História Confusão de sentimentos - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Sentimentos
Visualizações 6
Palavras 385
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Lírica

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Sentimentos?Quem precisa deles?


Fanfic / Fanfiction Confusão de sentimentos - Capítulo 1 - Sentimentos?Quem precisa deles?

  Bom, não sei quando comecei a pensar assim, mas sentimentos são realmente desnecessários.

 Não me leve à mal, por favor não me chame de mal-amada, eu apenas tenho esse pensamento há mais tempo do que eu poderia lembrar. Sentimentos são tão confusos e para alguém que sempre sonhou em entender tudo sobre a vida, definitivamente entrar numa confusão da qual nunca se sabe quando terá fim não parece algo atraente.

 Mas é claro, eu não pude evitar de sentir esses sentimentos, mas ao invés de aproveitar e sentir cada um deles eu fui apenas os escondendo mais e mais, talvez assim não precisasse lidar com isso tão cedo, na melhor das hipóteses nunca lidaria na verdade. Porém acredito que no momento que pensei isso a vida riu da minha cara.

 Você simplesmente chegou na minha vida e a virou de cabeça pra baixo, no dia que percebi isso eu te odiei.

 Odiei o seu cabelo tão lindo.

 Odiei o seu sorriso idiota.

 Odiei o fato de você me ler tão bem.

 E odiei mais ainda saber que não odiava você.

 Cada sentimentos que eu lutei para esconder veio à tona e mais forte do que nunca, eu não sabia lidar com nenhum deles, pois nunca tinha os experimentado, e ao cair a ficha eu nunca odiei tanto o meu eu do passado. Como pude ser tão idiota? Ah por favor, temer sentimentos e apenas os deixar de lado? No que eu havia me tornado? Alguém que vê algo diferente e foge por não compreender? Eu era melhor que isso!

 Então eu tentei entender esses sentimentos um por um, mas parecia não adiantar em nada, quando eu focava em só um, aparecia mais 500 pra me atormentar. Eu já sentia que isso não me levaria em nada, e bem, não levou mesmo.

 Eu continuo sendo um furacão de sentimentos, todos tão fortes e intensos que parecem varrer qualquer outro pensamento da minha mente, não me incomoda não entender o que sinto, pelo menos, na maior parte do tempo...

 Não sei se gosto de você, se comecei a te odiar, apenas não sinto nada por você, e aquele sentimento ficou no passado. Pelo menos eu espero que fique e que nunca mais volte.

 Talvez eu tenha começado a entender um pouco mais quem eu sou.

É, talvez...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...