História "Company" - Capítulo 48


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Justin Bieber
Visualizações 72
Palavras 1.154
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


. Resolvi botar um pouquinho de drama amores
. Não me matem ♡️

Capítulo 48 - "Eu te amo"


Califórnia 

Casa dos Bieber.. 

Dia seguinte.. 

Point of view Jasmine Klausner Pavanelli 

Acordei com uma leve dor de cabeça tentei me levantar mais Justin estava com seu braço e perna sobre mim até dei risada com cuidado o tirei de cima de mim e consegui levantar sem acordar ele e fui tomar banho após terminar me troquei colocando uma calça jeans e uma blusa de manga longa eu fui pro banheiro e comecei pentiar meu cabelo quando comecei sentir uma dor de cabeça forte mais forte ate que a de ontem, me apoiei na pia do banheiro e respirei fundo varias vezes e abri a porta avistando meu remédio no criado mudo ao lado do Justin que ainda dormia eu tentei dar mais um passo mais doeu ainda mais me fazendo gritar.. 

-Ahhhhhhhhhhh. 

Só consegui ver Justin levantar depois apaguei; Quando acordei uma luz clara e forte quase me cegou tentei me mexer mais senti algo no meu braço olhei e eu estava tomando soro deduzi estar no hospital respirei fundo mais uma vez e a porta do quarto foi aberta e um homem de jaleco branco entrou era o médico.. 

-Sou o doutor Jacob, como se sente? 

-Bem; o que aconteceu? 

-Voce foi trazida aqui desacordada pelo que soube a dois anos atras voce teve um traumatismo craniano ao qual fez você perder a memória. 

-Sim isso é verdade, depois desse dia venho tendo dores de cabeça constante foi até receitado pra mim um remédio pra isso, mais ultimamente essas dores tem vindo agudas e bem mais fortes. 

-E com essas dores o que acontece? 

-Eu me sinto cansada e fraca parecendo que vou desmaiar mais junto delas vem alguns flashbacks que acho ser lembranças. 

-Acha que sua memória esta voltando? 

-Sim eu acho doutor. 

-Ok eu vou pedir uma ressonância pra podermos ver se tem alguma lesão ou algo do tipo. 

-Esta bem; o Justin Bieber esta ai? 

-Sim esta lá fora. 

-Posso ver ele? 

-Após os exames você vai poder receber as visitas. 

Apenas assenti e logo eu estava sendo levada pra fazer os exames demorou horas pra me levarem de volta pro quarto e eu poder receber visitas, eu estava ansiosa queria ver o Justin e pedir desculpa pelo susto; quando a porta abriu e ele entrou meu coração aqueceu na hora.. 

-Oi como se sente?_pegou na minha mão_Eu levei um baita susto. 

-Me desculpe. 

-Não precisa se desculpar, como você ta? 

-Cansada e quero ir embora daqui. 

-Assim que os seus exames estiverem prontos e o médico liberar a gente vai embora. 

-Você me trouxe sozinho? 

-Meu pai veio comigo. 

-Você falou com a Selena? 

-Tentei mais ela não atende. 

-Não quero que você termine com ela assim do nada e pelo telefone, pense bem Justin pra não magoar ela ou fazer a escolha errada trocando o certo pelo duvidoso. 

-E você se classifica como o duvidoso? 

-Mais ou menos isso. 

-Sabe que isso é bobeira né? 

-Sim eu sei que talvez seja. 

Fomos interrompidos pelo médico que voltou com Jeremy e meus exames nas mãos ele analisou por um bom tempo em silêncio me deixando nervosa ate que olhou pra mim... 

-E então doutor? 

-Como eu suspeitei_ele falou pra si mesmo_Voce esta com uma pequena bolha que esta crescendo e isso esta provocando suas dores de cabeça. 

-E isso tem como tirar? 

-Sim graças a medicina que vem avançando podemos fazer essa cirurgia pra retirar mais como todas cirurgias que fazemos essa também contem risco e se torna mais complicada por ser no cérebro. 

-Eu posso morrer? 

-É uma possibilidade devo admitir mais faremos o possível pra evitar. 

Justin apertava minha mão com força e eu sentia o suor gelado de suas mãos ele estava nervoso ate assustado eu diria, eu tinha que tomar uma decisão e ja sabia qual... 

-Quando podemos fazer essa cirurgia? 

-Quanto antes melhor. 

-Pode preparar tudo doutor quero fazer essa cirurgia ainda essa noite. 

-NÃO_Justin gritou_Jas você não pode fazer isso por favor. 

-Doutor por favor prepare tudo_ele assentiu e saiu do quarto entao olhei pro pai do Justin_Jeremy tente localizar minha mãe pelo telefone e me passa a ligação. 

Ele saiu após assenti agora estavamos somente eu e Justin que virou pra me olhar e ele estava chorando.. 

-Por que esta fazendo isso comigo Jas? Eu te amo, tivemos uma noite maravilhosa nós fizemos amor e dormimos juntos, você não pode fazer isso se sujeitar essa cirurgia pra quem sabe morrer. 

-Eu não vou morrer Justin. 

-Você não sabe Jasmine não tem como ter certeza de que vai sair viva eu não quero ti perder. 

-E não vai confia em mim, eu vou voltar pra você Justin. 

-Como pode ter certeza? 

-Porque eu te amo e eu sempre vou voltar pra você. 

-Não faz isso por favor. 

-Eu preciso Justin tenho que aproveitar que ainda tenho tempo. 

-Não eu não vou aceitar isso se você quer morrer ótimo mais não me peça pra ficar aqui e ver você me deixar. 

-Justin por favor não faz isso. 

-Você decide Jasmine Klausner, ou desiste dessa cirurgia ou me esquece. 

-Não posso desistir. 

-Adeus_ele me beijou_eu te amo Jas e sempre vou amar mais não posso ficar aqui pra ver você se matar. 

Dito isso ele saiu do quarto e eu deixei algumas lagrimas escapar logo Jeremy apareceu e me entregou o celular dizendo que minha mãe estava na linha.. 

-Mãe? 

-Fala logo garota não tô afim de falar com você. 

-Você só precisa escutar; mãe daqui a algumas horas estarei em uma cama onde estarao fazendo uma cirurgia no meu cérebro e talvez eu não sobreviva, eu estou tentando ser positiva mais não vou me enganar sei dos riscos e por isso preciso falar antes que seja tarde demais; mãe eu te amo muito e por te amar eu peço perdão por ter dado tanto trabalho pra você me perdõe por não ter sido a filha que você queria e acima de tudo me perdoa por ter matado o homem que você amava eu devia ter feito qualquer outra coisa menos assassinar o homem que você amava sinto muito mãe por ter acabado com sua felicidade por tantos anos espero que um dia você consiga me perdoar eu te amo nunca se esqueça disso sinto muito mãe espero que isso não se torne um adeus, te amo.. 

-Jasmine. 

-Sinto muito. 

Dito isso eu encerrei a ligação e entreguei o aparelho pro Jeremy que me abraçou e me deixou molhar sua camisa com minhas lagrimas pedi pra ele ir atrás do Justin assim que eu entrasse pra sala de cirurgia e ele concordou em fazer isso, horas depois eu ja estava pronta e eles vieram me buscar e então me levaram pra sala onde fui dopada e fui apagando aos poucos e na minha cabeça só se passava minha noite com Justin onde eu senti que eu era dele e que ele sempre seria meu.. 


Notas Finais


. Eu chorei escrevendo amores
. Ta pequeno porque quis deixar o ponto de vista do Justin pra ser sozinho
♡️♡️♡️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...