1. Spirit Fanfics >
  2. Com o tempo tudo se resolve (Kim Taehyung)Gay? Segunda tpd >
  3. - Capítulo oito -

História Com o tempo tudo se resolve (Kim Taehyung)Gay? Segunda tpd - Capítulo 8


Escrita por:


Capítulo 8 - - Capítulo oito -


Fanfic / Fanfiction Com o tempo tudo se resolve (Kim Taehyung)Gay? Segunda tpd - Capítulo 8 - - Capítulo oito -

 

***

Bem cedinho todos já estavam de pé,perante a mesa,saboreando as gostosuras que ali  haviam.

Após terminarem a refeição,foram para fora da casa,onde pegaram frutas que estavam fartas e namoraram as flores que estavam no jardim.

S/N - Então,achou alguma fada?

Luíza - Ainda não,omma.

Lee Sook - Unnie,posso te ajudar? - Ela assente sorrindo.

As três ficaram olhando cada detalhe das belas flores e procurando atentas no meio delas se havia algum rastro de fadas.

Taehyung  - Já acharam? - Pergunta curioso olhando as pequenas. 

Luíza  - Ainda não.

Taehyung  - Querida,posso falar com você? - Ela assente. - Vamos lá para dentro. - Passa perto do filho mais velho o pedindo para cuidar dos irmãos menores.

S/N - O que quer falar comigo,amor?

Taehyung  - Eu estou necessitado,S/N...Isso já tem bastante tempo,já está quase fazendo um mês que não transamos,eu não estou mais aguentando,amor.. - Balbucia manhoso.

S/N - Eu quero isso tanto quanto você,mas você sabe que agora estamos em um momento difícil. 

Taehyung  - O Chul está  cuidando deles.Relaxa... - Sorri e a beija.

Kim dizia rente ao ouvido da esposa coisas sujas,passava sua língua no pescoço alheio e puxava seu cabelo de uma forma excitante.

S/N - Estamos na sala,amor.

Taehyung  – Não estou com cabeça para pensar agora...Só me beija por favor.

O mais velho a colocou contra a parede e a beijou ainda mais preciso,suas intimídades estavam meladas,encharcadas,pulsando um pelo outro.

 Taehyung  - Eu quero você agora. - A mesma concorda entre os beijos,arfando.

Cooper passa suas mão sobre o corpo do marido até chegar em sua intimidade onde ela aperta ainda por cima da calça.

S/N - Eu quero você todo dentro de mim. - O mais velho sorri malicioso.

Lee Sook - O que estão  fazendo?

Se Separam assustados.

S/N - Estávamos apenas nos beijando,filha. 

Lee Sook - Por que estava com a mão na calça do appa?

Taehyung  - Sua mãe estava apenas me ajudando a arrumar a calça,filha.

Lee Sook - Ata.Omma,eu e a unnie achamos mais flores do outro lado da casa,vamos lá. - Pega na mão da mais velha,fazendo menção de a puxar. 

S/N - Você vem?

Taehyung  - Preciso resolver um problema primeiro,depois eu vou.

Ela o olha sorrindo logo pronunciando com a boca um "Me desculpe" sem deixar um único som exalar.

Depois de brincarem do lado de fora,todos vão para a parte de trás da casa,onde havia uma piscina,mergulham e se divertem na mesma.Fazem lanchinhos da tarde vendo o sol se pôr e depois adentram para dentro da casa novamente.

Yeonjun  - Não,eu nunca gostei de nenhuma garota,não preciso delas,prefiro meus jogos.

Chul - Uma hora você vai acabar gostando.- Rir se ajeitando em cima da cama.

Yeonjun  - Aí,tá bom. - Rir e revira os olhos. - E você,Jake?

Jake - O que?

Chul - Já gostou de alguém?

Jake - Já... 

Yeonjun  - Qual era o nome dela?

Jake - Ah..Dela?Bem,eu nunca gostei de uma garota.

Chul  - Mas você disse que já gostou.

Jake  - Não disse que era de uma garota.

Yeonjun   - Não vai me dizer que você gostou de um menino? - Fala irônico e rindo enquanto seu irmão abaixava a cabeça pensativo.

Chul  - Ei,Jake. - O pequeno o olha. - Tá tudo bem se você gostou de um garoto.

Yeonjun  - Ele é gay? - Olha confuso para o irmão mais velho.

Chul  - Ele ainda é novo,Yeonjun...

Jake  - O que é gay?

Chul  - É quando você é homem e gosta de homens.

Jake - Isso é ruim?

Chul  - Não!Isso é normal,mas você ainda é novo e..

Jake - Acho que eu sou gay.

Yeonjun  - Tem certeza?

Jake - Acho que sim.

Yeonjun   - Os pais da namorada do Chul,são gays.

Jake - Eles são  bonitos?

Yeonjun  - Não sei,eu não conheço eles.

Chul  - São bonitos,mas não gostam de mim.

Jake  - Por que? 

Chul  - Porque quando eu e a Minjee eramos pequenos eu e ela fomos para uma sorveteria sem eles saberem,no final o pai dela foi até lá e falou para ela não conversar  mais comigo.

Jake - Nossa,que chatos.

Chul  - Sim.Me diz,quem era ele?

Jake - O nome dele era Soon.

Taehyung  -  Quem é Soon? - Diz adentrando no quarto.

Yeonjun  - O namorado do,Jake.

Jake - Ele não é meu namorado! - Fala desconfortável.

Chul  - Cala a boca,Yeonjun! - Se vira para o irmão.

Yeonjun  - Mas ele gosta dele.O que que tem eu dizer?É a verdade,ele é gay,appa!

O pequenino fica sem reação naquela situação,que acaba saindo correndo para a fora do quarto,indo para fora da casa e começando a  chorar,enquanto  corria no escuro.

Chul  - Olha o que você fez!Quando vai crescer,Yeonjun? - Se levanta indo atrás do irmão. - Jake! 

Taehyung  - Levanta logo em seguida saindo desesperado atrás do filho. - Jake!Jake,espere!

As meninas ao escutarem a barulheira do quarto ao lado,saem correndo para fora,querendo saber o porque da gritaria.

S/N - O que aconteceu? - Pergunta assustada.

Yeonjun  - Omma! - Corre até a mãe,chorando em seus braços. - Eu só disse que o Jake era gay e ele saiu correndo chorando.

S/N - Por que disse isso?

Yeonjun  - Porque ele falou que gostava de um garoto do orfanato. - Funga o nariz. 

S/N - Tenha mais cuidado com as coisas que você fala,filho.Ele ainda é uma criança,e acabou de se mudar para  uma família nova,isso pode encher a cabecinha dele. - Olha no fundo dos olhos do filho enquanto enxugava suas lágrimas.  - Cadê ele?

Yeonjun - Não sei..

S/N - Vamos procurar ele,e você vai se desculpar,tudo bem? - Ele assente.

Os dois saem do quarto o procurando até verem o Taehyung com o pequeno nós braços ,enquanto o Chul o consolava do lado.

Jake - Vocês vão me deixar por gostar de garotos? - Diz entre o choro.

S/N - Não,amor...Nunca vamos deixar nenhum de vocês,tá bom?

Jake - Prometem?

Taehyung  - Prometemos. - Abraça o filho e o coloca no chão.

Yeonjun - Desculpa,Jake.Eu não sabia que você iria fazer isso se eu contasse para o appa.

Jake - Tudo bem..

Yeonjun  vai até o pequeno e o abraça.

Yeonjun  - A partir de hoje eu não vou contar mais seus segredos. - O pequeno assente sorrindo fraco.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...