História Cold heart - Imagine BTS (Min Yoongi) - Capítulo 67


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, Got7, Jackson, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Namjoon, Suga, Taehyung
Visualizações 416
Palavras 2.113
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Ficção, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hey, cheguei, depois de um século, mas aqui estou eu, espero que gostem, e não desistam de mim!! ❤️
Boa leitura ❤️❄️❤️

Capítulo 67 - Office.


Fanfic / Fanfiction Cold heart - Imagine BTS (Min Yoongi) - Capítulo 67 - Office.

                       •S/N POV’s ON•

 

     Continuação... 

 

          {Seoul, Coréia do Sul,18:00 PM}

 

     Fecho meus olhos, e relaxo o meu corpo no confortável sofá que há no quartinho reservado hospital, estava de plantão, e por incrível que pareça, não está nem perto de acabar, minhas primeiras horas já estão sendo exaustivas, não quero nem pensar nas próximas, ouvi a porta do pequeno quarto que abrigava os alunos que estavam em plantões por grupos, nem me dei o trabalho de abrir os olhos, estava cansada demais, até para isso... A pessoa se jogou do meu lado no sofá, me fazendo dar um pulinho pelo peso que foi colocado no estofado... 

    Xx: Estão te chamando lá no PS...- Bambam falou e apenas me aconcheguei mais, ainda resmungando. Por mais que esse sofá queira me prender aqui por horas, não posso, daqui a pouco eu estaria ouvindo muitas reclamações, por demorar, nem que seja dez minutos, me levantei bufando e acenei brevemente para Bambam, sai dali e ajeitei meu jaleco em meu corpo, refiz o rabo de cavalo, e coloquei minhas mãos dentro do bolso do jaleco médico que estava sobre minha roupa social, recebi as informações básicas e apenas me direcionei até a primeira paciente, a noite, ou melhor a madrugada, será longa... 

 

 

   [...]

 

 

    Já estava amanhecendo, por volta das cinco horas da manhã, e pela quinta vez estava com um copo médio de café, por mais que o café do refeitório hospitalar não chegue nem perto do café das meninas, ele me manteria acordada, e me daria pelo menos um pouco de energia... diferente dos outros plantões, nesse eu não tive nem o prazer de ver uma cama, mas, pelo menos estou comendo... 

   Depois de algumas horas, já eram cerca de oito horas da manhã, a consulta do filho da Mary, estaria marcada para as oito e meia, por tanto, pedi que ela me trouxesse um croissant, estava só os cacos, na noite passada, não havia dormido direito, já que estava com Yoongi, meus olhos pesavam, e o meu rosto apoiado nas minhas mãos só aumentava a minha vontade de dormir, e por mais alguns segundos, eu cairia ali mesmo, na recepção... 

   Xx: Acorda docinho...-uma voz grossa me fez sorrir e abrir os olhos lentamente, sorri fraco para o casal que estava a minha frente 

  S/N: Se eu estivesse ao menos dormindo de verdade...-sorri fraco e peguei o pacote que Mary me estendeu- Obrigada!-sussurrei 

  Mary: Tadinha, você parece tão cansada...-Nam me puxou para seu abraço 

  S/N: Se eu continuar nesse abraço por mais alguns minutos eu irei dormir...-falei baixinho e ele riu nasalado 

  Nam: Eu não conto para ninguém...-sorri e me separei, olhando para o ventre de Mary, que já tinha um volume visível 

  S/N: E aí grãozinho de gente ?!- sorri acariciando sua barriga- Vocês não estão antecipados ? 

  Mary: Não...- negou- Devemos chegar cerca de vinte minutos antes...-sorriu 

  S/N: Ou será a ansiedade para ver ele ?! Hum ?-olhei desconfiada para os dois, e Nam se rendeu rindo olhando para os lados- Vem vamos confirmar a consulta...

 

 

 

 

   [...]

 

 

 

 

 

 

  Já estava finalmente em casa, já eram sete horas da noite, e estava jogada na cama com Yoongi do outro lado da linha, ele havia viajado para Busan pois precisava resolver algumas coisas com os sócios do café... 

   S/N: Vou desligar Min Yoongi...- revirei meus olhos, após escutar suas brincadeiras bestas, sobre o quão cansada a minha voz aparenta está. 

  Yg: Hurum...- a ironia estava evidente nesse seu “hurum”

  S/N: Quando você volta ?!-perguntei tirando minha calça jeans e a colocando no cesto de roupas sujas

  Yg: Depois de amanhã, eles querem fazer mais duas reuniões...- resmungou- Como foi lá com a Mary ?! 

  S/N: Bom, ele está bem, e por muito pouco, não conseguimos ver o sexo... 

  Yg: Mas é claro, ele irá se expor apenas quando o seu padrinho lindo aqui, estiver lá...

  S/N: Ele apenas estava com as perninhas na frente, seu besta...

   Yg: Chata... Quer apostar ?! 

  S/N: Que descobriremos o sexo só quando você estiver ?!-ele concordou e gargalhei

  Yg: Você me paga um almoço, caso eu ganhe, e se for ao contrário, eu pago... 

  S/N: Só um almoço ? Não está confiante ?   

  Yg: Quer apostar em Wons ? 

  S/N: Não, não, muito obrigada, padrinho bonitão...- ironizei rindo 

 

 

   [...]

 

 

  Girava no banco giratório do café que ficava em frente da bancada principal, e esperava impacientemente o Yoongi, sair de seu escritório, ele já havia voltado, e bom, eu estou com fome, já estava em horário de almoço, e combinamos de comermos juntos, e se ele não saísse dali logo, eu iria sozinha... Minha cara já estava fechada, e ele sabe muito bem que fico insurportável quando estou com fome...Ele saiu do escritório, e então veio até a bancada que separava os clientes, da área onde só estava funcionários... Resmunguei e ele me olhou, se aproximou... 

   Yg: Só mais um pouco, estou terminando...-me deu um selinho e saiu dali mais uma vez, já fazia mais de uma hora que ele estava lá dentro, assinando papéis... Alonguei meu corpo no banco, e relaxei novamente, peguei meu celular e comecei a mexer em minhas redes sociais... Depois de alguns minutos,através da sombra que refletia a entrada do café na bancada, pude ver duas pessoas entrarem, não dei importância, até sentir um forte cheiro de um aroma masculino com um pouco de suavidade de um perfume feminino que se misturava com o mesmo que agora pairava no ar, um homem alto, com aparência de mais de trinta anos, bem vestido, parou ao meu lado e começou a falar com Kayla, que foi chamar o Yoongi, senti um olhar queimando por minhas costas e me virei disfarçadamente, coisa que se eu soubesse o que veria, não teria nem mesmo me mexido... Era Hae, ela estava radiante como sempre, bem vestida, e com seus saltos altos, mas tinha uma feição nada agradável ao me olhar, apenas ignorei e voltei a mexer em meu celular, logo Kayla voltou, e permitiu a entrada do senhor... 

   Kayla: Senhorita, você não...-não teve sua frase acabada por o homem a interromper 

  Xx: Ela está comigo...-sua voz era grossa e firme, e ele entrou no corredor que dava acesso ao escritório de Yoongi, e a víbora ia atrás... Revirei meus olhos ao ver sua mini saia, subindo cada vez mais, me concentrei em meu celular... Ou ao menos tentei, e não consegui, eu gostaria de ser uma mosquinha para saber o que estão conversando lá dentro, seria assuntos comerciais, certo ?! mas afinal, o que ela estava fazendo aqui ? Se não tem nada a ver com isso ?! Tentei parar com pensamentos do tipo, e vi os dois saírem de lá e logo em seguida Yoongi, eles sorriam, e Yoongi apertou a mão do mais velho, e Hae sorriu para o mesmo e beijou sua bochecha... Eu ficaria muito puta da vida com isso, mas minha fome já tomou a minha mente... Antes deles saírem, Hae me lançou um olhar debochado, até então, como eu disse a fome já estava insuportável, e minha barriga já começava a doer... 

  S/N: Yoongi...- ele saiu detrás do balcão e veio até mim, com um bloco de notas na mão- Estou com fome... 

  Yg: Mas...Aish, olha você vai ter que me entender, certo ?!-revirei os olhos, desci do banco e peguei as chaves do carro em cima do balcão pronta para sair, já sabendo que ele teria coisas para resolver e que não teria tempo para mim, não estava com raiva disso, e sim por ele me fazer esperar esse tempo todo para dizer que não iria...- Vai ficar com raiva de mim, baixinha ?!-segurou minha cintura antes que eu saísse de sua frente, neguei o olhando diretamente nos olhos- Você vai sim...-afirmou colocando seu rosto na curvatura do meu pescoço dando um beijinho ali 

   S/N: O que os clientes vão pensar, com você agarrando uma garota aqui ?!- falei tentando o afastar, mas ele só descia seus beijos, parando na minha clavícula 

  Yg: Não estou agarrando uma garota, pelo menos não uma qualquer, estou agarrando minha namorada...- argumentou olhando para mim, e aproveitei que suas mãos se afrouxaram na minha cintura, e assim, sai rapidamente indo até a saída, destravei o carro, mas antes que eu pudesse entrar no mesmo, fui puxada para trás pelas mãos do pálido novamente em minha cintura... 

  S/N: Me solta...-falei rindo tentando me soltar de suas mãos 

  Yg: Eu janto com você, gatinha...-beijou meu pescoço, fazendo com que os mínimos pelinhos da minha nuca se arrepiassem 

  S/N: Não quero, você vai me matar de fome se não me soltar...-desisti de tentar tirar suas mãos gélidas dali 

  Yg: Eu prometo que irei jantar com você...- me virou dando um beijo em minha bochecha 

  S/N: É bem capaz de você me ligar, cancelando dizendo que tem uma reunião de última hora com os seus sócios...- um pequeno bico se formou em meus lábios sem eu nem mesmo perceber, e o mesmo o desmanchou, o mordendo.

  Yg: Não vou fazer isso...-me beijou, novamente, mas me separei 

  S/N: O que a Hae estava fazendo no seu escritório ?!- perguntei o olhando 

  Yg: Ah você viu ?!-sorriu fraco- O pai dela é o novo sócio do Café em Busan e agora em Seoul... Ela vai estar sobre a administração da nova filial do café aqui em Seoul... Eu não queria isso, mas não tinha escolha, afinal, o pai dela é um grande investidor...- assenti 

  S/N: E, ela vai vir aqui diariamente ?- ele assentiu 

  Yg: Ela terá que vir para me informar sobre o movimento de lá, dados, financias e etc... Não fica assim.-ele viu minha cara fechada e deixou um breve selar em meus lábios- Aliás, o Nam também vai ter que lidar com ela... 

  S/N: Mas ela não é a Ex do Nam, ela é a sua Ex...-cerrei meus olhos, desvendando a sua desculpa esfarrapada para mim 

  Yg: E você é a minha atual, pronto, resolvido...- envolveu seus braços novamente em minha cintura- Eu saio mais cedo hoje, vamos no cinema e depois vamos jantar como o combinado pode ser ?!- assenti, e ele me soltou, entrei dentro do carro e fui ao restaurante mais perto, que por coincidência, um dos que mais me agrada... 

 

 

     [...]

 

 

  Estava dentre minhas cobertas quentinhas, já que o ar condicionado, havia esfriado mais do que devia, terminei mais um episódio da série, e me me espantei ao ver o horário no celular e a mensagem de Yoongi... 

 

            “Te pego as seis.”

 

   Já eram 17:40 e eu teria que me virar nos trinta para conseguir me arrumar... Se ele consegue se arrumar em dez minutos, porque eu não posso me arrumar em vinte minutos ?! Argh, me levantei e corri para o banheiro, nem ao menos a roupa eu havia separado... 

   Acabei por vestir um vestido preto, com um detalhe transparente na cintura e no ombro,um pouco rodado, delicado e simples, apenas peguei um tênis branco cano alto e o coloquei, em seguida peguei uma jaqueta jeans preta, um pouco desfiada e a coloquei, já que as noites de Seoul, nunca são tão quentes assim... Passei meu perfume, e apenas me sentei no sofá, já eram seis e dez e Yoongi ainda não chegou, o que era estranho já que o mesmo sempre é pontual ao extremo... Uma notificação em meu celular chegou e parei de dar atenção a TV e olhei para o mesmo abrindo nas mensagens... 

 

       “Vou me atrasar um pouco.”

       “Desculpa.” 

      

  Apenas enviei um “tudo bem” e continuei a assistir o programa sem graça que passava... Mas vinte minutos e nada dele, e já desconfiava que estava, em mais uma reunião de “emergência”. 

 

        “Aonde você está, Yoongi ?” 

 

       “Hae apareceu no Café, começou 

       a falar besteiras, e me encher de  

      perguntas... Já estou chegando,   

      Desculpa gatinha!” 

 

   Argh, desliguei a Tv e fui até a cozinha, peguei um copo de água e bebi, voltei a sala e continuei a mexer no celular até ele chegar, mas afinal, que “besteiras” a Hae teria falado para ele ?! Seria pedir demais que essa garota ficasse bem longe do nosso relacionamento ? A campainha tocou, e peguei minha bolsa, suspirando e abrindo a porta para o pálido, que logo analisei por completo, como sempre swag, com sua calça preta rasgada, juntamente de sua jaqueta de couro, com uma blusa preta, com apenas um detalhe... 

  S/N: Hae, está aí com você ?!-olhei ao seu redor 

  Yg: Vem logo, chatinha!- me puxou rindo... logo quando entramos no elevador, me puxou levando sua mão destra a minha nuca, entrelaçando seus dedos em meu cabelo enquanto me beijava afoito, lá estávamos nós novamente, eu e Min Yoongi, finalmente em uma noite a sós... 

 

 

 

 

 

 

   Continua...


Notas Finais


Espero te ver na próxima... Beijinhos ❤️❄️❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...