História Como desaparecer para sempre. - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V)
Tags Bangtan Boys, Bts, Jin, Jintae, Jinv, Kim Seokjin, Kim Taehyung, Loowntic, Poema, Poesia, Seokjin, Tae, Taehyung, Taejin, Tristeza, Vjin
Visualizações 10
Palavras 241
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ficção, Literatura Feminina, Poesias, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 6 - Capítulo seis: escreva um manual e perca-o.



"Amor?" chamei.

"Pode falar." respondeu.

"Você viu um caderno azul escrito 'pertence à Taehyung. Não leia'? Não consigo achar em lugar algum, e esse caderno é tipo meu diário..." falei nervoso. Teria ele lido?

"Claro, li página por página" DESGRAÇADO FILHO DA PUTA! 

"O que?!"

"À propósito, adorei as coisas que você escreveu. Embora tenham sido coisas um pouco tristes, acho que no final eu compreendi sua dor. Deveria publicar quando terminar de escrever mais capítulos" pegou o caderno azul na bancada e entregou-o em minhas mão, contudo beijou minha testa. Voltou à fazer café.


Eu não sabia se ficava puto, feliz, triste ou criava paranóias na minha cabeça. Mas no final, de uma coisa eu sabia: Seokjin sempre leria minhas coisas, de tão enxerido que era. Então, tudo o que eu teria de fazer, era aceitar:

No fim, não podemos simplesmente desaparecer. Não podemos esconder nossas escrituras de pessoas próximas de nós. Não podemos tentar algo que sabemos que não somos ou seremos. Pois, neste momento, escrevendo neste caderno azul e vendo Seokjin fazer café ao som de "medicina" da Anitta, eu percebo: mesmo com todos os meus poemas e histórias de dor, eu estou aqui, e nada pode me fazer desaparecer. Nada pode me puxar para baixo, nada pode me tirar de órbita. Pois sou Kim Taehyung, e serei Kim Taehyung até o fim de meus dias, e nada me impedirá de ser eu.


escrito por: Taehyung

dedicado à: todos os momentos ruins que passei e superei.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...