História Como se desapaixonar por Jeon Jungkook - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, TWICE
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jihyo
Visualizações 171
Palavras 4.605
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Ficção Adolescente, Fluffy, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hey manas e manos !!

Boa Leitura ! 🍒

Capítulo 3 - Perfect Soulmates


-Jihyo acorda ,vamos ! - Cutuquei a garota que dormia como uma pedra . - ACORDA . - Berrei e ela deu um pulo da cama .

 

-Aishy já é segunda novamente ? - Perguntou coçando seus olhos .

 

-Sim , sim . Levante . - Levantei-me e fui para o banho enquanto ela deve ter ido comer .


 

Assim que saí  devidamente pronta ela estava pronta também .


 

-Tchau mãe . - Gritei e mamãe respondeu um “tchau meninas “ .

 

Fomos até o ponto de ônibus conversando .

 

-Ei Jungkook pega o mesmo ônibus que você ? - Assim que ela perguntou-me isso eu engoli em seco . E olhei para o menino que estava mexendo em seu telefone e se quer deve ter notado nossa presença.


 

-Sim . - Respondi dando ombros .

 

-Uau ele é muito lindo mesmo . - A garota apaixonada concluiu e parte nisso ela tem razão .

 

Assim que entramos no ônibus Jungkook percebeu nossa presença e ficou até que surpreso por nos ver .

 

O caminho foi silencioso já que o clima estava apaixonante demais , Jihyo babava em Jeon que estava com fones distraído , enquanto eu olhava a janela e fiquei pensando no tanto que errei ao ter beijado o garoto .


 

•••••••••••••

 

-Hoje depois da aula , biblioteca . - Xiumin apareceu do meu lado .


 

-Está bem . - Confirmei revirando os olhos .


 

-Você e o garoto que destrói as coisas ? -Kai já havia um sorriso nos lábios .


 

-Eu hein tá me estranhando ? Eu tive a proeza de cair com ele num trabalho lá .



 

-Que sorte . Só não vá emprestar mais canetas para ele .


 

-Nunca mais . - Confirmei e assim Jungkook  passou em minha frente o que me fez engolir em seco .

 

-Viu fantasma ? Está pálida . - Colocou sua mão sobre minha testa .

 

-Kai eu tenho uma confissão , mas é muito confissão mesmo . Eu já até falei com o meu vizinho “ padre “ que dá conselhos mas eu acho melhor eu não fazer o que me aconselhou .

 

-Pode falar . - Chegou mais perto de mim interessado no assunto .

 

-Não dá para ser aqui . - Olhei para os lados e havia muita gente .


 

-Vamos para o jardim de inverno . - Saímos pela escola até o jardim de inverno em silêncio , Kai sabia que era sério .


 

-Pode dizer . - Sentamos no banco e ele tomou iniciativa.


 

-Eu …


 

-Você ?


 

-Eu beijei Jungkook . - Assim que disse fechei os olhos num ato de impulso e tudo estava silencioso até demais .


 

-Espera . - Abri meus olhos e meu amigo estava boquiaberto. - Você e ele ? - O besta pegou suas duas mãos fazendo um biquinho em ambas e colando uma na outra .

 

-Argh como você é chato . - Revirei os olhos .


 

-Mas você gostou ? - Perguntou .


 

-Seria errado eu dizer que sim ? -Kai torceu a boca e fez uma expressão positiva . - Ah eu sabia que é errado eu gostar , poxa ele é praticamente o “namorado” da Jihyo .


 

-Calma não sinta-se culpada . - Colocou sua mão sobre minhas costas . - Converse com ele e veja se foi bom para ele também .


 

-E se foi ? - Arregalei meus olhos .


 

-Ai fudeu . - Ah muito obrigada pela dica .


 

-Você acha que eu conto para Jihyo ?


 

-Seria bom mas por outro lado seria frustrante para ela . - Concluiu .


 

-O que eu faço ?!

 

-Tente falar com ele sobre isso , se ele disse que gostou você diz o mesmo mas se ele der o dane-se você esquece .


 

••••••••••••

 

O que eu faço ? É essa palavra que está me definindo , mal estou prestando atenção na aula com aquele martelo na cabeça “ você não é uma boa amiga “  .

 

Eu sou uma boa amiga ! Mas … Droga .


 

-Você irá terminar seu trabalho com o Xiumin ? -Jihyo perguntou e eu apenas concordei . - Está perdida , terra chamando moranguinho . - Passou a mão na frente de meu rosto .


 

-Jih eu preciso lhe contar uma coisa . - Segurei nos ombros da garota . - Eu ….


 

-Ei ______ Xiumin disse para você não demorar . - Chim passou ao meu lado junto de seus outros amigos .

 

AH MAS QUE ÓDIO !


 

-O que você ia dizendo ? - Jihyo perguntou sorridente e eu abaixei a cabeça .


 

-Nada é besteira . - Ri sem graça .  - Irei lá tá ?


 

-Está bem , tchau ! - Mandou beijos para mim e eu fui seguindo para a biblioteca encontrar o destruidor de canetas .


 

Assim que adentrei no local grande pude avistar ele numa mesa mexendo em seu telefone com uma expressão nada simpática . Aproximei-me e ele levantou seu olhar para mim .

 

-Nossa mas que demora . - Desligou o telefone guardando em seu bolso . - Vamos começar .


 

-Grosso . - Sentei em frente ao garoto .


 

-Chata . - Ele retrucou .


 

-Idiota .


 

-Patricinha .


 

-Babaca .


 

-Metida .


 

-Ei crianças silêncio . - A tia aproximou-se de nossa mesa fazendo com que encerramos  nossa guerra . Mas ele não pode ganhar isso , assim que a tia saiu sussurrei :

 

-Palhaço . - Ele deu uma entortada na boca e assim peguei meu livro abrindo na página qual havíamos de ler para preparar um boa apresentação .


 

-Então , fiquei sabendo que você tem andado com o JK “ Cupido “ . - Levantei o olhar do livro encarando aquela cara descarada dele logo engoli em seco.

 

-É vamos fazer o trabalho . - Desconversei e esse diabo pareceu-me querer me provocar ainda mais .

 

-Tá rolando alguma coisa ? - Perguntou .

 

-Xiumin cala essa sua boca , e abre seu livro . - Aproximei meu rosto do dele . - Se não eu faço você engolir essa mesa . - Falei baixo e ele sorriu ladino .

 

-Então me faça . - Respondeu .


 

-Para mim já deu ! - Levantei da cadeira e acabei com a graça dele , onde já se viu tamanha ousadia desse menino ?


 

-Mas e o trabalho ? -Perguntou .

 

-Se vira ! - Dei as costas para o menino saindo da biblioteca encontrando já o pátio vazio .

 

Assim que saí  da escola coloquei meus fones seguindo até o ponto de ônibus .

 

-Ei ______ . - Sabe quando pensa que chamaram seu nome mas você estava louca mesmo ? Então foi isso que aconteceu mas conclui que ainda estou sã após ver o the monio na minha frente com uma expressão cansada .

 

-Você … Anda … Rápido . - Falou pausadamente.

 

-O que você quer ? - Perguntei tirando os fones de meu ouvido .

 

-Sério eu preciso de nota nesta matéria , colabora comigo vai ? - Ow piedade dele .

 

-Está bem , vamos voltar para escola . -Já ia me virando para o garoto que  segurou meu braço , apenas olhei para o sua mão em meu braço queimando o lugar . Ele percebeu e tirou .

 

-Vamos num café ? -Perguntou .

 

-Por quais motivos eu iria num café com você ?

 

-Ué porque a biblioteca da escola é um lugar muito xoxo   . Vamos lá , eu conheço uma muito boa e dá para nós fazermos o trabalho calmamente .

 

-Está com seu computador aí ? - Perguntei e ele abriu um sorriso .

 

-Sim !


 

••••••••••••

 

-Então qual cor você acha que se encaixa melhor no slide ? -Perguntei para o menino que estava ao meu lado .

 

Eu resolvi aceitar vir na cafeteria com ele , deu até pena da sua expressão de cachorro . O céu já está meio escuro e nós estamos apenas finalizando alguns detalhes do nosso slide .

 

-Gosto de amarelo e preto . - Ele respondeu .

 

-Branco também ? - Perguntei e ele assentiu . O menino tomava um café enquanto eu tomava um chocolate quente mesmo .

 

-Nosso trabalho está muito bom . - Concluiu .

 

-Concordo . - Ficamos em silêncio enquanto eu poderia sentir que o garoto me olhava . Resolvi não dar atenção e corrigir algumas palavras .

 

-Ei porque nós brigamos mesmo ? -Perguntou .

 

Eu posso até listar .

 

-Não sei se lembra . - Tirei os olhos do computador passado a encarar o menino . -Mas envolve uma caneta . - Conclui voltando o olhar para um caderno que estava ao meu lado .

 

-Tem certeza ? - Perguntou mas sem entender eu vi uma caneta idêntica a minha que ele quebrou a alguns anos .


 

-Oh meu Deus ! Onde você achou uma caneta dessa ? - Perguntei entusiasmada e ele sorria .

 

-Fui para o Japão algum tempo atrás e vi a caneta lembrei de você e comprei .

 

-Ainda vendem desse modelo . - Peguei o objeto observando que era exatamente igual a qual possuía alguns anos atrás .

 

-Pega para você . - Arregalei meus olhos e um sorriso foi perceptível em meu rosto .

 

-Sério ?

 

-É ué . - Disse .

 

-Muito obrigada ! - Guardei o objeto em meu estojo que estava sobre a mesa . - Mas . - Passei a encará-lo - Isso está muito estranho , você me dá uma caneta do nada .

 

-Posso agradar ?

 

-Não , nós somos inimigos .

 

-Puff você não para com essa ideia né ?

 

-Quer ser meu amigo agora ? - Perguntei .

 

-Pode ser . - Sorriu .

 

-Tudo bem . - Conclui . - Olhei para o mesmo que sorria . Esse mundo tá difícil né ? O the monio querendo ser meu amigo .

 

-Terminou ? - Perguntou e eu confirmei com a cabeça .

 

-Vamos ? - Ele concordou levantando da mesa e arrumando os materiais . Fiz o mesmo . Pagamos tudo eu estava pronta para ir embora e tirar esse uniforme mas ele teve uma “ brilhante ideia “ .

 

-Que tal se formos no parque ?

 

-Parque ? - Indaguei . - Aishy estou cansada .

 

-Ah vamos . Tem umas coisas lá . - Pediu e eu concordei .

 

-Só um pouco .

 

Fomos andando até o tal parque , o clima estava quente e o céu estava até que estrelado . Assim que adentramos no local cheio de árvores avistei várias pessoas andando de patins e havia alguns meninos andando de skate .

 

-Sabia que eu sou o mestre no skate ? - Xiumin indagou .

 

-Sabe que eu sou a mestre no patins ? - Perguntei.

 

-Sério ? - Ele perguntou e eu confirmei .

 

-Depois vemos se a senhorita é boa mesmo , venha ver o meu show . - O garoto foi correndo até o grupinho de meninos .

 

-Xiumin ? - Puta merda , assim que me aproximei dos garotos um deles era Hobi . E os garotos que estavam de costas era Jungkook e Taehyung .

 

-Oi galera ! - Ele disse simpático cumprimentando todos . Bom se eu sair de fininho ninguém vai me ver já que se Hobi não me viu e os outros estavam de costas .

 

Ia saindo de perto até que … Sim repararam em mim .

 

-_______ ? - Yoongi aquele lindo perguntou e eu virei-me sem graça . Assim que os garotos bateram o olho em mim arregalaram os mesmos enquanto eu sorria quadrado .


 

-Olá ! - Sorri sem graça acenando .

 

-Estávamos terminando o trabalho na cafeteria aqui perto . - O ex “ the monio “ disse .

 

-Vem aqui . - Hobi me chamou e eu aproximei-me vendo que os cinco garotos olhavam-me .

 

-Sim ? - Perguntei para Hoseok o porquê dele ter chamado-me .

 

-Fique aqui conosco . - Disse e eu vou tentar negar gentilmente sem soar grossa .

 

-Ah . - Dei uma risada sem graça . - Preciso ir , estou cansada .

 

-Fique aqui será bom conversar com você . - Jungkook disse sínico .

 

COMO ELE CONSEGUE FINGIR QUE NÃO ACONTECEU NADA ?


 

-É fica aqui . - Yoongi outro cínico completou .

 

-Tá tudo bem . - Sorri sem graça ajeitando a mala em minhas costas .

 

-Quer uma água _______ ? - Taehyung perguntou .

 

-Pode ser . - Sorri .

 

-Iremos com você , queremos ir ao banheiro . - Hoseok olhou pervertido para Yoongi que o repreendeu mas logo seguiu o garoto . Xiumin não sei o que foi fazer mas acompanhou o Taehyung até a lanchonete .

 

Eita poxa !

 

Está eu e ele , ele e eu . Aqui sozinhos !

 

-Jungkook preciso falar com você . - Virei-me para ele .

 

-Sim . - Virou-se para mim com uma expressão não muito agradável .

 

-Aquele beijo .

 

-Não significou nada . - Disse ríspido para mim .

 

-Ah mas eu . - Baixei a cabeça .

 

-Ei , não estou sendo grosso com você . - Tocou em meu rosto e levantou o mesmo . - Apenas devemos esquecer tá ? Você tem seus objetivos e eu tenho os meus . - Sorriu soltando meu rosto . Logo em seguida Kim chegou .

 

-Aqui . - Estendeu-me a garrafa .

 

-Obrigada . - Agradeci .

 

-Vou indo tá ? _____ não se esqueça de aplicar as dicas . - Jungkook saiu rindo .

 

Bom pelo jeito aquele beijo foi só mais um beijo que ele deveria dar no travesseiro quando pequeno .

 

-Que dicas ? -Tae perguntou .


 

-Ah . - Sorri sem graça . - Eu não vou muito bem em matemática e ele deu algumas dicas para as regras que tem . - É essa matemática tem nome e sobrenome .

 

-Eu também não vou muito bem . - Concordou . - Gosto mais de história .

 

-Sério ? - Arregalei meus olhos , história é umas das coisas que mais amo nessa vida . - Eu também .

 

-Vejo que somos parecidos . - Deu um tapinha no meu ombro .

 

-Cadê Xiumin ? - Perguntei.

 

-Ah ele começou a conversar com um amigo dele . - Deu de ombros . - Do que mais você gosta?

 

Aí meu Deus , tá . Vamos agora relembrar todas as regras que Jeon me deu .

 

Dica 1 - Seja uma mulher chique mas que saiba fazer chocolate quente em casa .

Dica 2 - Goste de arte .

Dica 3 - Seja sempre educada e fofa . Mas também tenha uma personalidade sexy .

Dica 4 - Nunca deixe de dar atenção para ele . E não fale de outros garotos perto dele , isso irrita os

 

Tá qual dessas aplicar agora ?

 

-Eu gosto bastante de arte . - Disse e o garoto em minha frente ficou perplexo . Na realidade eu não conheço nada de arte .

 

-Sério ? - Um O formou-se em minha boca . - Poucas pessoas com a nossa idade são amantes da arte né ?

 

-Sim verdade .

 

-Você gosta ? - Perguntei ( não sei de nada meu povo ) .

 

-Amo .

 

-Somos almas gêmeas ? - Perguntei .

 

-Pelo o que parece sim . - Confirmou corando .


 

•••••••••••••


 

-Kai me escuta ! - Gritei na linha enquanto falava com meu amigo .

 

-Ah desculpa , minhas irmãs estão gritando aqui . - Pelo o que escutei parece que entrou num cômodo silencioso .

 

-Tenho uma coisa para lhe contar .

 

-Fale .

 

-Ele disse que o beijo não foi nada . - Disse e Kai soltou um barulho estranho pela boca .

 

-Ai esse menino é difícil .

 

-Eu sei , eu sei .

 

-O que você disse ?

 

-Eu ? - Deitei em minha cama fechando os olhos . - Meio que não disse nada .


 

-Fez certo . - Concluiu . - Mas agora que eu já sei lá a operação cupido , acho melhor tu aplicar as dicas que ele deu .

 

-Farei isso para esquecer o beijo . - Suspirei .

 

-Então comece já . - Falou tentando me motivar .

 

-Já fiz isso . Apliquei a dica dizendo que gosto de arte .

 

-E você gosta?

 

-Não sei responder a essa questão , apenas nunca me interessei .


 

-O que você está esperando para pesquisar sobre arte ?


 

•••••••••

 

-Vamos no karaokê depois da aula ?

 

-Que ?

 

-Ué vamos sair . - Baixou o olhar . - ______ ainda somos amigos não somos ? - Jungkook arregalou seus olhos .

 

-Sim . - Confirmei e ele sorriu .

 

-Pessoal estão dispensados hoje . - Yoona bateu suas mãos novamente e assim os alunos saíram correndo pela porta .

 

-Então qual você que ir ? - Jungkook perguntou .

 

-Não conheço muitos . - Saímos da escola conversando mas na verdade eu estava apenas com a cena de nosso beijo em minha mente .

 

Adentramos no ônibus que estava cheio e Jungkook deixou com que eu sentasse no banco vazio .

 

Tá isso foi muito fofo .

 

-Vinha aqui com meu primo quando era menor . - Jungkook disse olhando para o prédio iluminado mesmo estando claro , é que normalmente ligam as luzes quando já está escuro .

 

-Sala para dois . - Jeon pediu ao moço que entregou uma chavezinha .

 

Adentramos na salinha com um sofá e uma televisão .


 

-Vamos começar a cantoria ?


 

••••••••••••

 

-Qual música você quer agora ? - Perguntou após inúmeras músicas .

 

-Eu gosto de What is Love . - Disse e assim Jungkook achou a música .


 

Eu quero saber como ele pode ser tão doce como açúcar
Eu quero saber como é se sentir voando pelo céu
Eu quero saber, saber, saber, saber
O que é o amor? Como é sentir amor?
Eu quero saber como ele te faz sorrir o dia todo
Eu quero saber como o mundo todo fica tão bonito
Eu quero saber, saber, saber, saber
O que é o amor? Será que ele virá para mim algum dia?



 

-Olha digamos que foi bom . - Disse ele após a música terminar .


 

-Ah eu sou uma cantora nata ! - Aplaudi eu mesma . - Jungkook qual música você quer agora?


 

-Ei me chame de Kook .


 

-Está bem . - Sorri voltando o olhar para televisão .

 

-Eu quero . - Pensou um pouco . - Quero Want to Want me .

 

-Certo . - Cliquei na música em inglês e sua voz é tão suave e doce .



 

Garota, você é a única que eu quero que me queira
E se você me quiser, garota, você me tem
Não há nada que eu, que não faria, eu não faria
Para acordar ao seu lado

 


 

••••••••••••

 

-Qual foi o melhor cover ? - Perguntei enquanto andávamos pela rua do nosso bairro .


 

-Na minha opinião o seu What is love foi bom mas eu acho que supero . - Disse convencido .


 

-Aham . - Comecei a rir .

 

Andávamos pela rua de casas grandes e iluminadas até Jungkook quebrar o silêncio .

 

-Já pensou em qual faculdade irá se formar ? - Perguntou .

 

-Ah , gosto muito de fotografia .

 

-É legal mesmo . - Respondeu

 

-E você pretende fazer qual ? - Perguntei para ele que ficou meio quieto .

 

-Sempre quis fazer uma faculdade onde eles dão bolsas para atletas , mas infelizmente eu não passei . - Disse com o olhar baixo .

 

-Sinto muito .

 

-Ah tudo bem . - Deu uma risada meio amarga .

 

-Recebi uma proposta para virar lutador de boxe .

 

-Que ? - Até parei de andar , Jungkook lutando ? Essa deve ser boa .

 

-É ué . Meu tio tem uma academia e aí ele me chamou para se eu quiser começar a treinar . Mas aí eu teria que deixar o basquete .


 

-O que você pretende fazer ?


 

-Acho que vou partir para a luta , sempre gostei disso e posso me dar bem . Meu tio disse que sou forte e se me esforçar terei um bom futuro nisso .

 

-Que bom . - Conclui após chegarmos na casa dele .


 

-Cupido é … Você quer entrar ? - Assim que perguntou arregalei meus olhos .

 

-Que ? - Perguntei enquanto ele parecia meio incomodado .

 

-Vamos , minha mãe queria ver quem é a Cupido de quem eu falei uma vez . - Respondeu .

 

Aí meu Deus do céu , isso já está meio estranho . Isso sempre foi estranho desde o momento em que ele me beijou .

 

-Fico preocupada quando a família de um menino pede para me conhecer . - Disse e ele sorriu .

 

-Então , vamos entrar ? - Perguntou ainda com um certo receio decidi entrar .

 

Assim que adentrei pude ver tudo muito organizado e limpo . Uma casa grande e iluminada com variados objetos de vidro .

 

-Omma eu trouxe ela . - Jungkook trancou a porta e avisou sua mãe que saiu de uma porta com um pano de prato em mãos .

 

A senhora de cabelos pretos e curtos com um óculos saiu da cozinha sorridente .

 

-Oh olá querida ! - Abriu seus braços para mim e eu retribui com um abraço .


 

-Oi . - Respondi ainda meio tímida e pude ver Jungkook olhando a cena com um sorriso .


 

-Você então é a famosa _______ ! - Ela deixou de abraçar-me . - Estrangeira bonita . - Concluiu olhando para mim .

 

-Obrigada .

 

-Filho vá deixar suas coisas lá em cima enquanto eu termino o jantar para nós três .

 

-Eu não sei se posso jantar aqui . - Sorri quadrado.

 

-Pode sim , faço questão . Pode ir lá filho .

 

Jungkook apenas obedeceu a senhora que estava muito contente .

 

-Vem aqui vamos conversar. - Ela puxou-me para dentro da casa e eu ainda estava um tanto assustada com tudo isso .

 

-Sim . - Sorri e ela olhou para os lados .


 

-Quantos anos você tem ? - Ela perguntou .


 

-Tenho 16 irei fazer 17 daqui alguns meses .


 

-Ah sim , então você é a Noona do Jungkook ?


 

Apenas arregalei meus olhos e tossi de desespero.



 

-Jeon está gostando de uma garota , mas ele não quer me contar quem é . - Ela cruzou os braços . -Vi que ele conversava com o Yoongi que é um dos melhores amigo dele e aí ele dizia “ acho que estou gostando dela , mas não posso “ .


 

-Bom eu não saberia responder para a senhora já que eu e ele não somos da mesma sala e tem muitas garotas bonitas na escola . - A mãe do JK abriu um panelão de sopa mexendo e o cheiro estava ótimo .

 

-Seria você ? - Aí meu Deus do céu , tia não me ilude não.  Já basta as fanfics que eu leio .

 

-Não imagina , puff ! - Comecei a rir descontrolada.

 

Eu … estaria apaixonada por Jeon Jungkook ?

 

É possível se apaixonar apenas com um beijo ? Será que eu sou tão carente assim ?

 

-Senhora Jeon . - Chamei ela que estava concentrada em sua panela . - É possível se apaixonar apenas com um beijo ?

 

-Mas é claro meu bem , nosso coração é algo muito complicado e que gosta de nos confundir às vezes . Mas sim é possível sim .

 

Aí puta merda , era o que eu menos queria ouvir agora .

 

-Entendi . - Comecei a olhar para o chão . - O Kook tem falado de mim ? - Indaguei e ela confirmou .

 

-Sim , sim . - Deixou uma colher na pia . - Ele diz que tem uma garota que mora na nossa rua e ela é “ incrível “ . Pedi para que ele trouxesse então essa moça aqui para eu conhecer .

 

-Ah muito obrigada pelo convite .

 

-Por nada querida , você pode ir chamar Jeon lá no quarto dele por favor ?

 

Assenti saindo da cozinha e subindo aquelas escadas de vidro super elegantes . Assim que cheguei no corredor deparei-me com várias portas e havia uma que estava escrito “ JK “ .


 

Uau mas de quem será né ?

 

Bati na mesma duas vezes sem obter respostas . Decidi entrar vai que o menino morreu .

 

Assim que abri a mesma pude dar de cara com nada mais nada menos que seu abs de fora . Gente , vocês não estão entendendo, eu tenho uma tara por isso .


 

-Aí meu Deus desculpa . - Continuei olhando para o corpo do menino que sorria e colocava sua blusa .

 

-Vai ficar olhando ? - Indagou brincalhão .

 

-Não , não . - Tapei os olhos com a mão . - Sua mãe está chamando para comer .

 

-Estou indo . - Ainda sem conseguir raciocinar sai do quarto desnorteada .

 

Esse plano só está servindo para confundir minha cabeça em relação aos sentimentos.

 

Desci as escadas quase tropeçando e assim que cheguei na sala de jantar havia três lugares na mesa com um prato de sopa lindo .

 

-Uau deve estar muito bom . - Disse e a senhora simpática concordou .

 

-Cheguei . - Jungkook ditou descendo as escadas . Aí meu Deus esse menino me coloca uma regata … Esconde esses braços de mim !

 

-Podem comer crianças . - Disse e assim ataquei a sopa de carne que estava uma delícia .

 

-Uau está muito bom . - Sorri e ela devolveu meu ato enquanto Jungkook comia em silêncio .

 

Comíamos em silêncio até a mãe dele começar a puxar conversa comigo .

 

-Namora ______ ? - Ela perguntou e eu deixei de comer .

 

-Não senhora . - Respondi bebendo um pouco da água .

 

-Tem pretendentes ?


 

-Não . - Na mesma hora corei e ela percebeu .


 

-Ah sei . Menina quando eu tinha sua idade , dava trabalho viu ? Busan inteira me conhecia .


 

-Imagino .  -Respondi .


 

-Gente . - A mãe dele chamou nossa atenção . - Vocês já se pegaram ?

 

Na mesma hora quase engasguei com a água e ele queimou sua língua .

 

-Falei besteira ? É assim que os jovens falam né ? Se “ pegar “ .


 

-Omma está nos deixando constrangidos . - Jungkook disse .


 

-Só respondam . Sim ou não ?

 

-Não . -Eu disse .

 

-Sim . - Jungkook disse na mesma hora que eu .

 

-Quer dizer . - Tossi um pouco . - Sim .

 

-Não - Respondeu Jeon ao mesmo tempo que eu novamente .

 

-Viu ? Vocês se atrapalharam todo , estão namorando ?

 

-Omma por favor .

 

••••••••••••••

 

-Desculpe pela minha mãe . - Kook disse após me deixar em casa .

 

-Não tudo bem , mas … Você disse para ela daquilo .

 

-Ah eu estava nervoso . - Coçou sua nuca .

 

-Tudo bem , não significou nada mesmo . - Dei uma risada amarga , bem amarga mesmo e ele fez o mesmo .

 

-Bom até mais garota esperança . - Deu um tchau para mim e eu fiz o mesmo .

 

-Até mais Jeon Bonitão .  - Rimos e assim o garoto saiu pela rua .

 


Notas Finais


Gostaram??


me sigam 🔅 @lovechimchim76


- até mais - ✌🏻

- kisses - 💋


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...