História Com amor, Sarah. - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Toni Kroos
Personagens Personagens Originais, Toni Kroos
Visualizações 19
Palavras 653
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Dois


Fanfic / Fanfiction Com amor, Sarah. - Capítulo 2 - Dois

Point Of View - Anna Sarah González.


Costumo dizer que minha vida é quase perfeita, tenho uma filha linda, um apartamento muito confortável, aliás, financeiramente eu vivo muito bem, minha família é maravilhosa, amo meu trabalho, mas fui infeliz ao escolher o Josh como marido. 

O Josh é um traste, cafajeste, vive as minhas custas e ainda me agride verbalmente e fisicamente, ainda não o denunciei porque acredito que atrapalharia minha carreira, seria uma polêmica muito grande. Estou beirando os trinta anos e não consegui atingir o ápice da minha felicidade por causa dele, sinto aversão a qualquer toque dele, e poderia mata-lo com minhas próprias mãos.

O homem que eu amei de verdade, hoje mal troca um "Oi, tudo bem?" comigo, eu até entendo os motivos dele, mas não acho justo isso comigo, nós nos dávamos muito bem juntos, mas o destino foi cruel com a gente, acabei indo morar na América e ele voltou pra Alemanha. O que poderia nos unir, acabou nos afastamos, só contei sobre a Murphy quando ela completou um ano de idade e ele ficou muito magoado comigo, apesar de naquela época sermos adolescente. 

— Em que está pensando? — Perguntou Ágata me entregando uma xícara cheia de café e eu assenti.

— Na vida. — Respondi enquanto assoprava o café e ela revirou os olhos. 

— É loiro, olhos azuis e alemão? — Perguntou com um tom malicioso e nós rimos baixo. Josh ainda não saiu pra academia e ele odeia o Toni.

— Digamos que sim.

— O que você disse Sarah? — Josh perguntou entrando na cozinha e nós duas nos entre olhamos. 

— Vai pro inferno! Foi isso o que eu disse! — Respondi irritada e arremessei o xícara com café quente nele, mas ele se afastou e acabou batendo na parede e fazendo um barulho alto. 

— Ei, calma amiga. — Ágata tocou em meus ombros e eu afastei bruscamente. 

— Ele vai me ouvir agora, quer saber Josh? Vai embora da minha casa agora! Você não passa de um zero a esquerda e eu sinto nojo de você. — Gritei furiosa e ele riu com ironia. 

— Você acha que vai conseguir outro homem? Feia desse jeito, nenhum homem vai querer comer você, ora ora, eu também sinto nojo de tocar em você, Sarah. 

Ágata em um movimento rápido e ágil deu um tapa no rosto dele e eu agradeci em pensamento por isso. Além de todas as humilhações que eu já sofri, ele ainda tem a indecência de dizer essas coisas. Ele ficou alisando o próprio rosto e não parava deemcara a Ágata.

— Vai me bater também, seu covarde? — Ela perguntou irritada e ele negou com a cabeça.

— Sai da minha casa agora, seu lixo! Você não tem nada aqui, mas pode levar as roupas de marca que eu comprei. 

— Você vai se arrepender por ter feito isso, Sarah. — Ele disse entre os dentes e saiu.

— Vamos denunciar ele! Queria mandar matar esse crápula, Sarah!

— Não amiga, isso não vai pegar bem pra mim.

— Sarah, ele precisa ser preso! Você tem que registrar um boletim de ocorrência, entendeu? — Disse séria me encarando e eu assenti.

— Vou pensar, ok? 

— Ok, vou pro meu quarto, qualquer coisa me chama. — Disse dando um beijo em minha bochecha. — E você é linda e maravilhosa.

— Obrigada, meu bem.

 Peguei meu celular em cima da mesa e me encostei no balcão de mármore e fiquei olhando minhas redes sociais, entrei no Instagram e apaguei as pouquíssimas fotos que eu tinha com o Josh. 

Toni: Oi, preciso falar com você. Tá em casa? 

Vi a notificação do WhatsApp piscar na tela e estranhei ao ver que era do Toni. 

Eu: Oi, estou sim. 

Toni: Posso ir aí? 

Eu: Claro, Toni. 

Toni: Libera minha entrada, já estou aqui em frente. 

Eu: Sério? Haha. Vou liberar


Notas Finais


Boa tarde! Alguém????


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...