História Como marido e mulher - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Tags Gaiden, Hentai, Naruto, Romance, Sakura, Sarada, Sasuke, Sasusaku, Viagem
Visualizações 2.314
Palavras 1.069
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Mais uma fanfic SasuSaku pra vocês.
É o seguinte, essa fanfic está concluída e postada no Nyah! desde 2015, portanto, podem ter coisas que não vão bater com a história original, mas é porque na época em que foi escrita eu não tinha tantas informações.
A fanfic vai narrar a viagem de Sasuke e Sakura, o nascimento da Sarada e alguns acontecimentos do Gaiden.
Espero que gostem.

Capítulo 1 - 01


    Eu não podia acreditar naquilo, definitivamente não entrava na minha cabeça. Sasuke, meu marido, decidiu que iria partir novamente para investigar um suposto inimigo que poderia trazer riscos para Konoha.

 

Óbvio que fiquei arrasada, depois de tanto tempo longe de Sasuke, eu não suportaria vê-lo partir novamente.

 

" Eu estou de volta, Sakura."

 

Quando ouvi essas palavras meu coração saltou de tanta alegria, ele estava de volta, ele voltou pra mim como prometeu. Ver meus amigos com seus companheiros e perceber que eu estava sozinha me dava um aperto no coração, mas eu guardei as palavras de Sasuke, aquele agradecimento e aquele toque na testa significaram muito; Ele não é um homem de muitas palavras, mas consegue demonstrar muito através de gestos, nunca precisei ouvir um " eu te amo " por dia pra saber que sou amada por ele.

 

Não sei bem quando Sasuke se apaixonou por mim, só tive a certeza disso no dia em que ele partiu para a sua jornada. Naquele dia eu tive certeza de que meu sentimento era recíproco; Sasuke ficou mais ou menos um ano na aldeia antes de partir, nesse período nos aproximamos muito, digamos que já éramos praticamente considerados namorados, embora nossos lábios sequer tivessem se tocado.

 

Já perdi as contas de quantas vezes sonhei com seu retorno, de quantas vezes o senti tocar em minha testa como fez naquele dia; Descobri mais tarde que aquele gesto nada mais era do que uma demonstração de carinho de Itachi para com Sasuke, ou seja, para ele ter feito aquilo eu devo ser alguém muito especial.

 

E quando finalmente ele voltou para casa, pude senti-lo tocar minha testa novamente e, em seguida, me puxar para um abraço quente e apertado. Me senti segura. Me senti amada. Após dois anos fora, Sasuke estava ali, me abraçando. Não contive minhas lágrimas.

 

Naquele dia tivemos nosso primeiro beijo, Sasuke me pegou de surpresa e a única coisa que pude fazer foi retribuir o gesto enquanto acariciava aqueles cabelos lisos e macios que chegam a dar inveja. A partir dali, minha certeza só aumentou, Sasuke não me beijaria se não me amasse.

 

Não demorou muito para que ele fizesse o pedido de casamento (do jeito dele, é claro) que foi a coisa mais direta da face da terra; Sasuke não faz o tipo romântico. Estávamos caminhando juntos e um silêncio medonho reinava entre nós, foi quando Sasuke, naturalmente, disse :

 

– O que acha que nos casarmos ? - Ele estava perguntando sobre casamento como quem pergunta sobre o clima ou sobre qualquer outra coisa. Não teve um jantar a luz de velas, nem buquê de rosas e muito menos uma declaração daquelas pra derramar rios de lágrimas; Ele simplesmente me perguntou o que eu achava sobre o assunto.

 

– Acho que seria ótimo - Eu respondi com um sorriso no rosto, minhas bochechas estavam incrivelmente vermelhas, mas Sasuke nem notou, uma vez que olhava para frente o tempo todo. Fitei seu rosto e percebi que ele também estava com as bochechas vermelhas. Achei aquilo muito lindo.

 

– E então...? - Foi como se ele fosse perguntar algo e não tivesse conseguido prosseguir, ele continuava sem me encarar e estava sério. Sasuke sendo o Sasuke, típico.

 

– E então o que ? - Indaguei. Eu já imaginava o que estava por vir, só queria ver até onde ele ia.

 

– Ora essa, Sakura - Bufou, visivelmente irritado - Vai dizer que não entendeu ? - Sasuke continuava sem me encarar, apenas olhava para frente enquanto caminhávamos, ele estava corado e, ouso dizer, inseguro. Isso mesmo, Sasuke Uchiha estava nervoso e inseguro.

 

– Não, você pode me explicar melhor ? - Consegui ficar séria por alguns segundos, mas vê-lo corar ainda mais me fez rir e Sasuke percebeu que eu estava só brincando com ele.

 

– Deixa quieto, irritante... - O moreno virou o rosto para o lado, devia estar roxo de vergonha. Claro que, depois que eu me recuperei da crise de risos, nós dois nos entendemos e decidimos nos casar... E esse foi um pedido de casamento no estilo Uchiha.

 

Em poucos dias nos casamos, e se Sasuke já estava nervoso no pedido de casamento, na lua de mel foi ainda pior. Nesse dia nós dois estávamos nervosos, mas não tinha pra onde fugir, já éramos casados, e pessoas casadas fazem essas coisas... Mas tudo fluiu muito bem e conseguimos relaxar, aquela foi realmente uma noite memorável para ambos, dali em diante pertencíamos um ao outro, éramos um só, de corpo e alma. Finalmente casados. 

 

Mas a minha felicidade estava ameaçada, uma vez que Sasuke anunciou que iria partir da vila por tempo indeterminado, eu não iria aguentar vê-lo partir sem dia pra voltar pela terceira vez. Eu estava tão feliz ao lado dele, e agora, um ano após seu regresso, o amor da minha vida iria me deixar novamente.

 

Foi quando tomei uma decisão...

 

Sasuke estava no nosso quarto, sentado na nossa cama, enquanto arrumava as suas coisas. Ele partiria na manhã seguinte. O moreno me viu parado em frente à porta, eu não estava mais chorando por sua partida, eu estava séria, decidida, e ele me olhou curioso.

 

– Sasuke, eu tomei uma decisão - Falei séria. " Sasuke-kun " já não existia mais, ele agora era meu marido.

 

– O que foi ? - Ele me olhou preocupado, já sabia o que era, mas me deixou prosseguir.

 

– Eu vou com você, e não adianta negar - Pelo meu tom de voz, parecia que estávamos no meio de uma discussão - Das outras vezes eu pedi para que me levasse, mas você negou. Só que dessa vez eu não sou mais sua parceira de equipe, sou sua esposa e vou te acompanhar.

 

– Imaginei que você fosse dizer isso - Ele suspirou e se levantou da cama - Me preocupo com você, pode ser perigoso - Sasuke sorriu de canto, aquele sorriso que eu adoro - Mas eu sei que você não é uma mulher fraca, está bem longe disso...

 

– Então, isso quer dizer que... - Abri um sorriso de orelha a orelha, eu não iria ser deixada para trás, dessa vez iríamos juntos.

 

– Quer dizer que você precisa arrumar as suas coisas - Ele respondeu - Partimos amanhã bem cedo.

 

Não sei dizer o tamanho da emoção que senti ao saber que iria viajar junto com Sasuke, eu estava ciente dos perigos, mas não importavam os perigos ou as dificuldades, estaríamos juntos.  


Notas Finais


Comentários?
A fanfic vai ter 22 capítulos ;)
O que acharam?
Beijos e até o próximo ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...