História Como Eu Me Tornei Numa Super Heroína - Capítulo 62


Escrita por:

Postado
Categorias Homem-Aranha, Os Vingadores (The Avengers), Venom (2018)
Personagens Personagens Originais, Peter Parker (Homem-Aranha)
Tags Peterparker, Venom
Visualizações 23
Palavras 1.314
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Luta, Mistério, Romance e Novela, Terror e Horror, Violência
Avisos: Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 62 - Capítulo 62


Fanfic / Fanfiction Como Eu Me Tornei Numa Super Heroína - Capítulo 62 - Capítulo 62

Hoje era noite da véspera de Natal, dentro de pouco tempo todos estariam a abrir as prendas que estavam de baixo da enorme árvore de Natal que estava no meio da sala da base. E para melhorar o espírito natalício de todos, a família estava toda reunida. Os guardiões da Galáxia vieram assim como o Thor e o Loki, o Clint e o Scott com as suas famílias, o Ned e a Betty com o filho deles Chris... Estávamos todos reunidos e eu vi que isso deixou o Jordan muito contente assim como o velho Silver, ele podia já ter uma idade bem avançada mas energia não lhe faltava. 

A Pepper e a May tratavam de terminar de colocar os enormes perus recheados na gigantesca mesa, este Natal ficará mesmo para a história. Sorri quando o Dylan passou por mim a correr a fugir dos gémeos por ter possivelmente roubado alguma coisa, depois encaro a minha irmã que conversava animadamente com o filho do Thor... Pois ele teve um filho com a valquíria, eu juro que não esperava mas estou feliz por eles. O Loki disse que não queria ter filhos e nenhum envolvimento com alguma mulher, mas pelo seu olhar ele andava de olho em alguém e eu não consegui deixar de achar engraçado, e fico contente por ver que a Krystal se dava tão bem com ele. A minha pequena filha estava sentada no colo do Loki, o mesmo estava sentado no sofá e fazia alguns truques com a sua magia para fazer a Krystal rir e ficar maravilhada. Eu sempre soube que ele não era assim tão mau como aparentava ser. 

Uso os meus poderes para tirar o Venom e o Carnage da mesa porque eu tinha um pequeno pressentimento que eles iam comer os perus todos. Eles reclamaram imenso e o Peter veio ter comigo, abraçou-me pela cintura e eu o encarei bem nos olhos. 

Peter- Estou tão feliz ao teu lado.

Sorri e acaricio a sua bochecha esquerda. 

Eu- Eu também estou meu amor, e olha só para a nossa família. 

Digo olhando para todos, a base estava cheia com todos aqui. 

Peter- Somos muito sortudos por termos pessoas como eles do nosso lado. 

Assenti com um sorriso, como eu concordava com ele. No início acreditava que não tinha ninguém ao meu lado e que eu nunca teria uma família feliz, mas agora... Agora mando uma praga ao meu eu do passado por ter pensado numa coisa como aquelas.

Elizabeth- Jordan!! Laura!! O chão é lava!

Os dois reviraram os olhos e a Laura saltou para cima das costas do Bucky enquanto o Jordan apenas saiu uns centímetros do chão.... O meu filhote também sabe voar? Incrível.

Eddie- Chega Carnage! Já acho que estás a fazer birra a mais. 

Ouvi o seu Symbiote a reclamar imenso e isso fez-me rir. O Venom na sua forma de gosma veio para cima da minha cabeça e eu sorri.

Venom- Eu estou quase a saltar para cima da mesa de novo, podemos ir jantar?

Eu- Claro que sim, vamos jantar família!

Gritei para todos ouvirem e fomos nos sentar, claro que durante a refeição nós rimos imenso, ouvimos as piadas secas do Scott e do Bruce, as histórias sobre as gloriosas vitorias do Thor, as risadas dos mais novos deixavam o lugar com mais vida, a May a conversar comigo e com a Pepper sobre mil e umas coisas e o resto a falar de coisas aleatórias, tipo o meu pai continuava a dizer que levantar o martelo do Thor era uma questão de DNA.

No fim do jantar, continuamos a conversar, contávamos especialmente algumas aventuras que os mais novos não sabiam. Por exemplo o meu pai contou para a Morgan que esteve uns meses no deserto por ter sido raptado por terroristas, o Steve e o Bucky contaram para a Laura uma das suas lutas quando estavam no tempo deles e por ai fora. 

A harmonia em família estava ótima e quando foi hora de abrir os presentes foi ainda melhor, eu fiquei deslumbrada com novos casacos, blusas, acessórios giríssimos e muitas mais coisas, quando terminei de abrir tudo o que era meu, deixo o Venom ir comer os chocolates que recebeu e vou ter com o meu pai que estava perto da mesa de jantar. Ele sorriu para mim e abriu os braços, eu encaixei-me logo no meio deles. 

Stark- Uau... Não é?

Eu- É sim pai, nem acredito que chegamos ao fim de uma longa jornada.

Stark- É mesmo, com sorte agora só teremos que nos preocupar com a velhice.

Eu- Nem me digas nada! 

O meu pai riu e voltamos para perto da nossa família, ficamos a ver o que recebemos e a conversar até à 1h da manhã até que começo a mandar todos para a cama. Eu visto um casaco e sai lá para fora, ando durante algum tempo até parar na frente das lápides dos meus amigos.

Eu- Feliz Natal para vocês! Obrigada por fazerem parte deste lindo dia.

Digo sorrindo para as lápides do Warren, da Agony, do Norrin, do tio Rhodes e da Natasha, aqui descansavam pessoas incríveis. Fico ali por mais uns minutos e começo a ir na direção da base quando recebo uma mensagem, fui ver e ri ao ver quem era. Abri o vídeo.

Rian- Oi Ellen!!! É para avisar que nós estamos a nos divertir bastante aqui na Irlanda! Espero que me possas mostrar Londres um dia mais tarde! 

A Serena aparece e abraça o seu filho.

Serena- Grandes beijos irmã!!!!

Sorri e o vídeo acaba, entro na base e vou diretamente para o meu quarto. Encontro o Peter lá deitado e eu vou me deitar ao seu lado, fico a encarar os olhinhos dele e encarava-me os meus. 

Peter- Esse sorriso diz tudo amor. 

Nem me apercebia que sorria. 

Eu- Diz? Ele diz o quão feliz eu estou por ter-te deixado entrar na minha vida? O quão feliz eu estou por teres ficado comigo durante a escola enquanto todos os outros só me viam como um meio de chegar ao meu pai? Diz o quanto eu adorei ter vivido todas aquelas aventuras ao teu lado? Diz o quanto eu te amei, o quanto eu te amo e o quanto mais o meu amor vai crescer por ti? Porque Peter Parker eu sou completamente louca por ti. 

Ele riu e beijou-me com paixão. 

Peter- Eu sei que me amas meu amor. 

Ele fala no meio do beijo e eu o puxo para mais perto. Uma coisa é verdade. Eu era uma zé ninguém até conhecer o Peter e o Venom. Eu não sei como eu consegui sobreviver tudo isto mas serei grata eternamente à minha família por me terem ajudado a me tornar quem eu sou hoje. Nunca pensei em acabar onde eu estou, ser feliz assim. Eu não era mesmo nada e agora sou uma heroína, sou conhecida como o Venom, a morte do Glalactus, a morte do Thanos, a Midgardiana que venceu a Deusa da Morte e a Mulher de Ferro. Como a vida muda. Eu agora sou tudo... Mas eu não me importava de continuar de ser um Zé ninguém desde que tivesse está maravilhosa família, que tivesse o Venom e o Peter ao meu lado. Eu sou finalmente feliz, ou melhor, Nós somos finalmente felizes.

Minha gratidão por ter encontrado o Venom nunca será clara, eu sou tão grata por ter tido aquele Symbiote... Se não fosse por ele talvez nunca tivesse ganhado a coragem que tenho hoje.

Não sei se foi o destino ou se foi alguém lá de cima que me ajudou, mas obrigada, uma vida destas era o que sempre desejei. Depois de tanto... Agora poderei viver descansada nos braços do homem que eu amo e que faria tudo para o ver feliz... Eu amo o Peter Parker.

E foi assim que me tornei numa super heroína.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...