1. Spirit Fanfics >
  2. Como não se apaixonar por uma Haruno : (Sasusaku) >
  3. Vinte.

História Como não se apaixonar por uma Haruno : (Sasusaku) - Capítulo 20


Escrita por:


Notas do Autor


Passando pra avisar que não vou mais postar capítulos todo dia !! tenho muita coisa pra fazer além das outras fics, mas pode ser algo bom porque posso fazer alguns capítulos maiores :)
Pra quem quiser saber direitinho quando vai sair qual capítulo vou postar um comentário aqui pelo spirit explicando, é isso.
Aliás também estou pensando em colocar uma meta de comentários (vocês acham muito ruim ??) simplesmente porque dá muitoo trabalho escrever e alguns capítulos não tem tanto retorno, mas enfim ... só ideais

Capítulo 20 - Vinte.


-eu só posso dizer que sinto muito e que, literalmente, não tem um dia que eu não me lembre dele. 

-o que você está fazendo da vida ?? *perguntou ainda com a feição séria* 

-oi ?? *olhou assustada para a mulher* como assim. 

-me diga que depois disso tudo você não anda cometendo os mesmos erros Sasuke, se você não mentiu aqui, o que mudou de antes para agora ?? 

-você se surpreenderia seu eu contasse tudo *respondeu com um sorriso bobo* 

-tenho o dia todo. 

 

[...] 

 

-pode ser Itachi Jr ?? *perguntou animado* e se for menina, Itacha !! Podemos até ter camisas combinando. 

-você e seu irmão são iguaizinhos !! Basta ficar animado que parecem crianças *resmungou esfregando os olhos* São 3h00 da manhã e a última coisa que vou fazer agora é decidir o nome dessa criança. 

-que mau humor ... mas por favor, considere Itacha. 

-que porra de Itacha *disse rindo* quer que minha filha sofra bullying na escola ?? 

-ela vai ter um tio gato pra caralho, nenhuma criança com o tio bonito sofre bullying na escola. 

-às vezes eu me pergunto de onde você tira tanta baboseira ... 

-o Sasuke sofreu bullying por um acaso ?? Nosso tio era gato antes de morrer. 

-o Sasuke não sofria bullying porque era ele que fazia !! Sua lógica não tem sentido nenhum. 

-realmente, lembro de quando ele enterrou o Naruto no parquinho de areia ... será que ele j-- 

-Itachi, meu querido CUnhado *falou suspirando pesado* se você não me deixar dormir vou acabar te matando. 

-como você pode querer dormir quando está GRÁVIDA ?? Sakura a gente tem que arrumar tanta coisa ainda !! 

-isso tá hilário *a loira respondeu caindo na risada* eu nem consigo ficar brava ... eu nem contei para o seu irmão ainda, vou deixar para ficar louca depois. 

-ele vai desmaiar quando souber, ainda mais se for uma menina *disse com um sorriso sacana* 

-o Sasuke não vai desmaiar. 

-claro que vai, estou aguardando por esse dia já fazem anos. 

-e porque “ainda mais se for uma menina” ?? 

-oras, ciumento do jeito que é ... vai querer trancar a filha em um convento até ela completar 50 anos. 

-que drama Itachi, estamos falando do Sasuke. 

-ele não é ciumento ?? *perguntou arqueando as sobrancelhas* 

-claro que é, mas não pra tanto. 

-escreve o que estou te falando, o idiota vai desmaiar quando souber. 

-vamos ver ... 

 

[...] 

 

-obrigada pela sua atenção, espero ter esclarecido as coisas. 

-não foi nada *respondeu com um pequeno sorriso* foi bom saber o que aconteceu aquela noite ... é como se agora eu pudesse, deixa-lo ir *disse com os olhos marejados*. 

-tenho a mesma sensação *disse com um sorriso fraco* ... boa tarde. 

-boa tarde, Uchiha. 

 Depois que entrou no carro, Sasuke não sabia para onde ir. Ainda tinha uma hora antes de precisar acordar o Naruto e não gostava de ficar sem fazer nada, depois de tanto rejeitar a ideia acabou passando no supermercado. E até que isso vai facilitar muito, o Naruto nunca faria as compras do jeito certo e eles precisam ter comida em casa. 

 Enquanto procurava pelo detergente entre as prateleiras escutou uma voz familiar, um arrepio passou pelo seu corpo quando reconheceu o dono. 

-Sasuke ?? *olhou surpreso* caralho quanto tempo moleque !! 
A figura se aproximou com um sorriso enorme e puxou o moreno para um abraço. 

-nem avisou que voltou, o pessoal tá por aí ainda. 

-eu vou ficar pouco tempo ... vim a trabalho. 

-uauuu tá ficando importante hein, como andam as coisas ?? 

-tô tranquilo, me ajeitando pelo Brasil. 

-só pegando as brasileiras né, deve estar fazendo a festa lá !! 

-na verdade eu *começou a falar rindo* eu estou namorando. 

-VOCÊ ?? NAMORANDO ?? *berrou enquanto deixava as latas de molho caírem no chão* carai te abduziram ou algo do tipo ?? 

-praticamente estamos bem sério ... quase noivos, mas e você ?? 

-cê me conhece, acabei de sair da cadeia ... me pegaram com umas fita na bolsa. 

-vish, continua nessa ? 

-meu ganha pão, se não fosse o corre tava na merda. 

-tô ligado, enfim ... foi bom te ver, tenho que ir agora. 

-me chama depois !! A gente reencontra o pessoal. 

-pode deixar Zetsu, chamo sim *mentiu descaradamente* 

 Sem transparecer sua surpresa ou espanto, Sasuke pegou o primeiro detergente que viu e correu para o caixa. Será que aquele era seu destino se não tivesse mudado ?? Preso ou morto ??  

 Pensar em uma dessas possibilidades fez seu estômago revirar, por isso passou as compras no caixa e correu para casa. 

 E ali estava o maior desafio do dia : acordar o Naruto. Ele deveria jogar um balde de água ?? Quem sabe jogar o amigo da cama ... divertido iria ser. Mas assim que entrou no quarto se surpreendeu mais ainda, o loiro estava acordado e esticando os lençóis da cama. 

-eii Sasuke, aconteceu alguma coisa ?? *perguntou quando viu o moreno parado na porta* 

-isso é muita coisa pra um dia só ... *respondeu boquiaberto* primeiro o Zetsu e agora isso, uau. 

-quem é Zetsu ??  

-um amigo daqui *respondeu dando de ombros* 

-você foi ver outro amigo enquanto eu dormia  ?? *falou enquanto cruzava os braços* 

-eu encontrei ele no mercado, fiquei meio ... assustado. 

-hmm, como assim ?? 

 

[...] 

 

 Acordei exausta, não só porque o Itachi falou a noite inteira, mas também porque tivemos que acordar cedinho. Sim, nós, vou ter que levar esse traste junto para o hospital. Primeiro vamos passar para fazer os primeiros exames, confirmar a gravidez e tudo mais. Depois vou ficar para trabalhar e aproveitar pra me livrar dele. 

 Olha, quando eu era adolescente e sonhava em passar a noite com ele realmente não era assim que pensei que seria. Eu imaginava o Itachi dormindo como um príncipe, super delicado e gentil, mas o resultado foi outro : ele é espaçoso, folgado e reclamão. 

 Ele fez questão de dividir a cama pra ter certeza que eu não iria passar mal, depois de tanto lutar contra acabei desistindo e deixei a praga com metade do colhão. Exatamente, era pra ser METADE, mas ele simplesmente começou a se mexer e ocupar o meu espaço. 

 Como se não bastasse esse incômodo, quando eu empurrei ele pro lado ganhei um puta chute na canela. O DISGRAÇADO me chutou quando eu tentei ficar com o MEU espaço da cama. Fora que eu estou acostumada a dormir abraçada com o Sasuke, e na primeira tentativa de me aconchegar no ombro do Itachi fui brutamente afastada. 

 E detalhe, ele ainda reclamava enquanto dormia. Pude escutar ele murmurando um “putaquepariu” algumas vezes e simplesmente me segurei pra não jogar ele pro chão. Sorte dele que o Sasuke realmente ama o irmão. 

 Enquanto me espreguiçava olhei para aquela cópia mal feita do Sasuke, me segurei pra não dar um belo chute naquela cara e depois dei uma olhada no Kisaki. Enquanto meu filho parecia ter dormido com os anjos eu estava acabada. Então esse é o peso que uma mãe carrega ??? 

 Cutuquei meu CUnhado tentando acordá-lo, a criatura nem se mexeu. Balancei um pouco mais forte e nada. Aproveitando todo o ódio acumulado pela noite mau dormida, segurei com delicadeza aquela prancha que ele chama de pé, puxei com tudo até ele cair no chão. 

 Ainda meio atordoado abriu os olhos devagar, se acostumando com a claridade. 

-vamobora Itachi, são quase 08h da manhã *resmunguei* 

-você me jogou no chão ?? *perguntou indignado* 

-não, a gravidade sofreu um defeito hoje de manhã e tudo saiu do lugar. 

-Sakura eu não acredito, passei a noite toda aqui pra ver se você está bem e é assim que sou tratado ?? 

-realmente ... *disse fingindo arrependimento* na próxima me lembre de te EXPULSAR do meu quarto. 

-ah *respondeu com a boca aberta* mau agradecida !! Vou me trocar para a gente ir na consulta. 

 Depois de desfilar pra fora do quarto, Itachi me deixou sozinha. Assim comecei minha longa lista de tarefas diárias : tomei meu banho, arrumei o quarto, respondi o Sasuke, fiz o café, pendurei a roupa para a Dona Mikoto e por fim acordei o Kisaki. 

 Peguei meu celular para mandar mais um aúdio para o Sasuke quando seu irmão chegou na cozinha. 

Mensagem On. 

[áudio]: oii meu amor, acabei de acordar e estou indo para o hospital. Depois de deixar o Kisaki na creche te ligo pode ser ??  

Mensagem Off. 

-credo, ele não foi embora a tanto tempo assim e você já está nesse grude. 

-cuida da sua vida !! Não sei como a Izumi te aguenta. 

-ah ta bom, não sei como o meu irmão te aguenta, chata pra caramba. 

-Itachi você me CHUTOU de noite, agressão contra grávidas da cadeia sabia ?? 

-aposto que se a grávida for você o juíz vai me agradecer. 

 Continuamos nessas provocações bobas, e que no fim até rendiam algumas boas risadas, enquanto íamos para a creche deixar o Kisaki recebi a ligação mais esperada do meu dia. 

 

[...] 

 

-você está nervoso ?? *perguntei vendo o loiro roer as unhas* 

-um pouco... 

-tsk não é pra tanto, no maximo a gente vai ser chutado do estágio. 

-Sasuke eu não falo japonês há alguns anos !! Acha que vou sair falando assim do nada ??. 

-que idiota *zombei* isso porque sei pai sempre insistiu pra você praticar. 

-eu nunca achei que viria pro Japão, valeu !! Afinal eu moro no Brasil. 

 E no fim foi bem tranquilo, o Naruto demorou mas no final do dia conseguiu falar um pouco do japonês. Nós passamos o dia em uma sala com o nosso instrutor, ele fala japonês, inglês, português, francês e russo. Pois é, foda. 

 Parece que ele foi escolhido só pra ensinar a gente, então não tem a menor preguiça de repetir as coisas ou explicar mais de uma vez (essa foi a maior sorte do Naruto).  

 Além disso hoje foi bem tranquilo, tivemos uma breve explicação de como as coisas funcionarão, os horários e formas de trabalho. Depois de sairmos da empresa voltamos para casa, tomei um banho e aproveitei para ligar para a Sakura. 

Ligação On. 

-oii meu amor *disse com a voz doce* 

-eii, como você tá ?? 

-estou bem, indo para o hospital agora . 

-como foi com o Kisaki ?? ainda está dando trabalho pra ficar lá ?? 

-claro que não !! Afinal eu sou um ótimo tio *escutei uma voz conhecida falando* 

-Itachi ?? O que está fazendo aí ?? *perguntei surpreso* 

-essa PRAGA está me atormentando desde ontem *Sakura respondeu claramente irritada* 

-eu estou te atormentando ?? Sasuke sua mulher me jogou da cama, isso é jeito de me tratar ?? *ele retrucou tentando se defender* 

-calma aí, vocês dormiram juntos ?? Sakura que porra é essa *resmunguei arqueando as sobrancelhas* 

-seu irmão idiota disse que eu não podia dormir sozinha, ainda me chutou a noite toda, IMBECIL !! 
-isso muda alguma coisa ?? *exclamei irritado* 

-calma aí Sasuke, essa mal agradecida estava passando mal, eu quis dormir lá pra garantir que ela ia estaria viva. Mas como já disse, na próxima faço questão de deixar ela morrer sozinha !! 
-calma ... *falei ainda confuso* porra não quero ninguém dormindo na nossa cama, além disso porque não me contou que passou mal ?? 

-dá essa merda de celular *ela berrou pelo outro lado da linha* eu apenas estava com um mau estar, seu irmão que é um dramático. Já estou bem, juro. 

-tsk, tem que me falar essas coisas, não tem como eu adivinha tudo. 

-mas foi coisa boba, não quis te incomodar com isso. 

-hmm tudo bem, pega leve com o Itachi ...  

-vou pegar bem leve sim, quem sabe eu tenha piedade e não atropele ele. Mas não quero falar do seu irmão, como foi o primeiro dia ?? 

-acho que normal, mostraram a empresa e-- 

-SAKURAAA *Naruto chegou no meu quarto gritando e pegando o celular da minha mão* não sabe o que aconteceu hoje !! Eu tinha que falar japonês e... 

 Tá, talvez eu não vá conseguir ter uma conversa decente com ela sem que ninguém interrompa. Deixei o Naruto conversar tudo que queria, falou mais que a boca sobre coisas totalmente desnecessárias, e quando finalmente pensei que iria ser a minha vez, ela teve que desligar. 

-ela te mandou um beijo e disse que te ama *disse passando meu celular* 

-sabe ... às vezes eu acho que não da pra te odiar mais, mas sempre me surpreendo. 

-qual é Sasuke, amanhã você fala com ela *retrucou se jogando na minha cama* 

-aliás o que você está fazendo aqui ?? Vai pro seu quarto, folgado. 

-vamos assistir um filme, igual a gente fazia quando morava junto no Brasil. 

-ah pronto, Naruto não começa com essas viadagens ... 

-vou ser direto aqui valeu ??? Estamos do outro lado do mundo, são quase 20h da noite e eu não conheço absolutamente ninguém aqui além de você. Então da pra calar a boca e assistir o filme comigo ?? 

-pelo menos coloca alguma coisa legal *resmunguei me jogando na cama* 


Notas Finais


feito com amor.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...