História Com um trabalho, tudo pode mudar - Pjm - Capítulo 21


Escrita por:

Postado
Categorias AOA, Bangtan Boys (BTS), Big Bang, EXO, Got7, Jay Park, K.A.R.D, TWICE
Personagens B.M, Choa, G-Dragon, Jay Park, Jeon Jungkook (Jungkook), Jihyo, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Mark, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Somin
Tags Bangtan Boys, Bts, Jeon Jungkook, Jimin, Jung Hoseok, Kim Taehyung, Min Yoongi, Park Jimin, Taeseok, V-hope
Visualizações 51
Palavras 2.383
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Famí­lia, Ficção Adolescente, Fluffy, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Me digam depois o que acharam do capítulo! A opinião de vocês é muito importante!

Capítulo 21 - O encontro


Fanfic / Fanfiction Com um trabalho, tudo pode mudar - Pjm - Capítulo 21 - O encontro

P.O.V. Kim Sophie


  Sem surtar. Ok, tô bem. Sem problemas, só porque falta uma hora para o encontro e eu ainda nem escolhi uma roupa, não quer dizer que vai dar errado? Só porque o céu está escuro, parecendo que vai cair um dilúvio não quer dizer que vai chover. Certo?! Tá, talvez eu esteja um pouco nervosa. Mas quem não ficaria?


  Nesse momento estou na frente do meu guarda roupa, olhando minhas roupas e pensando no que usar. Talvez eu deva ir de vestido. Ou de saia? Short, calça... Não sei o que fazer da minha vida!


  Enquanto estava no meu surto interno, ouço meu celular apitar, indicando que chegou uma mensagem


Mensagem on


É hoje que Somin desencalha!!🎉🎉


Tae ❤ criou o grupo
Tae ❤ adicionou você
Tae ❤ adicionou Hobi 🖤
Tae ❤ adicionou João Biscoito 🐰🍪


Tae ❤:
E ae viada?
Qual tua roupa?


João Biscoito 🐰🍪:
O que é isso senhor?!
Ah tá
So, já sabe o que vestir?


Eu:
Não faço ideia
Meu guarda roupa não tem nada de útil


Tae ❤:
Coloca uma roupa sensual
Pra deixar o boy atordoado


João Biscoito 🐰🍪:
Coloca uma roupa que você usaria normalmente
Ele gosta do seu estilo
Você poderia estar com um saco de batatas que ele vai amar


Hobi 🖤:
Coloca aquela fantasia da D.va
Ele não gosta de Overwatch???


Tae ❤:
Hobi meu amor
Cala os dedos


Eu:
Peguei uma blusa rosa e uma calça rasgada preta
Tá bom?


Tae ❤:
Vai calçar o que?


João Biscoito 🐰🍪:
Coloca um Timberland
Ele ama esse sapato
E eu também 😍


Eu:
Vou pegar 😅


Tae ❤:
Vai lá e arrasa menina


Hobi 🖤:
Agarra teu homem mulher


João Biscoito 🐰🍪:
Se ele não tomar coragem hoje me avisa que eu vou bater nele


Eu:
Pode deixar rs


Mensagem off


  Pelo menos agora eu tenho um roupa para usar.


  Depois de já estar pronta, vi que ainda faltavam 10 minutos antes do horário de me encontrar com ele no shopping. Já que o mesmo é perto, não estou atrasada, mas decido ir logo para isso não acabar acontecendo.


(...)


  Já estou no shopping, ainda não cheguei no cinema, estava olhando algumas vitrines para não parecer tão desesperada para vê-lo. Olho o relógio e vejo que falta 1 minuto para às 14h - que foi o horário que marcamos -, então decido ir para lá.


  Quando estava chegando perto da entrada do cinema, o avisto. Ele está lindo com uma blusa social e calça jeans. Me senti até meio desarrumada.


  Mas consigo ver também que ele não está sozinho, pois a uma garota em sua frente, tentando falar com ele enquanto ele olha ao redor, como se procurasse alguém. Provavelmente ele está vendo se eu já cheguei, mas ele não deve estar me vendo daqui. E pela roupa que a garota na sua frente está usando, provavelmente é a Seulgi. Decido então me aproximo um pouco.


- O que o garoto mais bonito do colégio está fazendo sozinho em frente à porta do cinema?


- Esperando minha acompanhante - Ele continua a olhar em volta. Como ele ainda não me viu? Ele é míope?


- Quem foi a infeliz que te deixou sozinho? Aposto que é aquela menina que saiu com o Kookie e o Yoon no dia que você faltou. Por que você sai com ela e não comigo? E ainda por cima leva um toco dela!


- Primeramente, você não tem o direito de chamar meu amigos assim. Além de que ela não me deu o toco, já que eu estou aqui antes do horário marcado. E eu saio com ela pois ela é uma menina incrível.


- Tá... O que ela tem que eu não tenho? Ela não tem mais peito que eu. Ela é rica? Aposto que é por isso que você tá com ela. - Nessa hora, eu já estava próxima deles, Jimin já havia me visto, mas Seulgi estava de costas para a direção que eu estava chegando.


- Talvez eu tenha vergonha na cara. Ou quem sabe decência. Você tem o que? Um short mais curto que sua inteligência? Ou seria a blusa mais curta que sua dignidade? - Chego por trás e falo. Percebo que a garota gelou.


- Eu vou embora, acho que certas pessoas - ela olha para mim - não gostam de mim. Mas se você quiser, saiba que tem uma cadeira vaga no meu lado na sala do cinema. - Ela dá uma piscada para Jimin e sai rebolando


- Não ouve, ela é estranha - Jimin fala enquanto me abraça- Você tá linda


- Obrigada. Você também. - Já posso morrer feliz! O crush me elogiou.


- Comprei ingressos pro MegaTubarão.


- Legal. A sessão é agora? - Ele assente - Então vamos comprar as pipocas e guloseimas!


  Eu e Jimin nos encaminhamos para a bomboniere, mas ao entrarmos na fila, encontramos duas pessoas que não esperávamos ver.


- Oiii, So!! Que coincidência a gente aqui. Vai ver o que? Eu e meu irmão vamos ver MegaTubarão! - Jihyo e Jay estavam um pouco à nossa frente.


- A gente também - sorrio amarelado.


- A gente podia sentar junto, não ia ser legal?!


- Tá mais bonita que o normal, Sophie - Jay sorri pra mim e eu coro. Ué, não é todo dia que alguém te elogia assim do nada!


- Sem querer ser grosso, mas hoje é uma coisa só nossa. - Jimin respondeu. Graças a Deus eu não precisei inventar uma desculpa.


- Ah tá. Então deixa pra próxima - Eles são chamados e vão embora. Jimin se vira para mim.


- Você queria sentar com eles?


- Não, queria só eu e você.


- Você gosta do Jay?


- Ele parece legal, mas nunca falei muito com ele.


- Você gostou do elogio?


- Quem não gostade elogios?! Mas eu corei mesmo porque eu fico com vergonha quando me elogiam.


  Ele parece relaxar um pouco.


- Você fica fofa com vergonha - Diz sorrindo.


- Ai para - Rio


- Vai querer o que?


- Pipoca meia doce e meia salgada. Pera que eu vou pegar o dinheiro. - Digo já pegando o dinheiro no meu bolso


- Não, eu convidei, eu pago.


- Não precisa, eu pago


- Eu vou pagar e pronto - Antes que eu possa retrucar, o atendente chama a gente e Jimin vai na frente, pedindoa pipoca e pagando.


- Tem problema dividir a comida?


- Não, não ligo.


  Eu pego a pipoca e Jimin o refri, nos encaminhamos para a sala do cinema e já sentamos nos nossos lugares.


  O filme estava para começar.  Quando chegamos estava no início dos trailers.


  Já no início do filme, levei um susto - que não foi o único. Sorte que quem segura a pipoca era o Jimin, se não eu teira derrubado tudo. Mas quando levei um susto, meu reflexo foi muito rápido, e acabei me agarrando ao braço de Jimin, que pelo que parece não se importou. Aproveitei e todas as vezes que levava susto eu me agarrava mais a ele, até que teve uma hora que ele  me abraçou. Ficamos assim o resto do filme. Do lugar que estávamos dava para ver Seulgi e Jay e Jihyo, já que eles estavam mais na frente. Conseguia ver que Seulgi olhava em nossa direção o tempo todo, mas apesar disso Jimin não viu nem ela nem os irmãos. Mas fora isso tudo seguiu normal, durante o filme eu o Jimin comentavámos algo sobre o filme um com o outro. A gente ficou muito próximos o tempo inteiro, mas como ele não fez nada eu fiquei com medo de agir.

- Gostou do filme? - Ele me pergunta após sairmos da sala de cinema.

- Fiquei meio assustada, mas foi bom

- Meio?! Você pulava o tempo todo.

- Ei! Não ria de mim, você também levou susto de vez em quando.

- Mas nada igual a você.

  Estávamos andando pelo shopping enquanto conversávamos.

- Eu vi que tá chovendo, quer ir comer alguma coisa?


- Pode ser


  Nos encaminhamos para praça de alimentação.


- Vai querer o que?


- Sei lá, eu como de tudo. - digo rindo


- Pode ser pizza?


- Aceito.


  Jimin pede uma pizza e nos sentamos em uma mesa para esperá-la.


- Como você vai embora?


- Acho que vou a pé mesmo, é perto


- Mas tá chovendo, não quero que você pegue um resfriado.


- Minha casa é perto Jimin, não se preocupe.


- Então deixa eu te levar em casa pelo menos, não vou te deixar ir sozinha na chuva.


- Pode ser, mas depois o caminho pra sua casa vai ser mais longo.


- Eu peço um táxi.

- Mas vai ficar tarde.

- Não vai não, são 18 horas ainda - Ele olha em seu relógio

- Mas...

- Eu quero te levar até sua casa, So, só aceita - Ele me interrompe.

- Tá bom.

  A pizza chega e começamos a comer, enquanto continuávamos conversando. Adoro o jeito que eu e Jimin conseguimos conversar facilmente, é como se o assunto nunca acabasse.

- Acho melhor a gente ir, se não vai ficar muito tarde. - Jimin fala quando acabamos a pizza.

- Então vamos. - Me levanto junto à ele e seguimos para a entrada do shopping.

- Sophieee!! Sophiee!!

  Ao ouvir alguém me gritar, me viro e vejo Jihyo e Jay vindo em minha direção, enquanto ela acena freneticamente.

- Que bom que encontramos vocês antes de irem embora. - Jihyo fala já perto de nós- Que tal irmos juntos?

- Não precisa... - Tento me livrar deles, mas outra voz grita:

- Jimin!!!! Que coincidência a gente aqui não? - Seulgi surge de sei lá onde.

- É né... - Ele fala meio desinteressado.

- Bom, acho melhor nós irmos né? - Falo para ele.

- Ótima ideia! Vamos - Jihyo responde e segue na frente, enquanto Jay se vira para mim.

- Vamos? - Ele pergunta

- Podem ir, Jimin fica aqui comigo. - Seulgi segura o braço do Jimin. Achei que ele ia se soltar, mas fica imóvel.

- Tá, eu vou indo. - Olho para Jimin uma última vez e me viro, seguindo junto com Jay. Saímos da marquise e já começamos a ficar encharcados, mas eu não ligo.

- Eu nunca fui muito com a cara dele, sabe? Ele parece ser fútil. - Jay fala antes de sequer andarmos 10 passos. Por que ele diz isso?

- Por que você acha isso? - Paro bruscamente, fazendo-o voltar para ficar perto de mim.

- Porque ele é rico, metido, além de parecer ser um tremendo galinha, aquele tipo de cara que fica com todo mundo.

Antes de eu responder, vejo que Jimin se soltou de Seulgi e vem em nossa direção.

- Você não sabe nada sobre ele.

- Jimin, volta aqui!! - Seulgi grita indo na direção dele.

- Você não vê? Aposto que ele ficou com aquela garota e depois a dispensou, igual ele quer fazer com você.

- Então o que você acha que eu devo fazer, sabe tudo?

- Você deve ficar comigo.

- Desculpa, mas não fico com gente que rebaixa os outros pra conseguir o que quer.

  Nesse momento eu sei o que fazer. Me afasto de Jay e vou correndo na direção de Jimin, que estava parado longe de nós, provavelmente vendo o que eu faria. Ele me vê se aproximando dele e, usando toda minha coragem, o beijando.

  Nós dois estamos molhados, o que faz com que eu sinta as gotas d'água descendo o seu rosto, assim como ele deve sentir em mim.

  Coloco minhas mãos na nuca dele e me coloco na meia ponta, pois ele é mais alto que eu. Ele demora um pouco para entender o que está acontecendo, mas assim que isso acontece sinto ele colocar os braços em minha cintura, enquanto aprofunda o beijo.

  No momento em que permito que sua língua entre na minha boca, sinto um choque passar por todo meu corpo, mas é um choque bom.

  Enquanto nossas línguas se entrelaçavam de uma maneira que faz com que meu coração mata cada vez mais rápido, consigo ouvir o barulho da chuva, assim como ouvi o quão surpresa Seulgi ficou quando o beijei.

  Jimin tirou um de seus braços de minha cintura e segurou meu rosto, enquanto nossas línguas dançavam em nossas bocas. Eu conseguia sentir um gostinho de morango da boca de Jimin, misturado com um pouco de pizza.

  Já sem fôlego, abaixo meus pés e levo minhas mãos para seu peito, enquanto ele segura meu rosto com ambas as mãos, como se não quisesse que eu me afastasse. Apenas nessa hora vejo que alguém está segurando um guarda-chuva, tentando impedir de nos molharmos - o que não adiantou muito, pois já estamos ensopados.

  Jihyo é quem está com com o guarda-chuva, vejo que Jay e Seulgi não se encontram mais aqui.

- Oh! Não liguem pra mim, continuem. Quer saber, eu vou embora também- Jihyo diz sorrindo e indo embora também.

- Posso te acompanhar até sua casa? - Jimin diz sorrindo e oferecendo sua mão, que eu logo aceito e ando com ele até minha casa.

  O caminho foi meio silencioso, mas aquele silêncio bom. Ainda não acredito que eu o beijei. E U  B E I J E I   O  J I M I N. Tô surtando internamente, mas por fora pareço normal.

  Ele me deixa na porta da minha casa, mas ainda não vai. A chuva não parou, mas já estamos molhados mesmo, não é?!

- Eu tô me sentindo meio merda por não ter tomado a iniciativa, mas eu gostei. Muito. - Ele fala corado. E acho que eu estou também.

- Não tem problema, você tem tempo. - Pisco para ele.

- Tenho que ir, se não vai ficar tarde.

  Ele se aproxima de mim e me beija. Como dessa vez eu estou na escada da minha porta, não preciso me levantar. Ele segura meu rosto como se eu pudesse quebrar, e no fim do beijo ele me dá um selinho antes de se despedir novamente e realmente ir embora.

  Entro em minha casa e dou grito mudo, já que não quero incomodar os vizinhos e nem que Jimin ouça. Decido então mandar um mensagem para o grupo.

Mensagem on

É hoje que Somin desencalha!!🎉🎉

Eu:
Gente!
Beijei o Jimin


Notas Finais


Postei e saí correndo
2bju 😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...