História Como determinado - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Kim Seokjin (Jin), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Ação, Drama (tragédia), Homossexualidade, Lgbt, Novela, Park Jimin (jimin), Romance, Suspense, Universo Alternativo, Violencia, Yaoi (gay) kim Seokjin (jin)
Visualizações 18
Palavras 702
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), LGBT, Romance e Novela, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que chorem com esse capítulo.

Capítulo 1 - 001;; Como determinado uma tragédia


Como foi determinado por todos, como todos acreditam que deveria ser.


O relógio bateu as 17:00 e Jimin estava correndo pelos corredores lotados daquele hospital, o cheiro forte de curativos e álcool sendo passado nas feridas estavam rodeando todo aquele hospital. O desespero das pessoas que tinham suas vidas nas mãos de médicos, que às vezes podiam ser bons para as pessoas e às vezes poderiam ser as piores pessoas do mundo.


Enquanto corria, Jimin observava todos os quartos os quais passava, precisava saber qual era o quarto de seu melhor amigo. Assim que chegou em frente ao mesmo estava suado, seus cabelos grudarem sobre sua testa e suas roupas rasgadas e cobertas com um sangue que não era seu. Era sangue de uma pessoa inocente, que se sacrificou para salvar sua vida, Jimin nem o conhecia e aquilo já estava o assustando, pensar que outra pessoa poderia ter morrido para salvar sua vida o deixava apavorado. Não sabia se deveria entrar naquela sala e o observar ou apenas ficar esperando alguma notícia dos médicos.


A adrenalina correndo pelo seu sangue o fez adentrar o quarto com suas mãos e pernas trêmulas, era como se estivesse tendo um terremoto e Jimin não tivesse onde se apoiar. Quando entrou e observou ao garoto cheio de máquinas e fios ligados ao seu corpo acabou entrando em desespero, lágrimas escorriam pelo seu rosto e o deixavam com os olhos inchados, já havia chorado quando viu Jin cair sobre seus braços e agora novamente sem aguentar ver o jovem menino sobre uma cama de hospital. 


– Garoto! - Falou em tom alto o médico que abriu a porta ao ver Jimin, estava o procurando junto de outras enfermeiras, Jimin havia fugido da ala em que estava no hospital para ver Jin e nem se importou consigo mesmo.


– Doutor! Ele… morreu? - Jimin encarou ao médico esperando a sua resposta, seus olhos quase se fechando, não aguentava mais os deixar abertos e apenas queria poder os fechar e imaginar que nada disso teria ocorrido. O que sabia que não poderia fazer em hipótese alguma.


– Jimin… ele está em coma, fizemos uma cirurgia de emergência… estamos com medo… De que ele não se acorde… - O médico já estava acostumado a ver situações como aquela, normalmente dava notícias muito piores, mas a expressão de Jimin, ah aquilo estava o destruindo. Ver um menino tão novo vivendo naquela situação.


O médico andou até Jimin segurando em sua mão e o tirando daquela sala, sabia que Jimin tinha alguns machucados e precisava o ajudar, levou para uma sala onde fez curativos. Durante os curativos o garoto tocou o próprio peito, sentindo um forte aperto, e então o médico o olhou.


– O que aconteceu? Com aquele garoto? Eu não recebi muitas informações… - A curiosidade do médico poderia ter sido um pouco inoportuna naquele momento, porém, precisava saber sobre o ocorrido.


– Eu estava voltando da faculdade… foi uma tentativa de assalto… Jin estava do outro lado da tia e foi tentar me ajudar… acabou levando um tiro no peito, e agora estamos aqui… - Jimin falou friamente enquanto o observava, seus olhos já estavam fechados, apenas tentando esquecer a cena de ter Jin sobre seus braços, sangrando e dizendo suas últimas palavras antes de desmaiar. “Tome mais cuidado.” 


– Terminei. - O doutor escutou a história de Jimin e com aquilo se sentiu mal, ao ver o rosto do mesmo e seus olhos fechados ele terminou rapidamente tocando o ombro de Jimin. – Durma… 


Park apenas assentiu, deitando sobre a marca que estava. Abriu seus olhos deixando escorrer pelo canto de seu olho uma lágrima, que pingou sobre a cama. Fechou os olhos tentando dormir, e isso ocorreu rapidamente, ainda mais pelos medicamentos que havia tomado para que a dor de cabeça passasse já que gritou tanto por ajuda que acabou tendo uma grande dor de cabeça. 

Durante seu sonho, não conseguiu abandonar a cena em que o garoto estava sobre seus braços. Aquilo havia se tornado um pesadelo e Jimin havia decidido que iria ajudar a Jin no que fosse preciso, estava devendo sua vida para o garoto, e com toda certeza, iria o cuidar como se fosse a sua própria vida.



Notas Finais


Espero que tenham gostado!!!!
Agradeço pela capa! Feita por @Serendipxty_ todos créditos da capa para essa Deusa!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...