1. Spirit Fanfics >
  2. Com você >
  3. Capítulo único

História Com você - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Ouvindo essa música, que é tudo pra mim, uma das mais lindas que eu já ouvir, tive ideia para escrever essa one. Vou colocar o link da música nas notas finais

Capítulo 1 - Capítulo único


Lucas Veríssimo 

Sem dúvidas Heloísa é a melhor pessoa que conheci, na minha vida. Ela é brincalhona, curte futebol, além de tudo, santista fanática, minha namorada e melhor amiga. 

Conhece todos os meus segredos, sabe o ponto fraco do meu coração, me acalma quando eu sinto medo, e minha segurança está em suas mãos. É com você que o amor é intenso. 

Ela apareceu em minha vida, quando tudo parecia estar perdido, surgiu como uma heroína e salvou não só o  meu dia, a minha vida também. A conheci em 2016, quando eu vivi um mal momento no Santos, ela me aconselhou, me fez acreditar, em si mesmo.

Ficamos amigos, no natal desse mesmo ano, a pedi em namoro, dando uma aliança para ela, quando deu meia noite, Helô amou, disse que nunca havia recebido, uma surpresa tão linda, até chorou de emoção. 

É com você que o sonho é tão real, é nos teus braços que amanheço o dia, me faz sentir fora do normal. É por você, a verdadeira dor da saudade, sem você, sou apenas aquela metade, e que fica sem ter razão.

De lá pra cá, vivemos muitas coisas juntos, e ela nunca desistiu de mim, muito menos eu dela, tá que vez ou outra, ficamos longe um do outro, por conta das minhas viagens, com o time do Santos, mas quando a saudade bate, sempre vejo o vídeo que nós fizemos juntos, nele tem tudo que preciso, nossas palhaçadas, nós dois sendo felizes, misturamos vários vídeos, em um. O meu favorito, foi quando ela aprendeu a tocar violão e cantou Henrique e Diego pra mim, a música combina muito com a gente. 

Muitos foram contra o nosso relacionamento, pois diziam que ela é uma mulher difícil de lidar. Que somos de mundos diferentes, eu a brisa, ela o mar. Mas dizem que os opostos se atraem, e no nosso caso, não foi diferente. 

A gente tem tudo pra dar certo, nosso amor foi abençoado por Deus, eu te preciso e quero ter você por perto, é a minha vida e seu amor sou eu.

Já deu pra entender, o quanto Helô é importante na minha vida, ela é o meu amuleto da sorte. Todas as vezes que ela vai ao estádio, o Santos ganha, ok, estou exagerando um pouco  – quase todas as vezes–, quando o time jogar mal, ela me consola, diz que ainda tem muito campeonato pela frente, e que uma derrota, não vai apagar o futebol, que estou jogando há anos, sendo um dos melhores zagueiros do Brasil, lógico que às vezes eu erro, ninguém é de ferro. 

Mas quando o time vence, ela me elogia pra caramba, até vai dormir sorrindo, vejo o brilho em seus olhos. Fazer essa mulher feliz, virou parte da minha rotina. 

E nesse exato momento estamos brincando, de quem piscar primeiro, encarando um ao outro. Me perdi naqueles olhos castanhos, acabei piscando.

– Ah ganhei, e mais uma vez, vitória da Heloísa, rufem os tambores.— Ela sorriu, gabando-se. 

–Assim não vale, temos que inventar um novo jogo, cansei de perder pra você. — Cruzei os braços. 

–Aceita que dói menos, meu amor. — Ela me roubou um beijo. – Amanhã você viaja, e fica cinco dias fora. — Ela falou cabisbaixa. – Vou sentir sua falta, mas estou orgulhosa, que meu namorado jogar no meu time do coração. 

– Também irei sentir sua falta, prometo que quando voltar, nós vamos na sua sorveteria favorita. Seu segundo lugar favorito, já que o primeiro é a Vila Belmiro. 

–Na verdade, a sorveteria é o meu terceiro lugar favorito, o segundo é o seu abraço, nele viajo para a Helolândia, um mundinho que criei, quando você me abraça, ou beija, eu vou pra lá, onde não há guerra, nem tristeza, apenas felicidade, e o melhor, é um mundo só nosso. 

–Hm, também quero visitar esse seu mundo, como faço pra entrar nele? 

– É fácil, você já tem a chave. Basta fechar os olhos, e imaginar só coisas boas. Me dar suas mãos, vamos viajar juntos, mas tem que ser de olhos fechados, não vale trapacear. 

Fiz o que ela pediu, segurei as mãos dela, e mantive os olhos fechados, com minha imaginação, viajei pra longe. 

–Já pode voltar para a realidade, meu anjo. — A voz doce de Heloísa, me despertou. – Eu quero fazer isso faz um tempão, só não sabia como, nunca fui de fazer surpresas românticas, aliás, sou péssima nisso. O fato, é que quero dividir minha vida contigo. O que quero dizer, é que estamos juntos há tanto tempo, nos conhecemos tão bem. Você é a minha melhor metade, casar comigo? 

Helô tirou duas alianças, da caixinha, ajoelhando-se em minha frente, por essa eu não esperava, mas fiquei feliz com o pedido. 

– Óbvio Heloísa, e não precisa de surpresas românticas para me fazer feliz, você faz isso, apenas respirando, sendo aquela pessoinha que conheci, a menina maluquinha, que não tem medo de se arriscar, te amo, minha noiva. 

– Te amo, meu noivo. — Ela sorriu. 

Nos beijamos, nesse beijo sentir amor, paixão, a mistura de todas as coisas boas que existem nesse mundo.  ‌


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...