História Como posso te amar? (Imagine Tae) - Capítulo 29


Escrita por: e suchenhun

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lu Han, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Sehun
Tags Bts, Comedia, Exo, Hentai, Romances, Tae
Visualizações 38
Palavras 754
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OIE, acho que vcs já estão acostumados com meu desaparecimento aki ne? Bora lã para mais 1 cap!!!!

Capítulo 29 - Voltei amor


~~~~ANTERIORMENTE~~~~

- AHHH, PARAAA, POR FAVORR, AHHHH. - Choro e tento sair daquela posição, tento impurra-lo mas já estava fraca.

Ele fazia movimentos bruscos e que a cada estocada, mais doía, pois não existia lubrificação.

- Hmm... - Ele gemia - Gostosa!

O que está acontecendo? Isso é  real? Porque sempre acontece comigo? 

Tudo é muito confuso... acho que... acho que... Melhor parar de seguir em frente.

~~~~AGORA~~~~

- S/N!! - Alguém gritou por mim.

Logo Lu Han para e olha para a porta que estava entre aberta.

- Quem é? - Ele se levanta e vai andando em direção a porta.

Tem alguém me chamando do lado de fora do quarto... Será que é o...

- TAEHYUNG!!!!!

- S/N!!!!!!!!

Tento me mexer, mas não conseguia me movimentar bem, por estar fraca e amarrada. Logo a porta é arrombada e escuto sons de socos e tapas, depois de um tempo, tudo fica quieto e alguém vem atrás de mim e me desamarra. Quando olha para frente vejo

- TAE!!! - Pulo em seus braços e o abraço bem forte. - Aonde você estava? - Sinto minhas lágrimas percorrerem polo meu rosto.

- Desculpa ter chegado tão tarde... Pega. - Ele tira a sua camisa e me da. - Vista.

Visto a camisa que fica parecendo um vertido em mim.

- Como vamos sair daqui? Existem vários quarto e seguranças!

- Está era a minha antiga casa, sei muito bem aonde estamos, e os guardas, bom... Não precisa se preocupar com eles.

Ele me pegou no colo e correu até a saída, lá tinha um carro estacionado, entramos nele e o Tae começou a dirigir.

- O que ele fez com você? - O mesmo colocou sua mão em minha coxa.

- Nada...

- Porque você continua mentindo para mim?

- Eu não estou mentindo!

- Então porque você está batendo o pé? - Quando olho para minhas pernas, vejo elas batendo.

- Desculpa... Quero conversar agora...

Fomos até um hospital privado e quando chegamos lá, pegamos uma fixa e esperamos até o nosso número ser chamado.

- 33! - Atendente.

- É o nosso.

Nos levantamos e fomos até o consultório, chegando lá, a medica era uma amiga da minha mãe.

- Ah! Oi Vivi!

- Olá S/N! Como vai?

- Vocês se conhecem? - O Tae perguntou.

- Sim, ela é amiga da minha mãe.

- Ah.

- O que veio fazer aqui S/N? Está doente? - Ela perguntou.

- Aconteceu uma coisa... - Olho para o Tae. - Tae, pode me deixar um tempo sozinha com a medica?

- Ok, ligue para mim quando terminar.

- Certo.

Dei um selinho nele e ele foi embora.

- Então, o que aconteceu S/N?

- Eu fui... estuprada.

- Ah! S/N, quero que você mantenha a calma, vou chamar um ginecologista para você ok?

Acenei com a cabeça e Viviane logo foi para o seu telefone e discou alguns números.

- Olá, quero uma ginecologista urgente na sala 2, por favor.

Ela desliga a chamada.

- Você... Já avisou a polícia?

- Eu não pretendo falar, meu namorado já arrumou tudo, não se preocupe.

- Ah, ok.

Alguém bate na porta, e outra médica entra na sala.

- Olá, sou Mirella, a ginecologista.

- Olá, está é S/N. - Eu aceno. - Ela é a paciente. - Viviane me aproxima de Mirella.

- Olá S/N, me acompanhe.

Segui a médica até o seu consultório, e me deitei na maca, coloquei meus pés no apoio, fazendo com que eu ficasse com as pernas abertas. Logo a Mirella pega alguns materiais e me examina "toda".

- Bom S/N... Não está tão ruim, vou passar alguns remédios e logo você estará melhor.

- Ok, mas o que eu tenho?

- Apenas uma pequena inflamação, mas como a senhora já vai tomar remédios, isso irá melhorar logo.

Saí do consultório e fui a sala de espera e liguei para o Tae.

LIGAÇÃO ON

- Tae, acabou agora a consulta.

- Ok, já estou chegando.

- Ok, te amo.

- Te amo.

LIGAÇÃO OFF

~~~~QUEBRA DE TEMPO~~~~

Entrei no meu dormitório e o Tae me seguiu. Me joguei na cama e o mesmo veio em minha direção.

- O que aconteceu? - Tae perguntou.

- Não quero comentar agora... Estou muito cansada. - Olho para baixo.

- Estava com tanto medo... - Olhei para ele. - De que acontece-se algo com você... - Ele estava chorando.

Cheguei mais perto e dei um beijo lento e calmo, dei um abraço forte.

 

 


Notas Finais


Sei q ficou um pouco chato, eu queria fazer um hot, mas ela está toda inflamada kkkkkkkkkk
enfim, bjossssssssssss sz sz sz sz sz sz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...