História Complicated Love - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Shawn Mendes
Personagens Personagens Originais, Shawn Mendes
Tags Crystal Reed, Harry Styles, Magcon, Shawn Mendes
Visualizações 34
Palavras 2.982
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Esse daqui foi bem grandinho
Espero que gostem :)

Teffy Xxx

Capítulo 2 - Capítulo Dois - New school, New friends


Acordo com o despertador do meu celular tocando, uma das coisas que eu mais odeio na vida é "acorda cedo", o merda, levanto-me decidida a ir tomar banho, chegando no mesmo tomo um banho de 10min, saiu dele indo até meu guarda-roupa e vestindo minhas peças íntimas e vestindo após em seguida pego uma calça jeans preta de cintura alta e uma blusa branca de manga curta, coloco minha jaqueta preta e depois meu all star preto,penteio meu cabelo que estava ridículo após fazer ele se aquietar corro até o andar de baixo chegando a cozinha tropeço e quase caio.  

 - Menina cuidado - minha mãe diz tentando não rir do acontecimento.

   - Eu sei que você estar morrendo de vontade de rir - digo a ela apertando seu nariz, ela rir e me dá um leve empurram no ombro, riu e sento-me na mesa ela entrega-me um prato com panqueca com caldo por cima, depois me da uma xícara de café.

  - Obrigada mãe  - falo após ela sair da cozinha.  Uau aquilo estava realmente bom, termino e deixo o prato e a xícara no lava-louça e saiu dali, vou até meu quarto e pego minha mochila descendo novamente. 

 Encontro minha mãe e meu pai na sala.   

 - Vou indo - digo a eles que vinham em minha direção e me  abraçando, me afasto deles e sorriu.

   - Tem certeza que aprendeu direitinho o caminho? - pergunta Damon também mas conhecido por meu pai em um tom preocupado.

   - Tenho pai, não deve ser tão difícil chegar la pelo o que senhor me disse, ainda me lembro perfeitamente - digo a ele e após mais um abraço abro a porta e saiu de casa caminhando pela calçada de cabeça baixa só que levanto a mesma ao sentir água em mim  vejo um carro rosa cheio de meninas dentro do mesmo  e a que estava a dirigir rir junto das outras de mim, ela olha para mim e pisca o olho acelerando novamente e saindo de minha visão, respiro fundo e tento contar até 3 mas não deu certo.

   - Porra - xingo irritada, a sorte é que a água da poça pegou apenas na minha calça e um pouco em meu rosto o bom da jaqueta é que ela protegeu a blusa branca, aquela vadia de merda,que ódio, filha da ****, ok parei. 

 Ando mas alguns minutos até avistar um edifício enorme onde era da cor beje, e a grama que havia após o portão grande enorme havia vários alunos, todos claro de roupas normais, entro pelo portão recebendo olhares de algumas pessoas, mas não me importo, quero mesmo é que elas vão tomar bem no meio de seus **, estou xingando muito hahaha. Ando mais até finalmente entrar dentro da escola, andando pelos corredores, alguns alunos me olhavam, nossa odeio ser o centro das atenções, entro em uma sala vendo que era a secretária, uma mulher logo me vem atender. 

  - O que deseja anjo?  - pergunta ela, ok ela foi simpática também vou ser, por que sou do tipo de que, se a pessoa é simpática comigo eu também sou, menos que eu vá com sua cara e se ela for idiota e arrogante comigo também serei duas vezes mais.

   - É que sou nova e...  - falo mas ela interrompe-me.

   - Ah sim você deve ser a adorável Sthefany  - ela diz e eu aceno, riu baixo, Sthefany eu sou mas agora adorável eu já não sei.

 - Bom venha comigo - diz ela, acompanho ela e ela tira de uma gaveta duas folhas, pego nas mesma e lhe olho. 

  - Essa folha é a do seu armário onde está seus livros e tudo mais, e está são os horários das aulas -  fala ela apontando para cada folha, aceno e sorriu para ela. 

 - Obrigada - falo e ela estende a mão para mim, aperto a mesma. 

  - Prazer sou a Elli, a diretora, estou muito feliz em te ter aqui - ela fala eu apenas sorriu. 

   - O prazer é todo meu  - após eu falar isso o sinal toca, dou-lhe um último aceno e logo vou na direção do meu armário e depois de colocar a senha abro ele e tiro de la uns livros pois não usaria todos hoje, guardo o horário e começo a andar pelo corredor e vou a procura de minha sala, até que enfim encontrei, bato na porta, droga odeio chegar antes do professor pelo motivo de também muitos alunos estarem na sala, escuto um "entre", abro a porta devagar colocando meu corpo para dentro do mesmo,todas as cabeças que estavam ali viram-se para mim deixando-me desconfortável, ja disse que não gosto de ser o centro das atrações? pois é já.

- É a novata certo? - a professora que estava a uma certa distância, pergunta para mim, apenas aceno que sim, ela sorri. 


  - Venha até aqui querida - ela fala, reviro os olhos mentalmente, ando até ela de cabeça baixa, eu praticamente ainda não olhei para ninguém ali além da professora estou realmente nervosa, porra odeio esse friozinho na barriga. 

   - Apresente-se por favor a turma - ela fala e eu amaldiçoou-a por isso.   Respiro fundo. 

  - Chamo-me Sthefany e tenho 16 anos, e venho de Los Angeles - falo ainda de cabeça baixa.

   - Tá com medo do que em ridícula? - ouço uma voz feminina, decido por vez levantar a  cabeça e vê quem foi a cabra, mas também escuto risos. 

  - Ashley pare com seus comentários idiotas - fala a professora em um tom irritado e sério, vou até um lugar vago e sento-me. Uma menina vira para trás.

   - Prazer, Caroline - diz ela estendo a mão para mim e com um sorriso nos lábios.

   - Ah.. prazer - digo um pouco envergonhada. 

   - Caroline vire para frente por favor  - ouço a voz da professora a falar para a menina a minha frente, ela revira os olhos e vira-se para frente.   Ótimo, mal chego aqui e ja sou odiada, valeu mãe e pai.

 Sinto uma bolinha de papel em minha cabeça, não olho para trás fico a presta atenção na explicação da professora, sinto outro bolinha, OK isso já está sendo irritante, viro-me para trás e olho a mesma garota do carro rosa a sorri para mim, ela tinha cabelo loiros e lábios carnudos, seus olhos era em um verde, ela usava muita maquiagem, sua roupa era mínima , uma saia muito curta jeans e uma blusinha rosa onde aparecia sua barriga, o sinal bate indicando que outro professor(a) entraria, a professora Karla que agora pouco estava aqui se despedi de todos e sai. Um professor entra na sala e MEU DEUS que homem é aquele, com certeza um deus grego, ele tinha músculos definidos, um topete em seu cabelo totalmente preto, seus olhos eram um castanho escuro.  

   - Bom dia turma - diz ele com um sorriso nos lábios e a frente de todos, todos respondem em sincronia, ele passa seus olhos por toda a sala até parar em mim. 

   - Uau, parece que temos uma aluna nova  - ele fala se aproximando de mim.

 - Prazer me chamo Zayn e você linda? - ele pergunta pegando minha mão e beijando a mesma, arregalo meus olhos. Estava nervosa, muito nervosa.

  - M-me chamo S-sthefany - merda eu tinha que gaguejar?, ele sorri aparecendo seus dentes brancos, dou-lhe um sorriso tímido, ele vai até a frente da sala. 

   - Bom Sthefany eu sou professor de biologia, e estou muito feliz em te ter aqui  - ele diz olhando diretamente para mim.

   - Parece que so o senhor prof  - diz a cadela que estava lá no fundo que chama-se Ashley. 

    - Ashley por favor, cale a boca, você estaria fazendo um favor a nós - o professor diz duro a ela, ela fecha o sorriso que tinha e manda-me um olhar mortal, tanto resiste a vontade de rir muito de sua cara.  

 Ele logo começa a explicar tudo que tínhamos que aprender, ele passa uma atividade no quadro, escrevo tudo e respondo com facilidade, me levanto e vou até ele, entrego-lhe o caderno e ele sorri corrigindo. 

 - Parabéns, parece que temos uma estudiosa aqui - ele fala rindo, faço o mesmo. 

 - Obrigada - falo e saiu dali indo até meu lugar.  A garota chamada Caroline vira-se para mim novamente. 

   - Eu sei ele é lindo - ela diz com um sorriso, riu dela. 

   - Bom, não posso negar  - digo a ela olhando para ele que corrigia outro caderno.  

 Ela sorri e conversamos um pouco, o sinal bate indicando que era a hora do recreio, guardo minhas coisas dentro da mochila. 

  - Vamos? - diz Caroline, aceno e assim saímos. 

  - Uau então é de Los Angeles? que chique menina - ela fala e eu riu. 

  - Pois é ne - falo e andamos mais um pouco, pegamos nossos lanches e caminho atrás dela, sentamo-nos em uma mesa vazia e afastada e agradeço a ela por isso. 

   - Hey, quem é aquela menina ali? - pergunto a ela me referindo a Ashley, ela revira os olhos.

   - Essa idiota é a Ashley, ela é capitã do time de torcida da escola - ela fala com nojo da cara da mesma, olho para trás novamnete, ela estava sentada no colo de um garoto que eu conhecia, esse era o garoto onde eu tinha fechado a cortina na cara, riu um pouco, ele me nota e eu logo viro-me para frente, um garoto se aproxima de nos.

   - Oiiiiiiiii - ele diz  cantarolando e se sentando ao lado da Caroline. 

  - Oi tapado - ela fala a ele sorrindo.

   - Com quem tá aprendendo essas palavras em? Posso saber? - ele pergunta sério, riu um pouco. 

   - Cala a boca, Nash essa daqui é a Sthefany, ela é nova aqui - Line fala a ele que me olhava com seus olhos azuis claros, caramba que lindos, ele sorriu e logo veio ao meu lado e deu-me um abraço, fiquei meio sem jeito. 


   - Prazer Nash conhecido como o homem mais perfeito do mundo, com certeza ja ouviu falar de mim - ele diz olhando para cima com cara de convencido, riu.

   - Desculpe senhor Nash mas não, nunca ouvi falar de você -  digo e Line rir, fazendo ele colocar a mão no peito como forma de drama e que eu o afetei. 

  - Essa doeu até na alma, nossa - ele diz, má logo todos nós rimos, outro menino de cabelo castanho e em um topete chega.

   - Do que estão rindo em? - pergunta ele sentando ao meu lado, ok estou desconfortável agora, um menino de cada lado?. 

   - Cameron... por que está aqui? -  pergunta a Line meio sem jeito.

   - Sou amigo de vocês então achei que pudesse, mas se quiser eu vou embora - diz ele já se levantando. 

  - Não! - diz ela e ele logo para seus movimentos e se senta novamente. 

 - Era só por que, você não estava mais sentando aqui que nem o Shawn, então, não sei... - diz ela e da um sorrisinho.

   - Quem é Shawn? - pergunto e todos viram seus rostos para mim, riu um pouco com aquilo.

   - Shawn é aquele que está ali, com a Ashley encima de seu colo -  Nash fala apontando apenas com a cabeça para onde ele estava. Vejo o garoto que eu fechei a cortina na cara dele, então ele chama-se Shawn, pois é, o mundo é pequeno mesmo, pensei realmente que não o viria mais, engano meu não é mesmo? 

   - Vou pegar algo para comer, querem que eu traga alguma coisa pra vocês? - pergunta o Nash. 

   - Eu quero só um suco de laranja, e vocês? -  Line diz, penso um pouco mas logo falo. 

   - Vou querer apenas um sanduíche -  Nash sorrir e quando vai saindo o Cameron chama ele. 

  - EU QUERO UM SUCO - grita ele, Nash sorrir irônico.

   - Se quer vem pegar - Nash diz e sai, Cameron faz biquinho o que faz eu rir. Ele olha para mim e sorri. 

   - Odeio ele - Cameron fala e sai indo pegar seu lanche. 

  Caroline vê Cameron sair dali, franzo os olhos, olho para ela e depois para Cameron, opa, pera pera pera.

   - Não acredito!  - digo alto fazendo a Line me encarar. 

   - Que foi garota? - pergunta ela curiosa, e com uma das mãos no coração.

   - Você gosta do Cameron - falo rindo, ela arregala os olhos e rir nervosa. 

   - De onde você tirou isso? ta louca? só pode -  diz ela em meio o riso. 

   - A não vem que não tem, da de perceber isso a quilômetros de distância, o jeito que você olha para ele -  digo, ela aos poucos vai parando de sorrir, e fica séria, a mesma me encara.

   - Tá tão na cara assim? -  disse ela com um sorriso torto nos lábios, sorriu fraco e coloco minha mão encima da sua.

  - Ta sim querida afirmo. - Os meninos começam a se aproximar, Line faz um sinal indicando que conversaremos depois sobre esse assunto, aceno que sim e logo os meninos sentam-se.

  - Prontinho, aqui está seu suco Line, e aqui está seu sanduíche Fanny -  diz Nash nos entregando, olho para ele depois que ele disse meu nome. 

   - Que apelido é esse? -  pergunto rindo. 

 - Eu acabei de criar, não é fofo? -  diz ele sorridente, balanço a cabeça rindo e dou uma dentada no meu sanduíche que a propósito está divino, não comi muito no café da manhã, então estou morta de fome agora. 

 - Sabe, vocês tem sorte que simpatizei com vocês-  digo olhando para meu sanduíche e mordendo ele novamente. 

   - A é? por que? - Caroline pergunta erguendo as sobrancelhas e sorrindo de lado, Nash e Cameron me encaram.

   - Digamos que sou difícil de começar a falar com pessoas de cara, me entendi? - digo roubando um gole do suco do Cameron.

  - Oh sim, entendo - Line diz, e rir da minha atitude com Cameron, o mesmo me olha indignado, mas logo a seguir sorrir e pega um pedaço do meu sanduíche. 

 - Hey - digo alto e rindo. 

  - Hey digo eu mocinha - Cameron fala e continua a beber seu suco com cara de convencido.

   - Sthefany meu amor, me dá um abraço aqui já que acabamos de virar amigos -  Nash fala me abraçando forçado e tomando de mim meu sanduíche. Ele gargalha e se levanta rápido quando tento tomar dele. 

   - Não tem graça Nash - digo com as mãos na cintura, algumas pessoas olhavam para nós, mas eu não tava nem ai. 

   - Você quer mesmo este sanduíche? - diz ele rindo da minha cara e se movendo de um lado para o outro quando tento pegar. 

 - Claro que quero -  digo e junto às mãos. 

 - Nash pelo amor de Deus, estamos brincando com comida, isto é um caso muito sério-  digo lhe implorando, ele para de se mexer e fica sério olhando para o chão, e depois olha para mim. 

   - Tem razão, toma - ele devolve-me. 

 - Obrigada - digo rindo, sento-me de volta e conversamos mais um pouco, até o sinal tocar. 

  - Vocês tem aula de que? - Cameron pergunta se levantando. 

   - Eu tenho de História -  diz Caroline.

  - Eu tenho de Biologia - agora foi a vez do Nash, todos olham para mim, enquanto tento encontrar meu papel de horário, ele cruzam os braços e sorriam de lado enquanto me observam, olho para os mesmos e sorriu fraco.

   - Eu meio que deixei meu horário no armário, eu vou la pegar - digo e vou saindo. 

 - Não quer que vamos juntos com você? - Line pergunta. 

   - Melhor não, não quero que se atrasem, seja lá qual for minha aula, talvez eu caia em alguma sala de vocês, tchau - digo rápido e saiu andando so escuto um "ta bom".

 Do jeito que eu sou lerda nem me toquei que depois precisaria do horário para saber as próximas aulas, sou tonta mesmo. Ando rápido até finalmente encontrar meu armário, abro o mesmo e procuro o horário, por fim o encontro, suspiro de alívio e fecho meu armário olhando para o papel vendo que vou ter aula de química, o corredor estava vazio, quando olho para outro lado vejo algo totalmente nojento, o tal de Shawn e a Ashley se beijando, sério até parece que vão comer um ao outro, eu mereço mesmo, Shawn a prendia na parede, não sou obrigada a ver isto, saiu dali procurando minha sala, por fim encontro e faço tudo que fiz nas duas últimas aulas, me apresento e sento la no final da sala sozinha, as cadeiras era para duas pessoas, e como cheguei atrasada sentei sozinha o que não é ruim e para minha infelicidade nenhum dos meninos estavam nesta aula e nem a Line, falando sério, gostei mesmo de conhece-los, são ótimas pessoas, e principalmente são engraçados. 

O professor da início a aula, mas é interrompido por uma batida na porta, Shawn entra e fecha a porta. 

  - Desculpe pelo atraso professor - diz ele ao professor que o olhava sério.

   - Dessa vez passa Sr.Mendes, que não se repita mais - o professor fala severo, Shawn acena que sim, mas quando olha para frente não vê nenhum lugar vago. 

  - Shawn meu querido, vai ficar em pé até o final do ano? Ande, sente ao lado da Sra.Brooken -  o professor diz ao Shawn, o mesmo olha para mim e revira os olhos, faço o mesmo e afasto minha cadeira da dele quando o mesmo se senta ao meu lado. 

 To vendo que a aula vai ser bem longa e cansativa...... 


Notas Finais


comentam e favoritem se gostarem !


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...