve que se segurar para não rir ao lembrar da cena dele xingando as autoridades ali dentro.

Nome bonito, muito bonito.

Sorriu convencido, Jin tinha bastante conhecimento de sua beleza e quando alguém afirmava aquilo era melhor ainda para sua autoestima elevada.

– Então quer dizer que estava bisbilhotando nossa conversa? – Arqueou uma de suas sobrancelhas, não poderia deixar tão na cara o quanto derretido ficou apenas por aquele pequeno elogio.

– Olha eu sou um guarda aqui então sim, meu lugar aqui é meio que fazer isso mesmo...De qualquer forma eu vi como inclusive ficou perdido na forma com que te olhava. – Mordeu os lábios.

A tensão sexual dos dois era tremenda e isso qualquer um poderia perceber, estavam tão perto um do outro e qualquer um mais passo poderia ocasionar outra coisa bem mais convidativa do que uma conversa na visão de Seok. Porém, claro tudo que é bom dura pouco. Uma voz grossa chamou a atenção de ambos.

– Kim Seokjin o que está fazendo? – Fudeo, era o príncipe Namjoon, pelo menos foi o que pensou o guarda pois o ômega se manteve em sua postura bem contente sorrindo ladino e de lado para ele.

– Nada demais estava te procurando, tristemente encontrei. – Soltou e riu em seguida de seu próprio deboche mas claro que aquilo não agradou nada o moreno.

Que pegou em seu braço e o levou para fora dali, não tinha muita força pois ele jamais machucaria era só para se retirarem daquele local com o guarda assanhado, afinal o alfa não era burro e percebeu as intenções que eram postas ali e de alguma forma aquilo o incomodou.

– Ei! Por que tem que ser sempre tão bruto? – Retirou seus braços da mão do outro suspirando, dentro de um lugar tão bonito deste se estressava tanto quanto se estivesse em casa.

– Você não respondeu o que lhe perguntei. – Foi calmo, ele realmente queria uma resposta e ponto de vista dele, por mais que estivesse muito na cara.

– É burro por acaso ou se faz, não estava na cara? Não era nada demais como disse sabe, já que terei que aturar você e seu irmão pelo menos posso me divertir um pouco né, não tinha contra isso no contrato… – Falou normalmente tentando não mostrar o ar de como estava feliz por dizer tais palavras.

Namjoon cada vez mais acreditava menos no como pode existir um ômega daquele jeito, completamente fora dos padrões e cheio de si, não se pode literalmente falar nada que lhe vem com cinco pedras ou afirmações que o deixam surpresos.

Bom, ele mesmo pediu uma explicação verdade, não podia reclamar. Olhou o loiro de cima a baixo sem saber ao certo o que dizer agora, mas nem pode na realidade.

– Deixando isso de lado pois não importa minha vida, hoje você tem uma reunião às cinco e acho bom comparecer. 

O olhou confuso, reunião? Um estalo veio em sua mente, eram aquelas chatas do qual eram quase que obrigados por sua mãe a comparecerem, porém a diferença é que agora tem alguém para fazer isso ao lugar dela. E sinceramente não estava nem um pouco afim, normalmente ele vai pra poder deixar a mãe rainha um pouco mais animada e contente mas agora não tinha motivo suficiente para isso.

– Eu não vou. – Se encostou na parede, Seok viu pouco dele na realidade, estava sendo bonzinho demais tentando ser amigável sendo que não recebe nem metade daquilo em troca.

Está na hora de ter pulso mais firme.

– Como não vai? Não tem essa! É uma responsabilidade sua e a rainha me deixou encarregado disso então eu vou te levar nem que seja carregado. – A raiva era nítida nas palavras dele, quanta teimosia e birra vindo de alguém já com dezenove anos.

– Isso seria interessante na realidade, a não ser que tivesse em sua cabeça me dar um tapa como aquele novamente, aí mesmo eu não gostaria de ir. – Não perderia a chance de zuar ele com isso já que doeu pois a mão do ômega era pesada apesar de que não era a primeira vez que levava um tapa na cara.

Estava mais do que ciente de que era um cafajeste.

Seok o olhou sério, isso não poderia ser verdade.

– Bom isso eu não garanto pois vai depender de seu comportamento comigo e como irá me tratar ou melhor como anda me tratando. – A voz saiu suave, nem parecia o mesmo raivoso de pouco tempo atrás, tudo isso porque estava "brincando" com Namjoon, era divertido.

– Quer dizer então que eu sou o príncipe aqui mas que ainda sim tenho que fazer todas suas vontades sendo que me trata com tamanha grosseria? – Assentiu, não era óbvio?

Namjoon quase riu, aquele ômega era uma peça e das piores.

– Entendeu rápido, bom, espero saber que compareceu a reunião ou do contrário já sabe.

Sorriu e mandou um beijo para Alfa saindo de sua visão indo a procura de saber se Jungkook conseguiu também, afinal era um pouco tapado.

E é, até que foi fácil...Bem mais do que imaginou.

Agora se ele realmente irá comparecer é outro assunto, mas acredita que suas advertências foram mais que suficientes.

O alfa respirou fundo, impressionante como esse seu assistente o deixa sempre falando sozinho como se não fosse nada.

Coitado, achava de verdade que ele daria dor de cabeça ao loiro, mas está vendo que será bem ao contrário...



Notas Finais


O cap foi revisado mas se vocês acharam algum errinho não liguem.

E até a próxima.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...