1. Spirit Fanfics >
  2. Confusão sentimental >
  3. Ep: 10

História Confusão sentimental - Capítulo 10


Escrita por:


Capítulo 10 - Ep: 10



No dia seguinte.

Dormir um pouco mal graças aquilo que aquele desgraçado do xiumin me falou.

Acordei meio indisposto para trabalhar tava com uma preguiça tão grande mais eu tenho que comer então fui para a empresa.

Peguei um café gelado e fui para a minha sala sem pensar muito nas coisas já que não tenho muita coisa para fazer.

Enquanto estava na minha sala ouvir alguém abrir deixei meu celular de lado e olhei para  ver quem estava na minha frente era o sehun.

S: e ai senhor baek.

Baek: oi né sehun bom dia.

S: bom dia.

Ele esta mais feliz do que o normal.

Baek: o que foi?

S: o luhan vai volta amanhã.

Ele esta saltitante de tanta alegria.

Baek: se acalme menino ele não passou muito tempo fora.

S: como assim?

Baek: eu to falando que ele só passou uma semana fora não dois anos fora.

S: mais foi o suficiente para eu sentir falta dele.

Baek: nossa que "fofo".

Disse em tom tipo to nem aí para isso.

S: ah para com isso baek.

Baek: UE eu apenas falei que é fofo nada demais.

Peguei meu celular e fingir que estava mexendo em qualquer coisa só para não presta atenção nele falando do luhan.

S: eu sei que você esta me ignorando senhor baekhyun.

Baek: e você percebeu isso agora nossa que gênio.

Ok eu estava com ciúmes e um pouquinho de raiva dele falando do luhan toda hora não dá mais.

Peguei meu café e sai deixando ele lá confuso.

S: o que aconteceu?

Ele foi atrás de mim mais não liguei até ele pegar na minha mão.

S: o que foi baek?

Baek: não é nada eu só tenho que ir ver o kai.

S: para?

Baek: não é da sua conta.

S: ta bom baek vai aprender a mentir melhor por que ta ruim.

Baek: por que eu iria mentir?

S: não sei talvez ciúmes.

Baek: ciúmes eu com ciúmes de você.

Virei meu rosto.

S: olha pelo menos nos meus olhos por favor baek.

Baek: eu não quero olha para você.

Ele pegou meu rosto e me fez olha para ele.

S: hum tá com ciúmes.

Baek: nada haver isso.

Mostrei a língua.

S: que isso baek você esta parecendo uma criança.

Baek: criança é você.

S: ciúmes do meu namorado baekhyun?

Não falei nada não queria da um tapa na cara dele.

S: você esta tão fofinho com vergonha.

Ele apertou minha bochecha.

Baek: hey para com isso não gosto disso.

Ele sorriu e se aproximou de mim essa aproximação dele é perigosa muito perigosa.

Baek: então eu tenho que ir ver o kai.

Ele me beija minha respiração parou meu coração acelerado.

"Já que depois ele vai falar que vou um impulso que ele não pode controlar então é melhor aproveitar o momento"

Peguei sua mão e o levei para uma sala.

Ele que começou tudo depois não venha reclamar comigo.

Antes mesmo dele tirar minhas roupas ja sentia um desejo por ele não consigo para de pensa que se o luhan souber disso ele vai me mata.

Mais no momento eu não vou ligar para isso já que ele tem consciência do que esta fazendo.

Tirei minhas roupas ele ficou me olhando e mordeu seus lábios.

Fui para mais perto dele.

Baek: você tem consciência do que esta fazendo?

S: não sei muito bem.

Começo um beijo intenso onde só nos separamos quando estávamos quase sem ar.

Estávamos nós olhando ele me perguntou se eu estava pronto falei que sim.

Baek: sehun...é que eu.

Parei de falar quando ele colocou seu membro sentir uma grande dor.

Pensei em pergunta se o sehun tinha tomado alguma coisa para o deixa grande mais fiquei com medo da resposta.

Ele tá indo bem devagar.

Baek: o senhorio pode ir mais rápido?

S: seu pedindo é uma ordem.

Ok agora tá rápido demais calma jogador.

Ele me falou que queria algo diferente.

Chegamos no ápice juntos.

Baek: oh sehun agora você não me venha com essa história de eu esta com ciúmes de você.

S: mais você esta com ciúmes admite logo que é melhor.

Baek: e o que isso tem haver? Você namora.

Como sempre tratarmos isso como um acidente que não deveria te acontecido.

Quando voltamos para a minha sala ele ficou cheio de piadinhas erradas.

Baek: olha a boca menino.

Traduzindo passamos o dia todo ele fazendo piadinhas sobre o que aconteceu.

Não posso nem dizer que não rir dessas piadas por que eu rir e muito mesmo.

Foi meio estranho a nossa "despedida" antes de ir para casa pensei em ir comer mais acabei desistindo dessa ideia quando percebi que tava muito cansado para isso.

Quando cheguei em casa fui direto para a cama e dormir rápido hoje.

No dia seguinte

Acordei um pouco tarde mais ainda não estava atrasado enquanto tomava meu banho ficava pensando sobre as coisas e sobre obviamente o sehun.

Ele não sai da minha cabeça nem por um minuto.

Escovei meus dentes e come uma coisa bem leve fui para a empresa.

Cheguei e vir o sehun falando com o kyungsoo.

Me deu uma vontade de ir ate la mais não eu não vou me presta a um papel desse fui para a minha ainda com raiva do sehun.

Enquanto estava sentado a minha Cardeira escuto a voz do sehun.

S: bom dia senhor baekhyun o que aconteceu?

Baek: nada eu apenas dormir demais.

S: sei como é.

Olhei para ele que logo entendeu a mensagem.

Ele mexeu a cabeça em sinal de sim.

eu não perdi muito so um café gelado.

Ele foi pegar e voltou rapidamente eu até me surpreendi com ele por isso.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...