História Coisas que Eu Faria com Você - Red Velvet (Joy) - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Red Velvet
Personagens Joy
Visualizações 4
Palavras 311
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ecchi, Hentai, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yuri (Lésbica)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 5 - Quase sem controle


Apesar do filme estar perto do fim não conseguiria esperar mais por isso, deitei Yeon no grande sofá, a menor estava embaixo do meu corpo enquanto eu a beijava com carinho e devoção. Os lábios da menor eram tão macios, me proporcionavam um mix de sensações até então desconhecidas por mim. O cheiro dela me deixava louca de vontade de arrancar a roupa dela, mas eu jamais faria isso, era muito cedo para me entregar assim a alguém que praticamente acabei de conhecer.

A luz da TV era a única que iluminava a sala, sem que eu percebesse Yeon estava com o controle em uma das suas mãos e desligou a TV. Ficamos no completo escuro. Pouco tempo depois senti que os beijos com a Yeon ficaram mais intenso, as mãos da menor já percorriam todo o meu corpo, mas eu me concentrava em não perder o controle e fiquei apenas com as minhas mãos no rosto dela. Isso de alguma forma a irritou.

- Você não vai mesmo me tocar? – Yeon perguntou demonstrando toda a sua irritação na sua voz.

- Essa é a terceira vez que nos vemos, eu não posso correr para a linha de chegada sem percorrer todo o caminho apropriadamente. Eu gosto de você também, mas não quero me entregar de cara, no sofá da minha casa... – à medida que eu ia explicando ela ficava cada vez mais quieta.

- Joy, você tem razão, eu estou com muita pressa de transar, me desculpa, não foi por mal. – Yeon falava com um pouco de vergonha.

- Está tudo bem, não precisa ficar acanhada por causa disso. – falei afastando uma mecha de cabelo dos seus olhos.

- Não consigo me segurar com você quando é tão carinhosa assim comigo, até o mínimo dos gestos me deixa em chamas. – Yeon falava enquanto voltava a se aproximar dos meus lábios.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...